Vídeo: Por que não devemos usar estabilizadores de tensão

       
 119.994 Visualizações    Vídeos  
 175 comentários

Neste videotutorial, nós explicamos de forma bastante técnica e detalhada os principais motivos pelos os quais você não deve utilizar estabilizadores de tensão, uma mania tipicamente brasileira. Confira.

Gabriel Torres Editor executivo do Clube do Hardware

Neste videotutorial, nós explicamos de forma bastante técnica e detalhada os principais motivos pelos os quais você não deve utilizar estabilizadores de tensão, uma mania tipicamente brasileira. Confira.

Nota: nossos videotutoriais são Full HD, portanto você pode assistir em tela cheia com a maior qualidade possível; não se esqueça de modificar a configuração de resolução do vídeo clicando no ícone de engrenagem. 

Compartilhar




Comentários de usuários




Pleno 2014 e me aparece nos vídeos relacionados um zé coitado recomendando estabilizadores no iutubiu.

 

Vamos ver se com figuras eles entendem agora.

2 pessoas curtiram isso

Compartilhar este comentário


Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

Já fui criticado por não recomendar o uso do estabilizador, talvez agora as pessoas vejam que estão levando uma bomba pra casa. E isso também vale para os 'módulos isoladores', não? Mas o que eu sempre quis saber, é se vale comprar esses no-breaks 'comuns' que temos aqui no mercado, ou se eles irão também prejudicar o funcionamento do meu computador?

 

Obrigado por mais um artigo de qualidade! Espero que o canal do Youtube cresça cada vez mais.

3 pessoas curtiram isso

Compartilhar este comentário


Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

Bacana!! mas devemos abandonar o filtro de linha, também? ou ele tem o seu valor?

Compartilhar este comentário


Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

Bacana!! mas devemos abandonar o filtro de linha, também? ou ele tem o seu valor?

Se não for um desses ocos por dentro, um de uns 50 reais já tá bom.

Compartilhar este comentário


Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

Se não for um desses ocos por dentro, um de uns 50 reais já tá bom.

É, esses baratinhos não inspiram muita confiança. Você tem experiência com alguma marca boa que vende esses filtros de linha?

Compartilhar este comentário


Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

É, esses baratinhos não inspiram muita confiança. Você tem experiência com alguma marca boa que vende esses filtros de linha?

 

No tópico onde começou esse movimento do "não usem estabilizadores" e aqui no fórum mesmo tem várias recomendações, mas de cabeça posso te dizer que TS Shara e SMS brazucas tem qualidade razoável e preço acessível.

2 pessoas curtiram isso

Compartilhar este comentário


Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

Já fui criticado por não recomendar o uso do estabilizador, talvez agora as pessoas vejam que estão levando uma bomba pra casa. E isso também vale para os 'módulos isoladores', não? Mas o que eu sempre quis saber, é se vale comprar esses no-breaks 'comuns' que temos aqui no mercado, ou se eles irão também prejudicar o funcionamento do meu computador?

 

Obrigado por mais um artigo de qualidade! Espero que o canal do Youtube cresça cada vez mais.

 

Senta que lá vem história. ;)

 

http://forum.clubedohardware.com.br/topic/827485-no-break-realmente-%C3%A9-a-salva%C3%A7%C3%A3o/

3 pessoas curtiram isso

Compartilhar este comentário


Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

E no caso de No-Breaks o que devo fazer? Ele sempre me salva!

 

 

Leia o post acima do seu. :)

1 pessoa curtiu isso

Compartilhar este comentário


Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

Bacana!! mas devemos abandonar o filtro de linha, também? ou ele tem o seu valor?

 

Filtros de linha são apenas uma proteção extra para se proteger de eventuais surtos que possam danificar a fonte (como descargas provenientes de raios), no entando

como disse o Gabriel você pode ligar seu equipamento diretamente na tomada sem nenhum receio. Vale ressaltar claro a importância de um bom aterramento na tomada.

