Imprimir artigo
Placa-Mãe Gigabyte MA78GM-S2H
12/11/2008 às 1h50min por Rafael Otto Coelho em Primeiras Impressões
70.576 visualizações
Página 2 de 5

Mais Detalhes

Analisando o circuito regulador de tensão (saiba mais em nosso tutorial Tudo o Que Você Precisa Saber Sobre o Circuito Regulador de Tensão da Placa-mãe), vemos que as bobinas são de ferrite e os capacitores são realmente sólidos de alumínio, além de ser um circuito regulador de quatro fases, o que é muito bom. A propósito, todos os outros capacitores eletrolíticos da placa-mãe são japoneses da marca Sanyo..

MA78GM-S2H
Figura 5: Regulador de tensão.

A MA78GM-S2H é dotada de quatro soquetes para módulos de memória, o que claramente a diferencia das placas-mães de baixo custo (que em geral têm apenas dois soquetes). Ela é compatível com memórias DDR2 de até 800 MHz ou 1.066 MHz, dependendo do processador, aceitando até 16 GB, além de ter acesso à memória em dois canais. Note, porém, que nos processadores AMD o controlador de memória é embutida no processador, portanto quem realmente define a compatibilidade de memória é o processador. Assim, caso você coloque nessa placa um processador Phenom, ele aceitará memórias de 1.066 MHz, mas um Sempron ou um Athlon X2 só reconhecerão até 800 MHz.

Próximo a esses soquetes há uma porta ATA-133, o conector para unidades de disquete e um conector para que você instale uma porta paralela (é necessária uma extensão, não fornecida), veja na Figura 6.

MA78GM-S2H
Figura 6: Soquetes de memória.

Proximo à ponte sul (que é resfriada por um pequeno dissipador passivo) podemos ver cinco portas SATA-300, que são capazes de trabalhar no modo RAID 0, RAID 1, RAID 10 ou JBOD. Nada mau, dificilmente um computador tipo HTPC vai precisar de mais do que isso.

A ponte sul RD700 suporta 12 portas USB e nessa placa-mãe apenas quatro estão localizadas no painel traseiro, o que é uma pena. As oito portas restantes estão disponíveis através de conectores que necessitam de adaptadores para serem usadas. Mesmo você instalando leitores de cartão de memória, as portas USB do gabinete, etc você ficará ainda com muitas portas USB sobrando. O ideal seria que a placa viesse com pelo menos seis portas USB no painel traseiro.

Os conectores para o painel do gabinete (botões de liga-desliga e reset, LEDs de ligado e de atividade do disco rígido, etc) não são coloridos mas são suficientemente bem indicados na serigrafia da placa.

MA78GM-S2H
Figura 7: Ponte sul, portas SATA e conectores das oito portas USB internas (duas portas por conector).

A MA78GM-S2H dispõe de dois slots PCI, um slot PCI Express x1 e um slot PCI Express x16, onde você pode instalar uma placa de vídeo "de verdade". Inclusive, se a placa de vídeo que você instalar for baseada em um chip ATI compatível com o modo "Hybrid CrossFire" você pode habilitá-lo para aumentar o desempenho em jogos. Neste modo o vídeo on-board funciona em paralelo com a placa de vídeo instalada, aumentando o desempenho, mas apenas algumas poucas placas bem simples são compatíveis com este modo. Veja o nosso tutorial SLI vs. CrossFire para uma lista de placas compatíveis.

Na Figura 8 você pode ver, além desses slots, o dissipador passivo (isto é, sem ventoinha) do chipset. Esse dissipador inclusive tem um recorte que permite a instalação correta de uma placa no slot PCI Express x1 ou uma placa de vídeo com dissipador também do lado traseiro. Infelizmente, esse dissipador trabalha extremamente quente no uso normal, a Gigabyte poderia ter caprichado e colocado um dissipador de melhor desempenho para que o chipset trabalhasse um pouco mais frio.

MA78GM-S2H
Figura 8: Slots de expansão.

Mas é no painel traseiro que a MA78GM-S2H mostra realmente que não é uma placa-mãe simples. Apesar de não possuir portas seriais e paralelas (elas existem na placa-mãe e podem ser utilizadas por meio de extensões, que você deve adquirir separadamente), esse painel possui outros recursos voltados a um computador do tipo "media center".

Ao lado dos conectores PS/2 de teclado e mouse, é possível ver três diferentes tipos de saída do vídeo on-board: uma VGA, uma DVI e uma HDMI (que inclui também sinal de áudio digital). Não é possível, porém, utilizar as três ao mesmo tempo, apenas duas delas. Esta é a primeira vez que vemos uma placa-mãe contendo essas três saídas ao mesmo tempo. Há também há uma saída SPDIF óptica (recurso imprescindível em um micro tipo "media center"), quatro portas USB 2.0, uma porta FireWire e uma e-SATA-300 (que também pode formar arranjos RAID com as portas internas). Como já falamos antes, gostaríamos de ver mais portas USB aqui. Finalizando, temos ainda uma porta Gigabit Ethernet e conectores de áudio analógicos no formato 7.1 com saídas inpedendentes.

MA78GM-S2H
Figura 9: Painel traseiro.
Ao lado do conector HDMI o ponto forte dessa placa-mãe é o seu áudio on-board, que usa um codec de alta qualidade, Realtek ALC889A, uma raridade até mesmo em placas-mães topo de linha. Uma reclamação que fazemos sempre é em relação à baixa relação sinal/ruído da entrada analógica das placas-mães. Com valores menores que 95 dB você terá muito ruído branco (chiado de fundo) na hora de converter fontes de som analógicas para o formato digital (VHS para DVD ou formato digital, LP para CD ou MP3, etc). Este codec, entretanto, oferece uma relação sinal/ruído do mesmo nível de placas de som profissional: 104 dB para as entradas analógicas e 108 dB para as saídas analógicas. Você poderá usar esta placa-mãe para montar um micro para edição profissional de áudio e vídeo sem a necessidade de uma placa de som avulsa. Um conector SPDIF óptico completa o pacote.
ARTIGOS RELACIONADOS
ÚLTIMOS ARTIGOS
440.914 usuários cadastrados
2.377 usuários on-line