Entre para seguir isso  
Seguidores 0

Teste do Gabinete Cooler Master Cosmos II

        69.040 Visualizações     15 comentários     Testes   

A Cooler Master está lançando hoje o seu mais novo gabinete torre completa, o Cosmos II. Vamos dar uma olhada neste monstro que vem com 10 slots de expansão e um preço compatível como seu tamanho.

Gabriel Torres Editor executivo do Clube do Hardware

Introdução

O novo Cosmos II é um gabinete torre completa grande e pesado (22 kg), chamado “ultra tower” pelo fabricante. Ele vem com tudo o que você possa imaginar, como suporte para placas-mãe grandes (E-ATX, XL-ATX, SSI CEB e SSI EEB), radiador para soluções de refrigeração líquida e 10 slots para placas de expansão. O seu preço também é compatível com o seu tamanho: US$ 350, nos EUA. Vamos analisar este novo lançamento.

O Cosmos II segue o mesmo conceito dos outros membros da família Cosmos, com alças robustas de alumínio que também funcionam como pés para o gabinete.

CM Cosmos II
Figura 1: Gabinete Cooler Master Cosmos II

CM Cosmos II
Figura 2: Gabinete Cooler Master Cosmos II

Os painéis laterais são espessos e pesados (cada um pesa 2,6 kg). Eles foram construídos com uma camada grossa de plástico e uma folha de alumínio revestindo a parte externa. Agora imagine se esses painéis fossem fabricados em aço! Os painéis laterais têm uma grade para entrada de ar equipada com filtros de ar. Infelizmente, esses filtros não são tão simples de limpar, já que você precisará desparafusá-los. Você pode instalar duas ventoinhas de 120 mm no painel esquerdo.

CM Cosmos II
Figura 3: O painel esquerdo

Compartilhar



Entre para seguir isso  
Seguidores 0

Comentários de usuários


Gabinete muito bacana, realmente... Mas vou imaginar que eu fosse rico e entusiasta:

"Vou montar um pc das galáxias caríssimo..."

Logo assim, vou ver:

"Não suporta HPTX? Ahh, não quero esse negócio não." XD

Compartilhar este comentário


Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

Nossa! O gabinete pesa muito!!!!

É sem dúvida muito bem construído e com certeza vai precisar de uma mesa bem forte pra aguentar uma máquina completa com esse gabinete.

Compartilhar este comentário


Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

WOW!!! Grande!!! Em todos os sentidos possíveis, pois afinal estamos falando da CM.

Esse case realmente tem uma qualidade fantástica, pelo que pude perceber pelas fotos e pelo seu teste. Decididamente ele faz a minha cabeça também, junto a outros cases que também me agradam bastante.

Uma janela lateral de acrílico lhe daria uma aparência ainda mais chocante e moderna, retirando um pouco essa linha robótica que ele traz em si, mas isso não o desmerece.

Esse é o tipo de case que foi projetado para ficar no chão. Mesa com ele não pega.

Quanto ao seu preço, concordo que está caro, mas...

:cool: Mais um super case conhecido de perto. Parabéns pelo seu teste!

Compartilhar este comentário


Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

Tai a cooler master sempre surpreendendo um gabinete bem robusto,eu que pensei que meu haf 932 era pesado e grande,um gabinete desse tem que ficar no chão imagina botar numa mesa ela afundar,com uma maquina montada ai peso dele deve subir consideravelmente,da ate pra malhar leventando um gabinete desse hehe!

Compartilhar este comentário


Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

Demorou muito, mas realmente a CM, resolveu fazer bem feito, e fez. Pena que o custo brasil, esse gabinete noa chega por menos de mil reais.

Compartilhar este comentário


Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

Gabinete de extremos, sem dúvida.

Eu pessoalmente não acho legal um gabinete com um tamanho e peso dessa magnitude, mas adoraria pôr minhas mãos num desses.

Compartilhar este comentário


Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

Isso depois de montado vai pesar o mesmo peso de um botijão de gás cheio (30Kg).

Mas é um belo gabinete, mas vai ser vendido aqui por uns R$ 1.200,00, pois o Cosmos há três anos, já era vendido por uns R$ 1.000,00.

Compartilhar este comentário


Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

Acompanho os testes do GT que são muito legais e nos fornece muitas informações a respeito dos produtos. Eu fico intrigado no caso particular dos gabinetes de luxo. Hoje o mercado está sendo gradativamente tomado por notebooks. Pessoas que outrora compraria um desktop comum já prefere algo menor com possibilidade de transportar, coisa que só o notebook permite. Mas e como vai ficar o mercado dos desktops? Será que encolherá a tal ponto que acabaremos não vendo mais produtos bacanas como este gabinete (não falando do preço). Será que nós micreiros que gostamos de escolher nossas configurações ficaremos restritos a uns poucos fabricantes? Os mais antigos lembram quantas marcas existia de placas-mãe, algumas eram sonho de consumo, hoje já nem existem mais. Quem tinha uma Abit era rei, tive orgulho de ter uma FIC 503+ e assim por diante. Alguns dizem que sempre haverá esse mercado, claro que vai. Mas, a que preço?

Compartilhar este comentário


Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

"Não se esqueça de providenciar o guindaste e contratar 4 caras parrudos para mover o gabinete...". Sem dúvidas, a melhor parte da análise. Gabinete espetacular, só acho que uma tampa lateral de acrílico iria dar um up a mais nele, já que, quem o possuir, com certeza vai ter também um baita kit interno! Os gabinetes deste segmento estão ficando sinistros, quando vi o Strike X ST, me apaixonei. Triste é o precin cobrado aqui...

Compartilhar este comentário


Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

quem paga 4 placas de video top , paga sorrindo um gabinete desse

Compartilhar este comentário


Link para o comentário
Compartilhar em outros sites


Crie uma conta ou entre para comentar

Você precisar ser um membro para fazer um comentário

Criar uma conta

Crie uma nova conta em nossa comunidade. É fácil!


Crie uma nova conta

Entrar

Já tem uma conta? Faça o login.


Entrar agora