Ir ao conteúdo
Entre para seguir isso  

Teste do Omega UHD 231

       
 49.620 Visualizações    Testes  
 3 comentários

O UHD 231 da Omega é um gabinete para a instalação de discos rígidos IDE comuns do lado de fora do micro, através da porta USB 2.0. Confira nossos testes deste produto.

Teste do Omega UHD 231
Rafael Coelho Editor-chefe do Clube do Hardware

Introdução

O UHD 231 da Omega é um gabinete para instalação de discos rígidos ATA do lado de fora do computador. Com ele, você pode manter um disco rígido com a capacidade que quiser (não acompanha o produto) externamente, de forma a ter portabilidade, ou mantê-lo disponível apenas quando necessário.

Uma das principais aplicações desse tipo de produto (já testamos produtos similares, como o ValuePlus SPIO 352 e o Sarotech HardBox) é para quem necessita transportar grandes quantidades de dados. Você pode, por exemplo, instalar um disco rígido de 250 GB no gabinete externo, e ter os dados gravados nele disponíveis tanto em casa quanto no escritório. Outra utilidade interessante é como forma de backup. Digamos que você tenha 100 GB de dados importantes em seu computador: fazer um backup periódico em CDs ou mesmo DVDs seria extremamente cansativo. Com um disco rígido de 120 GB instalado externamente, basta conectar o gabinete externo ao seu micro, fazer a cópia de segurança em alguns minutos, desconectá-lo e guardar o mesmo em um lugar seguro, já que então uma possível falha em seu equipamento não afetaria o disco de backup.

Teste do Omega UHD 231
Figura 1: O UHD 231 em sua embalagem.

Como podemos ver na Figura 2, a versão que testamos (UHD 231) usa apenas a conexão USB 2.0, mas também há disponíveis versões que usam a porta IEEE 1394a (FireWire), SATA, USB 2.0 + FireWire e USB 2.0 + SATA.

Teste do Omega UHD 231
Figura 2: As várias versões disponíveis.

O gabinete para discos rígidos da Omega usa uma fonte de alimentação externa, o que cria uma questão a mais na hora de transportar o mesmo, porém torna-o mais compacto.

Teste do Omega UHD 231
Figura 3: O UHD 231 com sua fonte.

Na parte traseira, podemos visualizar o conector para o cabo USB 2.0, o conector para a fonte de alimentação e uma chave liga-desliga.

Teste do Omega UHD 231
Figura 4: Visão traseira.

Editado por

Compartilhar



  Denunciar Artigo
Entre para seguir isso  

Comentários de usuários


"...uma limitação dos chips conversores do barramento ATA para USB 2.0..." Até poder ser... Mas o principal motivo dessa limitação na taxa de transferência é a ausência de controlador DMA para a porta USB.

Compartilhar este comentário


Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

Possuo uma unidade dessas com um hd Samsung. A diferença é um botão de backup próximo ao conector USB e que trabalha em conjunto com um soft fornecido. Detalhe: o modelo é o mesmo do teste. Ainda não tive a oportunidade de testar o tal botão.

De fato esta não é a intenção do equipamento, mas também já conectei à unidade um gravador de CDs, reconhecido, e que operou normalmente. Creio um gravador de DVDs também possa ser instalado sem grandes problemas.

Compartilhar este comentário


Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

Eu possuo um adaptador usb 2.0 para SATA/IDE/IDEnotebook, adquirido no mercado livre. É um adaptador que não utiliza cases.

Pelo teste feito neste Omega UHD 231, acredito que este meu adaptador tem muito mais desempenho, tanto com hds de grande capacidade, até com gravadores de dvd.

http://img.mercadolivre.com.br/jm/img?s=MLB&f=54255353_610.jpg&v=O

Gostaria que o CdH fizesse um teste com esse adaptador para medir seu desempenho em comparação ao Omega UHD 231.

um abraço!

Compartilhar este comentário


Link para o comentário
Compartilhar em outros sites


Crie uma conta ou entre para comentar

Você precisar ser um membro para fazer um comentário






Sobre o Clube do Hardware

No ar desde 1996, o Clube do Hardware é uma das maiores, mais antigas e mais respeitadas publicações sobre tecnologia do Brasil. Leia mais

Direitos autorais

Não permitimos a cópia ou reprodução do conteúdo do nosso site, fórum, newsletters e redes sociais, mesmo citando-se a fonte. Leia mais

×