 

Existem profissionais da área de informática que estão extremamente "atrasados". Já fui ciritcado até mesmo por professores em relação a minha postura quanto aos estabilizadores.

A falta de conhecimento é extrema nesse mundo, e infelizmente temos os famigerados "técnicos" que ainda recomendam essas porcarias.

Parabéns ao Gabriel e toda equipe pela matéria.

Editado por NIGHT FALL
4 pessoas curtiram isso

Compartilhar este comentário


Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

Muito bom o vídeo, gostei bastante. Mas agora vem outro problema, achar fontes de qualidade para substituir essas genéricas, no mercado brasileiro nem deve existir uma fonte de 200W por exemplo de boa qualidade, só encontramos fontes boas acima de 350W, e usar uma dessas em um computador simples usado apenas para internet é um desperdício de watts.

Compartilhar este comentário


Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

Muito bom o vídeo, gostei bastante. Mas agora vem outro problema, achar fontes de qualidade para substituir essas genéricas, no mercado brasileiro nem deve existir uma fonte de 200W por exemplo de boa qualidade, só encontramos fontes boas acima de 350W, e usar uma dessas em um computador simples usado apenas para internet é um desperdício de watts.

 

Antes desperdiçar grana numa boa fonte que ter de comprar tudo novo porque simplesmente queimava tudo com pico de luz no estabilizador sem-vergonha e fonte xing-ling.

Passei anos achando que era fatalidade perder placa-mãe, RAM e HDs por causa disso, hoje fico bobo como até a luz apaga mas o PC continua ligado em queda de luz, e a fonte que comprei nem é o pico do luxo, foi uma de 450W.

2 pessoas curtiram isso

Compartilhar este comentário


Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

Antes desperdiçar grana numa boa fonte que ter de comprar tudo novo porque simplesmente queimava tudo com pico de luz no estabilizador sem-vergonha e fonte xing-ling.

Passei anos achando que era fatalidade perder placa-mãe, RAM e HDs por causa disso, hoje fico bobo como até a luz apaga mas o PC continua ligado em queda de luz, e a fonte que comprei nem é o pico do luxo, foi uma de 450W.

Tem essa questão que acabei esquecendo de citar, mas veja bem, para o consumidor comum, que compra um computador de 800 reais, acha que ele irá comprar uma fonte de 150~200 reais? Existe um buraco no mercado para fontes de qualidade com baixa potencia. Praticamente todos aqui no forum ja conhecem esse assunto fontes x estabilizadores, mas os usuários comuns os "leigos" não tem a minima noção sobre isso, muitos só querem o computador funcionando só isso, ja quase apanhei falando que estabilizador não serve para nada. Convencer eles a retirar o estabilizar e continuar usando uma fonte genérica é trocar 6 por meia dúzia.

Compartilhar este comentário


Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

Muito bom o vídeo, gostei bastante. Mas agora vem outro problema, achar fontes de qualidade para substituir essas genéricas, no mercado brasileiro nem deve existir uma fonte de 200W por exemplo de boa qualidade, só encontramos fontes boas acima de 350W, e usar uma dessas em um computador simples usado apenas para internet é um desperdício de watts.

 

O problema é o mercado não querer pagar R$ 100 numa fonte de 200W boa só porque consegue uma de 600 W por 70 pratas..

 

Enquanto a cabeça do consumidor não mudar, isso vai continuar assim, infelizmente.

 

----

 

Chefia, gostei bastante do vídeo, muito boa iniciativa e execução !

 

Agora, aos comentários. :rolleyes:

 

1- Compre um microfone de lapela, por favor, no começo aqui eu só ficava rindo e lembrando dele:

rc.png

 

Foi mal. :hehehe:

 

2- Nos próximos vídeos, quando você começar a falar de projetos eletrônicos ou detalhes de uma arquitetura de processador, por exemplo, use cortes da imagem diagramas e esquemas, como você fez pra mostrar os componentes da fonte.

