Ir ao conteúdo
Entre para seguir isso  

Teste da Fonte de Alimentação Coletek LC-8220BTX S2 de 200 W

       
 50.622 Visualizações    Testes  
 42 comentários

Colocamos mais uma fonte de marca nacional no forno. Será que a Coletek LC-8220BTX S2 sobreviverá? Confira.

Teste da Fonte de Alimentação Coletek LC-8220BTX S2 de 200 W
Gabriel Torres Editor executivo do Clube do Hardware

Introdução

Para quem ainda não sabe, a Coletek  e a C3Tech são a mesma empresa, com as fontes C3Tech sendo voltadas para o mercado de varejo enquanto que as fontes Coletek são voltadas para o mercado OEM. Mesmo assim, fontes Coletek podem ser encontradas no comércio com relativa facilidade. Hoje testaremos o modelo LC-8220BTX S2, de 200 W.

Este modelo é fabricado pela Solytech (ao que tudo indica, uma SL-8220BTX renomeada), assim como outro modelo da Coletek que já testamos, LC-8460BTX S. Outra fonte da Coletek que testamos, a CT-2045S2, é fabricada pela CWT. Suspeitamos que as duas primeiras letras no nome da fonte indiquem o fabricante: “LC” significando “L&C” (um dos nomes usados pela Solytech) e “CT” significando “CWT”.

A Coletek LC-8220BTX S2, a Coletek LC-8460BTX S e a Jitek de 250 W são baseada no mesmo projeto e neste teste mostraremos em detalhes quais são as diferenças entre elas.

Coletek LC-8220BTX S2 de 200 W
Figura 1: Fonte de alimentação Coletek LC-8220BTX S2 de 200 W.

Coletek LC-8220BTX S2 de 200 W
Figura 2: Fonte de alimentação Coletek LC-8220BTX S2 de 200 W.

A Coletek LC-8220BTX S2 tem 14 cm de profundidade e segue o padrão das primeiras fontes para PCs, com uma ventoinha de 80 mm em sua parte traseira. Ela não tem circuito PFC, sendo baseada no obsoleto projeto meia-ponte.

Sendo um produto de baixo custo ela obviamente não tem sistema de cabeamento modular, e nenhum cabo vem tem proteção de nylon. Os fios são mais finos do que o recomendado (20 AWG em vez de 18 AWG), o que não é uma surpresa em uma fonte desta categoria. A Coletek LC-8220BTX S2 vem com os seguintes cabos e conectores:

  • Cabo principal da placa-mãe com conector de 20/24 pinos (32 cm).
  • Um cabo com um conector ATX12V (32 cm).
  • Um cabo com dois conectores SATA (33 cm até o primeiro conector, 15 cm entre conectores).
  • Um cabo com dois plugues de alimentação para periféricos e um conector de alimentação para unidades de disquete (33 cm até o primeiro conector, 15 cm entre conectores).

Esta é exatamente a configuração da Coletek LC-8460BTX S, sendo que os cabos são extremamente curtos, o que não é nenhuma surpresa em um produto desta categoria.

Coletek LC-8220BTX S2 de 200 W
Figura 3: Cabos.

Vamos agora dar uma olhada no interior desta fonte de alimentação.

Compartilhar



  Denunciar Artigo
Entre para seguir isso  

Comentários de usuários




Uma grande piada para aliviar o stress de final de dia...Pra mim esses testes de fontes toscas são uma ótima diversão de relaxamento. :lol:

Ver essa fonte reprovada nos níveis de ruído fornecendo pouco mais de 80W foi bem engraçado. :stupid:

Compartilhar este comentário


Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

"Beleza" de fonte (de 'pobrema'), começa bem, só tem dois cabos curtos - deveria ter uns 6 molex já que tem mais potência no 5V, ai o cara liga logo 6 fans pra ventilar o gabinete, mas pelo menos TEM conectores S-ATA, já evoluiu alguma coisa...

Pelo menos essa não é uma fonte velha recauchutada e vendida como nova, e REALMENTE é uma fonte de 200W, ainda que não preste.

Compartilhar este comentário


Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

Só esqueci de dizer que uma das coisas mais obsoletas que já vi na vida foi esse par de diodos no lugar de um retificador Schottky, que coisa horrível!

imageviewphpl.jpg

Compartilhar este comentário


Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

Aqui pra nós.

O cliente que quer uma pc básico, 1 hd, dvdrw, 2gb, dual core, placa de video basica nvidia e tal, qual é a melhor opção de venda de fontes básicas para clientes, visto que tenho uma revenda de informática!

Uma fonte custo x beneficio.

Compartilhar este comentário


Link para o comentário
Compartilhar em outros sites
Aqui pra nós.

O cliente que quer uma pc básico, 1 hd, dvdrw, 2gb, dual core, placa de video basica nvidia e tal, qual é a melhor opção de venda de fontes básicas para clientes, visto que tenho uma revenda de informática!

