Ir ao conteúdo
Entre para seguir isso  

Teste dos Processadores Core 2 Duo E6700 e Core 2 Extreme X6800

       
 317.697 Visualizações    Testes  
 128 comentários

Nosso teste dos processadores Intel Core 2 Duo E6700 (2,66 GHz) e Intel Core Extreme X6800 (2,93 GHz), duas amostras dos novos processadores para desktop da Intel baseados na nova microarquitetura Core.

Gabriel Torres Editor executivo do Clube do Hardware

Introdução

O Core 2 é o novo processador para desktop da Intel baseado na nova microarquitetura Core. Esse processador pode ser encontrado em duas versões: Core 2 Duo, que substitui o Pentium D, e o Core 2 Extreme, que substitui o Pentium Extreme Edition. A versão do processador Core 2 para desktop era conhecida anteriormente como Conroe, e neste teste verificaremos o desempenho de dois modelos: o Core 2 Duo E6700, que trabalha a 2,66 GHz, e o Core 2 Extreme X6800, que trabalha a 2,93 GHz. Nós iremos comparar esses dois processadores com os atuais processadores topo de linha da AMD, incluindo o Athlon 64 X2 5000+ e o Athlon 64 FX-62. Quem tem o processador para desktop mais rápido do mercado, Intel ou AMD? Veja em nosso teste.

Cuidado para não confundir Core 2 Duo com Core Duo. O Core Duo (conhecido anteriormente pelo nome-código Yonah) é o nome comercial para um Pentium M com dois núcleos de processamento construído com tecnologia de 65 nm. Já o Core 2 Duo é o nome comercial para o processador de nome-código Merom (para notebooks) ou Conroe (para desktops), que utiliza a nova microarquitetura Core da Intel.

A Intel nos enviou dois processadores para teste, como você pode ver nas Figuras 1 e 2. Como eram amostras de engenharia, esses processadores não tinham a marcação a laser definitiva em seus corpos. Em vez disso, eles tinham a marcação "Intel Confidential". Na Figura 2 você pode ver a parte de baixo desses processadores. Observe que eles utilizam o padrão de soquete LGA775, o mesmo tipo de soquete usado pelos atuais processadores Pentium 4 e Pentium D. A única diferença, como você pode ver, é a quantidade e a localização dos capacitores encontrados no meio do processador. Nós colocamos um Pentium 4 550 (3,4 GHz) na foto para que você possa observar a diferença.


Figura 1: Amostras de engenharia do Core 2 Extreme X6800 e Core 2 Duo E6700.


Figura 2: Core 2 Extreme X6800, Core 2 Duo E6700 e Pentium 4 550 (3,4 GHz).

A utilização do padrão de pinagem soquete LGA775 nesses novos processadores foi uma grande sacada da Intel. Placas-mãe lançadas antes dos processadores Core 2 estarem disponíveis podem ser compatíveis com eles. Há dois pré-requisitos: primeiro, a placa-mãe tem que ser capaz de fornecer a tensão de alimentação requerida pelo novo processador; segundo, a placa-mãe tem que ser capaz de fornecer o clock externo (FSB) requerido pelo novo processador. Infelizmente somente placas-mães soquete LGA775 mais novas fornecem as tensões de alimentação requeridas pelos processadores Core 2.

Internamente, no entanto, os processadores Core 2 não têm nada a ver com os processadores Pentium 4 e Pentium D. Enquanto que o Pentium 4 e o Pentium D são baseados na arquitetura Intel de 7ª geração - também conhecida como NetBurst - o Core 2 é baseado na nova arquitetura da Intel, chamada Core, que é baseada na arquitetura do Pentium M (que por sua vez é baseada na arquitetura do Pentium III - como você verá na próxima página, os processadores Core 2 informam seu código de família como sendo "6", o mesmo dos processadores Pentium Pro, Pentium II e Pentium III). Leia nosso tutorial Por Dentro da Microarquitetura Intel Core para aprender tudo o que você precisa saber sobre esta nova arquitetura.

Como eles utilizam uma arquitetura interna totalmente diferente, você não pode comparar os processadores Core 2 com os processadores Pentium 4 ou Pentium D levando em consideração apenas o clock. O processadores Core 2 podem ser mais rápidos usando um clock menor já que internamente eles trabalham de forma diferente. Na verdade, verificaremos este aspecto em nosso teste. O problema é que a maioria dos usuários continua pensando apenas no clock na hora de comparar o desempenho dos processadores. Apesar de a Intel ter passado a identificar seus processadores através de um número de modelo, as pessoas ainda tendem a comparar processadores através do clock. Fica complicado para nós dizer que processador anterior da Intel ou da AMD compete com qual modelo do Core 2 simplesmente olhando suas especificações.

