Entre para seguir isso  
Seguidores 0

Descobrindo o Tipo de Memória Instalada no Micro

        419.182 Visualizações     0 comentários     Tutoriais   

Como descobrir o tipo de memória que há instalada em seu micro.

Gabriel Torres Editor executivo do Clube do Hardware

Você pode detectar qual é o tipo de memória que está instalada em seu micro sem mesmo abri-lo e sem mesmo ter qualquer conhecimento de hardware. Para isso, basta utilizar o excelente programa Hwinfo, que pode ser baixado gratuitamente em http://www.hwinfo.com.

Através desse programa você poderá facilmente identificar se a memória do seu micro é do tipo FPM, EDO, SDRAM, DDR-SDRAM ou RDRAM (Rambus). Além de identificar a memória do micro, esse programa identifica também a marca e o modelo da placa-mãe do micro, o que é sempre uma boa pedida.

Além do tipo, você poderá ainda descobrir detalhes sobre os circuitos de memória em si. Atualmente, o grande dilema de todos os técnicos e usuários é identificar corretamente memórias do tipo SDRAM. Há três características muito importantes que todos nós queremos saber: a freqüência máxima teórica de operação da memória, a freqüência máxima prática de operação da memória (PC66, PC100 ou PC133) e a latência do CAS (CL, CAS Latency).

A freqüência de operação máxima teórica é o valor que vem estampado sobre a memória RAM, de acordo com a tabela a seguir. Entretanto, como as memórias de altas freqüências de operação foram lançadas antes de os processadores que precisariam delas estivessem disponíveis, houve problemas de compatibilidade. Por exemplo, os primeiros módulos -10, apesar de teoricamente conseguirem trabalhar a 100 MHz, faziam com que o micro travasse quando usados com os primeiros processadores lançados com barramento externo de 100 MHz (Pentium II-350 e K6-2-300). Daí surgiu a especificação PC66, PC100 e PC133. Essa especificação diz que a memória é certificada a operar corretamente com processadores de barramento externo de 66 MHz, 100 MHz e 133 MHz, respectivamente.

Valor estampado Freqüência de operação máxima teórica
-15 66 MHz
-12 83 MHz
-10 100 MHz
-8 125 MHz
-75 133 MHz
-7 143 MHz

Já a Latência do CAS (CL) é o tempo que a memória demora para armazenar um dado ou entregar um dado solicitado. Essa característica é medida em pulsos de clock. Quanto menor a latência do CAS, mais rápida é a memória. As memórias SDRAM trabalham com uma latência de CAS de 2 ou 3 pulsos de clock, sendo as memórias com CL=3 as mais comuns no mercado.

Usar o programa Hwinfo para identificar a memória do seu micro é fácil. Basta escolher a opção Main Board Info do menu Info e, em seguida, selecionar Extended Memory Size. O programa irá mostrar uma lista de todos os módulos de memória instalados em seu micro, como mostra a Figura 1. Querendo informações mais detalhadas sobre algum dos módulos, basta selecioná-lo, como mostra a Figura 2.

Descobrindo o Tipo de Memória Instalada no Micro
Figura 1: Programa Hwinfo identificando as memórias instaladas no micro.

Descobrindo o Tipo de Memória Instalada no Micro
Figura 2: Programa Hwinfo identificando uma memória PC-133 com CL=3.

Compartilhar



Entre para seguir isso  
Seguidores 0

Comentários de usuários


..Ola boa tarde alguém pode ajudar

seguinte meu PC tem uma memoria RAM 2GB(667) Markvision,,to querendo colocar mais 1GB(667) da mesma marca..tem perigo de dar conflito por ser um pente de capaciade menor??? OU roda de boa se alguém puder ajudar fico Agradecido Valeusss!!!!

OBs minha placa aceita até 4GB!!!

Compartilhar este comentário


Link para o comentário
Compartilhar em outros sites


Crie uma conta ou entre para comentar

Você precisar ser um membro para fazer um comentário

Criar uma conta

Crie uma nova conta em nossa comunidade. É fácil!


Crie uma nova conta

Entrar

Já tem uma conta? Faça o login.


Entrar agora