Ir ao conteúdo
Entre para seguir isso  

Todos os Modelos do Core Duo e Core Solo

       
 225.666 Visualizações    Tutoriais  
 18 comentários

Uma série de tabelas para referência rápida contendo as principais especificações técnicas de todos modelos do Core Duo e Core Solo lançados até hoje. Atualizado.

Rafael Coelho Editor-chefe do Clube do Hardware

Introdução

O Core Duo (conhecido anteriormente pelo nome-código Yonah) foi o primeiro processador da Intel voltado para o mercado de notebooks a ter tecnologia de dois núcleos, isto é, dentro dele há dois processadores completos. Curiosamente este foi também o primeiro processador da Intel adotado pela Apple. Neste tutorial nós apresentaremos as principais características do Core Duo e do Core Solo e tabelas contendo todos os modelos já lançados.

Cuidado para não confundir o processador Core Duo com o Core 2 Duo. O Core Duo  é o nome comercial para um Pentium M com dois núcleos de processamento construído com tecnologia de 65 nm. Já o Core 2 Duo é o nome comercial para o processador de nome-código Merom (para notebooks) ou Conroe (para desktops), que utiliza a nova microarquitetura Core da Intel, que é a mesma microarquitetura usada pelo Pentium M porém com novos recursos.

Na realidade este processador é um Pentium M com dois núcleos de processamento e construído com tecnologia de 65 nm (lembrando que o Pentium M é atualmente construído com tecnologia de 90 nm). Leia nosso tutorial Tecnologia de Núcleo Duplo da Intel  para entender melhor sobre esta tecnologia. Leia nosso tutorial Todos os Modelos de Pentium M se você quiser comparar o Core Duo ao Pentium M. E, ainda, se você estiver interessado na arquitetura interna deste processador, leia o nosso tutorial Por Dentro do Pentium M.

Apesar de ter dois núcleos de processamento dentro de um único processador, o tamanho do núcleo do Core Duo é praticamente o mesmo do Pentium M (núcleo Dothan). Isto significa que o custo para a Intel produzir um Core Duo é quase o mesmo para produzir um Pentium M, que tem apenas um único núcleo. O Core Duo tem 151,6 milhões de transistores ocupando uma área de 90,3 mm2, enquanto o Pentium M com núcleo Dothan possui 140 milhões de transistores ocupando uma área de 87,66 mm2. Lembre-se que o Core Duo é construído com tecnologia de 65 nm, enquanto que o Pentium M é construído com tecnologia de 90 nm.


Figura 1: Núcleo do Core Duo.

O cache de memória L2 do Core Duo é de 2 MB compartilhado entre os núcleos (a Intel chama esta implementação de cache L2 compartilhado de “Smart Cache”, ou “cache inteligente”). No Pentium D 840, por exemplo, que é um processador de núcleo duplo, o tamanho do seu cache L2 é de 2 MB, sendo 1 MB destinado para cada núcleo. Ou seja, no Pentium D existem dois cache L2 de 1 MB, um por núcleo. Já no Core Duo, existe apenas um cache L2 de 2 MB que é compartilhado entre os dois núcleos. A propósito, o Core 2 Duo usa esta mesma arquitetura introduzida no Core Duo.

Com o cache compartilhado, a quantidade de memória cache que cada núcleo utiliza não é fixa. Com um cache L2 de 2 MB, em um dado momento um núcleo pode estar usando 1,5 MB de cache e o outro 512 KB (0,5 MB), por exemplo. Se em um processador de núcleo duplo com cache separado o cache L2 de um núcleo “acabe” (isto é, seu 1 MB está sendo totalmente usado), ele precisa ir à lenta memória RAM buscar os dados, diminuindo o desempenho do sistema. No caso do cache compartilhado, cada núcleo pode simplesmente “redimensionar” o seu cache L2.

Outra vantagem do cache L2 compartilhado é que se um núcleo buscou um dado ou uma instrução e a armazenou no cache L2, esta mesma informação pode ser aproveitada pelo outro núcleo. Em processadores de núcleo duplo com memórias cache separadas o segundo núcleo teria de acessar este dado (ou instrução) através do barramento local do processador, isto é, “pelo lado de fora” do processador, usando o clock do barramento local, que é muito inferior ao clock interno do processador, diminuindo o desempenho do sistema.

As principais características do Core Duo são as seguintes:

  • Tecnologia de núcleo duplo
  • Nome-código: Yonah
  • Possui 151,6 milhões de transistores ocupando uma área de 90,3 mm2
  • 32 KB de cache L1 de instruções e 32 KB de cache L1 de dados
  • 2 MB de cache L2 compartilhado entre os dois núcleos
  • Soquete 478 ou 479
  • Tecnologia de 65 nm
  • Barramento externo de 667 MHz (166 MHz transferindo quatro dados por pulso de clock) ou 533 MHz (133 MHz transferindo quatro dados por pulso de clock). .
  • Tecnologia de Virtualização
  • Tecnologia Execute Disable
  • Tecnologia Enhanced SpeedStep, que permite que o processador reduza o seu clock interno em momentos de ociosidade de modo a economizar bateria
  • Suporte às instruções SSE3.

