Imprimir artigo
Teste do processador Celeron G3900
por em Testes
Última atualização:
436.781 visualizações
Página 8 de 8

Conclusões

Alguns pontos ficaram claros em nossos testes. O primeiro é que o processador Celeron G3900 não é recomendado para quem prende montar um computador para jogos, já que não tem poder de processamento suficiente para os jogos atuais, além de ter um vídeo integrado também insuficiente para estes títulos..

Outro ponto que ficou claro é que ele é um pouco mais lento do que o Pentium G4400, o que era esperado já que são dois processadores de mesma arquitetura, diferindo apenas pelo clock mais baixo e menor quantidade de memória cache no Celeron G3900.

Comparado ao A6-7400B, fica claro que o Celeron G3900 tem maior poder de processamento, embora seu vídeo integrado seja menos potente.

De qualquer forma, quem procura por um processador de entrada como o Celeron G3900, não está procurando por um processador para tarefas que exigem alto desempenho. Com isso, para aplicações simples como digitação de textos, navegação na Internet ou mesmo como reprodutor de mídia, ele pode ser uma boa compra, graças ao seu baixo custo.

AUTOR
Rafael Otto Coelho
Rafael Otto Coelho
Editor-Chefe

Técnico em Eletrônica, Licenciado em Física e Mestre em Educação, Rafael Coelho é apaixonado por hardware, e trabalha como professor de Física em uma instituição de ensino superior. É também comentarista do nosso podcast e moderador do nosso fórum. Tem como hobby aeromodelismo. Mora em Pelotas/RS.

ARTIGOS RELACIONADOS
ÚLTIMOS ARTIGOS