 

3- Use uma linha mais grossa nas setas, dependendo de onde estamos assistindo (como num celular), pode ficar difícil a visualização.

 

4- Linke outros vídeos tutoriais e/ou artigos do CDH (com aqueles balõezinhos do YT) quando você fala de algo que já explicou antes, como, por exemplo, o que é um primário, um circuito de chaveamento.. aí os curiosos que se aventuraram a assistir a parte maior do filme sem saberem eletrônica podem entender melhor a situação.

 

Ademais, muito bom !

T+ !

Tem essa questão que acabei esquecendo de citar, mas veja bem, para o consumidor comum, que compra um computador de 800 reais, acha que ele irá comprar uma fonte de 150~200 reais? Existe um buraco no mercado para fontes de qualidade com baixa potencia. Praticamente todos aqui no forum ja conhecem esse assunto fontes x estabilizadores, mas os usuários comuns os "leigos" não tem a minima noção sobre isso, muitos só querem o computador funcionando só isso, ja quase apanhei falando que estabilizador não serve para nada. Convencer eles a retirar o estabilizar e continuar usando uma fonte genérica é trocar 6 por meia dúzia.

 

O problema é o custo de fabricação e distribuição de uma boa fonte, não sei se dá pra ficar abaixo de R$ 90. =/

Editado por Evandro
8 pessoas curtiram isso

Compartilhar este comentário


Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

Tem essa questão que acabei esquecendo de citar, mas veja bem, para o consumidor comum, que compra um computador de 800 reais, acha que ele irá comprar uma fonte de 150~200 reais? Existe um buraco no mercado para fontes de qualidade com baixa potencia. Praticamente todos aqui no forum ja conhecem esse assunto fontes x estabilizadores, mas os usuários comuns os "leigos" não tem a minima noção sobre isso, muitos só querem o computador funcionando só isso, ja quase apanhei falando que estabilizador não serve para nada. Convencer eles a retirar o estabilizar e continuar usando uma fonte genérica é trocar 6 por meia dúzia.

 

 

Ora, é só dizer que se ele estiver a fim de gastar mais 800 em menos de um ano, é só levar um estabilizador e fonte vagabunda que vão queimar juntinhos, é o que acontecia comigo antes de eu tomar vergonha na cara e entender os fatos vindo de um engenheiro que testou a teoria por trás disso.

Ou melhor ainda, pergunta pro sujeito se ele for entendido mesmo, se ele vê estabilizador vendendo em qualquer lugar do mundo que não seja o Brasil.

 

Já foi um custo enorme pro próprio Gabriel Torres mudar a cabeça de muito entendido fazendo teste de verdade nas fontes-bomba que inundavam o mercado, nem o Inmetro tinha equipamento pra testar e isso mudou.

 

Agora temos de fazer nossa parte e mostrar os fatos, que contra eles não tem argumento.

 

Se um professor quer puxar briga pra defender uma tecnologia que só existe no Brasil pra vender a ilusão de que protege o PC quando na verdade o faz estragar mais rápido, troque urgentemente de professor!

Editado por crudebuster
1 pessoa curtiu isso

Compartilhar este comentário


Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

Muito bom o video Gabriel, a anos não utilizo estabilizador, e este video vem a reforçar ainda mais minha posição sobre estabilizadores.

Que continue a série de videos, é bom saber a fundo a opinião de um mestre no assunto.

1 pessoa curtiu isso

Compartilhar este comentário


Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

Gostei do vídeo, serviu pra rever uns conceitos que estavam empoeirados na minha cabeça..