Vejamos agora os detalhes das especificações técnicas do Core 2.

Editado por

Compartilhar



  Denunciar Artigo
Entre para seguir isso  

Comentários de usuários




Para mim, foi surpreendente o resultado. Em todas as conversas no fórum, era unanimidade que os novos "conroe" dariam uma surra nos AMD, inclusive no quesito jogos/multimídia, e não foi o que ocorreu. Apesar da incrível melhora dos INTEL, ótimo para o consumidor, os AMD ainda mantém seu lugar no mercado voltado para gamers. Só não entendi o resultado do Quake 4, que favoreceu extraordinariamente os INTEL. Será que isso pode se repetir nos outros jogos?

Parece q finalmente a intel resolveu colaborar com o Clube do Hardware

Colaborou, em parte, pois não enviou os processadores da geração anterior, como o Pentium Extreme Edition, que ela sabia não ter nenhuma chance contra os AMD.

Compartilhar este comentário


Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

Muito bom o teste.

Fiquei decepcionado om os resultados do Conroe no quesito multimídia. Porém o que me assustou foi o fato dele ter se dado bem no jogo Quake 4. Então pensei que se a placa de vídeo for off-board o desempenho dos jogos com o coroe seria igual ou aos processadores da AMD. Como o própio GT disse: "Para sermos honestos, o desempenho 3D atualmente depende muito mais da placa de vídeo usada do que do processador do micro. Isto é tão verdade que o Core 2 Duo E6700 (2,66 GHz), Athlon 64 X2 4600+ (2,4 GHz), Athlon 64 X2 5000+ (2,6 GHz) e o Athlon 64 FX-60 (2,6 GHz) obtiveram o mesmo desempenho neste teste."

Acho que a Intel deveria usar o controlador de memória embutido no próprio processador, igual faz a AMD. Assim ele obteria um desempenho extraordinário.

Abraços

Compartilhar este comentário


Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

E eu estava empolgado para pegar um E6600 mais pro final do ano.. depois desse teste acho q vou mudar de opnião sobre qual processador pegar.

Compartilhar este comentário


Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

Realmente me supreendeu os resultados, pois em vários sites que eu via testes com o conroe, ele deixava os amd´s comendo poeira (exemplos como o Techreport e o Toms hardware) logicamente não na parte de memória RAM.

Porém eu acho que só vamos saber se o conroe é bom mesmo ou uma verdadeira nheca quando eles estiverem equipando os pcs de um número considerável de pessoas e os resultados de benchmark começarem a ser comparados, como ocorre aqui no fórum.

Eu vou esperar mais um tempo até decidir pra que lado eu vou no meu upgrade B)

Compartilhar este comentário


Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

Teste bacana esse, uma coisa estranha foi o lance do quake4 mesmo :ahh: , mas porque não foi incluído outro jogo?

Acho que se a Intel embutir o controlador nos Pentium, é melhor deixar um orgão seu em troca mais o seu salário de um ano, porque o preço vai ser aquela "facada". :(

Será que nos benchs de games também a Intel leva a melhor?

Compartilhar este comentário


Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

Para mim o teste foi totalmente tendencioso...

Como podem dizer que o AMD é melhor para jogos se o único teste com jogo que o Clube do Hardware fez o Intel deu um baile?

TODOS, vou repetir, TODOS os testes feitos por sites internacionais, dos mais renomados, aos menos conhecidos, dão vitória para a Intel em todos os jogos. E eles testaram os outros jogos, ao invés de ficar fazendo ilações sobre os possíveis resultados.

O que não entendo é a motivação do Clube do Hardware para fazer um teste tão tendencioso.

E por favor não venham dizer que todos os sites do exterior se venderam para a Intel, porque os grandes sites de teste não jogariam seu nome no lixo.

Abraços

miguel angelo

Mikatech

Compartilhar este comentário


Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

Para mim o teste foi totalmente tendencioso...

Como podem dizer que o AMD é melhor para jogos se o único teste com jogo que o Clube do Hardware fez o Intel deu um baile?

TODOS, vou repetir, TODOS os testes feitos por sites internacionais, dos mais renomados, aos menos conhecidos, dão vitória para a Intel em todos os jogos. E eles testaram os outros jogos, ao invés de ficar fazendo ilações sobre os possíveis resultados.

O que não entendo é a motivação do Clube do Hardware para fazer um teste tão tendencioso.

E por favor não venham dizer que todos os sites do exterior se venderam para a Intel, porque os grandes sites de teste não jogariam seu nome no lixo.

