Entre para seguir isso  
Seguidores 0

Por Dentro da Microarquitetura Intel Nehalem

        196.554 Visualizações     53 comentários     Tutoriais   

Nehalem é o codinome do novo processador da Intel com controlador de memória integrado que chegará ao mercado em breve e será chamado Core i7. Tudo o que você precisa saber sobre este processador está aqui.

Gabriel Torres Editor executivo do Clube do Hardware

Introdução

Nehalem é o codinome do novo processador da Intel com controlador de memória integrado que chegará ao mercado em breve e será chamado Core i7; esta arquitetura também será usada nos processadores para servidores (Xeon) e, daqui a alguns anos, também será usada nos processadores para PCs “populares”. Os processadores baseados nesta arquitetura terão um controlador de memória DDR3 integrado de três canais, três níveis de cache, a volta da tecnologia Hyper-Threading, um novo barramento externo chamado QuickPath e muito mais. Neste tutorial nós explicaremos o que há de novo nesta nova arquitetura. Confira.

Abaixo nós resumimos uma lista dos principais recursos da arquitetura Nehalem e explicaremos o que cada um deles significa ao longo deste artigo:

  • Baseado na microarquitetura Intel Core.
  • De dois a oito núcleos.
  • Controlador de memória DDR3 integrado com três canais de memória.
  • Caches de memória L2 individuais de 256 KB para cada núcleo.
  • Cache de memória L3 de 8 MB.
  • Novo conjunto de instruções SSE 4.2 (sete novas intruções).
  • Tecnologia Hyper-Threading.
  • Modo Turbo (overclock automático).
  • Aprimoramentos na microarquitetura (suporte a fusão de instruções no modo de 64 bits, detector de laços aprimorado, seis portas de despacho, etc).
  • Aprimoramentos na unidade de previsão de desvios, com a adição de um segundo Buffer de Desvios (BTB, Branch Target Buffer).
  • Um segundo Buffer de Tradução de Endereços (TLB, Translation Look-aside Buffer) com 512 entradas.
  • Otimizado para as instruções SSE desalinhadas.
  • Aumento do desempenho da tecnologia de virtualização (melhora de 60% na latência de virtualização em relação aos processadores Core 2 de 65 nm e melhora de 20% em relação aos processadores Core 2 de 45 nm, segundo a Intel).
  • Novo barramento externo QuickPath.
  • Nova unidade de controle de energia.
  • Tecnologia de fabricação de 45 nm no lançamento, com futuros modelos de 32 nm (processadores com codinome “Westmere”).
  • Novo soquete com 1.366 pinos.

É importante lembrar que os processadores Core 2 fabricados com tecnologia de 45 nm têm recursos extras em relação aos processadores Core 2 com tecnologia de 65 nm. Todos esses recursos estão presentes nos processadores baseados na arquitetura Nehalem e os mais significativos deles são:

  • Novo conjunto de instruções SSE4 (que traz 47 novas instruções SSE para o processador).
  • Tecnologia de Desligamento Profundo (Deep Power Down, apenas nos processadores para notebooks, também conhecido como estado C6).
  • Tecnologia de Aceleração Dinâmica Avançada (Enhanced Intel Dynamic Acceleration, apenas nos processadores para notebooks).
  • Circuito divisor usando o algoritmo Raiz-16 (aprimoramento da unidade de ponto flutuante).
  • Unidade “Shuffle” aprimorada (aprimoramento da unidade de ponto flutuante).
  • Tecnologia de Virtualização Aprimorada (entre 25% e 75% de aumento de desempenho no tempo de transição entre máquinas virtuais).

Vamos agora discutir em detalhes as diferenças mais significativas introduzidas por esta nova arquitetura.

Editado por

Compartilhar



Entre para seguir isso  
Seguidores 0

Comentários de usuários




Tomara que não custe o zóio da cara!!! E coitada da AMD se não er uma resposta rápida a toda essa promessa de desempenho!!!

Compartilhar este comentário


Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

Claro que a AMD vai revidar!...vai lançar um processador tão bom quanto esse!