 

GT, edita os vídeos, dá uma enxugada, você pode inserir diagramas na tela durante a sua fala pra não precisar ficar escrevendo no quadro (como o Evandro falou), ou quando for escrever no quadro (que eu acho melhor) tira as partes que você está de costas pra camera escrevendo.. acho que o vídeo ficou muito extenso.. 30 minutos, 30 minutos!!! rs

 

1- Compre um microfone de lapela, por favor, no começo aqui eu só ficava rindo e lembrando dele:

rc.png

 

 

aí, brincou hein auhauhauha

 

2 pessoas curtiram isso

Compartilhar este comentário


Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

Legal mesmo é olhar os comentários do facebook, cheio de "técnicos" de informática com 400 anos de experiência metralhando m* pelo teclado.

Tem mais causo lá do que já foi postado nos causos aqui do fórum  :lol:

Editado por Jorno
2 pessoas curtiram isso

Compartilhar este comentário


Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

Legal mesmo é olhar os comentários do facebook, cheio de "técnicos" de informática com 400 anos de experiência metralhando m* pelo teclado.

Tem mais causo lá do que já foi postado nos causos aqui do fórum  :lol:

 

Isso me lembra aqueles:

Eu fumo há 40 anos e minha saúde é de ferro, esse povo que fala mal de cigarro é um bando de chatos !

3 pessoas curtiram isso

Compartilhar este comentário


Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

Ora, é só dizer que se ele estiver a fim de gastar mais 800 em menos de um ano, é só levar um estabilizador e fonte vagabunda que vão queimar juntinhos, é o que acontecia comigo antes de eu tomar vergonha na cara e entender os fatos vindo de um engenheiro que testou a teoria por trás disso.

Ou melhor ainda, pergunta pro sujeito se ele for entendido mesmo, se ele vê estabilizador vendendo em qualquer lugar do mundo que não seja o Brasil.

 

Já foi um custo enorme pro próprio Gabriel Torres mudar a cabeça de muito entendido fazendo teste de verdade nas fontes-bomba que inundavam o mercado, nem o Inmetro tinha equipamento pra testar e isso mudou.

 

Agora temos de fazer nossa parte e mostrar os fatos, que contra eles não tem argumento.

 

Se um professor quer puxar briga pra defender uma tecnologia que só existe no Brasil pra vender a ilusão de que protege o PC quando na verdade o faz estragar mais rápido, troque urgentemente de professor!

 

O grande problema é que você faz um orçamento pro cidadão, com uma fonte de qualidade que custa 150 reais, este caro cidadão encarecido de conhecimento

vai a um outro local, e faz o mesmo orçamento com uma fonte de 500W "reais" por 60,00 sendo iludido que é a mesma coisa.

O cliente além de comprar a fonte dele ainda sai te queimando dizendo que você o está "roubando".

Eu particularmente não monto mais Pc's por este motivo, não gosto de ver minha reputação como profissional da área de tecnologia sendo denegrida por ter

que "competir" com esses "Técnicos" de beira de esquina.

Infelizmente a falta de produtos de qualidade no mercado nacional é justamente porque sobram consumidores (e profissionais) que compram produtos de má procedência.

Enquanto o consumidor não se conscientizar, as empresas continuarão a encher o país com essas porcarias (Fontes genéricas e estabilizadores),

pois o Brasil (acredito eu) é o único País onde se é proibido usar algo porém não é proibido fabricar e nem vender.

 

Essa consciência deve partir dos profissionais da área.

Editado por NIGHT FALL
1 pessoa curtiu isso

Compartilhar este comentário


Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

desde 2009 quando eu decidi compra uma fonte de qualidade e vim consulta os testes do  CdH e o seu fórum eu apendi bastante.... não só no site mas também no fórum o usuário "Mestre Sideral me ensinou bastante esse assunto e a importância de ter um fonte decente.

 

OBS. valeu Gabriel por fazer um vídeo explicando sobre esse assunto ... que por sinal gostei bastante desse modelo de artigo ;)  :)  B)

1 pessoa curtiu isso

Compartilhar este comentário


Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

Olá, eu até pensei em não usar, mas meu medo é a grande variação de tensão que tenho na região onde moro, uso uma fonte 80 plus 750W da OCZ Fatality, e comprei um estabilizador de 1 KV da NHS EV Master, pesquisei e li que vêm com filtro, é uma boa usar assim? e se usar sem ele, quando a variação de tensão frequente que tenho aqui?