Uma fonte custo x beneficio.

discordo completamente... 1° que essa fonte não dá, tem menos piores pelo mesmo preço e 2° ela mal toca um video onboard, desculpa, mas uma fonte dessa não aguentaria nem tocar uma GeForce das piores que seja... só fazer o calculo...

Compartilhar este comentário


Link para o comentário
Compartilhar em outros sites
discordo completamente... 1° que essa fonte não dá, tem menos piores pelo mesmo preço e 2° ela mal toca um video onboard, desculpa, mas uma fonte dessa não aguentaria nem tocar uma GeForce das piores que seja... só fazer o calculo...

Amigo, acho que você não entendeu.

Eu não disse em nenhuma hora que iria comprar dessa fonte.

Apenas pedi a sugestão de uma fonte para os parametros básicos de hoje em dia e que eu consiga um preço razoável para vender para os clientes, sendo que não fique muito acima dos valores coletek e etc que são vendidos às enxurradas nas lojas e todos sabemos disso!

Pedi um sugestão!

Compartilhar este comentário


Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

Eu uso uma fonte dessa à 4 anos desde quando comprei o PC da assinatura e nunca me deu problema, nunca travou o meu computador (só por causa de software), nunca queimou componente e os capacitores da placa-mãe e da placa de vídeo estão normais.

Para um computador como o meu que consume 180w de potência essa fonte é boa e tambem para os computadores básico (1 ou 2 núcleos, 2 Gb de ram, HD e video on board).

É claro que se for colocar uma placa de vídeo em um computador atual com certeza uma OCZ, Seventeam, Zalman, Corsair, Seasonic na faixa dos 400w pra cima e com eficiência de 80% pra cima com certeza é a melhor escolha.

Compartilhar este comentário


Link para o comentário
Compartilhar em outros sites
nem sei porque Gabriel torres, perde tempo em testar fonte de 200w........quem compra uma fonte de 200w hoje?

¬¬

Porque a grande maioria das pessoas não compra uma fonte de R$ 150 sendo que tem a de 40..

E mesmo sendo uma fonte de 200W vagabunda, esperamos que o mercado reaja desta forma sabendo que seus produtos que mentem serão postos em xeque.

Compartilhar este comentário


Link para o comentário
Compartilhar em outros sites
nem sei porque Gabriel torres, perde tempo em testar fonte de 200w........quem compra uma fonte de 200w hoje?

¬¬

Não é perda de tempo. Grande parte de PCs básicos hoje em dia possuem fontes assim. Não são só as fontes que você compraria em separado que são testadas, são as fontes que já vem em PCs como Positivo, CCE e afins.

Fontes de 200W também podem ser usadas pra sistemas de Home Theater PC (exemplo: http://www.clubedohardware.com.br/artigos/1929).

Enfim, erro comum de usuário de informática: achar que todos tem o perfil que eu tenho, que todos compram PC para jogos e super desempenho.

Você por acaso compraria uma Ferrari pra andar pelas ruas de SP na hora do rush?

Compartilhar este comentário


Link para o comentário
Compartilhar em outros sites
Não é perda de tempo. Grande parte de PCs básicos hoje em dia possuem fontes assim. Não são só as fontes que você compraria em separado que são testadas, são as fontes que já vem em PCs como Positivo, CCE e afins.

Fontes de 200W também podem ser usadas pra sistemas de Home Theater PC (exemplo: http://www.clubedohardware.com.br/artigos/1929).

Enfim, erro comum de usuário de informática: achar que todos tem o perfil que eu tenho, que todos compram PC para jogos e super desempenho.

Você por acaso compraria uma Ferrari pra andar pelas ruas de SP na hora do rush?

Concordo plenamente!

Compartilhar este comentário


Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

Ta faltando fonte de 200W boa, parece que não intenderam o recado ainda, que precisa falar para fazerem fonte boa e barata de baixa potência? Será que todos os computadores usados no comércio, repartições públicas e afins não merecem uma fonte com rendimento acima de 80% com custo de aquisição baixo?

É só falar para um dono de alguma coisa que a conta de energia dele diminuirá se ele trocar as fontes de seus "50" Pcs para fontes de alta qualidade sem contar o aumento da duração do hardware e menores problemas com manutenção e etc, que com certeza a opção será a escolha de uma fonte certificada.

Compartilhar este comentário


Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

Esta fonte na minha opinião nem deve ser considerada em conta em micros novos mesmo de baixo consumo. Ninguém gostaria de vender um PC com ela e ter dores de cabeça com cliente reclamando de travamentos aleatórios e sem explicação. Aqui onde trabalho, quase todos os micros foram montados com fontes genéricas similares a esta do teste e a maioria dos problemas que tenho com hardware aqui, quase 100% são elas as causadoras. Aqui não adianta eu falar para comprar fonte descente, sempre vão nestas de "quarenta reau" e tem até estoque aqui. Queimou ou o micro está instável troco e soluciona momentâneamente o problema até que ela volte a dar os mesmos sintomas. E é assim que se ganha dinheiro fácil vendendo coisa vagabunda e poluindo o meio ambiente com lixo tecnológico com esta suposta economia. Se tivessem comprado fontes descentes aqui desde o princípio, seria uma bela economia de dinheiro e o meio ambiente agradeceria mas aqui está difícil.