Pena que tem 99% de chance de ser quando a Intel estiver lançando um outro novo processador melhor ainda ¬¬'

Mas espero estar enganado rs

Compartilhar este comentário


Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

Honestamente, creio q o custo x beneficio deste processador no momento de seu lançamento nao compensarah. Depois de um ano ou dois... quem sabe?!

A AMD sempre trabalhou com preços mais baixos e este é o seu trunfo no mercado.

Compartilhar este comentário


Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

A Intel bem que poderia mudar de nome, skynet por exemplo :lol:...

O processador vai tentar advinhar os comandos... muito futurista mesmo.

Tomara que a gente consiga comprar, só as DDR3 tá o olho da cara pro exemplo, e aposto que vamos ter que trocar de placa-mãe, mesmo que seja 775 o socket.

A AMD vai revidar... mas sempre atrás. Vejo pelo Phenom X4, ao mesmo preço de um q6600, será que é melhor? Até hoje não vi um comparativo direto...

Estava usando um A64 X2 3600@5000, mobo m2n-e sli e 2048 667 corsair value; vendi e comprei um C2D e6750, uma GA-965P-DS3 3.3 e 2048 800 Super Talent e o desempenho aumentou absurdamente, não só o processador (sei que o e6750 surra o X2 5000) mas o desempenho da memória aumentou cerca de 40%...

Bem, sempre usei AMD desde 462 (época boa) mas agora a Intel está "exterminando" geral.

Compartilhar este comentário


Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

A Intel está executando o planejado, ou seja, a cada dois anos (pares) lançar uma arquitetura nova e a cada 2 anos (impares) fazer melhorias no lançamento feito.

Qual o planejamento da AMD ?

Feliz com a montagem do novo computador: :-)

P5N-E SLI

SevenTeam 750W - NVIDIA SLI-Ready certified

Clone Gamer com ventoinha(ventilador) de 22cm na lateral.

por enquanto... e tudo muito pesquisado e a preços excepcionais.

Compartilhar este comentário


Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

Bom, nada se cria tudo se copia e se melhora, mas com esse processador a placa mãe vai ter que ser dedicada e memórias ddr3 também, ainda sou do phenom, pois minha placa suporta sem problemas, vai ter muito pano pra manga nessa briga...

Tem muita banda sobrando no Hyper transport 3 pra amd pintar e bordar nessa tecnologia ainda sem trocar toda a plataforma...é só baratear e aumentar o desempenho dos Phenoms que a galera corre pra AMD.

Compartilhar este comentário


Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

esse Nehalen promete...mas provavelmente será muito caro também...principalmente em seu lançamento...

mas vale lembrar que dados não dizem nada...o P4 HT era pra ser o maioral...o Pentium D também...os Phenom K10 também prometiam muito...e os resultados todos já conhecem...eu não costumo tirar conclusões precipitadas sobre produtos lendo apenas dados técnicos...um outro exemplo meio fora do assunto: PS3 prometia gráficos inigualáveis e nunca vistos...e atualmente tá numa corrida braba pra ter gráficos iguais ao X360...

mas q o Nehalen promete isso é certo...mas quero ver os novos Phenom K10 com clock maior que a AMD tá pra lançar...podem surgir surpresas por parte da AMD ainda...

Compartilhar este comentário


Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

Claro que na época de lancamento os preços serão astronômicos ...

Só não ficou claro no artigo se o soquete 775 vai permancecer , uma falha no artigo...

Compartilhar este comentário


Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

O socket 775 nao será mantido...haverão 3 novos sockets pra substitui-li, um para desktops, um para servidores e um para notebooks.

Compartilhar este comentário


Link para o comentário
Compartilhar em outros sites
O socket 775 nao será mantido...haverão 3 novos sockets pra substitui-li, um para desktops, um para servidores e um para celulares.

Essa informação foi confirmada ?

De onde você tirou essa notícia ? :confused:

Compartilhar este comentário


Link para o comentário
Compartilhar em outros sites
Claro que na época de lancamento os preços serão astronômicos ...

