Ir ao conteúdo
Entre para seguir isso  

Teste da Fonte de Alimentação Pixxo PK-300

       
 67.964 Visualizações    Testes  
 17 comentários

É hora de testarmos mais uma fonte de baixo custo, a Pixxo PK-300, comercializada no Brasil pela mesma empresa por trás das fontes Dr. Hank. Será que presta?

Teste da Fonte de Alimentação Pixxo PK-300
Gabriel Torres Editor executivo do Clube do Hardware

Introdução

É hora de testarmos mais uma fonte de baixo custo, a Pixxo PK-300, uma fonte de 300 W comercializada Brasil pela mesma empresa por trás das fontes Dr. Hank, a Home Tech. Assim como as fontes Dr. Hank, as fontes Pixxo são fabricadas pela empresa KME. De acordo com Home Tech, a KME e a sua subdiária K-MEX (que está presente no Brasil) não comercializam esta fonte usando a marca deles.

Ao recebermos a fonte a primeira coisa que reparamos foi a caixa em português de tradutor on-line (“baixo ruído acústico de fonte alimentação” em vez de “fonte de alimentação de baixo ruído acústico”, etc). De acordo com a Home Tech isto será corrigido no próximo lote.

Pixo PK-300
Figura 1: Fonte de alimentação Pixxo PK-300.

Pixo PK-300
Figura 2: Fonte de alimentação Pixxo PK-300.

A Pixxo PK-300 tem 14 cm de profundidade usando uma ventoinha de 120 mm em sua parte inferior e baseada na topologia meia-ponte, sem circuito PFC ativo. Assim como outras fontes da K-Mex/KME/Dr. Hank, a Pixxo PK-300 tem uma saída de +5 V em sua parte traseira para alimentar dispositivos externos.

Apenas o cabo principal da placa-mãe possui proteção de nylon, que parte de dentro da fonte, como você pode conferir na Figura 1. Todos os fios são 18 AWG, que é a bitola correta a ser usada. Pelo menos aqui o fabricante fez algo decente. A reduzida quantidade de cabos corresponde a um produto de baixo custo. Ela vem com:

  • Cabo principal da placa-mãe com conector de 20/24 pinos.
  • Um cabo com um conector ATX12V.
  • Um cabo com um conector de seis pinos para placas de vídeo.
  • Um cabo de alimentação SATA com dois conectores.
  • Um cabo de alimentação para periféricos com dois plugues padrão e um conector para unidades de disquete.
  • Um cabo de alimentação para periféricos com dois plugues padrão.

Esta fonte, ao contrário de várias outras fontes de baixo custo, vem com um cabo de alimentação para placas de vídeo.

Os cabos são ridiculamente curtos, medindo apenas 35 cm entre a carcaça da fonte e o primeiro conector do cabo, tornando impossível a instalação desta fonte em gabinetes do tipo “full tower” ou gabinetes torre média onde a fonte fica na parte inferior. Cabos com mais de um conector possuem 15 cm de distância entre os conectores.

Pixo PK-300
Figura 3: Cabos.

Analisando atentamente o cabo principal da placa-mãe achamos uma raridade: o fio branco de -5 V! Este fio foi eliminado na revisão 1.2 do padrão ATX12V em janeiro de 2002, portanto estamos falando de uma fonte que foi originalmente projetada antes desta data. Ou seja, fonte com projeto antigo “recauchutada”.

Vamos agora dar uma olhada no interior desta fonte de alimentação.

Editado por

Compartilhar



  Denunciar Artigo
Entre para seguir isso  

Comentários de usuários


A fonte não possui circuito OCP, portanto ela é barramento único, a etiqueta é do tipo "engana-trouxa". Vou adicionar essa informação no teste, obrigado.

Abraços,

Gabriel.

Compartilhar este comentário


Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

que rápido! já atualizou lá. o GT está frenético hoje, postando muitos testes. esses de fontes bombas são os mais divertidos (na verdade tristes) de ler, sem dúvida.

Compartilhar este comentário


Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

Mais uma fonte bomba, infelizmente fontes desse gênero o mercado brasileiro está cheio...

Só uma pequena correção, essa fonte ficou na categoria armazenamento e não energia no site, no resto ótimo teste, não só dessa como de todas as fontes.

Compartilhar este comentário


Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

Hehe que beleza + uma "fonte terrorista" ai no nosso mercado (sim terrorista, faz BUM e leva um monte de coisa junto uhauahuauh). E o que dá medo é imaginar que essas devem ser muito vendidas em lojas pequenas. Quanta gente por aí não deve ter uma dessas e nem sabe o perigo q ta passando de dar ADIOS pro PC =(

Compartilhar este comentário


Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

A eficiência "até não foi das piores", porém os nivel de oscilação e ruido foram horrivies! E outra coisa... de que adianta um cabo de alimentação para VGAs se mesmo um pc "simples" como esse meu, puxa cerca de 200W/250W em carga máxima?

Tipico produto engana trouxa... merecido o selo :D

Compartilhar este comentário


Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

Mais um lixo sendo desmascarado, não sei como esses fabricantes tem a coragem de fabricar e passar essa bomba para o consumidor, ainda bem que existe o CDH que desmacara esses lixos.

Compartilhar este comentário


Link para o comentário
Compartilhar em outros sites
que rápido! já atualizou lá. o GT está frenético hoje, postando muitos testes. esses de fontes bombas são os mais divertidos (na verdade tristes) de ler, sem dúvida.

Eu tb adoro ver esses testes de fonte bomba...

Compartilhar este comentário


Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

Poxa, pena que não explodiu! O que mais me diverte nesses lixos é quando explode, não perco um vídeo... rsrsrsrs

Não sei o que leva um ser usar e/ou vender uma fonte como essa! É o mesmo que jogar o equipamento no lixo, só que brincando de roleta russa!

Parabéns a equipe do CdH!

Compartilhar este comentário


Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

Saudações,

Explosão, explosão, explosão, explosão, explosão!!! O povo pede, o povo clama!!!

Ah vai, faz sair fumacinha **!!

Amplexos

Editado por Pierre C.

Compartilhar este comentário


Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

Mas poxa, não podia ser uma empresa honesta e dizer que a fonte é de 200w? não interessa se vende ou não que diga 300w de pico e 200w... mas não a desonestidade do brasileiro é uma coisa de louco...

Faz de tudo para um jeitinho... empresarios do caramba!

Editado por Pierre C.

Compartilhar este comentário


Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

Acho que o desfecho do teste poderia ter sido melhor na última página. Foi praticamente copiado boa parte dos comentários da página 7, na última. Claro que não há muito o que dizer, mas ficaria bem melhor.

Abraço

Compartilhar este comentário


Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

a marca dessa fonte não deveria ser pixo e sim lixo

ASUS CROSSHAIR III FORMULA

AMD PHENOM II 910

2 GB DDR3 CORSAIR XMS3(VOU AUMENTAR PARA 8GB)

400GB SEAGATE-SATA II

ATI RADEON HD 3850 OVERCLOCKED EDITION

COOLER MASTER CM SPHERE.

Compartilhar este comentário


Link para o comentário
Compartilhar em outros sites


Crie uma conta ou entre para comentar

Você precisar ser um membro para fazer um comentário






Sobre o Clube do Hardware

No ar desde 1996, o Clube do Hardware é uma das maiores, mais antigas e mais respeitadas publicações sobre tecnologia do Brasil. Leia mais

Direitos autorais

Não permitimos a cópia ou reprodução do conteúdo do nosso site, fórum, newsletters e redes sociais, mesmo citando-se a fonte. Leia mais

×