Ir ao conteúdo
Entre para seguir isso  

Teste da Fonte de Alimentação Max Power MP-550-RSTD

       
 42.114 Visualizações    Testes  
 16 comentários

Será que esta Max Power de 550 W presta? É o que vamos descobrir.

Teste da Fonte de Alimentação Max Power MP-550-RSTD
Gabriel Torres Editor executivo do Clube do Hardware

Introdução

Estamos testando hoje mais uma fonte de baixo custo de uma marca nacional, a Max Power MP-550-RSTD de 550 W. Vamos ver como ela se sai em nossos testes.

Assim como a Max Power MP-230-RSTD, este modelo de 550 W é fabricado por uma obscura empresa chinesa chamada KK Power Tech, sendo o modelo KK9966D-550W deste fabricante. Nós já testamos outro modelo da marca, o SP-ATX-420WTN-BR1 de 420 W, que é de outro fornecedor.

Max Power MP-550-RSTD
Figura 1: Fonte de alimentação Max Power MP-550-RSTD.

Max Power MP-550-RSTD
Figura 2: Fonte de alimentação Max Power MP-550-RSTD.

A Max Power MP-550-RSTD tem 14 cm de profundidade e uma ventoinha de 120 mm em sua parte inferior. Ela não possui circuito PFC, mas incrivelmente ela é baseada na moderna topologia de chaveamento direto com dois transistores. Esta é a terceira fonte que vemos que não tem circuito PFC mas é baseada nesta topologia – as duas primeiras foram a iCEAGE IA450HP80 e a iCEAGE IA500HP80 da 3R System. Falaremos mais sobre isto quando analisarmos o primário desta fonte. Desta forma, internamente ela é completamente diferente do modelo de 230 W que analisamos anteriormente.

Ela não tem nenhum sistema de cabeamento modular e apenas o cabo principal da placa-mãe tem proteção de nylon. Todos os fios são 18 AWG, isto é, usam a bitola recomendada. Os cabos inclusos são:

  • Cabo principal da placa-mãe com conector de 20/24 pinos (41 cm).
  • Um cabo com dois conectores ATX12V que juntos formam um conector EPS12V (42 cm).
  • Um cabo com um conector de seis/oito pinos para placas de vídeo (42 cm).
  • Dois cabos com dois conectores de alimentação SATA cada (42 cm até o primeiro conector, 15 cm entre conectores).
  • Um cabo com dois conectores de alimentação para periféricos e um conector de alimentação para unidades de disquete (43 cm até o primeiro conector, 15 cm entre conectores).

Nós achamos o número de conectores baixo para um produto de 550 W; sentimos falta de um segundo conector para placas de vídeo e pelo menos mais dois conectores para periféricos. Seria bom também ver seis conectores SATA em vez de quatro em um produto rotulado como sendo de 550 W.

Max Power MP-550-RSTD
Figura 3: Cabos.

Vamos agora dar uma olhada no interior desta fonte de alimentação.

Compartilhar



  Denunciar Artigo
Entre para seguir isso  

Comentários de usuários


Que pena... por pouco essa fonte poderia ser uma boa pedida tb! Alguns cabos a mais e rotulada a +/- 400W ja estava legal!

Só pra avisar... tem dois links trocados na pagina 1 do teste!

Editado por =insane=

Compartilhar este comentário


Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

Selo de produto-bomba nela é mais do que justificado:

"A Max Power MP-550-RSTD não é uma fonte de 550W. Ela queimou durante o nosso teste 18, quando puxamos cerca de 500W dela. O componente que queimou foi um dos retificadores de +12V".

Preço baixo não serve como desculpa. Se promete 550W e queima com 500W, oferecendo de maneira decente apenas 450W, coloca em risco o computador.

Compartilhar este comentário


Link para o comentário
Compartilhar em outros sites
Guest germano95

(editado) · Denunciar

Fiquei surpreso por nao levar o selo bomba, :confused:

Só pra avisar... tem dois links trocados na pagina 1 do teste!

Os link trocado sao e

iCEAGE IA450HP80 esta linkando para o teste da Max Power MP-230-RSTD

iCEAGE IA500HP80 esta linkando para o teste da iCEAGE IA450HP80

e na frase

Desta forma, internamente ela é completamente diferente do modelo de 230 W que analisamos anteriormente.

que esta linkando errado para o teste da 500w 3r System Iceage.

"Correge ai pra nois" =)

Editado por germano95
Complementos.

Compartilhar este comentário


Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

Fonte rotulada com 550W mas que queima aos 500 e com menos do que isso já apresenta ruído e oscilação acima do permitido...

Fica a pergunta: CADÊ O SELO DE PRODUTO BOMBA???

Vocês tão amolecendo? Não percam a credibilidade!

PHAS

Editado por Phas

Compartilhar este comentário


Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

A C3 Tech DSA5060 é uma fonte melhor que essa recebeu o selo de Produto Bomba.