O Core Solo é a versão do Core Duo com apenas um núcleo de processamento. Ele mantém as outras especificações técnicas do Core Duo, como cache de memória L2 de 2 MB, tecnologia de 65 nm, tecnologia de Virtualização, tecnologia Execute Disable, tecnologia Enhanced SpeedStep, suporte às instruções SSE3 e barramento externo de  533 ou 667 MHz.

O Core Duo e o Core Solo fazem parte da plataforma Centrino. Para detalhes completos sobre a plataforma Centrino leia o nosso tutorial Tudo o Que Você Precisa Saber Sobre a Plataforma Centrino.

Editado por Cássio Lima

Compartilhar



  Denunciar Artigo
Entre para seguir isso  

Comentários de usuários


Como todos, muito bom este tópico.

Parece realmente que a Intel está com condições de brigar de igual para igual com a AMD, pela revolução em suas arquiteturas nos processadores. Espero o mesmo com os processadores para Desktop.

Mas eu tenho dúvidas: a diferença entre os modelos Lxxxx e Txxxx é apenas o clock? Eu acho que não, até porque o L2400 tem o mesmo clock que o T2300 e o TDP é diferente (e que diferença gritante para o mercado de processadores para dispositivos móveis), e se é diferente, há alguma diferença entre essas arquiteturas. Mas quais?

E quanto ao processador Turion 64 ML-44, usado na comparação, qual é o seu clock interno?

Compartilhar este comentário


Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

Ainda temos também o Core Duo T2700 de 2.33GHz e TDP de 31Watts.

Mas eu tenho dúvidas: a diferença entre os modelos Lxxxx e Txxxx é apenas o clock? Eu acho que não, até porque o L2400 tem o mesmo clock que o T2300 e o TDP é diferente (e que diferença gritante para o mercado de processadores para dispositivos móveis), e se é diferente, há alguma diferença entre essas arquiteturas. Mas quais?

E quanto ao processador Turion 64 ML-44, usado na comparação, qual é o seu clock interno?

A diferença entre os modelos T, L, U são as voltagens, que assim, ganha-se um menor consumo os modelos L e U, porém o processador é mais "refinado" que já são os T e, conseqüentemente ganham um maior preço.

Aqui vai um exemplo:

Txxxx, modelos mais comuns, que consomem entre 25 até 49W máximos (consumo nominal de 31W).

Lxxxx, modelos de baixa tensão, que consomem entre 5 até 21W máximos (consumo nominal de 15W).

Uxxxx, modelos de ultra-baixa tensão, que consomem entre 1 até 10W máximos (consumo nominal de 5W).

A mesma coisa vale para os atuais Turions, os ML-xx consomem mais, os MT-xx menos.

E para sua pergunta, um Turion 64 ML-44 possui o clock de 2.4GHz, com 1MB de cache L2, contra 512KB do Turion 64 ML-42 que também opera na freqüência de 2.4GHz.

[]'s,

Bruno Inf.

Compartilhar este comentário


Link para o comentário
Compartilhar em outros sites
Txxxx, modelos mais comuns, que consomem entre 25 até 49W máximos (consumo nominal de 31W).

Lxxxx, modelos de baixa tensão, que consomem entre 5 até 21W máximos (consumo nominal de 15W).

Uxxxx, modelos de ultra-baixa tensão, que consomem entre 1 até 10W máximos (consumo nominal de 5W).

Pelo o que conseguir entender nessa parte, os processadores Core Duo Txxx, são os mais consumidores de energia, seguidos pelo Lxxxx, e o Uxxx (este não é citado pelo Clube do Hardware).

Porém não conseguir entender ainda "A diferença entre os modelos T, L, U são as voltagens, que assim, ganha-se um menor consumo os modelos L e U, porém o processador é mais "refinado" que já são os T e, conseqüentemente ganham um maior preço. "

Entendi até as voltagens, mas o que quis dizer com "refinado"?

Com exceção do Uxxxx que não é citado pelo Clube do Hardware, os processadores Txxxx e Lxxxx têm a mesma característica:

As principais características do Core Duo são as seguintes:

Tecnologia de núcleo duplo

Nome-código: Yonah

Possui 151,6 milhões de transistores ocupando uma área de 90,3 mm2

32 KB de cache L1 de instruções e 32 KB de cache L1 de dados

2 MB de cache L2 compartilhado entre os dois núcleos

Soquete 479

Tecnologia de 65 nm

Barramento externo de 667 MHz (166 MHz transferindo quatro dados por pulso de clock).

Tecnologia de Virtualização

Tecnologia Execute Disable

Tecnologia Enhanced SpeedStep, que permite que o processador reduza o seu clock interno em momentos de ociosidade de modo a economizar bateria

Suporte às instruções SSE3.

Então o que muda é realmente apenas a tensão??? Se sim, o TDP aumentará como consequencia. Mas porque o aumento de tensão se, com isso, não ganha-se nada?

Outra dúvida: o Merom realmente substituirá todos os Core Duos Yonah? E a diferença entre eles é apenas o suporte as intruções 64 bits (EM64T)?

