Ir ao conteúdo
Entre para seguir isso  

Teste da Fonte de Alimentação iMicro PS-IM400WH

       
 29.227 Visualizações    Testes  
 22 comentários

Vamos conferir o desempenho desta fonte de alimentação de baixo custo.

Teste da Fonte de Alimentação iMicro PS-IM400WH
Gabriel Torres Editor executivo do Clube do Hardware

Introdução

Hoje nós testaremos a iMicro PS-IM400WH, uma fonte de alimentação que custa aqui no Brasil R$ 35. Ou ela é muito vagabunda ou é uma excelente barganha. Isso é o que iremos descobrir ao final deste teste.

iMicro PS-IM400WH
Figura 1: Fonte de alimentação iMicro PS-IM400WH

iMicro PS-IM400WH
Figura 2: Fonte de alimentação iMicro PS-IM400WH

A iMicro PS-IM400WH usa o mesmo desenho das primeiras fontes ATX, com 14 cm de profundidade e ventoinha de mancal de 80 mm em sua parte traseira, além de ser baseada na obsoleta topologia meia-ponte.

Por ser um produto de baixo custo, ela não tem circuito PFC, sistema de cabeamento modular ou proteção de nylon nos cabos. Todos os fios são 20 AWG, isto é, são mais finos do que o mínimo recomendado (18 AWG). Os cabos inclusos são:

  • Cabo principal da placa-mãe com conector de 20/24 pinos, 30 cm de comprimento
  • Um cabo com um conector ATX12V, 34 cm de comprimento
  • Um cabo com um conector de alimentação SATA, 30 cm de comprimento
  • Um cabo com dois conectores de alimentação para periféricos, 31 cm até o primeiro conector e 15 cm entre os conectores
  • Um cabo com dois conectores de alimentação para periféricos e um conector de alimentação para unidades de disquete, 31 cm até o primeiro conector e 15 cm entre os conectores

A quantidade de cabos é ridícula, com apenas um conector SATA e nenhum cabo de alimentação para placas de vídeo. Esta configuração não é suficiente nem mesmo para montar um micro extremamente simples, já que você precisará de pelo menos dois conectores de alimentação SATA, um para a unidade óptica e outro para o disco rígido. Os cabos também são muito curtos.

iMicro PS-IM400WH
Figura 3: Cabos

Vamos agora dar uma olhada no interior desta fonte de alimentação.

Editado por

Compartilhar



  Denunciar Artigo
Entre para seguir isso  

Comentários de usuários


Oh, que novidade ! /ironia

Ok, por 35 mangos não dá pra se esperar muito, mas será que fica tão mais caro pra fabricarem uma fonte no mínimo decente ?

Compartilhar este comentário


Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

Encontrei um erro no teste:

"A iMicro PS-IM400WH não é uma fonte de alimentação de 400 W, como suspeitávamos."

Acho que a frase correta é: "A iMicro PS-IM400WH não é uma fonte de alimentação, como suspeitávamos."

:D

Compartilhar este comentário


Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

HAHAHAHAHA!!! Ri muito :P

É um absurdo, mesmo com o CDH mostrando nos testes essas "fontes" (se é que podemos chamar de fonte) o fabricante continua vendendo o produto...

E com a maior cara de pau, vejo vendedores de lojas renomadas empurrando esse tipo de "fonte"... é lastimavel.

Compartilhar este comentário


Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

Mais uma das já não poucas fontes reprovadas em todos os testes. Fabricada por uma tal de HPC INT'L LTD, segundo o registro UL. A curiosidade fica por conta dos raros capacitores BH e LCZ também utilizados pelas fontes 3RSsystem.

Compartilhar este comentário


Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

O problema é "enfiar" na cabeças dos consumidores que isso é uma BOMBA... eu venho tentando...

O bom é que o Clube do Hardware é um argumento muito forte ;]

Parábens pelo trabalho

Compartilhar este comentário


Link para o comentário
Compartilhar em outros sites
O problema é "enfiar" na cabeças dos consumidores que isso é uma BOMBA... eu venho tentando...

O bom é que o Clube do Hardware é um argumento muito forte ;]

Parábens pelo trabalho

Mesmo assim tem uns gênios que falam:

"qualquer um pode escrever algo e botar na internet. isso deve ta tudo errado"

Ô vontade de mandar..... ler direito :D

O pior seria uma fonte dessas + Estabilizador + instalação elétrica antiga + pino do fio terra quebrado.

Infelizmente não deve ser tão difícil achar essa combinação...

Compartilhar este comentário


Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

Achei que o Gabriel foi até generoso quando escreveu "O problema com esse tipo de fonte vagabunda" .... Claro que se utilizasse o adjetivo "mais apropriado" para descreve-la acho que o artigo nem poderia ser publicado ..... Concordo com o amigo Evandro, por R$ 35,00 não se pode esperar muito, mas o mínimo que se espera de uma empresa é que ela entregue um produto descente por um preço justo, se as empresas aprendessem uma simples conta custo x beneficio acho que todos sairiamos ganhando, consumidor, empresa, meio ambiente, sociedade, etc ...

