Imprimir artigo
Teste da Fonte de Alimentação Cooler Master eXtreme Power Plus 500 W
08/06/2009 às 16h36min por Gabriel Torres em Testes
81.373 visualizações
Página 7 de 10

Testes de Carga

Produto Bomba Clube do Hardware

Nós fizemos vários testes com esta fonte de alimentação, conforme descrito em nosso artigo Nossa Metodologia de Testes de Fontes de Alimentação..

Como você provavelmente já está familiarizado, nós testamos as fontes de alimentação com cinco diferentes padrões de carga, tentando extrair em torno de 20%, 40%, 60%, 80% e 100% da sua capacidade máxima rotulada. No entanto, como estávamos suspeitando que esta fonte era de 450 W, nós incluímos um padrão de carga para esta faixa de potência (que é equivalente a cerca de 90% de 500 W), respeitando o limite de 360 W para as saídas de +12 V escrito na etiqueta (teste número cinco).

Para o teste de carga de 100% nós usamos dois padrões, um respeitando este limite de 360 W (teste número seis), que fez com que nós extraíssemos mais potência das saídas de +5 V e +3,3 V do que gostaríamos, e outro não o respeitando (teste número sete), onde extraímos mais potência da saída de +12 V, que é a maneira que normalmente testamos as fontes de alimentação, já que atualmente a maior potência está concentrada nos barramentos de +12 V, que é onde o processador e a placa de vídeo estão conectados.

Se você somar todas as potências listadas para cada teste você pode encontrar um valor diferente do que publicamos na linha “Total” abaixo. Como cada saída pode ter uma pequena variação (por exemplo, a saída de +5V trabalhando a 5,10 V) a quantidade total de potência sendo fornecida é um pouco diferente do valor calculado. Na linha “Total” estamos usando a quantidade real de potência sendo fornecida, medida pelo nosso testador de carga.

+12V1 e +12V2 são as entradas independentes de +12 V do nosso testador de carga e durante nossos testes a entrada de +12V1 foi conectada ao barramento de +12V1 (conector principal da placa-mãe e conectores de alimentação para periféricos) e a entrada +12V2 foi conectada ao barramento de +12V2 da fonte de alimentação (conector EPS12V).

Entrada

Teste 1

Teste 2

Teste 3

Teste 4

+12V1

4 A (48 W)

7 A (84 W)

11 A (132 W)

14,5 A (174 W)

+12V2

3 A (36 W)

7 A (84 W)

10 A (120 W)

14 A (168 W)

+5V

1 A (5 W)

2 A (10 W)

4 A (20 W)

5 A (25 W)

+3,3 V

1 A (3,3 W)

2 A (6,6 W)

4 A (13,2 W)

5 A (16,5 W)

+5VSB

1 A (5 W)

1 A (5 W)

1,5 A (7,5 W)

2 A (10 W)

-12 V

0,5 A (6 W)

0,5 A (6 W)

0,5 A (6 W)

0,5 A (6 W)

Total

102,9 W

194,3 W

295,0 W

392,0 W

% Carga Máx.

20,6%

38,9%

59,0%

78,4%

Temp. Ambiente

48,4° C

48,3° C

47,1° C

48,8° C

Temp. Fonte

50,2° C

50,1° C

48,9° C

52,3° C

Estabilidade da Tensão

Aprovada

Aprovada

Aprovada

Aprovada

Ripple e Ruído

Aprovada

Aprovada

Aprovada

Reprovada

Potência CA

132 W

239 W

366 W

503 W

Eficiência

78,0%

81,3%

80,6%

77,9%

Resultado Final

Aprovada

Aprovada

Aprovada

Reprovada

 

Entrada

Teste 5

Teste 6

Teste 7

+12V1

15 A (180 W)

15 A (180 W)

18 A (216 W)

+12V2

15 A (180 W)

15 A (180 W)

18 A (216 W)

+5V

9 A (45 W)

15 A (75 W)

6 A (30 W)

+3,3 V

9 A (29,7 W)

15 A (49,5 W)

6 A (19,8 W)

+5VSB

2,5 A (12,5 W)

2,5 A (12,5 W)

2,5 A (12,5 W)

-12 V

0,5 A (6 W)

0,5 A (6 W)

0,5 A (6 W)

Total

446,9 W

499,9 W

485,5 W

% Carga Máx.

89,4%

100,0%

97,1%

Temp. Ambiente

46,8° C

47,4° C

50,9° C

Temp. Fonte

54,1° C

50,6° C

55,1° C

Estabilidade da Tensão

Aprovada

Aprovada

Aprovada

Ripple e Ruído

Reprovada

Reprovada

Reprovada

Potência CA

588 W

681 W

659 W

Eficiência

76,0%

73,4%

73,7%

Resultado Final

Reprovada

Reprovada

Reprovada

A Cooler Master eXtreme 500 W conseguiu fornecer 500 W, mas potência não é tudo. A eficiência esteve acima de 80% apenas quando extraímos entre 40% e 60% (200 W – 300 W) da potência máxima nominal da fonte, e quando nós extraímos sua potência total a eficiência ficou na cada dos 73%, o que é ruim.

Mas o verdadeiro problema desta fonte é o nível de oscilação e ruído. Quando extraímos 60% da potência máxima da fonte o nível de ruído nas entradas de +12V1 e +12V2 foram de 104,4 mV e 98,9 mV, respectivamente. Muito alto, mas ainda dentro do limite de 120 mV estabelecido pelo padrão ATX. Mas a partir de 80% da carga os níveis de ripple e ruído sempre estiveram acima das especificações: 128,6 mV e 122,2 mV durante o teste número quatro, 130,2 mV e 125,6 mV durante o teste número cinco, 172,6 mV e 167,4 mV durante o teste número seis e 149,6 mV e 145,4 mV durante o teste número sete. Esses números são para os barramentos de +12V1 e +12V2, respectivamente, e são valores de pico-a-pico.

O nível de ruído na saída de +3,3 V esteve sempre abaixo de 20,4 mV, o que é bom, mas na saída de +5 V o nível de ruído atingiu 49,2 mV durante o teste número seis, chegando perto do limite de 50 mV para esta saída.

Abaixo você ver as imagens dos níveis de ripple e ruído durante o teste número sete.

Cooler Master eXtreme Power Plus 500 W
Figura 14: Nível de ruído na entrada de +12V1 de nosso testador de carga com a fonte fornecendo 485,5 W (149,6 mV).

Cooler Master eXtreme Power Plus 500 W
Figura 15: Nível de ruído na entrada de +12V2 de nosso testador de carga com a fonte fornecendo 485,5 W (145,4 mV).

Cooler Master eXtreme Power Plus 500 W
Figura 16: Nível de ruído na entrada de +5 V de nosso testador de carga com a fonte fornecendo 485,5 W (42,4 mV).

Cooler Master eXtreme Power Plus 500 W
Figura 17: Nível de ruído na entrada de +3,3 V de nosso testador de carga com a fonte fornecendo 485,5 W (20,4 mV).

ARTIGOS RELACIONADOS
ÚLTIMOS ARTIGOS
451.517 usuários cadastrados
2.334 usuários on-line