Imprimir artigo
Teste do Mouse Aivia Neon da Gigabyte
por em Testes
Última atualização:
15.662 visualizações
Página 6 de 6

Conclusões

Produto Recomendado Clube do Hardware

O Neon evoca aquela velha expressão “por que não pensaram nisso antes?”. Para o executivo sempre em viagens, faz sentido levar um mouse sem fio na bagagem que ainda sirva como apontador de apresentações, o que dispensa incluir mais um acessório na mala (que geralmente consome pilhas). Esse é basicamente o nicho de mercado do produto, mas usuários que buscam uma forma de controlar à distância o notebook ligado à TV podem considerá-lo um bom investimento. Como mouse, ele não vai além do básico e pode incomodar quem tem mãos grandes ou quem não gosta de usar apenas a ponta dos dedos para controlá-lo. Como apontador, a precisão depende um pouco do operador – um sensor maior, como o do Wii, ajudaria nesse quesito, mas seria mais um apetrecho a ser levado, e a intenção do Neon é ser um três-em-um que caiba no bolso..

Pontos Fortes

  • Três-em-um: mouse, apontador de apresentações e ponteiro laser
  • Leve e prático de operar
  • Sistema alternativo de recarga
  • Inclui bolsa de transporte

Pontos Fracos

  • Mouse bem básico
  • Uso apenas destro
  • Pequeno demais para mãos grandes
  • Preço será um problema no Brasil
AUTOR
André Gordirro
André Gordirro
Colaborador

Um fanático por engenhocas e viciado em games, André Gordirro escreve há dez anos sobre cultura pop, cinema, Internet e tecnologia. Ele é colaborador da revista SET, a maior publicação de cinema do país. Tijucano e tricolor, pode ser encontrado tanto no Maracanã quanto numa boa festa eletrônica - mas sua mente, dizem, habita o ciberespaço.

ARTIGOS RELACIONADOS
ÚLTIMOS ARTIGOS
529.381 usuários cadastrados
139 usuários on-line