Imprimir artigo
Teste do Gigabyte BRIX Pro
por em Testes
Última atualização:
26.692 visualizações
Página 7 de 7

Conclusões

Produto Recomendado Clube do Hardware

O Gigabyte BRIX Pro mostrou ser uma excelente opção para o usuário que procura um computador de mesa extremamente compacto, mas sem abrir mão de uma máquina de alto desempenho de processamento..

A forma como a Gigabyte está vendendo este produto, sem memória ou unidade de armazenamento, é questionável. Por um lado, ela oferece uma grande flexibilidade, pois o usuário pode escolher quanto memória quer instalar e quanto espaço de armazenamento é necessário, focando em velocidade (com um SSD), espaço (com um disco rígido tradicional) ou ambos (instalando um SSD mSATA e um disco rígido de 2,5”).

Por outro lado, o usuário médio pode ter dificuldades em escolher, comprar e instalar os componentes necessários. Ainda mais se lembrarmos de que o BRIX Pro usa os ainda não tão comuns módulos de memória DDR3L de 1,35 V. Isso sem mencionar que o usuário precisa ainda instalar o sistema operacional, os drivers e todos os programas.

Pontos Fortes

  • Extremamente compacto para um micro de mesa
  • Processador de alto desempenho
  • Desempenho 3D suficiente para jogos
  • Suporta um SSD mSATA mais uma unidade de 2,5”
  • Vem com uma boa interface Wi-Fi e Bluetooth

Pontos Fracos

  • Caro
  • Interface de áudio muito básica
  • Necessita montagem por um profissional, ou pelo menos por um usuário experiente
  • Poderia vir com um slot M.2 em vez de um mSATA
  • Um pouco barulhento quando a plena carga
AUTOR
Rafael Otto Coelho
Rafael Otto Coelho
Editor-Chefe

Técnico em Eletrônica, Licenciado em Física e Mestre em Educação, Rafael Coelho é apaixonado por hardware, e trabalha como professor de Física em uma instituição de ensino superior. É também comentarista do nosso podcast e moderador do nosso fórum. Tem como hobby aeromodelismo. Mora em Pelotas/RS.

ARTIGOS RELACIONADOS
ÚLTIMAS NOTÍCIAS EM OUTROS
ÚLTIMOS ARTIGOS
529.539 usuários cadastrados
959 usuários on-line