Ir ao conteúdo
Entre para seguir isso  

Ventoinha para Discos Rígidos

       
 61.748 Visualizações    Tutoriais  
 1 comentário

Aprenda sobre ventoinhas para discos rígidos.

Ventoinha para Discos Rígidos
Gabriel Torres Editor executivo do Clube do Hardware

Atualmente não é só o processador da máquina que gera calor! A placa de vídeo, a placa-mãe, as memórias e o disco rígido são também grandes fontes de calor. Acontece que a maioria das pessoas dá muita importância para a ventilação do processador e muita pouca importância para a ventilação dos demais componentes do computador.

Uma boa ventilação dos componentes é essencial para prolongar a vida útil não só do componente que esquenta, mas também dos demais componentes existentes dentro do micro.

Geralmente costumamos dizer que a peça mais importante do micro é o disco rígido. Pense bem: se o processador de sua máquina se queima, basta trocá-lo para o seu micro voltar a funciona como antes. Se o seu disco rígido queimar e você não tiver backup de seus dados, já era...

Alguns bons fabricantes de coolers, como a Cybercooler (http://www.cybercoolerinc.com), desenvolveram dissipadores de calor e ventoinhas específicos para discos rígidos. Esse tipo de dissipador e ventoinha é particularmente recomendado para os novos discos rígidos, que geram bastante calor, bem como para discos rígidos de alto desempenho (discos com rotação de 7.200 rpm).

A instalação desse tipo de dissipador de calor e ventoinha é extremamente simples e qualquer usuário pode fazer com facilidade. Basta abrir o micro, desaparafurar o disco rígido do gabinete e aparafusar o dissipador de calor embaixo do disco rígido. Em seguida, basta prender o conjunto de volta ao gabinete do micro. A ventoinha possui um conector que deve ser ligado à fonte de alimentação.

É claro que essa ventoinha irá refrigerar o disco rígido, porém em contrapartida irá aumentar o volume de ar quente existente dentro do gabinete do micro. Por isso, é preciso prestar bastante atenção a como está a circulação de ar dentro do gabinete. Em micros para usuários normais, a ventilação que vem com o gabinete é suficiente. Essa ventilação é baseada na ventoinha existente na fonte de alimentação, que puxa o ar quente de dentro do micro e joga-o para fora do gabinete. As ranhuras existentes na parte frontal do gabinete permitem que o ar frio entre corretamente, criando um correto fluxo de ar.

Em micros de alto desempenho, isto é, com componentes que esquentam muito (processadores de alto desempenho e placas de vídeo 3D de última geração), é interessante pensar em aumentar esse fluxo de ar, através da instalação de uma ventoinha adicional ao gabinete do micro. Essa ventoinha deve ser instalada em local apropriado dentro do gabinete, em sua parte dianteira, abaixo da baia do disco rígido. Essa ventoinha deve ser instalada no sentido de ventilação, isto é, forçando o ar frio a entrar do lado de fora para dentro do gabinete.

Compartilhar



  Denunciar Artigo
Entre para seguir isso  

Comentários de usuários


Olá! Sempre li esses artigos do Gabriel, mas dessa vez ele cometeu um erro imperdoável...'e muita pouca importância para a ventilação '. É 'muito pouca importância', Gabriel.

Compartilhar este comentário


Link para o comentário
Compartilhar em outros sites


Crie uma conta ou entre para comentar

Você precisar ser um membro para fazer um comentário






Sobre o Clube do Hardware

No ar desde 1996, o Clube do Hardware é uma das maiores, mais antigas e mais respeitadas publicações sobre tecnologia do Brasil. Leia mais

Direitos autorais

Não permitimos a cópia ou reprodução do conteúdo do nosso site, fórum, newsletters e redes sociais, mesmo citando-se a fonte. Leia mais

×