Ir ao conteúdo
Entre para seguir isso  

Placa-Mãe FIC VI39L

       
 79.926 Visualizações    Testes  
 2 comentários

Teste com a placa-mãe FIC VI39L, baseada no chipset SiS 651, para a plataforma soquete 478.

Placa-Mãe FIC VI39L
Gabriel Torres Editor executivo do Clube do Hardware

Introdução

Temos de começar este teste com um pedido de desculpas. Recebemos esta placa-mãe há seis meses atrás e, por uma falha de nossa parte, a colocamos em nossa pilha de placas-mães já testadas. Recentemente, arrumando nosso escritório, achamos esta placa. Apesar de esta placa-mãe já ter sido lançada há um bom tempo, resolvemos testá-la, pois ela é uma placa-mãe para processadores Intel com vídeo on-board, recurso muito popular no Brasil, e, principalmente, porque ela é fabricada no Brasil, em Santa Rita do Sapucaí (MG) pela FIC do Brasil. Isto significa que você pode comprar ela no Brasil 100% legalizada, por um preço extremamente acessível, além de contar com a garantia da FIC do Brasil.

A VI39L é uma placa-mãe baseada no chipset SiS 651, sendo uma placa-mãe com "tudo" on-board (vídeo, rede e áudio) para processadores Intel soquete 478 (Pentium 4 e Celeron). Você observa a placa na Figura 1.

Placa-Mãe FIC VI39L
Figura 1: Placa-mãe FIC VI39L.

Esta placa-mãe tem dois soquetes de memória DDR-DIMM, aceitando até 2 GB de memória até DDR333/PC2700. Ela tem ainda um slot AGP 4x, permitindo que você instale uma placa de vídeo "de verdade" no dia em que você não estiver mais satisfeito com o desempenho do vídeo on-board dela.

A ponte sul do chipset, SiS 962LUA, é responsável pela produção da rede on-board. A rede usa um chip da Realtek (RTL8201BL) para fazer o interfaceamento da ponte sul com a camada física (conector RJ-45). O áudio é também produzido pela ponte sul em conjunto com o codec Realtek ALC202A, que tem dois canais, resolução de 18 bits e relação sinal/ruído de 90 dB.

Esta placa-mãe tem ainda seis portas USB 2.0.

Como você pode perceber, esta é uma placa-mãe bem simples, sendo que ela só suporta processadores de 533 MHz (133 MHz QDR) e 400 MHz (100 MHz QDR), além de seu slot AGP ser 4x e não 8x, fatos que limitam as possibilidades de upgrade de um micro equipado com esta placa-mãe.

O CD-ROM que acompanha esta placa é simples, contendo apenas os drivers e utilitários da FIC.

Já o manual é todo em português, uma vantagem sobre as placas-mães concorrentes.

Antes de irmos aos nossos testes, vamos recapitular as principais características desta placa-mãe.

 

Compartilhar



  Denunciar Artigo
Entre para seguir isso  

Comentários de usuários




Crie uma conta ou entre para comentar

Você precisar ser um membro para fazer um comentário






Sobre o Clube do Hardware

No ar desde 1996, o Clube do Hardware é uma das maiores, mais antigas e mais respeitadas publicações sobre tecnologia do Brasil. Leia mais

Direitos autorais

Não permitimos a cópia ou reprodução do conteúdo do nosso site, fórum, newsletters e redes sociais, mesmo citando-se a fonte. Leia mais

×