Ir ao conteúdo
Entre para seguir isso  

Placa-Mãe Gigabyte GA-6OXM7E

       
 30.644 Visualizações    Testes  
 0 comentários

Teste com a placa-mãe Gigabyte GA-6OXM7E, baseada no chipset Intel 815E, para a plataforma soquete 370.

Placa-Mãe Gigabyte GA-6OXM7E
Gabriel Torres Editor executivo do Clube do Hardware

Introdução

Após um tempo sem testarmos placas-mães, voltamos com carga total. Resolvemos mudar o nosso procedimento de testes, de forma a gerarmos mais resultados que dêem alguns detalhes que antes não falávamos sobre.

Primeiro, passaremos a testar todas as placas-mães com duas configurações de setup: a configuração default, que vem de fábrica (e que pode ser obtida a qualquer momento através da opção de carregar a configuração default do setup) e a configuração otimizada, obtida manualmente ou através de opção de configuração otimizada, que alguns setups possuem. Esse procedimento tem como objetivo ver o máximo que a placa-mãe pode oferecer de desempenho real. Segundo, passaremos a executar testes de overclock com a placa-mãe, assim será possível avaliar se a placa-mãe testada é ou não boa para esse procedimento. E terceiro, quando testarmos placas-mães com vídeo on-board, continuaremos fazendo também testes de desempenho com esse componente desabilitado e com uma placa de vídeo Diamond Stealth III S540 instalada (antes usávamos a Viper v330, mas os nossos visitantes estavam reclamando que essa placa era antiga e não era mais encontrada no mercado).

Começamos esta nossa nova fase de testes com o teste da Gigabyte GA-60XM7E. Ela se saiu muito bem em nossos testes de desempenho (utilizamos um Celeron-566), mas, em compensação, essa placa-mãe não permite o overclock direto, isto é, modificando o setup ou jumpers na placa. Para fazer overclock com essa placa-mãe é necessário um programa da Gigabyte chamado EasyTune III.

Como características, destacamos o fato dessa placa-mãe ter dois BIOS. Assim, caso o BIOS principal seja apagado acidentalmente ou por um vírus (como o famoso CIH, Chernobyl), é possível recuperar o BIOS sem nenhuma manobra radical. Outro ponto forte é o áudio on-board, gerado pelo chip CT5880 da Creative Labs, o mesmo usado pela placa de som Sound Blaster PCI 128.

Além disso, essa placa-mãe possui seis slots PCI e quatro soquetes DIMM, características que encontramos em placas-mães de alto desempenho, além de um slot AGP, o que permite a instalação de uma placa de vídeo AGP (a maioria das placas-mães com vídeo on-board não possuem slot AGP, impossibilitando a instalação de uma boa placa de vídeo 3D).

 

Compartilhar



  Denunciar Artigo
Entre para seguir isso  

Comentários de usuários


Não há comentários para mostrar.



Crie uma conta ou entre para comentar

Você precisar ser um membro para fazer um comentário






Sobre o Clube do Hardware

No ar desde 1996, o Clube do Hardware é uma das maiores, mais antigas e mais respeitadas publicações sobre tecnologia do Brasil. Leia mais

Direitos autorais

Não permitimos a cópia ou reprodução do conteúdo do nosso site, fórum, newsletters e redes sociais, mesmo citando-se a fonte. Leia mais

×