Ir ao conteúdo
Entre para seguir isso  

Cuidado para não comprar gato por lebre

       
 23.157 Visualizações    Artigos  
 0 comentários

Comprei um Pentium II mas recebi um Celeron! Saiba identificar corretamente seu processador sem nem precisar abrir o computador.

Gabriel Torres Editor executivo do Clube do Hardware

Temos recebido reclamações de diversos leitores, que acabaram comprando o processador Celeron como se fosse o Pentium II. Ou por culpa do vendedor, ou por culpa da desinformação.

O Celeron é um Pentium II sem cache L2. Ambos utilizam o mesmo modelo de placa-mãe, mas o grande problema é o desempenho. Segundo nossos testes, o Pentium II-266 é 89% mais rápido que o Celeron-266, e o Pentium MMX-233, 27% mais rápido.

Como o núcleo do Celeron é o mesmo do Pentium II, o Windows 98 detecta o processador como se fosse um Pentium II, enganando muita gente por aí... E não é só isso: placas-mães fabricadas antes do Celeron ter sido lançado no mercado identificam o processador instalado como se fosse um Pentium II.

Cuidado para não comprar gato por lebre


Figura 1: O grande problema: o Windows 98 detecta o Celeron como se fosse um Pentium II...

Fisicamente falando, o Pentium II e o Celeron não se parecem. Enquanto o Pentium II vem acondicionado em um cartucho chamado SEC - que parece um cartucho de videogame -, o Celeron vem sem cartucho algum: você manuseia diretamente a plaquinha de circuito impresso contendo o processador.

O problema é que, na maioria das vezes, não podemos abrir o micro para ver qual o processador está instalado, de modo a não perder a garantia dada pelo vendedor. Portanto, devemos detectar o processador instalado através de software. Para isso, utilize a última versão do programa PC-Config (versão 8.66 ou superior), que está disponível para download de graça na Internet em http://www.holin.com/cindex.html. Através desse programa - que deverá ser obrigatoriamente executado no DOS, sem o Windows 9x estar carregado em memória (isso pode ser feito pressionando-se a tecla F8 durante o boot ou então através da opção "Reiniciar o computador em modo MS-DOS") - você poderá descobrir qual o verdadeiro processador instalado em seu micro. Se o programa apontar que o processador é um Celeron, não há dúvidas: o processador de seu micro é o Celeron. Resta saber se o micro foi vendido como se fosse um Pentium II ou um Celeron. No caso de você ter comprado gato por lebre, procure o vendedor para que esse grave erro seja corrigido.

Cuidado para não comprar gato por lebre
Figura 2: Identificando o processador instalado através do programa PC-Config

Compartilhar



  Denunciar Artigo
Entre para seguir isso  

Comentários de usuários


Não há comentários para mostrar.



Crie uma conta ou entre para comentar

Você precisar ser um membro para fazer um comentário






Sobre o Clube do Hardware

No ar desde 1996, o Clube do Hardware é uma das maiores, mais antigas e mais respeitadas publicações sobre tecnologia do Brasil. Leia mais

Direitos autorais

Não permitimos a cópia ou reprodução do conteúdo do nosso site, fórum, newsletters e redes sociais, mesmo citando-se a fonte. Leia mais

×