Compartilhar este comentário


Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

nao sei porque o pessoal do cdh perde tempo em testar essas porcarias, testou 1, 2 e nao foram aprovadas...o resto é resto!

Eu passo longe dessas fontes ha muito tempo, nem para um simples PC que fica exibindo imagens de camera de vigilancia essas fontes prestam, afinal pc tem q ficar ligado 24hrs/7dias por semana, portanto...a melhor solução para equipamentos simples ainda é a MTEK, um pouco mais cara, porém fornece muito mais do que a potencia rotulada e com qualidade!

Compartilhar este comentário


Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

vocês não perceberam que o problema desta fonte não foi a potência entregue.

Ela até entrega, o problema é o nível de ruído SEMPRE acima do permitido podendo comprometer outros componentes do PC.

Compartilhar este comentário


Link para o comentário
Compartilhar em outros sites
Ta faltando fonte de 200W boa, parece que não intenderam o recado ainda, que precisa falar para fazerem fonte boa e barata de baixa potência? Será que todos os computadores usados no comércio, repartições públicas e afins não merecem uma fonte com rendimento acima de 80% com custo de aquisição baixo?

É só falar para um dono de alguma coisa que a conta de energia dele diminuirá se ele trocar as fontes de seus "50" Pcs para fontes de alta qualidade sem contar o aumento da duração do hardware e menores problemas com manutenção e etc, que com certeza a opção será a escolha de uma fonte certificada.

O problema é que quem tem que falar é o vendedor, e no Brasil a maioria dos vendedores da área de informática não entendem absolutamente nada do que vendem.

Mesmo se entendessem, eles ainda assim teriam a obrigação de repassar o produto que seu chefe, o dono da loja/empresa, compra visando somente o lucro burro e fácil (aquele que você consegue sem dar bola pro consumidor) e é nessa categoria que essas bombas que vemos sendo testadas aqui se encaixam.

A ganância de uns poucos corrói o mercado.

E é exatamente por isso que todos concordamos que a única solução é a regulamentação do mercado. É do interesse do governo e sua crise de energia, inclusive, que só sejam vendidas fontes de alta eficiência no Brasil, para citar apenas um dos pontos em que as fontes deveriam melhorar (sem falar nas partes mais óbvias, como ruído e proteção, que são defesa do consumidor mesmo), mas que político está preocupado com o que é do interesse do país?

Editado por jacypr

Compartilhar este comentário


Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

a pior fonte que eu coloco em um computador é aquela c3tech de "430w", mesmo assim ainda tento obrigar a comprar uma fonte boa, mas é difícil porque querem comprar estabilizadores...

a maioria das pessoas não entende o que nós aqui do fórum entendemos, que uma fonte com boa eficiência e filtragem, é muito superior a fonte que pra eles só serve pra ligar o computador e nada mais

digo isso porque já fui uma pessoa assim, que não sabia escutar para ter produtos de qualidade, com o tempo, com experiências em lan house comecei a notar o quão mal uma fonte genérica faz ao computador

Compartilhar este comentário


Link para o comentário
Compartilhar em outros sites
Porque a grande maioria das pessoas não compra uma fonte de R$ 150 sendo que tem a de 40..

E mesmo sendo uma fonte de 200W vagabunda, esperamos que o mercado reaja desta forma sabendo que seus produtos que mentem serão postos em xeque.

por 40,00 eu compro uma fonte de 450w genérica, e não uma de 200w como você mesmo disse.

se o leigo tivesse de escolher uma fonte vagabunda pra comprar, com certeza iria ser uma de 450w e não uma de 200w, mesmo que a diferença de preço entre ambas fosse de 10,00 a mais para a de 450w.......afinal é mais que o "dobro da potência" por apenas 10 reais!

e esperar que o mercado reaja contra isto é a mesma coisa que pedir pros políticos parar de roubar dinheiro público e investir mais na educação, na saúde..etc.........claro que existem as exceções....como aquele caso de que apreenderam os containers de fontes etc.....pegam 1 carregamento agora, e outro só 5 anos depois.

antes isso do que nada né!

Editado por bromaluko

Compartilhar este comentário


Link para o comentário
Compartilhar em outros sites



Crie uma conta ou entre para comentar

Você precisar ser um membro para fazer um comentário






Sobre o Clube do Hardware

No ar desde 1996, o Clube do Hardware é uma das maiores, mais antigas e mais respeitadas publicações sobre tecnologia do Brasil. Leia mais

Direitos autorais

Não permitimos a cópia ou reprodução do conteúdo do nosso site, fórum, newsletters e redes sociais, mesmo citando-se a fonte. Leia mais

×