Imprimir artigo
Teste dos Processadores Core i5-750 e Core i7-870
08/09/2009 às 14h29min por Gabriel Torres em Testes
289.622 visualizações
Página 1 de 13

Introdução

A Intel lançou hoje um novo soquete de processador chamado LGA1156 juntamente com um novo chipset, o P55. Os três primeiros processadores baseados nesta plataforma são o Core i5-750 (2,66 GHz), o Core i7-860 (2,80 GHz) e o Core i7-870 (2,93 GHz), todos baseados no novo núcleo “Lynnfield”. Nós tivemos a honra de receber uma amostra dos processadores Core i5-750 e Core i7-870 da Intel antes do lançamento oficial desses processadores e, portanto, compararemos esses processadores com outros da Intel..

Como você já deve saber, a Intel está adotando novos nomes para seus processadores. O Core i3 será a família voltada para micros simples, enquanto que a família Core i5 é voltada para micros intermediários e a família Core i7 é voltada para micros topo de linha. Os processadores Core i3 ainda não foram anunciados e o Core i5-750 que testaremos hoje será o primeiro processador Core i5 lançado.

Alguns processadores Core i7 baseados no núcleo “Bloomfield” já foram lançados (Core i7-920, Core i7-940, Core i7-950, Core i7-965 e Core i7-975), mas usando um soquete diferente, o LGA1336.

Os processadores Core i3, Core i5 e Core i7 têm um controlador de memória integrado, tal como os processadores AMD desde o primeiro Athlon 64 (lançados em 2003). O controlador de memória dos modelos lançados até agora suportam apenas memórias DDR3, com os processadores soquetes 1366 suportando configuração de três canais e os processadores soquete LGA1156 suportando configuração de dois canais. Esta é uma das diferenças entre o soquete LGA1156 e o soquete LGA1366. Desta forma, o soquete LGA1366 é voltado apenas para micros topo de linha.

Na configuração de dois canais, dois módulos de memória são acessados ao mesmo tempo. Isto dobra a largura de banda disponível comparado quando temos apenas um módulo de memória sendo acessado ao mesmo tempo (único canal). Portanto em micros usando a configuração de dois canais os módulos de memória devem ser instalados em pares para que o micro obtenha o desempenho máximo. Na arquitetura de três canais, três módulos de memória são acessados ao mesmo tempo, aumentando a largura de banda disponível em 50% comparada à configuração de dois canais trabalhando com o mesmo clock. Desta forma em micros usando o processador Core i7-9xx você deve instalar módulos de memória em múltiplos de três para obter o desempenho máximo que o processador pode fornecer.

Como você pode ver, é fácil dizer qual soquete um processador Core i7 é baseado. Modelos baseados no novo soquete LGA1156 começam com o número oito, enquanto que os modelos baseados no soquete LGA1366 começam com o número nove.

Outra diferença entre o Core i7 soquete LGA1366 e o novo Core i7 soquete LGA1156 e o Core i5 é que os processadores Core i7 já lançados (Core i7-920, Core i7-940, Core i7-950, Core i7-965 e Core i7-975) suportam oficialmente memórias DDR3 até DDR3-1066/PC3-8500, enquanto que os processadores baseados no novo soquete LGA1156 suportam memórias DDR3 até DDR3-1333/PC3-10600.

Nas fotos abaixo nós comparamos as diferenças físicas entre os soquetes 775, 1156 e 1366.

Teste dos Processadores Core i5-750 e Core i7-870
Figura 1: Processadores soquete LGA775, soquete LGA1156 e soquete LGA1366.

Teste dos Processadores Core i5-750 e Core i7-870
Figura 2: Processadores soquete LGA775, soquete LGA1156 e soquete LGA1366.

Teste dos Processadores Core i5-750 e Core i7-870
Figura 3: Soquete LGA775.

Teste dos Processadores Core i5-750 e Core i7-870
Figura 4: Soquete LGA1156.

Teste dos Processadores Core i5-750 e Core i7-870
Figura 5: Soquete LGA1366.

ARTIGOS RELACIONADOS
ÚLTIMOS ARTIGOS
440.936 usuários cadastrados
2.480 usuários on-line