Ir ao conteúdo
Entre para seguir isso  

Placa-mãe ASUS AM1M-A

       
 62.003 Visualizações    Primeiras Impressões  
 0 comentários

Vamos dar uma olhada na ASUS AM1M-A, uma placa-mãe soquete AM1 para os novos processadores Sempron e Athlon "Kabini", com quatro portas USB 3.0 e duas portas SATA-600.

Placa-mãe ASUS AM1M-A
Rafael Coelho Editor-chefe do Clube do Hardware

Introdução

A ASUS AM1M-A é uma placa-mãe soquete AM1 para os novos processadores Sempron e Athlon “Kabini” da AMD. Ela vem com duas portas SATA-600 e quatro portas USB 3.0. Vamos dar uma olhada nesta placa-mãe de baixíssimo custo.

A plataforma AM1 da AMD usa um conceito novo: um processador SoC (System-on-a-Chip, ou “sistema em um chip”) que usa soquete. Normalmente os processadores SoC, que incluem o processador propriamente dito, o motor gráfico e o chipset em um chip de baixo consumo, vêm soldados na placa-mãe. Mas na plataforma AM1, os processadores usam um novo soquete e são vendidos separadamente da placa-mãe. Oficialmente, AM1 é o nome da plataforma e o soquete é chamado FS1b; porém, o soquete tem sido chamado de “soquete AM1” pelos fabricantes de placa-mãe e usuários.

Os primeiros processadores baseados nesta plataforma disponíveis no mercado são os novos Sempron e Athlon com codinome “Kabini”. Para saber mais sobre esta plataforma, leia nosso tutorial “Tudo o que você precisa saber sobre a plataforma AM1 da AMD”.

Os concorrentes diretos dos processadores AM1 são os processadores Celeron e Pentium das famílias J e N, como o Celeron J1800 que vem na ASRock D1800M motherboard, que nós analisamos recentemente. Ambas as plataformas são voltadas a computadores de mesa de baixo custo e baixo consumo, porém os modelos da Intel têm um TDP de apenas 10 W, enquanto os modelos da AMD têm um TDP de 25 W.

Um detalhe interessante nas placas-mãe AM1 é que elas não trazem chipset, já que este está integrado ao processador. A placa-mãe tem apenas o circuito regulador de tensão, codec de áudio, controlador Ethernet, chip Super I/O e as conexões mecânicas com a memória, portas SATA, slots de expansão e periféricos externos. Por conta disso, as placas-mãe AM1 são normalmente muito baratas. A placa-mãe pode, porém, oferecer recursos extras, como portas USB 3.0 ou SATA adicionais.

O modelo que analisamos é na verdade a ASUS AM1M-A/BR, cuja única diferença é o fato de ser fabricada no Brasil pela Cal-comp. Assim, ao longo deste artigo estaremos nos referindo à AM1M-A de forma geral, mas toda a análise é válida para a AM1M-A/BR.

Na Figura 1 podemos ver a placa-mãe ASUS AM1M-A. Ela usa o padrão microATX, medindo 226 x 170 mm.

ASUS AM1M-A
Figura 1: a placa-mãe ASUS AM1M-A

Compartilhar



  Denunciar Artigo
Entre para seguir isso  

Comentários de usuários


Não há comentários para mostrar.



Crie uma conta ou entre para comentar

Você precisar ser um membro para fazer um comentário






Sobre o Clube do Hardware

No ar desde 1996, o Clube do Hardware é uma das maiores, mais antigas e mais respeitadas publicações sobre tecnologia do Brasil. Leia mais

Direitos autorais

Não permitimos a cópia ou reprodução do conteúdo do nosso site, fórum, newsletters e redes sociais, mesmo citando-se a fonte. Leia mais

×