 

link com os dados do estabilizador:

 

http://www.nhs.com.br/produtos/c/T0RjPQ==/s/TWpjPQ==/EV+Master

Compartilhar este comentário


Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

Muito bom o vídeo.

 

 

Sobre o mea culpa, achei a recomendação sobre o estabilizador neste livro antigo (1996) que tenho do @Gabriel Torres:

 

 

Foto_0002.jpg

 

 

Bons tempos...

 

 

 

Abs.

LNW

1 pessoa curtiu isso

Compartilhar este comentário


Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

Oi pessoal,

 

Obrigado pelos comentários, que só vêm para agregar. Abaixo respondo a algumas das questões que levantaram e que ainda não foram respondidas. Desculpe-me pela resposta longa, mas foram muitos comentários bacanas.

 

E isso também vale para os 'módulos isoladores', não? Mas o que eu sempre quis saber, é se vale comprar esses no-breaks 'comuns' que temos aqui no mercado, ou se eles irão também prejudicar o funcionamento do meu computador?

 

Excelentes sugestões para os próximos videotutoriais. Módulos isoladores são transformadores 1:1 e não servem para nada (dado você usar uma fonte de alimentação decente, com PFC ativo/full range).

 

Quanto ao nobreak: http://forum.clubedohardware.com.br/topic/827485-no-break-realmente-%C3%A9-a-salva%C3%A7%C3%A3o/

 

Bacana!! mas devemos abandonar o filtro de linha, também? ou ele tem o seu valor?

 

Sim. Fontes decentes já têm mais componentes de filtragem do que a maioria dos filtros de linha existentes no mercado. Basta ver o vídeo... Há várias discussões sobre esse assunto aqui no fórum, recomendo: 

 

http://forum.clubedohardware.com.br/topic/766491-recomenda%C3%A7%C3%A3o-de-filtro-de-linha/

 

http://forum.clubedohardware.com.br/topic/738487-voc%C3%AA-j%C3%A1-viu-seu-filtro-de-linha-por-dentro-n%C3%A3o-entre-e-veja/

 

Muito bom o vídeo, gostei bastante. Mas agora vem outro problema, achar fontes de qualidade para substituir essas genéricas, no mercado brasileiro nem deve existir uma fonte de 200W por exemplo de boa qualidade, só encontramos fontes boas acima de 350W, e usar uma dessas em um computador simples usado apenas para internet é um desperdício de watts.

 

@DiegoCorrea, não existe isso de "desperdiçar watts". A potência de uma fonte indica (pelo menos em teoria) o máximo que ela consegue entregar. Por exemplo, uma fonte de 400 W consegue entregar até 400 W. Se o seu computador estiver puxando 100 W, ela só vai entregar 100 W (e não 400 W). Portanto não há desperdício algum. Pelo contrário. As fontes atingem sua eficiência máxima quando estão entregando entre 40% e 60% da sua potência rotulada. Assim sendo, o ideal é você comprar uma fonte com o dobro da potência que seu computador puxa, de forma que ela entregue a maior eficiência possível. Eu já expliquei isso algumas vezes. Aqui está o link direto para onde explico isso melhor: 

 

http://www.clubedohardware.com.br/artigos/Tudo-o-Que-voce-Precisa-Saber-Sobre-Fontes-de-Alimentacao/976/9

 

1- Compre um microfone de lapela, por favor, no começo aqui eu só ficava rindo e lembrando dele:

 

R: Eu comprei um, mas deu muito ruído (intereferência) e o som ficou ruim, com muito eco (microfone omnidirecional). Com isso, terei de comprar um modelo profissional (mais caro). Já está aqui na minha lista. Como estava aqui empolgado, quis fazer logo o vídeo em vez de esperar o microfone chegar. Mas com certeza preciso de um para me dar mais mobilidade.