Ou tiram o selo da DSA5060 ou põe o selo nessa Maxpower!

Compartilhar este comentário


Link para o comentário
Compartilhar em outros sites
Fonte rotulada com 550W mas que queima aos 500 e com menos do que isso já apresenta ruído e oscilação acima do permitido...

Fica a pergunta: CADÊ O SELO DE PRODUTO BOMBA???

Vocês tão amolecendo? Não percam a credibilidade!

PHAS

Concordo.. esse precisava de BOMBA!

De preferência com um explosão (pode colocar uma bomba dentro dela e filmar) pra ficar mais dramático :lol:

Compartilhar este comentário


Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

Este comentário na última página resume muito bem a realidade de muitas fontes "nacionais":

O problema é que não entendemos porque determinados empresários brasileiros gostam de estragar algo que poderia ser excepcional.

É a famosa "potenciolite aguda" do brasileiro, achar que fonte com maior potência é melhor.

Compartilhar este comentário


Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

Queimou abaixo da potência rotulada e não levou selo de Produto Bomba ????

E se essa fonte estivesse em um pc que "puxasse os 500W" o que teria acontecido com a máquina .... todo mundo sabe.

Compartilhar este comentário


Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

O problema dessa fonte é que ela não é honesta, promete algo que não cumpre... Ou seja, tenta enganar o consumidor... sem contar que custa caro.

Mas é bom ver que algumas empresas "tentam" fazer algo melhor... isso já é o começo.

Compartilhar este comentário


Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

Se ela queimou componentes eletrônicos ao entregar menos da potência máxima, por quê não foi taxada como 'Produto Bomba'?

A queima de componentes do secundário pode trazer surtos nas outras linhas de tensões.

Compartilhar este comentário


Link para o comentário
Compartilhar em outros sites
Que pena... por pouco essa fonte poderia ser uma boa pedida tb! Alguns cabos a mais e rotulada a +/- 400W ja estava legal!

Pois é... Frustrante!

Só pra avisar... tem dois links trocados na pagina 1 do teste!

Obrigado por avisar, acabei de corrigir!

Selo de produto-bomba nela é mais do que justificado:

"A Max Power MP-550-RSTD não é uma fonte de 550W. Ela queimou durante o nosso teste 18, quando puxamos cerca de 500W dela. O componente que queimou foi um dos retificadores de +12V".

Preço baixo não serve como desculpa. Se promete 550W e queima com 500W, oferecendo de maneira decente apenas 450W, coloca em risco o computador.

Foi puro esquecimento, corrigido!

Compartilhar este comentário


Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

Da a impressão que esses "caras" liberam as fontes sem testar, fazem uma consulta com a Mãe Diná para ela dizer qual é a potência da fonte e poe o que ela responde. Eles tem preguiça para fazer algo como colocar a bomba num testador de carga e ver até onde vai. Que tosco!!.

Falou ae.PANAO.

Editado por PANÃO

Compartilhar este comentário


Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

para uma fonte de até 450w ela ta dentro do limite, o preco nao e ruim para entregar uns 400w acho que 142,00 ta de bom tamanho!

O problema e que existem fontes muito melhores que esta, pouca coisa mais caras apenas!

Compartilhar este comentário


Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

eu cai na besteira de comprar uma de 350w desta mesma marca, nem era pra ligar num PC muito potente, era pra ligar na seguinte maquina:

Processador P4 3.2Ghz HT (núcleo pescott, rodando a 2.8ghz)

Placa-mãe asus P4V8X-X com 1GB de ram DDR 400 rodando a 400mhz

1 HD SATA 150 de 250GB seagate e 1 HD PATA de 160GB, duas placas de rede da realtech mais uma placa de video PCI sis.

bom, uso esta maquina como meu servidor da minha rede domestica, recentemente a fonte generica delde fritou então tive q comprar uma nova, não podendo comprar uma mais cara, cai na besteira de comprar uma MP-350-RSTD, bom, bastou somente 15 ligada direto para ela simplesmente fritar... do nada, não teve variação nenhuma na minha rede, as minhas outras maquinas aqui com fontes genericas estão funcionando perfeitamente, só a minha maquina da assinatura q tem uma seventeal 420w... detalhe que e~u tinha pesquisado aq antes para saber da qualidade da fonte...

ou seja gato por lebre esta fonte...

Compartilhar este comentário


Link para o comentário
Compartilhar em outros sites


Crie uma conta ou entre para comentar

Você precisar ser um membro para fazer um comentário






Sobre o Clube do Hardware

No ar desde 1996, o Clube do Hardware é uma das maiores, mais antigas e mais respeitadas publicações sobre tecnologia do Brasil. Leia mais

Direitos autorais

Não permitimos a cópia ou reprodução do conteúdo do nosso site, fórum, newsletters e redes sociais, mesmo citando-se a fonte. Leia mais

×