Ir ao conteúdo
Entre para seguir isso  

Teste da Fonte de Alimentação Cooler Master Real Power Pro 850 W

       
 57.924 Visualizações    Testes  
 9 comentários

Nós desmontamos esta fonte topo de linha de 850 W da Cooler Master para PCs com mais de duas placas de vídeo e a testamos para ver se ela realmente fornece 850 W. Confira.

Teste da Fonte de Alimentação Cooler Master Real Power Pro 850 W
Gabriel Torres Editor executivo do Clube do Hardware

Introdução

A Real Power Pro é a série de fontes de alimentação topo de linha da Cooler Master, cujo modelos vão de 550 W a 1.250 W. Nós testamos o modelo de 850 W (também conhecido como RS-850-EMBA), que tem uma grande ventoinha de 135 mm, projeto com dois transformadores e seis barramentos virtuais de +12 V, e é voltada para micros equipados com três ou quatro placas de vídeo. De acordo com a Cooler Master esta fonte foi rotulada a 50°C e pode fornecer até 1.000 W durante picos. Vamos ver se isto é verdade, além da nossa tradicional análise minuciosa desta fonte.

Cooler Master Real Power Pro 850 W
Figura 1: Cooler Master Real Power Pro 850 W.

Cooler Master Real Power Pro 850 W
Figura 2: Cooler Master Real Power Pro 850 W.

Como você pode ver, esta fonte de alimentação usa uma grande ventoinha de 135 mm “de bucha” em sua parte inferior (a fonte de alimentação está de cabeça para baixo nas Figuras 1 e 2) e uma grande grade na parte traseira onde tradicionalmente temos uma ventoinha de 80 mm. Nós gostamos desta abordagem já que ela oferece não apenas um melhor fluxo de ar, mas a fonte de alimentação também produz menos ruído, já que a ventoinha pode girar a uma velocidade menor de modo a produzir o mesmo fluxo de ar de uma ventoinha de 80 mm.

Esta fonte de alimentação, assim como todas as outras fontes topo de linha, tem PFC ativo, que oferece uma melhor utilização da rede elétrica e permite que a Cooler Master venda este produto na Europa (leia nosso tutorial sobre o PFC em nosso tutorial Fontes de Alimentação). No que diz respeito a eficiência, a Cooler Master diz que este produto tem uma eficiência de 81% a 170 W, 85% a 425 W e 82% a 850 W. Claro que mediremos isto para ver se o que o fabricante afirma é verdade. Lembre-se que fontes de alimentação mais caras têm uma eficiência de pelo menos 80%. Quanto maior a eficiência melhor – uma eficiência de 80% significa que 80% da potência extraída da rede elétrica é convertida em potência nas saídas da fonte de alimentação e apenas 20% é desperdiçada, o que significa uma conta de luz mais baixa – só para você ter uma ideia, fontes de alimentação convencionais possuem uma eficiência inferior a 70%.

O cabo de alimentação principal da placa-mãe usa um conector de 24 pinos (sem opção para transformá-lo em um conector de 20 pinos) e esta fonte tem um conector ATX12V e um conector EPS12V.

Esta fonte de alimentação vem com oito cabos de alimentação para periféricos: dois cabos de alimentação auxiliar para placas de vídeo com conectores de 6 pinos, dois cabos de alimentação auxiliar para placas de vídeo com conectores de 6/8 pinos, dois cabos contendo três conectores de alimentação para periféricos padrão e um conector para a unidade de disquete cada e dois cabos com quatro conectores de alimentação SATA cada.

Algo bem bacana nesta fonte é que cada cabo está devidamente etiquetado, o que é muito útil pois o conector de alimentação auxiliar de 8 pinos para placas de vídeo e o conector EPS12V são muito parecidos.

Cooler Master Real Power Pro 850 W
Figura 3: Os cabos para placa de vídeo, ATX12V e EPS12V são etiquetados.

A quantidade de conectores é mais do que suficiente até mesmo para usuários ultra fanáticos dispostos a montar um micro com três ou quatro placas de vídeo, um processador topo de linha e muitos discos rígidos. Outra coisa bacana nesta fonte é que cada conector da placa de vídeo é instalado em um barramento de +12 V independente, o que oferece uma melhor distribuição de potência e maior proteção. Nós falaremos em mais detalhes sobre na seção “Análise da Potência”.

