Imprimir artigo
SLI vs. CrossFire
por em Tutoriais
Última atualização:
337.596 visualizações
Página 4 de 8

SLI

O SLI foi originalmente introduzido pela 3dfx em 1998 em suas placas Voodoo 2. Nesta época SLI significava Scan Line Interleaving (Intercalamento de Varredura) e funcionava fazendo com que cada chip gráfico processasse um grupo de linhas (um chip gráfico processando as linhas pares e outro processando as linhas ímpares). A NVIDIA comprou a 3dfx em 19 de abril de 2001 e introduziu um conceito similar e atualizado para suas placas de vídeo em junho de 2004, renomeando SLI para Scalable Link Interface ou Interface de Link Escalável..

O SLI pode funcionar nos seguintes modos:

  • SFR (Split Frame Rendering ou Renderização por Divisão de Quadros), onde cada quadro é dividido em dois e cada metade é enviada para um chip gráfico diferente para ser processado. Ver Figura 3.
  • AFR (Alternate Frame Rendering ou Renderização Alternada de Quadros), onde cada chip gráfico processa um quadro inteiro, mas enquanto um chip gráfico está processando o quadro atual, o outro chip já está renderizando o próximo quadro, portanto quando o primeiro quadro é enviado, o segundo quadro já está renderizado (idealmente) ou praticamente renderizado. Ver Figura 4.
  • SLI AA (Anti-Aliasing): este modo não é voltado para aumentar o desempenho em jogos, mas para aumentar a qualidade da imagem. Na verdade, neste modo o jogo normalmente roda mais lento, mas com uma melhor qualidade de imagem. Enquanto que com uma única placa de vídeo você pode obter tipicamente apenas até os modos anti-aliasing 4x ou 8x, com o SLI este número pode ser elevado para 8x, 16x ou 32x.

SLI vs. CrossFire
Figura 3: modo Split Frame Rendering (SFR)

SLI vs. CrossFire
Figura 4: modo Alternate Frame Rendering (AFR)

Outras tecnologias correlatas:

  • GeForce Boost: modo que não existe mais, permitia que o processamento de um motor gráfico embutido em chipsets da NVIDIA fosse combinado ao de um chip gráfico “avulso” para aumentar o desempenho, caso ambos fossem compatíveis com esta tecnologia. Uma lista de chips compatíveis pode ser encontrada aqui. O Virtu Virtual MVP mencionado na introdução surgiu para preencher a lacuna deixada pela extinção desta tecnologia.
  • HybridPower/Optimus: tecnologia que permite que o vídeo seja gerado pelo processador ou chipset enquanto o usuário não estiver demandando por desempenho, alternando automaticamente para o processador gráfico dedicado quando o usuário rodar jogos (ou qualquer outra aplicação que de fato exija o uso do chip gráfico dedicado), de forma a economizar energia e aumentar a autonomia da bateria. Esta tecnologia está disponível apenas em computadores portáteis. HybridPower é o nome antigo e Optimus é o novo nome.

Nota: os modos HybridPower e GeForce Boost eram coletivamente chamados Hybrid SLI.

ARTIGOS RELACIONADOS
ÚLTIMAS NOTÍCIAS EM VÍDEO
ÚLTIMOS ARTIGOS
530.153 usuários cadastrados
279 usuários on-line