Imprimir artigo
Teste da Unidade SSD Intel SSD 750 Series 1,2 TiB
por em Testes
Última atualização:
36.554 visualizações
Página 7 de 7

Conclusões

Produto Recomendado Clube do Hardware

Como já mencionamos no início deste artigo, é preciso ter em mente que o Intel SSD 750 Series de 1,2 TiB e o Kingston HyperX Savage de 480 GiB não são produtos que concorrem diretamente entre si. Apesar de ambos utilizarem o barramento PCI Express x4, o preço dos dois produtos é bastante diferente, além de terem capacidades distintas. O SSD 750 Series de 400 GiB poderia ser considerado um concorrente do modelo da Kingston, mas seu desempenho, segundo a Intel, é inferior ao do modelo de 1,2 TiB. Infelizmente não tivemos acesso a esse modelo de 400 GiB..

Outro detalhe que diferencia os dois modelos é que o Kingston HyperX Predator utiliza barramento PCI Express 2.0 x4, enquanto o Intel SSD 750 Series utiliza barramento PCI Express 3.0 x4. Inclusive, nossos testes mostraram que, ao ser conectado a um slot PCI Express 2.0 x4 controlado pelo chipset em vez de um slot controlado diretamente pelo processador, o desempenho do modelo da Intel caiu em até 55%.

Aliás, esse pode ser considerado um problema, caso o computador onde você vai instalar o SSD 750 Series tenha uma configuração limitada de slots ou uma configuração SLI ou CrossFire que utilize a totalidade das pistas PCI Express 3.0 oferecidas pelo seu processador; você pode ter de optar entre reduzir o desempenho das placas de vídeo ou do SSD.

Um ponto que fica claro em nossos testes é o fato de que ambas as unidades tiveram desempenhos semelhantes tanto nos testes com dados compactáveis quanto nos testes com dados não compactáveis, o que condiz com o fato de ambos serem unidades topo de linha. Outro ponto notável é que o SSD 750 Series não tem a limitação imposta pelo barramento PCI Express 2.0 x4, que tem uma largura de banda teórica máxima de 2 GB/s. Assim, ele consegue superar essa marca quando instalado no slot correto.

A principal (e óbvia) conclusão de nosso teste é que o Intel SSD 750 Series de 1,2 TiB é um dispositivo de desempenho incrível. Também fica claro que ele só atinge o máximo de seu potencial de desempenho quando submetido a um regime severo de trabalho; isto deve-se ao fato de ter sido originalmente projetado para aplicações corporativas e servidores, em particular servidores de banco de dados. Assim, em situações onde um altíssimo desempenho de armazenamento pode melhorar a produtividade de uma atividade profissional, ele é uma excelente opção.

A principal pergunta que pode ter ficado é se ele vale a pena para o usuário doméstico, entusiasta por hardware ou aficionado por jogos. Na maioria dos casos, a resposta é “não”, por conta de seu alto custo. Na verdade, apenas com o valor deste SSD, é possível montar um computador completo de alto desempenho. Porém, caso você seja extremamente rico e esteja montando a máquina mais poderosa possível, O Intel SSD 750 Series de 1,2 TiB é uma ótima opção.

AUTOR
Rafael Otto Coelho
Rafael Otto Coelho
Editor-Chefe

Técnico em Eletrônica, Licenciado em Física e Mestre em Educação, Rafael Coelho é apaixonado por hardware, e trabalha como professor de Física em uma instituição de ensino superior. É também comentarista do nosso podcast e moderador do nosso fórum. Tem como hobby aeromodelismo. Mora em Pelotas/RS.

ARTIGOS RELACIONADOS
ÚLTIMAS NOTÍCIAS EM ARMAZENAMENTO
ÚLTIMOS ARTIGOS