Ir ao conteúdo
Entre para seguir isso  

Teste da Fonte de Alimentação Coletek DSE-205S2 de 200 W

       
 49.650 Visualizações    Testes  
 14 comentários

Mais uma análise aprofundada de uma fonte de baixo custo da Coletek, desta vez testamos a DSE-205S2. Vejamos se ela é uma boa opção.

Teste da Fonte de Alimentação Coletek DSE-205S2 de 200 W
Gabriel Torres Editor executivo do Clube do Hardware

Introdução

Mais uma análise aprofundada de uma fonte de baixo custo da Coletek, desta vez testamos a DSE-205S2. Vejamos se ela é uma boa opção.

Esta fonte é fabricada pela CWT, assim como os demais modelos da Coletek iniciados por “CT”. Os modelos desta marca iniciados com “LC” são fabricados pela Solytech.

A DSE-205S2 usa o mesmo projeto interno da CT-2045S2 e da CT-2345S (ambas rotuladas como sendo de “450 W”) e neste teste estaremos analisando as diferenças entre essas três fontes.

Coletek DSE-205S2 de 200 W
Figura 1: Fonte de alimentação Coletek DSE-205S2 de 200 W.

Coletek DSE-205S2 de 200 W
Figura 2: Fonte de alimentação Coletek DSE-205S2 de 200 W.

A Coletek DSE-205S2 de 200 W tem 14 cm de profundidade e segue o padrão das primeiras fontes para PCs, com uma ventoinha de 80 mm em sua parte traseira. Ela não tem circuito PFC, sendo baseada no obsoleto projeto meia-ponte.

Sendo um produto de baixo custo ela obviamente não tem sistema de cabeamento modular, e nenhum cabo vem tem proteção de nylon. Os fios são mais finos do que o recomendado (20 AWG em vez de 18 AWG), o que não é uma surpresa em uma fonte desta categoria. A Coletek DSE-205S2 de 200 W vem com os seguintes cabos e conectores:

  • Cabo principal da placa-mãe com conector de 20/24 pinos (30 cm).
  • Um cabo com um conector ATX12V (30 cm).
  • Um cabo com dois conectores de alimentação SATA (32 cm até o primeiro conector, 15 cm entre conectores).
  • Um cabo com dois plugues de alimentação para periféricos e um conector de alimentação para unidades de disquete (32 cm até o primeiro conector, 14 cm entre conectores).

Esta configuração é compatível com um produto de baixo custo. O problema é que mesmo micros básicos atualmente virão com um disco rígido e uma unidade óptica SATA e a curta distância entre os dois conectores SATA existentes certamente dificultará a instalação desses componentes.

Coletek DSE-205S2 de 200 W
Figura 3: Cabos.

Vamos agora dar uma olhada no interior desta fonte de alimentação.

Compartilhar



  Denunciar Artigo
Entre para seguir isso  

Comentários de usuários


Espero que esta empresa continue melhorando suas condutas em relação as fontes vendidas! Retirei este textos do site do fabricante Coletek:

Crenças e valores

A Coletek acredita que a excelência operacional e a inovação são os principais caminhos para o sucesso da empresa, por isso, busca cada vez mais valorizar e qualificar seus colaboradores.

Política de qualidade

A Política da Qualidade foi elaborada com a finalidade de abordar o comprometimento da organização em atender aos requisitos e em melhorar continuamente a eficácia do Sistema de Gestão da Qualidade. A política deve ser divulgada e entendida por todos os funcionários. Política da empresa:

Propiciar aos seus clientes, parceiros e colaboradores a satisfação plena de modo a tornar-se uma referência.

Missão:

Sua missão é a satisfação plena de seus clientes, parceiros e colaboradores, para que isso reflita em melhor qualidade em seus serviços e produtos, de modo a gerar lucro à empresa impulsionando cada vez mais seu crescimento, e ao mesmo tempo aumentar o desenvolvimento econômico da cidade onde está situada.

Visão:

Ser reconhecida, nacional e internacionalmente, como a melhor organização do setor e como introdutores no desenvolvimento de projetos inovadores, de forma a se tornar referência para o mercado em que atua.

Objetivos:

  • Participar ativamente do progresso do país;
  • Aumentar a lucratividade da empresa;
  • Inovar nas áreas produtivas e comerciais, intensificando investimentos em P&D;
  • Manter e aprimorar a qualidade dos produtos e processos;
  • Satisfazer os seus clientes e colaboradores;
  • Desenvolver equipamentos e soluções inovadoras desse setor;
  • Valorizar o ser humano, promovendo o bem-estar dos colaboradores e da sociedade em geral;
  • Agir com ética, integridade, lealdade e responsabilidade;
  • Valorizar permanentemente idéias, talentos, sugestões e inovações;
  • Estimular a integração e cooperação com seus parceiros.

Abraço a todos!

Compartilhar este comentário


Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

eles poderiam colocar alguns elementos de filtragem, pelo menos os mais baratos....

finalmente teriamos uma fonte de 200W "segura" :(

Compartilhar este comentário


Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

Tenho uma fonte dessas aqui com problemas de ligar quando quer, nem li o teste todo, não vale a pena perder alguns minutos com empresas que continuam desrespeitando o consumidor.

Compartilhar este comentário


Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

Quando li o artigo ja não esperava os melhores resultados do mundo, mas o fabricante poderia ao menos colocar os dispositivos do estágio de filtragem.

Compartilhar este comentário


Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

Essas fontes com preço abaixo de 100 reais nenhuma presta mesmo, melhor nem perder tempo com elas. Por outro lado, testes das "genéricas de luxo" (Mtek, WiseCase, Dr. Hank, etc) já despertam bom interesse e deviam ser priorizados.

Compartilhar este comentário


Link para o comentário
Compartilhar em outros sites
Essas fontes com preço abaixo de 100 reais nenhuma presta mesmo, melhor nem perder tempo com elas. Por outro lado, testes das "genéricas de luxo" (Mtek, WiseCase, Dr. Hank, etc) já despertam bom interesse e deviam ser priorizados.

Concordo, essas marcas nem sei se isso é marca que geralmente quando a pessoa compra uma fonte barata de 50 pilas nem pede a marca só pede a fonte de 50 reais, essas fontes "genéricas de luxo" é mais interessante porque principalmento o vendedor vai vender tal marca enquanto coletek e algumas outras do mesmo nivel ele nem vai falar de marca tal.

Compartilhar este comentário


Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

Por quê sobrecarregaram a fonte se os níveis de ruído já estavam fora do permitido pela especificação ATX? Me parece que é a primeira vez que isso é feito num teste de fonte.

Compartilhar este comentário


Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

E mais uma bomba é revelada

Ta parecendo mais um jogo de campo minado, mas só que cheio de bombas (quase todos os espaços são bombas).

Compartilhar este comentário


Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

Comprei outro dia um gabinete que veio com essa fonte, ainda perguntei pro vendedor se poderia remove-la e ele alegou que não

Talvez sirva como peso de papel.

Compartilhar este comentário


Link para o comentário
Compartilhar em outros sites


Crie uma conta ou entre para comentar

Você precisar ser um membro para fazer um comentário






Sobre o Clube do Hardware

No ar desde 1996, o Clube do Hardware é uma das maiores, mais antigas e mais respeitadas publicações sobre tecnologia do Brasil. Leia mais

Direitos autorais

Não permitimos a cópia ou reprodução do conteúdo do nosso site, fórum, newsletters e redes sociais, mesmo citando-se a fonte. Leia mais

×