 

 

 

2- Nos próximos vídeos, quando você começar a falar de projetos eletrônicos ou detalhes de uma arquitetura de processador, por exemplo, use cortes da imagem diagramas e esquemas, como você fez pra mostrar os componentes da fonte.

 

R: Beleza. Dá mais trabalho, mas farei isso. Tenha em mente que não há cameraman. Sou eu sozinho com uma câmera e um tripé. Então as coisas não são tão rápidas nem fáceis de serem feitas. Mas obviamente quero melhorar sempre a qualidade dos vídeos.

 

 

3- Use uma linha mais grossa nas setas, dependendo de onde estamos assistindo (como num celular), pode ficar difícil a visualização.

 

R: Sem problemas, isso aí é feito na edição, muito fácil de alterar. Obrigado.

 

 

4- Linke outros vídeos tutoriais e/ou artigos do CDH (com aqueles balõezinhos do YT) quando você fala de algo que já explicou antes, como, por exemplo, o que é um pra mimário, um circuito de chaveamento.. aí os curiosos que se aventuraram a assistir a parte maior do filme sem saberem eletrônica podem entender melhor a situação.

 

R: Pensei em fazer isso mais para a frente, na medida em que tivermos mais vídeos.

 

GT, edita os vídeos, dá uma enxugada, você pode inserir diagramas na tela durante a sua fala pra não precisar ficar escrevendo no quadro (como o Evandro falou), ou quando for escrever no quadro (que eu acho melhor) tira as partes que você está de costas pra camera escrevendo.. acho que o vídeo ficou muito extenso.. 30 minutos, 30 minutos!!! rs

 

Oi @Razorfoot. Obrigado pela sugestão, esta é uma excelente crítica construtiva. Como você sabe, esse é o primeiro videotutorial que faço nesse formato, então há muito espaço para melhorias. Outra coisa que reparei é que tiveram certos assuntos que eu me repeti muito. Bem, por outro lado o pessoal não pode reclamar que o vídeo ficou curto! :)

 

o usuário "Mestre Sideral me ensinou bastante esse assunto e a importância de ter um fonte decente.

 

Er... "Mestre Sideral" é um "rank" baseado no número de postagens feitas no fórum... É bem possível que você esteja falando do usuário @faller, que é um expert no assunto.

 

Olá, eu até pensei em não usar, mas meu medo é a grande variação de tensão que tenho na região onde moro, uso uma fonte 80 plus 750W da OCZ Fatality, e comprei um estabilizador de 1 KV da NHS EV Master, pesquisei e li que vêm com filtro, é uma boa usar assim? e se usar sem ele, quando a variação de tensão frequente que tenho aqui?

 

Você assistiu ao vídeo? Pois nele eu explico isso. Você não deve usar estabilizador. Jogue fora o seu estabilizador e o seu filtro de linha e conecte sua fonte direto na tomada. Sua fonte tem PFC ativo e será capaz de corrigir sozinha qualquer variação na rede elétrica.


PS: Realmente nos comentários do Facebook tem muita gente falando muita besteira... O problema é que o sistema de comentários do FB é muito ruim para ficar respondendo, além de tirar tráfego do nosso site. Por isso, eu simplesmente postei dizendo que não responderei perguntas por lá e quem quiser que venha nesse tópico postar as dúvidas que nós respondemos aqui.

4 pessoas curtiram isso

Compartilhar este comentário


Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

Podia ter usado alguns slides prontos, de preferência com fotos, facilitaria a explicação.

Compartilhar este comentário


Link para o comentário
Compartilhar em outros sites



Crie uma conta ou entre para comentar

Você precisar ser um membro para fazer um comentário

Criar uma conta

Crie uma nova conta em nossa comunidade. É fácil!


Crie uma nova conta

Entrar

Já tem uma conta? Faça o login.


Entrar agora