Apesar de esta fonte ter uma incrível quantidade de plugues de alimentação SATA – oito – para uma melhor distribuição de potência e para facilitar a instalação de um micro com muitos discos rígidos e unidade ópticas nós achamos que seria melhor se a Cooler Master tivesse usado três cabos com três plugues SATA cada em vez de apenas dois cabos com quatro plugues SATA cada.

Nesta fonte de alimentação os fios da placa-mãe, cabos para periféricos e SATA possuem bitola 18 AWG, enquanto que os fios nos EPS12V, ATX12V e todos cabos para placas de vídeo são de bitola 16 AWG, o que é perfeito.

No que diz respeito à estética, a Cooler Master usou acabamento de nylon em todos os cabos, mas esta proteção parte de dentro da fonte apenas no cabo principal da placa-mãe.

Esta fonte de alimentação é fabricada pela Enhance Electronics e em seu site não há nenhum modelo idêntico à Real Power Pro 850 W, o que nos leva a acreditar que este modelo é fabricado exclusivamente para a Cooler Master.

Vamos agora dar uma olhada em mais profundidade nesta fonte de alimentação.

Compartilhar



  Denunciar Artigo
Entre para seguir isso  

Comentários de usuários


Potência nominal rotulada: 450 W a 50°C com 1.000 W de potência de pico.

Houve um pequeno erro de digitação, a potência rotulada é de 850 W.

Compartilhar este comentário


Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

"Esta fonte de alimentação usa uma configuração um pouco diferente das que vimos até hoje ... A saída de +12 V usa um projeto único ... dois transistores de potência MOSFET IFRS3207 ..."

Trata-se de retificação síncrona, nada de único, é um antigo recurso cuja adoção me parece ser uma tendência nas fontes pra PCs ... com isto há uma redução nas perdas no retificador e consequentemente uma melhoria na eficiência da fonte ...

Compartilhar este comentário


Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

Muito interessante o teste, principalmente a queima da fonte ao extrair 1000W, acho que a partir desse teste, assim como foi feito com a Huntkey de 450W, o acha de começar a sempre filmar o teste das fontes e postá-los quando, durante um teste a fonte queimar? Assim a gente também entende como seria a fonte "explodindo" hehehe.

T+

Compartilhar este comentário


Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

Bom dia,

Eu tenho interesse no teste desta fonte especifica da COOLER MASTER.

Eu tenho esta fonte Cooler Master Real Power M700 Watts nova, ja efetuei a troca por outra com o Revendedor e a fonte continua fazendo o mesmo barulho quando da utilização do computador, este barulho vai e volta, um tipo de zzzzzzzzzzz baixo, tipo passagem de corrente...fica um barulho tipo um transformador ligado, esse barulho nao é do cooler porque ja averiguei, as voltagens estão bem estáveis e dentro dos padrôes nominais, conforme o Software de monitoramente que veio com a placa Mãe da Asus.

Não estou usando alem da potencia, a carga media do meu PC atualmente é de uns 300 Watts no maximo, pois ainda não fiz o UPGRADEs que pretendo ao adquirir esta fonte.

Aterramento esta OK, ja estou a 3 anos aqui e as outras fontes que usei nunca apresentaram nenhum tipo de problemas parecido, a rede eletrica aqui é bastante estavel, ja efetuei testes como, trocar de tomada, trocar o cabo de alimentação da fonte, ligar a fonte sem carga (colocando o fio verde em curto com o terra) tambem ja efetuei este teste, que não resolveu, este ruido continua.

Parece que algum transformador da fonte está vibrando e produzindo este ruido audível... parece uma pane de eletrônica.

Valeu,

Marcos

Compartilhar este comentário


Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

Ótimo teste, bela fonte. Apesar de que eu gostaria mais do teste se tivesse sido do modelo de 550w porque provavelmente vai ser uma boa opção por menos de R$ 300 pra gente aqui do 3º mundo.

Gabriel, porque ela não recebeu o selo de recomendada pelo CH? Foi só pelo fato da proteção contra sobre-carga não ter funcionado ou tem mais alguma outra razão?

Um abraço e parabéns pelo teste.

Compartilhar este comentário


Link para o comentário
Compartilhar em outros sites


Crie uma conta ou entre para comentar

Você precisar ser um membro para fazer um comentário






Sobre o Clube do Hardware

No ar desde 1996, o Clube do Hardware é uma das maiores, mais antigas e mais respeitadas publicações sobre tecnologia do Brasil. Leia mais

Direitos autorais

Não permitimos a cópia ou reprodução do conteúdo do nosso site, fórum, newsletters e redes sociais, mesmo citando-se a fonte. Leia mais

×