Ir ao conteúdo
Entre para seguir isso  

Teste da Fonte de Alimentação Enermax ECO80+ 620 W

       
 36.537 Visualizações    Testes  
 10 comentários

A Enermax ECO 80+ 620 W possui uma ventoinha com rolamento magnético com pás em forma de asa de morcego para proporcionar baixo nível de ruído e que promete eficiência de até 86%.

Teste da Fonte de Alimentação Enermax ECO80+ 620 W
Gabriel Torres Editor executivo do Clube do Hardware

Introdução

A Enermax ECO80+ 620 W (EES620AWT) possui uma ventoinha com rolamento magnético com pás em forma de asa de morcego para proporcionar um baixo nível de ruído – design chamado “twister bearing” ou “rolamento tornado” pelo fabricante – e que promete eficiência de até 86%. Vejamos se ela é realmente um bom produto.

A fonte de alimentação testada é oficialmente um modelo de 620 W rotulado a 40° C (o que é ótimo), e a caixa do produto diz que esta fonte pode suportar até 680 W de pico. Isto é realmente bacana de se ver, pois alguns fabricantes fazem o contrário, ou seja, rotulam a fonte com sua potência de pico e então escrevem com letras miúdas na caixa do produto a real capacidade de potência da fonte seguida da palavra “contínuo”. Ponto para a Enermax.

Fonte de alimentação Enermax ECO 80+ 620 W
Figura 1: Fonte de alimentação Enermax ECO80+ 620 W.

Fonte de alimentação Enermax ECO 80+ 620 W
Figura 2: Fonte de alimentação Enermax ECO80+ 620 W.

As fontes ECO80+ não possuem sistema de cabeamento modular ao contrário dos produtos da série Liberty ECO do mesmo fabricante. Isto permitiu que a fonte testada fosse muito pequena, medindo apenas 14 cm de profundidade.

Como mencionamos, esta fonte tem uma ventoinha com “twister bearing” ou “rolamento tornado” em sua parte inferior, que é uma ventoinha com um rolamento magnético com pás em forma de asa de morcego. Este rolamento tem uma alta vida útil e reduz um pouco o nível de ruído (1-2 dBA), enquanto que a forma das pás aumenta o fluxo de ar em torno de 20-30% e também ajuda a reduzir o ruído. O formato arredondado da entrada de ar, chamado AirGuard pela Enermax, também ajuda a reduzir o nível de ruído.

Fonte de alimentação Enermax ECO 80+ 620 W
Figura 3: A ventoinha “rolamento tornado”.

Todos os cabos possuem uma proteção de nylon que parte de dentro da fonte de alimentação. Os cabos inclusos são:

  • Cabo principal da placa-mãe com um conector de 24 pinos (sem opção para conector de 20 pinos).
  • Um cabo com dois conectores ATX12V que juntos formam um conector EPS12V.
  • Um cabo de alimentação auxiliar para placas de vídeo com um conector de seis pinos.
  • Um cabo de alimentação auxiliar para placas de vídeo com um conector de seis/oito pinos.
  • Um cabo de alimentação SATA com quatro conectores.
  • Um cabo de alimentação para periféricos com três conectores padrões e um conector para a unidade de disquete cada.
  • Um cabo com dois conectores de alimentação SATA e dois conectores de alimentação para periféricos.

A quantidade de cabos é suficiente para o usuário que esteja montando um micro simples ou intermediário.

Todos os fios são 18 AWG, que é a bitola correta a ser usada. Todos os cabos são longos, medindo 56 cm entre a fonte de alimentação e o primeiro conector no cabo, mas apenas 10 cm entre cada conector nos cabos que têm mais de um conector. Nós achamos que a Enermax poderia ter dado mais espaço entre os conectores.

Fonte de alimentação Enermax ECO 80+ 620 W
Figura 4: Cabos.

Vamos agora dar uma olhada no interior desta fonte de alimentação.

Compartilhar



  Denunciar Artigo
Entre para seguir isso  

Comentários de usuários


"Como você pode ver a Enermax poderia ter rotulado esta fonte como sendo de 750 W, mas eles decidiram não fazer isso provavelmente por causa de eficiência, que cai para abaixo de 80% caso você extraia mais de 620 W dela."

Isso sim é respeito aos consumidores :D

Parabéns Enermax

Vlew CDH por mais um teste visando mostrar produtos de qualidade:cool:

Compartilhar este comentário


Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

Ótima fonte, o problema, pra variar, é o preço por aqui..

Minha FMA II foi importada nos tempos de dólar alto e ficou mais barata que a maioria das populares boas da época.

Foi 1/3 do preço dela aqui no Brasil na época.. estas eco custam mais caro ainda.

Compartilhar este comentário


Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

É um ótimo produto! Só senti falta de mais 2 conectores pci-e. Acredito que, com 620W, ela possa alimentar mais do que uma unica placa!

E nem vou comentar sobre o preço dela aqui :mellow:

Compartilhar este comentário


Link para o comentário
Compartilhar em outros sites
É um ótimo produto! Só senti falta de mais 2 conectores pci-e. Acredito que, com 620W, ela possa alimentar mais do que uma unica placa!

E nem vou comentar sobre o preço dela aqui :mellow:

Devem ter feito isso pra "forçar" as pessoas a usarem a fonte dentro de sua melhor eficiência..

Se bem que ela toparia um CF de 4850/ SLI de GTS 250..

Compartilhar este comentário


Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

Pois é, foi nessas placas que eu pensei, mas nem comentei da GTS250 porque sabia que ela ela só tinha 1 conector de alimentação, mas achei que a HD 4850 tivesse 2, mas é só 1 também! Nesse caso ela "topa" um CF ou SLI!

Compartilhar este comentário


Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

é claro q ela aguentaria fácil um SLI / Crossfire + quad core. é difícil um PC passar de 600W de consumo, mesmo em jogos ou ediçao de video.

Compartilhar este comentário


Link para o comentário
Compartilhar em outros sites
é claro q ela aguentaria fácil um SLI / Crossfire + quad core. é difícil um PC passar de 600W de consumo, mesmo em jogos ou ediçao de video.

Sim sim, mas tem a eficiência.. pra você eu sei que isso conta :D

Compartilhar este comentário


Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

O modelo de 350W com preço justo e não com aqueles preços absurdos da WAZ, seria ótimo para o Brasil. Toda a série Eco 80 da Enermax pode ser encontrada facilmente em qualquer loja dos EUA e da Europa, mas por enquanto, cá no Brasil, nada. Nenhuma.

Compartilhar este comentário


Link para o comentário
Compartilhar em outros sites


Crie uma conta ou entre para comentar

Você precisar ser um membro para fazer um comentário






Sobre o Clube do Hardware

No ar desde 1996, o Clube do Hardware é uma das maiores, mais antigas e mais respeitadas publicações sobre tecnologia do Brasil. Leia mais

Direitos autorais

Não permitimos a cópia ou reprodução do conteúdo do nosso site, fórum, newsletters e redes sociais, mesmo citando-se a fonte. Leia mais

×