Ir ao conteúdo
Entre para seguir isso  

Como Funciona a Tecnologia Intel EM64T

       
 129.287 Visualizações    Tutoriais  
 9 comentários

Tudo o que você precisa saber sobre a tecnologia de 64 bits EM64T da Intel, disponível nos processadores Pentium 4 6xx e Pentium D.

Como Funciona a Tecnologia Intel EM64T
Gabriel Torres Editor executivo do Clube do Hardware

Introdução

A Intel lançou a sua “tecnologia de 64 bits” de modo a competir com a tecnologia de 64 bits da AMD. Esta tecnologia, oficialmente chamada EM64T (Extended Memory 64 Technology), já está presente em vários processadores Pentium 4, como todos os da série 6xx e os da série 5x1 (541, 551, 561, 571, etc). Além disso, os processadores Celeron D da série 3x1 e 3x6 (331, 336, 341, 346, etc) também possuem esta tecnologia, indicando a tendência de todos os processadores da Intel lançados daqui para a frente incorporarem esta nova tecnologia. Neste tutorial explicaremos o que é esta tecnologia e como ela funciona.

Se você quiser comparar a implementação da Intel com a da AMD, leia nosso artigo Arquitetura de 64 bits da AMD (x86-64).

Processadores com esta tecnologia possuem um novo modo de operação chamado IA32E, que tem dois sub-modos:

  • Modo de Compatibilidade: Permite que sistemas operacionais de 64 bits rodem programas de 32 bits e 16 bits sem a necessidade de serem recompilados. O sistema operacional pode ter programas de 64 bits (no modo 64 bits), 32 bits e 16 bits (ambos no modo de compatibilidade) sendo executados ao mesmo tempo. No entanto, programas de 32 bits serão executados como se estivessem rondando em um processador de 32 bits, ou seja, acessarão no máximo 4 GB de memória RAM. A mesma idéia é válida para programas de 16 bits, que continuarão acessando no máximo 1 MB de memória RAM.
  • Modo de 64 bits: Permite que sistemas operacionais e programas de 64 bits utilizem o novo espaço de endereçamento de 64 bits oferecido por esta tecnologia.

Como você pode ver acima, a tecnologia EM64T pode ser usada apenas por sistemas operacionais de 64 bits, como o Windows 64. Sistemas operacionais de 32 bits, como o Windows XP, continuarão rodando no modo IA32, ou seja, usando o espaço de endereçamento de 32 bits e podendo acessar a no máximo 4 GB de memória RAM.

Atualmente, o Windows não pode tirar vantagem da tecnologia EM64T por ainda ser um sistema operacional de 32 bits.

Compartilhar



  Denunciar Artigo
Entre para seguir isso  

Comentários de usuários


Olá, é um ótimo artigo, mas...

"está presente nos processadores Pentium 4 da série 6xx."

Mas pelo que eu saiba, os processadores que tem a tecnologia em64t, não são apenas os da série 6xx, mas os da série 5x1 também =/, pelo menos os meu é 531 e tem.

Bom, se eu estiver falando besteira desconsiderem esta mensagem, uhauhahu

Flou :bandeira:

Compartilhar este comentário


Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

Agradeço enormemente pela informação/correção. Estou atualizando o tutorial agora mesmo. Além disso, descobri que os processadores Celeron D das séries 3x1 e 3x6 também têm esta tecnologia.

Abraços,

Gabriel Torres

Compartilhar este comentário


Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

Mais me tire uma duvida que acredito que o artigo não responde!

Se eu tiver um Pentium 64 hehe e usar por exemplo, Windows XP (32 bits) e ter programas rodando em 64 bits, vou conseguir aproveitar esses 64 bits do programa ou não?

Compartilhar este comentário


Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

Outra duvida, sobre performance...

Se usar processador 64 bits, sistema operacional 64 bits e software 64 bits teremos uma performance melhor do que 32 bits?

Se usar processador 64 bits, sistema operacional 64 bits e software 32 bits teremos uma performance inferior a usar processador 32 bits, sistema operacional 32 bits e software 32 bits?

Compartilhar este comentário


Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

Os novos registradores são usados pelos Sistemas de 32bits ? E o novo mecanismo de priorização de IRQ ? Há um aumento significativo de performance que justifique o investimento se pensarmos somente nestes benefícios ?

Agradecemos pelas sempre atenciosas mensagens.

Viva o Clube do Hardware !

:bandeira:

Compartilhar este comentário


Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

Se eu tiver um Pentium 64 hehe e usar por exemplo, Windows XP (32 bits) e ter programas rodando em 64 bits, vou conseguir aproveitar esses 64 bits do programa ou não?

Com windows 32bits você não conseguira rodar programas 64bits.

Se usar processador 64 bits, sistema operacional 64 bits e software 64 bits teremos uma performance melhor do que 32 bits?

Provavelmente.

Se usar processador 64 bits, sistema operacional 64 bits e software 32 bits teremos uma performance inferior a usar processador 32 bits, sistema operacional 32 bits e software 32 bits?

Não.

Os novos registradores são usados pelos Sistemas de 32bits ?

Não.

E o novo mecanismo de priorização de IRQ ?

Não conheço...

Há um aumento significativo de performance que justifique o investimento se pensarmos somente nestes benefícios ?

Não vale a pena trocar seu processador 32bits por um 64bits equivalente a menos que você realmente precise dos 64bits, para novas compras é melhor já comprar um 64bits.

Compartilhar este comentário


Link para o comentário
Compartilhar em outros sites
Guest RoqueCazarim

· Oculto · Denunciar

como funciona a tecnologia i dos processadores intel? alguem ai poderia me ajudar nessa pesquisa

Compartilhar este comentário


Link para o comentário
Compartilhar em outros sites


Crie uma conta ou entre para comentar

Você precisar ser um membro para fazer um comentário






Sobre o Clube do Hardware

No ar desde 1996, o Clube do Hardware é uma das maiores, mais antigas e mais respeitadas publicações sobre tecnologia do Brasil. Leia mais

Direitos autorais

Não permitimos a cópia ou reprodução do conteúdo do nosso site, fórum, newsletters e redes sociais, mesmo citando-se a fonte. Leia mais

×