Ir ao conteúdo
Entre para seguir isso  

Resposta da ASUS

       
 50.985 Visualizações    Editoriais  
 6 comentários

Gabriel Torres comenta a resposta enviada pela ASUS sobre os testes de seus produtos.

Resposta da ASUS
Gabriel Torres Editor executivo do Clube do Hardware

A política de não enviar material para testes que a ASUS adota é para todos os sites na Internet. A ASUS não colabora com os maiores sites de hardware do mundo - que têm de comprar as placas-mães ASUS de seu próprios bolsos para testarem, como o AnandTech (http://www.anandtech.com), o SharkyExtreme (http://www.sharkyextreme.com) e o X-bit Labs (http://www.xbitlabs.com). Ou seja, o fato de a ASUS não colaborar conosco não é uma exceção, mas sim uma regra.

Nós recebemos o e-mail abaixo da ASUS o qual reproduzimos na íntegra. Mais adiante traduzimos com os nossos comentários.

From: "don"
Subject:        Re: Contact
Date sent: Mon, 17 Mar 2003 14:28:19 -0800
Organization: ASUS

Dear Gabriel, We recieved several emails in the past few days in this regards. We had some similar experience in the USA and Europe, and found out later these kind of emails were sent by the employees and friends of the website owners and the owners themselves! I hope this is not your case.

I am suprised to hear you brag about getting free samples from the companies that are not even on the radar screen. I am sure you are polite enough not to say too much negative about them since they support you! I like to work with review sites that pay for the products so they can stay objective on their reviews. Just for your reference, the best advisetisement of ASUS is the mouth of the resellers and users of ASUS product. I am open to work with you if you can stay neutral.

Don Shieh
Director of Latin America.

Nossa tradução comentada:

Nós recebemos vários e-mails nos últimos dias a respeito dessa questão. Nós tivemos situações parecidas nos EUA e Europa e acabamos por descobrir que tais e-mails eram enviados pelos empregados e pelos donos dos sites! Eu espero que não seja esse o seu caso.

Realmente não é. Os milhares de e-mails que a ASUS recebeu foram escritos por nossos leitores, insatisfeitos com a política arrogante da ASUS.

Eu estou surpreso de saber que você se gaba de receber placas de empresas que ninguém conhece. Eu espero que você seja educado o suficiente para não dizer nada de negativo sobre essas marcas, já que elas te dão todo o apoio! Eu gosto de trabalhar com sites que compram as placas, assim eles podem manter-se objetivos em relação aos testes. Só para a sua referência, a melhor propaganda que a ASUS tem é a boca-a-boca vinda dos revendedores e consumidores ASUS.

A arrogância da ASUS é impressionante. Primeiro, eles acham que se um fabricante dá material de graça, nós não podemos dizer mal deles. Pelo contrário. Todos os fabricantes que nos mandam material podem receber críticas positivas ou negativas, dependendo se o seu produto é bom ou ruim. Mesmo empresas que anunciam conosco vira e mexe obtém uma crítica negativa em nossos testes. Eles não se importam, pois sabem que as críticas fazem parte do jogo. Basta ler nossos testes da PCChips, na maioria deles as placas deles não se saem bem comparados a produtos topo de linha, e eles são um dos nossos anunciantes.

Em segundo lugar, eles são arrogantes demais em achar que qualquer marca que não seja ASUS é "desconhecida". A PCChips/ECS, embora não concorra diretamente com a ASUS, durante anos a fio foi a maior fabricante de placas-mães do mundo (atualmente a ASUS é a maior). E como dizer que as concorrentes diretas da ASUS como a Gigabyte, a MSI, a Soyo e a ABIT são desconhecidas?

Não concordamos que a gente tenha que comprar todas as placas para que o teste seja imparcial. Quer dizer o seguinte: a gente gasta dinheiro para promover uma marca que não é nossa, é isso? Imagina então se a ASUS fosse um fabricante de carros e o nosso site fosse o Clube do Carro. A gente estava ferrado, pois não daria para comprar vários carros por mês com o nosso próprio dinheiro para testes.

Ou seja, com essa política arrogante da ASUS, não nos restará outra alternativa a não ser comprar as placas deles com o nosso próprio dinheiro. Faremos isso a muito contragosto, podem acreditar.

Atualizado em 27 de junho de 2008:

Sei que esta história tem 5 anos mas gostaria de explicar mais sobre esta questão. A questão de a ASUS não enviar material para testes é uma problemática exclusiva do Brasil. As opiniões expressas acima são exclusivas do funcionário da ASUS encarregado do mercado latino-americano, Don Shieh, e não da ASUS como um todo. A ASUS manda sim material para toda e qualquer publicação de informática séria que pedir material para testes, menos para as publicações localizadas no Brasil por conta da interferência deste mencionado funcionário. Sabemos disso por conta do nosso site Hardware Secrets, que é a versão em inglês do Clube do Hardware. Como o Hardware Secrets é uma empresa legalmente constituída nos EUA com escritório físico nos EUA, nós recebemos material da ASUS sem problemas pedindo para o escritório da ASUS nos EUA para o Hardware Secrets. Esta foi a forma que encontramos de driblar este problema. Além disso, este funcionário vivia nos dizendo para não mencionar que a AsRock pertencia à ASUS (ou seja, mentir). Enfim, tudo é fruto de um funcionário que acha que pode "controlar" a mídia e o mercado e como nós somos 100% isentos e imparciais, caimos na "lista negra" dele. Da mesma forma, hoje temos certeza que foi este funcionário da ASUS que pediu à AsRock para não colaborar mais conosco, pois eles estavam mandando material para testes. Possivelmente ele estava achando que estávamos "queimando o filme" da ASUS/AsRock com os nossos testes relatando a verdade sobre seus produtos. Qualquer empresa séria sabe que ter produtos não tão bons ocorre de tempos em tempos, especialmente com uma empresa do porte da ASUS, que fabrica desde produtos baratos até os produtos mais sofisticados. Isso faz parte do jogo. O melhor remédio para isso é justamente enviar um produto topo de linha para testes, onde explicaríamos que os problemas encontrados de baixo desempenho, por exemplo, eram exclusivos daquele modelo testado, e que o fabricante tem um outro produto que é ótimo. Como explicamos, a ASUS, como empresa, sabe disso. Nosso problema, portanto, não era com ASUS enquanto empresa, mas sim com as ações isoladas de um determinado funcionário que decidiu nos boicotar. Como expliquei acima, atualmente recebemos material da ASUS sem problemas por conta do meu outro site e os nossos leitores não têm com o que se preocuparem.