Abraços

miguel angelo

Mikatech

Sim, estou de pleno acordo com você, seria impossível todos os sites que mostraram uma grande vantagem para os Intel terem sido comprados, alem do mas como dito foi testado apenas um jogo e no mesmo o Intel como disse o amigo "deu um baile". Realmente estranho isso, o jeito é eu comprar um e eu mesmo fazer o teste. Vou ter que quebrar meu porquinho de moedas de ouro. rsrs. Boa tarde a todos

Compartilhar este comentário


Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

Será que alguém então consegue explicar o que houve nesse teste do Clube do Hardware?

Mas os testes estão corretos, pode ver que o Conroe bateu o FX 62 no Quake 4, seria interessante o Gabriel adicionar mais alguns jogos no teste.

Compartilhar este comentário


Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

Mas os testes estão corretos, pode ver que o Conroe bateu o FX 62 no Quake 4, seria interessante o Gabriel adicionar mais alguns jogos no teste.

É verdade, o teste foi feito com o quake 4, alguns outros jogos seriam interessantes; mas será que o Gabriel ainda tem os processadores pra teste ou teve que devolver correndo pra intel?

Compartilhar este comentário


Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

AMD vai ficar para trás agora um bom tempo... Tem que ver se eles vão fazer a transição para o processo de fabricação de 65nm rápido e melhorem substancialmente a arquitetura hammer, porque senão voltaremos a época Pentium.

Ponto para a Intel... Mas quero só ver o preço que isso aí vai chegar no Brasil :cry:

Compartilhar este comentário


Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

Mas os testes estão corretos, pode ver que o Conroe bateu o FX 62 no Quake 4, seria interessante o Gabriel adicionar mais alguns jogos no teste.

É falar sobre custo belefico ,tbem; mais faça chuva faça sol o Core 2 Duo E6600 vai ser o meu novo processador de Deus quiser :palmas:

Abs :-BEER

Compartilhar este comentário


Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

O processador é bom como vejo em todos os testes, agora quero saber dos comparativos das placas mães para esses novos Intels.

Estou muito no aguardo principalmente das placas mães para AGP, que eu sei ate agora só tem a Asrock. :devil:

Compartilhar este comentário


Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

É falar sobre custo belefico ,tbem; mais faça chuva faça sol o Core 2 Duo E6600 vai ser o meu novo processador de Deus quiser :palmas:

Abs :-BEER

Me too, se Deus quiser :)

Compartilhar este comentário


Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

Para falar a verdade, eu esperava uma maior disparidade de desempenho do Core 2 Duo E6700 e Core 2 Extreme X6800 para os demais, em alguns testes, os TOP's da AMD perderam por pouco, mas como disseram, o grande diferencial deles vai ser o custo x beneficio.

Agora, eu fiquei até com dó daquele Pentium 4 rsrsrs

Amplexos.

Compartilhar este comentário


Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

Mas os testes estão corretos, pode ver que o Conroe bateu o FX 62 no Quake 4, seria interessante o Gabriel adicionar mais alguns jogos no teste.

O que eu questiono não são os testes, e sim a conclusão que o Clube do Hardware teve com os testes. A impressão que tive é que o Clube do Hardware não quis dizer que o Conroe é muito melhor que qualquer AMD, tanto é que os primeiros a postar nesse forum disseram que já não tinham mais certeza se iam comprar os novos Intel.

Os Core 2 Duo são tão melhores que os AMD que a própia AMD já anunciou que vai diminuir o preço de seus processadores para poder rem a mesma relação custo/desempenho dos processdores da Intel.

Só o Clube do Hardware, pra não dizer que o X6800 é o melhor processador em qualquer situação.

Não sou fanboy Intel, mas dessa vez a Intel fez um excelente trabalho. Resta aguardar a reação da AMD

Abraços

Mikatech

Compartilhar este comentário


Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

Não estou entendendo mais nada. Afinal, o Core 2 é ou não é melhor que os AMD para jogos. A conclusão dos analistas do Clube do Hardware foi no sentido contrário, apesar do baile que o Intel deu no teste do Quake 4 (que, afinal de contas, é um game só). Não sei de mais nada agora.

Compartilhar este comentário


Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

Não estou entendendo mais nada. Afinal, o Core 2 é ou não é melhor que os AMD para jogos. A conclusão dos analistas do Clube do Hardware foi no sentido contrário, apesar do baile que o Intel deu no teste do Quake 4 (que, afinal de contas, é um game só). Não sei de mais nada agora.

Sim, o Intel Core 2 Duo é melhor que os Athlon FX em games.

Não é uma diferença muito grande como você pode ver, mas como dito antes, o grande diferencial deles vai ser o custo x beneficio, pois estes Athlon's são ótimos processador porém não tem um bom custo x beneficio graças ao seu elevado preço.

E o Marcelo já colocou um link com a comparaçoes destes processador em outros jogos:

[]´s

Flash

Compartilhar este comentário


Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

Pessoal, creio que seja apenas uma uma questão de interpretação.

