Ir ao conteúdo
Entre para seguir isso  

Série Radeon X1000 da ATI

       
 83.850 Visualizações    Artigos  
 1 comentário

Tudo o que você precisa saber sobre os novos chips das séries Radeon X1300, X1600 e X1800 que foram anunciados hoje.

Série Radeon X1000 da ATI
Gabriel Torres Editor executivo do Clube do Hardware

Introdução

A ATI está lançando hoje a sua mais nova série de chips gráficos baseada em uma nova arquitetura. Neste artigo estaremos explicando as principais novidades desta nova arquitetura. Esta nova série tem basicamente três famílias, uma para cada segmento de mercado: Radeon X1300 para o mercado de usuários iniciantes, Radeon X1600 para o mercado intermediário e Radeon X1800 para o mercado topo de linha. Em cada série há vários modelos sendo lançados e nós falaremos sobre cada um deles nas próximas páginas.

Por enquanto, vamos resumir o que há de novo na série Radeon X1000:

  • Modelo Shader 3.0 (isto é, DirectX 9.0c – finalmente).
  • Controlador de memória com barramento em anel nas séries Radeon X1800 e X1600.
  • High Dynamic Range (HDR) de 64 bits com suavização de serrilhado simultaneamente.
  • Novo modo de suavização de serrilhado (anti-aliasing), chamado suavização de serrilhado adaptativa (adaptive anti-aliasing), e novo modo de filtragem anisotrópica (filtragem anisotrópica de alta qualidade ou simplesmente HQ AF).
  • Precisão de ponto flutuante de 32 bits em todas as etapas de processamento.
  • O modelo topo de linha Radeon X1800 XT obtém um desempenho de ponto flutuante (isto é, desempenho matemático) de até 83 Gflops (bilhões de cálculos matemáticos por segundo). É interessante notar que a GeForce 7800 GTX da NVIDIA tem um desempenho de 165 Gflops, mas a Radeon X850 XT Platinum Edition tem um desempenho matemático de 66 Gflops e a GeForce 6800 Ultra, 54 Gflops.
  • Processamento de vídeo 2D, chamado Avivo (compete com o PureVideo, que está disponível na GeForce séries 6 e 7 da NVIDIA). Tanto o Avivo quando o PureVideo fazem com que o processamento de vídeo 2D (decodificação MPEG-2, por exemplo) seja efetuado pelo chip da placa de vídeo, em vez de usar o processador localizado na placa-mãe, fazendo com que o desempenho do micro aumente, já que isto fará com que o processador seja liberado para fazer outra coisa.
  • Processo de fabricação de 90 nm.
  • Suporte ao CrossFire em todos os modelos.
  • A ATI vai passar a documentar a sua arquitetura, isto é, qualquer pessoa interessada em saber como os chips funcionam por dentro terá essa informação.

High Dynamic Range (HDR)

O problema da iluminação é que no mundo real luzes têm brilho ilimitado e o olho humano tem uma percepção de 14 dB (10^14:1), mas placas de vídeo usando um registrador padrão de 32 bits só é capaz de reproduzir 2,4 dB (255:1), porque são usados somente 8 bits para armazenar cada componente de vídeo (R, G, B e alfa).

A série Radeon X1000 usa um registrador de ponto flutuante de 64 bits para o HDR, usando 16 bits para cada componente de vídeo. É realmente interessante notar que a GeForce série 7 da NVIDIA usa registrador de ponto flutuante de 128 bits para o HDR.

Por outro lado, a série Radeon X1000 perrmite o uso simultâneo do HDR e da suavização de múltiplas amostras (multi sampling anti-aliasing ou simplesmente MSAA).

Novos Modos de Suavização de Serrilhado e Filtragem Anisotrópica

A série Radeon X1000 traz um novo modo de suavização de serrilhado, chamada suavização adaptativa (adaptative anti-aliasing). Na Figura 1 você pode ver a diferença entre a suavização adaptativa e a suavização de múltiplas amostras (MSAA) padrão.

ATI Radeon X1000
Figura 1: Suavização de múltiplas amostras vs. suavização adaptativa.

Em relação à filtragem anisotrópica, a série Radeon X1000 apresenta um novo modo de alta qualidade de 16 amostras (16x HQ). Este tipo de filtragem melhora a qualidade de imagens que não estejam no plano tradicional. Para entender isso, lembre-se do letreiro dos filmes da série Guerra nas Estrelas. Na medida em que as letras sobem, elas ficam embaçadas e difíceis de se ler. A filtragem anisotrópica serve para que imagem não fique embaçada em casos como esse. Esta filtragem normalmente pode ser configurada com a quantidade de amostras a serem usadas no processo de filtragem. Quanto mais amostras, mais nítida será a imagem, porém mais lento fica o jogo.

Editado por

Compartilhar



  Denunciar Artigo
Entre para seguir isso  

Artigos similares


Comentários de usuários




Crie uma conta ou entre para comentar

Você precisar ser um membro para fazer um comentário






Sobre o Clube do Hardware

No ar desde 1996, o Clube do Hardware é uma das maiores, mais antigas e mais respeitadas publicações sobre tecnologia do Brasil. Leia mais

Direitos autorais

Não permitimos a cópia ou reprodução do conteúdo do nosso site, fórum, newsletters e redes sociais, mesmo citando-se a fonte. Leia mais

×