Só não ficou claro no artigo se o soquete 775 vai permancecer , uma falha no artigo...

A Intel não deixou isso claro por isso preferi não comentar, mas devido à nova arquitetura de controlador de memória integrado o soquete deve mudar.

Abraços,

Gabriel Torres

Compartilhar este comentário


Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

Pelo o que eu li em outro forum, o socket 775 não vai ser mantido, vai ter o lga1366 com 1366 pinos(duh!) para servidores, um outro socket de 1066 pinos para os desktops, e o de notebooks eu não sei o nome.... se foi confirmado pela intel eu realmente não sei, mas isso parecia tão certo no forum em que li que eu pensei que fosse certeza xD

Compartilhar este comentário


Link para o comentário
Compartilhar em outros sites
A Intel não deixou isso claro por isso preferi não comentar, mas devido à nova arquitetura de controlador de memória integrado o soquete deve mudar.

Abraços,

Gabriel Torres

Se o controlador agora esta no core e nao mais no chipset, mesmo q o soquete seja de 775 pinos, nao será compativel com as mobos antigas de LGA775 e chipset anteriores. Isso me parece obvio...

Compartilhar este comentário


Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

entendi...

essa arquitetura parece muuito semelhante ao do Phenom, não é mesmo? caches Individuais, cache L3, controlador de memória integrado... ja vi isso antes!

Nao é de hoje que a Intel copia soluções da AMD. vendia a porcaria do prescott como a 9ª maravilha do mundo enquanto buscava a solução uma geração atras no Pentium M

Com os Phenoms de 45nm a briga vai ser boa.

Compartilhar este comentário


Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

me parece q a AMD vai ser sair melhor:wub:

primeiro a arquitetura ta praticamente uma copia discarada dos phenom :o

é também quando os phenom sair com melhores clocks vai ser massa :lol:

outra coisa q me chama atenção é q o preço desse processador vai ser um absurdo :eek:

eu vou de AMD no ano q vem com 8 núcleos com sua 10,5K ^^

mais barato melhor custoxbeneficio

Compartilhar este comentário


Link para o comentário
Compartilhar em outros sites
entendi...

essa arquitetura parece muuito semelhante ao do Phenom, não é mesmo? caches Individuais, cache L3, controlador de memória integrado... ja vi isso antes!

Nao é de hoje que a Intel copia soluções da AMD. vendia a porcaria do prescott como a 9ª maravilha do mundo enquanto buscava a solução uma geração atras no Pentium M

Com os Phenoms de 45nm a briga vai ser boa.

Falou e disse. Tá com total cara de Ctrl+c / Ctrl+v isso aí...

É verdade que atualmente os processadores top da Intel são indiscutivelmente melhores que os da AMD, porém até o final do ano saberemos quem sairá por cima dessa briga. Se os Nehalem forem 75% do que se promete, serão indubitavelmente processadores poderosíssimos (ainda mais com essa novidade desse "triple-channel" de DDR 3). Só que imagina o preço disso: processador de arquitetura nova, memórias DDR 3 (três módulos delas) e placas-mãe novas pra suportar ambos... Não sei, não. E tem outra: se fôssemos avaliar exclusivamente pelo projeto no papel, temos fartos exemplos que extrapolam o campo dos processadores pra comprovar que isso por si só não quer dizer muito. Além dos exemplos dos malfadados processadores da própria Intel citados acima pelo colega, temos o exemplo da ATI, a qual tem placas melhores "no papel" em vários aspectos do que as concorrentes diretas da nVidia (DDR 4 X DDR 3; 256 bits X 128 bits, etc) desde as 2XXX, e só agora com as HD 3870 que estão conseguindo causar dor de cabeça para a concorrência.

Por fim, algo me diz que quando (e se) a AMD conseguir lançar: Phenom K10 + 45 nm + 3.2 GHz+, o couro vai começar a comer feio...

Bem, que vença o melhor! :)

Abraços.

