Ir ao conteúdo

Teste do smartphone Quantum SKY

       
 7.737 Visualizações    Testes  
 5 comentários

Testamos o Quantum SKY, smartphone com tela Full HD de 5,5 polegadas, processador de oito núcleos, 4 GiB de RAM e 64 GiB de armazenamento, com câmera frontal de 16 Mpixel. Confira!

Teste do smartphone Quantum SKY
Abel Alves Colaborador do Clube do Hardware

Introdução

Testamos o Quantum SKY, novo smartphone da Quantum que vem para brigar na faixa intermediária do mercado. Com tela Full HD de 5,5 polegadas, processador com oito núcleos, 4 GiB de memória RAM e 64GiB de armazenamento, ele tem bom desempenho e não fica muito atrás do Quantum FLY, aparelho da marca com foco em desempenho. Confira!

O Quantum SKY é mais um smartphone da marca Quantum, que também fabrica o Quantum FLY, o Quantum GO e o Quantum MÜV (lançado em 2016). Para quem ainda não conhece, a Quantum é uma empresa nova, subsidiária da Positivo Informática. Embora utilize as fábricas da Positivo para produção, é uma empresa totalmente independente.

As especificações do Quantum SKY são excelentes: processador MediaTek MT6755 de 64 bits com oito núcleos, 4 GiB de memória RAM, 64 GiB de memória para armazenamento, expansível até 256 GiB via cartão microSD, tela IPS de 5,5 polegadas com resolução Full HD (1920 x 1080 pixels), além de uma bateria de 4.010 mAh. A câmera traseira é de 13 MP (lente f/2.0 e sensor Sony IMX 258). Já a frontal é de 16 MP (lente f/2.0 com sensor Samsung S5K3P3). Ambas possuem flash LED. Seu peso é de 182 gramas e roda Android 7.0.

O aparelho está disponível nas cores prata ou dourado.

A Figura 1 mostra a caixa do Quantum SKY.

QuantumFly_01.jpg

Figura 1: caixa do produto

Dentro da caixa do produto, além do smartphone, encontramos um carregador e cabo USB, fone de ouvido, manual do usuário, certificado de garantia e ferramenta para abrir os compartimentos para cartões. Um diferencial é que o Quantum SKY vem como uma capa transparente para proteção do aparelho.

QuantumFly_02.jpg

Figura 2: conteúdo da caixa do Quantum SKY.

A Figura 3 mostra a parte frontal do Quantum SKY. Assim como no Quantum FLY, ela é toda de vidro, com o alto-falante e a câmera frontal (para “selfies”) com seu flash dedicado na parte de cima, e a abertura do microfone na parte de baixo. Há um botão físico com sensor de impressões digitais integrado, bem como os botões capacitivos dedicados (que não ficam na própria tela como no Quantum FLY). As bordas são de metal.

QuantumFly_03.jpg

Figura 3: o Quantum SKY – visão frontal

Compartilhar

  • Curtir 3


  Denunciar Artigo

Artigos similares


Comentários de usuários


Achei estranho no parecer dos testes ser mencionado que "o ZenFone 4 apresentou uma pontuação 80% maior do que a do Zenfone 3 e 68% maior do que a do Galaxy S6 Edge", okay, mas a matéria é sobre o Quantum e para quem quer saber dele não há informações!!
Acredito que seria plausível informar "O Quantum foi X% mais lento que o ZenFone 4, Y% mais lento que o ZenFone 3 e Z% mais lento que o Edge."

O mesmo ocorre no teste do AnTuTu 6.2.7.

 

No mais, muito boa a análise uma vez sendo um produto fabricado no Brasil!

Compartilhar este comentário


Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

Bom dia!

Muito bom ver uma marca brasileira com um produto tão competente. Principalmente se tratando do quesito duração de bateria. Gostei tambem do Android, bem enxuto.

Quero fazer duas observações: na primeira página a legenda da figura 2 diz Quantum FLY (não deveria ser SKY?). A segunda observação diz respeito ao  terceiro parágrafo da segunda página no qual percebi uma certa redundância. :)

Editado por Reb0rn

Compartilhar este comentário


Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

Essa economia porca de escolher entre usar um cartão micro SD ou o chip nano SIM não condiz nem com produtos um pouco abaixo do valor. Infelizmente isso está virando moda. Esta restrição também poderia constar na última página do artigo, na seção "pontos fracos".

Compartilhar este comentário


Link para o comentário
Compartilhar em outros sites
11 horas atrás, ThiagoLuiz disse:

Achei estranho no parecer dos testes ser mencionado que "o ZenFone 4 apresentou uma pontuação 80% maior do que a do Zenfone 3 e 68% maior do que a do Galaxy S6 Edge", okay, mas a matéria é sobre o Quantum e para quem quer saber dele não há informações!!
Acredito que seria plausível informar "O Quantum foi X% mais lento que o ZenFone 4, Y% mais lento que o ZenFone 3 e Z% mais lento que o Edge."

O mesmo ocorre no teste do AnTuTu 6.2.7.

 

No mais, muito boa a análise uma vez sendo um produto fabricado no Brasil!

Obrigado por avisar, acabou saindo o texto errado.

Compartilhar este comentário


Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

Parece um Meizu inclusive a caixa onde vem embalado é igual!!!

 

Editado por T1000_2015

Compartilhar este comentário


Link para o comentário
Compartilhar em outros sites


Crie uma conta ou entre para comentar

Você precisar ser um membro para fazer um comentário






Sobre o Clube do Hardware

No ar desde 1996, o Clube do Hardware é uma das maiores, mais antigas e mais respeitadas publicações sobre tecnologia do Brasil. Leia mais

Direitos autorais

Não permitimos a cópia ou reprodução do conteúdo do nosso site, fórum, newsletters e redes sociais, mesmo citando-se a fonte. Leia mais

×