Editado por omni Ferius
correção ortográfica

Compartilhar este comentário


Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

Se todos os sites fossem imparciais e diretos como CdH as pessoas ficariam mais instruídas para evitar essas tranqueiras. Dá gosto ler os teste e saber que você pode confiar no que está escrito. Meu PC da assinatura foi montado com base nos testes do site e estou satisfeitíssimo!!!

Agora falando do teste, o cara tem que ser muito burro ou ingênuo para achar que está fazendo bom negócio comprando uma fonte de 35 reais em pleno Brasil!! Meu Deus....leva eles....

Compartilhar este comentário


Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

Êita meu Deus... Será que nenhuma empresa que fabrica fontes de baixo custo vai colocar um dia uma fonte decente no mercado?

Parabéns ao Esquadrão anti bombas ou, quero dizer, ao CDH por mais um teste:D.

Valeu!!!

Compartilhar este comentário


Link para o comentário
Compartilhar em outros sites
Mesmo assim tem uns gênios que falam:

"qualquer um pode escrever algo e botar na internet. isso deve ta tudo errado"

Ô vontade de mandar..... ler direito :D

Essa regra é muito válida. A diferença é que aqui tem um enorme detalhe chamado Gabriel Torres.

Mas é fato que tem muito "entendido" por ai escrevendo altas bombas na internet. E o pior de tudo é que tem um monte de gente que acredita.

Compartilhar este comentário


Link para o comentário
Compartilhar em outros sites
Mesmo assim tem uns gênios que falam:

"qualquer um pode escrever algo e botar na internet. isso deve ta tudo errado"

Ô vontade de mandar..... ler direito :D

Essa regra é muito válida. A diferença é que aqui tem um enorme detalhe chamado Gabriel Torres.

Mas é fato que tem muito "entendido" por ai escrevendo altas bombas na internet. E o pior de tudo é que tem um monte de gente que acredita.

Compartilhar este comentário


Link para o comentário
Compartilhar em outros sites
Mesmo assim tem uns gênios que falam:

"qualquer um pode escrever algo e botar na internet. isso deve ta tudo errado"

Ô vontade de mandar..... ler direito :D

Essa regra é muito válida. A diferença é que aqui tem um enorme detalhe chamado Gabriel Torres.

Mas é fato que tem muito "entendido" por ai escrevendo altas bombas na internet. E o pior de tudo é que tem um monte de gente que acredita.

Compartilhar este comentário


Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

Um dia perguntei a um amigo sobre qual fonte ele usava no pc e ele respondeu:

"Ahh fonte é aquele bagulho que custa 50 reais?"

Compartilhar este comentário


Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

Um dia perguntei a um amigo sobre qual fonte ele usava no pc e ele respondeu:

"Ahh fonte é aquele bagulho que custa 50 reais?"

Compartilhar este comentário


Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

Um dia perguntei a um amigo sobre qual fonte ele usava no pc e ele respondeu:

"Ahh fonte é aquele bagulho que custa 50 reais?"

Compartilhar este comentário


Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

Por 40 pilas nem que a fábrica vendesse a preço de custo sairia coisa boa. Não podemos esperar milagres com essas fontes. O que deveria acontecer e parar de se fazer essas bombas e fabricas fontes verdadeiras.

Falowwww ae.PANAO

Compartilhar este comentário


Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

Mas será que se eles vendessem a 60 mas uma fonte de 150W de qualidade e se acabassem as fontes podres, o custo não diminuiria ?

Compartilhar este comentário


Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

De certo XITA os preços diminuiriam sim, mas isso não vai em direção ao interesse das empresas pois quem está procurando hoje uma fonte de 200W e com qualidade fica obrigado a comprar uma fonte de 400 ou 450W gastando nisso pelo menos 170 pilas.

Para que uma fonte desse preço e com essa faixa de potência e com qualidade teria que ser feita aqui no Brasil para que haja redução no preço de transporte, impostos e tal, mas pelo que vemos as fabricantes estão apenas pensando em montar bombas e não fontes.

Falowwww ae.PANAO

Compartilhar este comentário


Link para o comentário
Compartilhar em outros sites


Crie uma conta ou entre para comentar

Você precisar ser um membro para fazer um comentário






Sobre o Clube do Hardware

No ar desde 1996, o Clube do Hardware é uma das maiores, mais antigas e mais respeitadas publicações sobre tecnologia do Brasil. Leia mais

Direitos autorais

Não permitimos a cópia ou reprodução do conteúdo do nosso site, fórum, newsletters e redes sociais, mesmo citando-se a fonte. Leia mais

×