Antes de mais nada, saio em defesa do Clube do Hardware... Primeiro, afirmem algo ao invés de insinuarem!

Segundo, o Clube do Hardware sempre foi um site imparcial, não seria agora que mudaria, correto?

Terceiro, Se vocês observarem o tesde na parte do Sysmark2004, vocês irão ver que que a AMD ganhou na parte de Internet Content Creation, 3D Creation, 2D Creation e somente perdeu por um pouco na parte de Web Publication.

Na parte do Quake 4 a Intel foi melhor, e foi feito apenas um teste de jogo. Como vimos em sites externos foram feitos vários testes, porém no Clube do Hardware foi feito apenas um teste, e as conclusões são baseadas nos testes feitos no Clube do Hardware, e não em outros sites. ( Se fosse assim, era só ele traduzir os testes externos pra vocês, afinal, ele é fluente. )

Inacreditavelmente comparando maçãs com maçãs parece que a AMD tem os melhores processadores para o segmento de multimídia e aplicações/jogos 3D, enquanto que a família Core obteve um desempenho melhor em aplicativos populares.

Então, essa conclusão mostra que tomando base nos testes realizados por ele, ele tem razão em afirmar que a AMD se sai melhor na parte de multimídia e aplicações/jogos 3D, como ficou claro no teste do Sysmark2004.

Mas em outros tipos de aplicações, a Intel deixou a AMD comendo poeira. No segmento de aplicativos populares - programas como o Winzip, antivírus, Microsoft Office, Adobe Acrobat e navegadores de Internet - os processadores baseados na nova microarquitetura Intel Core obtiveram, em média, pelo menos o dobro de desempenho se comparado com os processadores de dois núcleos da AMD. Vimos isso claramente no Sysmark 2004, que trabalha com aplicativos do mundo real. O PCMark05, em menor escala, confirmou esta tendência.

Se ele fosse fazer algo tendencioso, não usaria o termo "comendo poeira" para demonstrar a superioridade alcançada pela Intel nos testes relacionados.

Portanto, qual processador comprar? Mais do que nunca, a escolha é sua, já que não podemos dizer com certeza que empresa tem o melhor processador. Sua decisão final deverá levar em consideração o tipo de aplicação que você irá usar, preço, e, é claro, seu gosto pessoal por uma das duas empresas.

E como foi dito no parágrafo final, a escolha é sua. Não ficou satisfeito com a conclusão? Use os resultados dos testes e tire suas próprias conclusões! Só não quero ver gente usando sites externos para comentar esse artigo, afinal, no começo do tópico está escrito "Teste dos processadores X feitos pelo Clube do Hardware..." e não Tom's Hardware!

Outra coisa, vi muitos apoiarem o Gabriel Torres quando de forma transparente ele expôs os "bastidores" da negociação com a Intel. O Clube do Hardware é um site brasileiro e muito bem sucedido, que chegou a esse patamar devido ao seu trabalho intenso e honesto... Não tem motivos para ser tedencioso!

Até mais... e qualquer dúvida, use o bom senso :)

Compartilhar este comentário


Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

Realmente, também não achei que o teste tenha sido tendencioso, não mesmo.

Fiquei meio decepcionado com os resultados... os Conroe prometiam aniquilar a AMD nos testes! Pois é...

Parece que quase todos os que reclamaram dos testes tiveram a mesma reação.

Quanto ao tomshardware, bem, eu quase comprei um PD-805 por causa de um artigo deles (valeu Chip, vou de E6600 assim que sair), e o Conroe nos testes deles também não dá aquela piaba nos AMD.

Se alguem usar o Sandra 2007 vai ver que O Core 2 Duo não é tão violento assim nos benchs, empata, perde e ganha de FX-60, FX-62 e PE.E. 965 em vários testes. Coincidência?

A AMD ainda tem tempo de fazer uma revisão decente nos K8 (cache, pipeline, intruções, 65nm, etc etc :goff:) e mostrar em um Athlon64 tudo aquilo que eu esperava do Conroe :chicote: , mas na boa, a Intel tem a melhor linha de processadores para pcs desktop (e no meu querido Yonah para laptops).

Por pouco mas tem. :rolleyes:

Agora, a Intel ganhando na relação custo/benefício, quem diria...

Compartilhar este comentário


Link para o comentário
Compartilhar em outros sites



Crie uma conta ou entre para comentar

Você precisar ser um membro para fazer um comentário







Sobre o Clube do Hardware

No ar desde 1996, o Clube do Hardware é uma das maiores, mais antigas e mais respeitadas publicações sobre tecnologia do Brasil. Leia mais

Direitos autorais

Não permitimos a cópia ou reprodução do conteúdo do nosso site, fórum, newsletters e redes sociais, mesmo citando-se a fonte. Leia mais

×