Imprimir artigo
Vale a pena comprar um monitor 4K?
por em Tutoriais
Última atualização:
49.767 visualizações
Página 4 de 4

Conclusões

Enfim, vale a pena comprar um monitor com resolução 4K?.

Para jogar, vai depender do seu hardware. Se você possui uma boa placa de vídeo topo de linha ou um conjunto de placas de vídeo em SLI ou CrossFire, e não se importa de perder alguns FPS em seus jogos favoritos, vale a pena. Se você tem um computador topo de linha para jogos, o valor de um monitor desses não é tão alto assim, em relação ao que você já investiu em seu computador. Mas se você precisa reduzir as opções de qualidade de vídeo para conseguir jogar com uma taxa de quadros decente mesmo em Full HD, esqueça: tentar jogar em resolução 4K só vai causar frustração. Invista primeiro em uma placa de vídeo mais potente, e só depois pense em comprar um monitor 4K.

Já para quem trabalha com edição de textos ou imagens, ou necessita ficar com mais de uma janela aberta ao mesmo tempo, o ganho de produtividade com um monitor 4K é enorme, pois um monitor 4K consegue mostrar tanta informação quanto quatro monitores Full HD. Considerando que um monitor 4K de 28 polegadas custa em torno do preço de três ou quatro monitores Full HD de 23 polegadas, porém ocupa bem menos espaço em sua mesa, a vantagem é óbvia. Em certos casos, é mais barato utilizar dois ou três monitores simultaneamente, mas quando o aumento de produtividade puder representar um aumento da rentabilidade de seu trabalho, vale a pena o investimento.

Como nota final, vale um esclarecimento em relação às conexões de vídeo utilizadas. Tipicamente, monitores 4K têm tanto entradas de vídeo HDMI quando DisplayPort, enquanto TVs 4K têm apenas entradas HDMI. O padrão HDMI até 1.4 suporta a resolução de 3840 x 2160 a no máximo 30 Hz (30 quadros por segundo). Apenas a partir do padrão HDMI 2.0 há suporte à resolução 4K com taxa de atualização de 60 Hz. A entrada DisplayPort, por outro lado, suporta a resolução 4K com 60 Hz em todas as suas versões. Desta forma, é necessário verificar quais as portas de saída de sua placa de vídeo e do monitor (ou TV) 4K que você pretende comprar; se você não puder usar uma conexão HDMI 2.0 ou DisplayPort, você terá uma taxa de atualização de no máximo 30 Hz, o que pode ser ruim, principalmente para jogos.

AUTOR
Rafael Otto Coelho
Rafael Otto Coelho
Editor-Chefe

Técnico em Eletrônica, Licenciado em Física e Mestre em Educação, Rafael Coelho é apaixonado por hardware, e trabalha como professor de Física em uma instituição de ensino superior. É também comentarista do nosso podcast e moderador do nosso fórum. Tem como hobby aeromodelismo. Mora em Pelotas/RS.

ARTIGOS RELACIONADOS
ÚLTIMAS NOTÍCIAS EM VÍDEO
ÚLTIMOS ARTIGOS
529.381 usuários cadastrados
248 usuários on-line