Compartilhar



  Denunciar Artigo
Entre para seguir isso  

Comentários de usuários


Não considero a resposta do Sr. Don uma resposta de um grande fabricante. Considero simplesmente mal educada. No Brasil, além de atuar totalmente fora da legalidade, este sr. ainda tem a capacidade de ofender a equipe do Clube do Hardware insinuando que ela protege seus concorrentes. Sorte que outros fabricantes estão fabricando seus produtos no Brasil com qualidade igual ou superior, suporte, garantia e oferecendo opções a esta falta de educação.

Compartilhar este comentário


Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

Concordo com a posição errada da asus, sempre vejo testes de placas no Clube do Hardware e são mais comuns as marcas: ECS,MSI,GIGABYTE. Só que estas marcas são dificeis de serem encontradas. A ASUS qualquer esquina acha, por ser a marca mais encontrada e acredito que a maioria no mercado, tem a maior estatística de defeitos.

Compartilhar este comentário


Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

discorrendo só sobre defeitos, trabalho com informática, na área de vendas e manutenção, e nos últimos 4 meses tenho substituído todas as placas mães da asus modelo k8n em nosso computadores pois as mesmas tem causado inúmeros problemas.

Compartilhar este comentário


Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

Eu sempre considerei a ASUS uma marca boa de placas-mães, mas depois dessas duas matéria eu não recomendo ASUS para mais ninguém, nem q seja a última opção.

Eles tratam mal os futuros clientes porque pensam q sempre vão ser os maiores vendedores de pm do mundo.

Compartilhar este comentário


Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

Sei que esta história tem 5 anos mas gostaria de explicar mais sobre esta questão. A questão de a ASUS não enviar material para testes é uma problemática exclusiva do Brasil. As opiniões expressas acima são exclusivas do funcionário da ASUS encarregado do mercado latino-americano, Don Shieh, e não da ASUS como um todo. A ASUS manda sim material para toda e qualquer publicação de informática séria que pedir material para testes, menos para as publicações localizadas no Brasil por conta da interferência deste mencionado funcionário. Sabemos disso por conta do nosso site Hardware Secrets, que é a versão em inglês do Clube do Hardware. Como o Hardware Secrets é uma empresa legalmente constituída nos EUA com escritório físico nos EUA, nós recebemos material da ASUS sem problemas pedindo para o escritório da ASUS nos EUA para o Hardware Secrets. Esta foi a forma que encontramos de driblar este problema. Além disso, este funcionário vivia nos dizendo para não mencionar que a AsRock pertencia à ASUS (ou seja, mentir). Enfim, tudo é fruto de um funcionário que acha que pode "controlar" a mídia e o mercado e como nós somos 100% isentos e imparciais, caimos na "lista negra" dele. Da mesma forma, hoje temos certeza que foi este funcionário da ASUS que pediu à AsRock para não colaborar mais conosco, pois eles estavam mandando material para testes. Possivelmente ele estava achando que estávamos "queimando o filme" da ASUS/AsRock com os nossos testes relatando a verdade sobre seus produtos. Qualquer empresa séria sabe que ter produtos não tão bons ocorre de tempos em tempos, especialmente com uma empresa do porte da ASUS, que fabrica desde produtos baratos até os produtos mais sofisticados. Isso faz parte do jogo. O melhor remédio para isso é justamente enviar um produto topo de linha para testes, onde explicaríamos que os problemas encontrados de baixo desempenho, por exemplo, eram exclusivos daquele modelo testado, e que o fabricante tem um outro produto que é ótimo. Como explicamos, a ASUS, como empresa, sabe disso. Nosso problema, portanto, não era com ASUS enquanto empresa, mas sim com as ações isoladas de um determinado funcionário que decidiu nos boicotar. Como expliquei acima, atualmente recebemos material da ASUS sem problemas por conta do meu outro site e os nossos leitores não têm com o que se preocuparem.

Como este problema foi resolvido "correndo-se por fora", estou trancando este tópico. Estou mantendo este tópico por motivos históricos e para agradecer a todos os leitores que nos apoiaram.

Abraços,

Gabriel Torres

Editado por Evandro

Compartilhar este comentário


Link para o comentário
Compartilhar em outros sites


Crie uma conta ou entre para comentar

Você precisar ser um membro para fazer um comentário






Sobre o Clube do Hardware

No ar desde 1996, o Clube do Hardware é uma das maiores, mais antigas e mais respeitadas publicações sobre tecnologia do Brasil. Leia mais

Direitos autorais

Não permitimos a cópia ou reprodução do conteúdo do nosso site, fórum, newsletters e redes sociais, mesmo citando-se a fonte. Leia mais

×