Imprimir artigo
SLI vs. CrossFire
por em Tutoriais
294.112 visualizações
Página 1 de 8

Introdução

As tecnologias SLI, da NVIDIA, e CrossFire (muitas vezes grafado somente CF), da AMD, permitem que mais de uma placa de vídeo seja conectada em paralelo de modo a aumentar o desempenho em jogos. Neste tutorial explicaremos tudo o que você precisa saber sobre essas tecnologias..

Nota: A tecnologia CrossFire foi criada pela ATI, empresa que foi comprada pela a AMD em 2006. Ao longo deste tutorial falaremos apenas “AMD”, sendo que o que falaremos é válido para placas de vídeo antigas com chip ainda rotulados como “ATI”.

Primeiro, vamos falar sobre as semelhanças entre essas duas tecnologias:

  • Permitem que mais de uma placa de vídeo compatível com o modo seja conectada em paralelo para aumentar o desempenho em jogos. Esta é uma boa maneira de aumentar o desempenho do seu computador comprando uma segunda placa de vídeo e mantendo a sua placa de vídeo antiga instalada, desde que elas e a placa-mãe sejam compatíveis com o modo SLI ou CrossFire, é claro.
  • Permite apenas que placas de vídeo usando chips do fabricante sejam usadas. Isto é, o SLI suporta apenas placas de vídeo com chip da NVIDIA e o CrossFire suporta apenas placas de vídeo com chip da AMD.
  • A tecnologia só está disponível em placas-mãe compatíveis. O fato de uma placa-mãe ter mais de um slot PCI Express x16 não é garantia que ela será compatível com as tecnologias CrossFire ou SLI. Logo, você deverá conferir se a sua placa-mãe é compatível com o modo pretendido antes de se empolgar e sair comprando uma segunda placa de vídeo.
  • Ambas tecnologias suportam duas, três ou quatro placas de vídeo (modos chamados duas vias, três vias e quatro vias pelos fabricantes, respectivamente), mas nem todas as placas de vídeo podem ser compatíveis com todos estes modos.
  • O limite é, na realidade, de processadores de vídeo. Dessa forma, só é possível ter até duas placas de vídeo caso elas tenham dois processadores de vídeo cada.
  • Ao usar duas placas de vídeo em paralelo, o desempenho do jogo não é dobrado, assim como ao usar três placas o desempenho não é triplicado nem ao usar quatro o desempenho é quadruplicado. O ganho de desempenho dependerá sobretudo do jogo usado; alguns jogos aproveitam melhor as tecnologias SLI e CrossFire, enquanto que outros se beneficiam menos. O quanto o desempenho do jogo aumentado pela tecnologia é referido, pelos entusiastas, por “escalabilidade”. Outro detalhe importante é em relação ao processador do computador, que pode estar limitando o desempenho caso ele não seja rápido o suficiente para manter as placas de vídeo ocupadas o tempo todo.
  • Atualmente ambas tecnologias suportam o uso de múltiplos monitores de vídeo em jogos que suportem esse tipo de configuração. No entanto, todos os monitores têm de obrigatoriamente ser conectados à placa de vídeo principal. Com isso, você fica limitado ao número de monitores suportados por esta placa.
  • Tanto a NVIDIA (Optimus) quanto a AMD (Dynamic Switchable Graphics) trazem recurso para manter o chip gráfico desativado e manter em uso o controlador de vídeo integrado ao processador para economizar energia quando o usuário não está rodando jogos. Ambas só existem em computadores portáteis.

Nota: QuadSLI não é a mesma coisa que SLI de quatro vias. QuadSLI refere-se ao modo SLI usando duas placas de vídeo com dois chips gráficos cada.

Já as principais diferenças entre essas duas tecnologias são:

  • Na tecnologia SLI as duas placas de vídeo precisam ser baseadas no mesmo chip gráfico e terem a mesma quantidade de memória (elas não precisam ser do mesmo “fabricante”, isto é, ASUS, Gigabyte, MSI, EVGA, etc.). É possível ter placas com clocks diferentes, porém erros na imagem (“artefatos”) poderão aparecer. Neste caso, é recomendado configurar as placas para rodarem com o mesmo clock. Esta configuração não é feita de forma automática.
  • Na tecnologia CrossFire, as duas placas de vídeo não precisam ser baseadas no mesmo chip, porém elas precisam ser compatíveis. Normalmente isto significa que elas precisam ser da mesma série. Nas novas placas cujo nome de modelo começa com “R”, no entanto, só é possível usar em conjunto placas com exatamente o mesmo nome, assim como ocorre com o SLI.
  • O SLI roda jogos em modo janela (“windowed”), enquanto que o CrossFire é incompatível com este modo
  • A maioria das placas-mãe com mais de um slot PCI Express x16 é compatível com o modo CrossFire; a quantidade de placas-mãe compatíveis com o modo SLI é menor.
  • O CrossFire permite combinar o poder de processamento do motor gráfico de processadores AMD com o de placas de vídeo com chip da AMD em um modo chamado “Dual Graphics”, caso ambos sejam compatíveis com esta tecnologia. A NVIDIA já teve tecnologia equivalente (GeForce Boost), porém no momento não tem um equivalente para essa funcionalidade.
  • O SLI traz um modo para aumento de qualidade de imagem chamado “SLI AA”. O CrossFire tinha um modo equivalente, chamado “Super AA”, quando ele foi lançado, porém este modo foi removido e não existe mais.

Antes de prosseguirmos, é importante mencionarmos duas tecnologias relacionadas que achamos importante que você conheça:

  • Virtu Universal MVP: solução que permite combinar o desempenho de uma placa de vídeo ao desempenho do processador gráfico integrado do processador, independentemente do fabricante do processador e do chip gráfico. Para mais informações, leia “Teste da tecnologia Virtu Universal MVP”. Nota: aparentemente esta tecnologia saiu de linha.
  • PhysX: é possível dedicar uma placa de vídeo com chip da NVIDIA para processamento de cálculos físicos em jogos que suportem a tecnologia PhysX. A placa de vídeo principal não precisa ter chip da NVIDIA. É uma maneira interessante de você reaproveitar uma placa de vídeo antiga com chip da NVIDIA caso você rode jogos baseados nessa tecnologia. Para mais informações, leia nosso tutorial “Como instalar e configurar uma placa de vídeo PhysX dedicada”.

É importante entender que ambas tecnologias já passaram por diversas gerações e modificações, e detalhes de operação e compatibilidade no passado não são necessariamente os mesmos de hoje em dia.

ARTIGOS RELACIONADOS
ÚLTIMOS ARTIGOS
468.954 usuários cadastrados
2.907 usuários on-line