Imprimir artigo
Teste da Fonte de Alimentação Braview ATX-700 de 300 W
11/12/2009 às 21h17min por Gabriel Torres em Testes
58.508 visualizações
Página 1 de 5

Introdução

Produto Bomba Clube do Hardware

Atualizado em 15/01/2010: Recebemos um e-mail da Receita Federal informando que eles apreenderam três containeres dessas fontes, graças a este nosso teste, mostrando que finalmente alguém está fazendo alguma coisa a respeito deste tipo de fraude..

As fontes de alimentação ATX-500 (230 W), ATX-550 (230 W), ATX-600 (250 W) e ATX-700 (300 W) da Braview são produtos remanufaturados, montados a partir de lixo tecnológico de países desenvolvidos, comprado a peso por empresas chinesas para a montagem de produtos destinados a países subdesenvolvidos.

Em princípio não há nada de errado em se vender ou comprar produtos remanufaturados. Por exemplo, várias pessoas compram pneus recauchutados (isto é, remanufaturados, fabricados a partir de um pneu usado com uma nova camada de borracha aplicada) ou “meia-vida” (usados). A diferença, no entanto, é que quando você compra um pneu recauchutado ou “meia-vida” você sabe o que está levando e não espera que o produto seja tão bom quanto um “zero quilômetro”.

O problema das fontes ATX-xxx da Braview é que elas são produtos usados, colocados dentro de uma carcaça nova e vendidos como se fossem produtos novos, zero quilômetro. Sinceramente, nunca vimos algo tão grave acontecendo em nosso mercado e só temos uma palavra para resumir o que a Braview está fazendo: fraude. Uma empresa que faz uma coisa dessas deveria ser duramente punida pelas autoridades.

Importante notar que até o momento só abrimos as fontes ATX-xxx da Braview; ainda estamos para analisar outras fontes deste fabricante (série DT e o modelo BTX LC-8500) para ver se eles são produtos novos ou se são também produtos remanufaturados.

O exterior das fontes ATX-xxx é sempre o mesmo, mas o que há dentro varia. Nós compramos duas amostras desta fonte e o interior era completamente diferente. A primeira amostra era uma fonte usada da FSP, enquanto que a segunda amostra era uma fonte usada da Dell (modelo DL-P1457F3, de 145 W). Nosso colaborador Daniel Barros comprou uma fonte dessas e dentro havia uma fonte usada da Samsung. Ou seja, três amostras, três produtos diferentes no interior. O desempenho dessas fontes variará enormemente de acordo com o que há dentro da carcaça e não há como sabermos de antemão o que é que há dentro da caixa.

Antes de expormos o interior desta fraude, vamos dar uma olhada em seu exterior. Em nenhum local há a informação de que se trata de um produto remanufaturado ou usado e a carcaça é nova, nos dando a impressão de ser um produto novo, recém fabricado.

Braview ATX-700
Figura 1: Fonte de alimentação Braview ATX-700 de 300 W.

Braview ATX-700
Figura 2: Fonte de alimentação Braview ATX-700 de 300 W.

Braview ATX-700
Figura 3: Etiqueta da Braview ATX-700 de 300 W.

ARTIGOS RELACIONADOS
ÚLTIMOS ARTIGOS
433.008 usuários cadastrados
447 usuários on-line