Imprimir artigo
Placas-Mãe Soquete 7
27/02/1998 às 8h29min por Gabriel Torres em Testes
60.149 visualizações
Página 1 de 7

Introdução

 Seu primo possui um micro igual ao seu só que o dele é muito mais rápido? Talvez seja porque a placa-mãe dele é melhor do que a sua!

A verdade é esta: pouquíssimos usuários se preocupam com a marca da placa-mãe na hora de comprar um micro. E será que deveriam? Em nosso microteste de hoje testamos em nosso laboratório um bocado de placas-mães de várias marcas e comprovamos que a escolha de uma boa placa-mãe garante mais velocidade para o seu micro.

Marca é sinônimo de qualidade

Muita gente não sabe, mas placas-mães tem marca. As marcas mais comuns no Brasil são Soyo, ASUS, Alton, QDI, PCChips e Tomato, só para citar algumas.

Entretanto, várias placas-mães simplesmente não possuem marca. São placas de baixa qualidade (e baixo desempenho, como provamos no Microteste de hoje) produzidas no extremo oriente, principalmente na china.

Portanto, ao adquirir um novo micro ou uma placa-mãe, procure saber sua marca. Muitos profissionais, entretanto, "inventam" marcas.

A principal característica de uma placa-mãe é o seu chipset, ou seja, o conjunto de circuitos integrados que nela existem. Há várias marcas de chipset e as mais comuns são Intel, VIA, OPTi e SiS. Muitos técnicos chamam placas-mães com chipset Intel de "placa-mãe Intel", o que está completamente errado, uma vez que a marca da placa-mãe não é Intel, apesar da Intel também produzir placas-mães.

Outra confusão comum é o técnico dizer que a placa-mãe é da marca "Triton" quando trata-se de uma placa-mãe sem marca com chipset da Intel.

Os chipsets mais comuns para placas-mães Pentium são os da Intel: 430FX, 430HX, 430VX e 430TX. O chipset 430FX é também conhecido por seu apelido "Triton" e muita gente chama placas-mães que utilizam este chipset de "Triton". Neste caso, "Triton" não é a marca da placa-mãe, mas sim o tipo de chipset utilizado. Os demais chipsets da Intel também são chamados de "Triton", mas, neste caso, devemos citar sua nomenclatura (ex: "Triton 430VX").

Na hora de comprar uma placa-mãe, saber o seu chipset é de extrema importância, principalmente nas placas-mães "sem marca". Quando uma placa-mãe não possui marca, devemos nos orientar pelo seu chipset e pela sua quantidade de memória cache. Uma placa-mãe "sem marca" poderia ser chamada, por exemplo, de "placa-mãe com chipset 430VX e 512 KB de cache de memória", caso ela possuísse estas características.

ARTIGOS RELACIONADOS
Placas-mãe Super 7 (5 modelos)
13/10/1999 às 10h45min por Gabriel Torres em Placas-Mãe Soquete 7
Placas-Mãe Super7
04/12/1998 às 10h24min por Gabriel Torres em Placas-Mãe Soquete 7
ÚLTIMOS ARTIGOS
440.811 usuários cadastrados
2.642 usuários on-line