Compartilhar este comentário


Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

Só não gostei muito dessa compatibilidade de memórias que me pareceu exclusiva com as memórias ddr3.

Ddr3 está os olhos da cara enquanto as ddr2 estão a preço de banana. 1gb ddr3 está mais ou menos 320, enquanto ddr2 está 70.

Compartilhar este comentário


Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

Provavelmente vai ter que mudar, os soquetes que a amd usa desde 2003 ja tem mais pinos que os da intel justamente por causa disso, certo?

Então parece que vem um novo soquete por aí...

Compartilhar este comentário


Link para o comentário
Compartilhar em outros sites
me parece q a AMD vai ser sair melhor:wub:

primeiro a arquitetura ta praticamente uma copia discarada dos phenom :o

é também quando os phenom sair com melhores clocks vai ser massa :lol:

outra coisa q me chama atenção é q o preço desse processador vai ser um absurdo :eek:

eu vou de AMD no ano q vem com 8 núcleos com sua 10,5K ^^

mais barato melhor custoxbeneficio

Será que o octacore da AMD será compatível com o soquete AM2+?:confused: Ainda não li nada a respeito disso, aliás existe pouca informação sobre os futuros processadores da AMD, o que existe não é muito conclusivo, então só nos resta aguardar. Hoje a principal causa que me faria ir de AMD num futuro upgrade seria o 780G por rodar jogos que seriam impensáveis num igp. Como não sou um jogador hardcore uma plataforma assim estaria muito bom, baixo consumo e excelente desempenho, mas acho que o melhor é esperar pro ano que vem e ver o que nos aguarda da ambos fabricantes.

Compartilhar este comentário


Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

Vamos saber para o que ele veio, depois dos benchmark, no papel está lindo, vamos ver na prática.:cool:

Compartilhar este comentário


Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

Bom, o tal Phenon não tem se mostrado um concorrente a altura. A Intel continua com um marketing estrondoso como sempre teve, aliado a uma excelente linha de processadores. Lançar um outro processador com tantas modificações é puro luxo. Bom, é o futuro. Com certeza não vai ter bom custo - benefício no início, mas é assim que as coisas caminham. Depois, quando as memórias DDR3 se popularizarem (junto com as placas-mãe que dão suporte a elas), o tal Nehalem com certeza vai valer a pena.

Ressuscita AMD...

Compartilhar este comentário


Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

É nessas horas que eu imaginaria como sairia uma 3 fabricante de processadores, mas isso e sonho que nunca se realizara, eu ja deixei de usar AMD a 1 ano e nao me arrependo, estes Core2Duo dao um SHOW nos A64, por inquanto prefiro aguardar por testes antes de opnar.

Compartilhar este comentário


Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

comprei um X2 3800+ por 200 R$ e nao é "lá uma brastemp" mas achei de um excelente custo-beneficio. Ele faz 1550 pts em stock ( 2.0 ghz ) no 3dmark 06 ( CPU score ) e 1700 pts em 2.35 ghz. Meu antigo processador ( p4 3.0ghz HT soquete 478 ) só fazia 850 pts.

AMD = preço baixo e bom custo x benefico

Intel = preço alto com facilidade p/ over ( fabricaçao em 65 nm ).

Mas a serie LE da AMD deve alterar a balança p/ o lado da AMD ( tb em 65 nm e muito bom p/ over ).

Compartilhar este comentário


Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

É muito AMDista pro meu gosto... A matéria é sobre o processador da INTEL mas a maioria dos post só ficam comparando preço, desempenho de processador da AMD, compatibilidade com socket da AMD, AMD... Nem saiu no mercado ainda e já ficam falando o preço do AMD mais barato... Peloamordedeus :muro:

Editado por Ignacio

Compartilhar este comentário


Link para o comentário
Compartilhar em outros sites



Crie uma conta ou entre para comentar

Você precisar ser um membro para fazer um comentário

Criar uma conta

Crie uma nova conta em nossa comunidade. É fácil!


Crie uma nova conta

Entrar

Já tem uma conta? Faça o login.


Entrar agora