Compartilhar este comentário


Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

nfoGeniu§,

De forma bem simples,

Comparando um modelo T com um modelo L de mesmo clock eles terão as mesmas características, mas o modelo L opera com uma tensão menor, uma tensão menor significa menos consumo de energia, porém deixa o processador instavel, para evitar a instabilidade o núcleo é mais refinado e isso o torna mais caro.

Compartilhar este comentário


Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

Sera que a intel esta conseguindo colocar os dois núcleos trabalhando em um unico processo? O desempenho deste core duo ta muito alem do pentium m trabalhando a mesma freqüência. Quebraram o recorde do super pi com ele.

Compartilhar este comentário


Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

Não, nenhum processador hoje consegue colocar dois núcleos rodando o mesmo processo,

E a propósito, esse Core Duo com o record do Super PI é o Conroe?

Compartilhar este comentário


Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

Impressionante esse recorde com o Core Duo:

<div class='bbimg'>%7Boption%7Dhttp://www.geocities.jp/gbxfs134/16906.JPG' border='0' alt='Imagem postada pelo usuário' /></div>

Para um Intel NetBurst se igular nisso, ele precisa de uns 7.6~7.8GHz.

Mas comparado ao Conroe não é tão assutador assim não, tendo em vista que o Conroe com somente 2.4GHz fez 21s no SuperPI 1MB. :ahh:

[]'s,

Bruno Inf.

Compartilhar este comentário


Link para o comentário
Compartilhar em outros sites
Postado Originalmente por EduardoS@08 de abril de 2006, 20:06

nfoGeniu§,

De forma bem simples,

Comparando um modelo T com um modelo L de mesmo clock eles terão as mesmas características, mas o modelo L opera com uma tensão menor, uma tensão menor significa menos consumo de energia, porém deixa o processador instavel, para evitar a instabilidade o núcleo é mais refinado e isso o torna mais caro.

Refinado no sentido de que a matéria prima,metal,silico (artigo sobre construção de chips) é feito especialmente para não disperdiçar eletricidade,mas o custo aumenta na mesma proporção da diminuição do gasto elétrico :tantan:

Compartilhar este comentário


Link para o comentário
Compartilhar em outros sites
Postado Originalmente por EduardoS@10 de abril de 2006, 19:59

Não, nenhum processador hoje consegue colocar dois núcleos rodando o mesmo processo,

E a propósito, esse Core Duo com o record do Super PI é o Conroe?

Eduardo

se não estão trabalhando em paralelo , voce teria uma explicaçao melhor para um desempenho muito maior em aplicacoes de um unico processo, e um desempenho apenas regular em aplicaçoes para multiprocessamento?http://www.tomshardware.com/2006/01/16/will_core_duo_notebooks_trade_battery_life_for_quicker_response/page19.html

Compartilhar este comentário


Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

Agora abriu:

http://www.tomshardware.com/2006/01/16/wil...icker_response/

O desempenho me pareceu normal para um Dual Core... Melhor em mult-threading e inferior no single-threading...

Mas cuidado com os benchs desse artigo que usam - mesmo que parcialmente - a placa de video, a placa não foi a mesma para os três sistemas:

Core Duo - X1600 512MB

Pentium M - X600 128MB

Turion ML-40 - X300 128MB

A X300 usa parte do RAM e disputa a banda com o processador, a X600 e X1600 eu não saberia dizer se usam memória própria ou se usam parte do RAM.

Compartilhar este comentário


Link para o comentário
Compartilhar em outros sites
Postado Originalmente por EduardoS@18 de abril de 2006, 10:17

Agora abriu:

http://www.tomshardware.com/2006/01/16/wil...icker_response/

O desempenho me pareceu normal para um Dual Core... Melhor em mult-threading e inferior no single-threading...

Mas cuidado com os benchs desse artigo que usam - mesmo que parcialmente - a placa de video, a placa não foi a mesma para os três sistemas:

Core Duo - X1600 512MB

Pentium M - X600 128MB

Turion ML-40 - X300 128MB

A X300 usa parte do RAM e disputa a banda com o processador, a X600 e X1600 eu não saberia dizer se usam memória própria ou se usam parte do RAM.

Ok. Eu fiz uma confusao, e agora ficou mais claro para mim. Obrigado pelo esclarecimento.

Compartilhar este comentário


Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

Essa tabela ta meio furada, tem o T2370 o T2390 que veio no meu Kennex e devem ter mais alguns, mas mesmo assim, muito bom artigo.

Só agora prestei a atenção na data do artigo, mas precisam atualizar isso pra estar no topo do fórum...

Compartilhar este comentário


Link para o comentário
Compartilhar em outros sites


Crie uma conta ou entre para comentar

Você precisar ser um membro para fazer um comentário







Sobre o Clube do Hardware

No ar desde 1996, o Clube do Hardware é uma das maiores, mais antigas e mais respeitadas publicações sobre tecnologia do Brasil. Leia mais

Direitos autorais

Não permitimos a cópia ou reprodução do conteúdo do nosso site, fórum, newsletters e redes sociais, mesmo citando-se a fonte. Leia mais

×