Ir ao conteúdo
Entre para seguir isso  

Tabela comparativa de preços AMD vs. NVIDIA – abril/2015

       
 11.709 Visualizações    Artigos  
 4 comentários

Uma análise comparativa de preços para responder à clássica pergunta, “qual placa de vídeo usando chip gráfico da empresa A concorre com a placa baseada no chip x da empresa B”? Inclui ainda uma análise das alterações de preço em relação ao mês passado.

Tabela comparativa de preços AMD vs. NVIDIA – abril/2015
Gabriel Torres Editor executivo do Clube do Hardware

Introdução

O objetivo dessa tabela é apresentar o posicionamento dos produtos da AMD e da NVIDIA, de forma a mostrar quais produtos são concorrentes e responder de forma rápida à uma das perguntas mais comuns de nossos leitores: “qual placa de vídeo usando chip gráfico da empresa A equivale à placa baseada no chip x da empresa B”?

O segundo objetivo é detectar tendências no mercado de placas de vídeo para computadores de mesa, tais como a entrada de novos modelos, a saída de determinados modelos, e mudanças significativas de preços. Esta análise está presente na próxima página.

Os preços foram pesquisados na Newegg.com no dia da publicação deste artigo. Decidimos por usar preços no mercado norte-americano por serem mais estáveis e para facilitar comparações em datas futuras.

É importante notar que os preços publicados são os preços mínimos que encontramos, e não incluímos produtos remanufaturados (“refurbished”) ou abertos (“open box”). Como existem várias marcas vendendo placas de vídeo baseadas no mesmo chip, o preço no mercado na realidade encontra-se em uma faixa, normalmente deUS$ 10 aUS$ 20 acima do preço mínimo publicado, e você deverá levar isso em consideração ao utilizar nossa tabela. Como o preço publicado é o mínimo, significa estamos falando do modelo de referência da placa de vídeo. Modelos com recursos adicionais tais como overclock de fábrica e sistemas de refrigeração mais incrementados custarão mais do que o publicado. O preço publicado não considera “rebates” (tipo de desconto comum nos EUA, onde você paga o preço cheio, preenche um formulário, e após alguns meses, recebe um cheque ou cartão de débito com o valor do “desconto”).

A tabela leva em consideração apenas preço, não havendo como indicar qual placa de vídeo é “melhor” ou “mais rápida”.

AMD Preço Mínimo NVIDIA
Radeon R9 295X2 US$ 689,99  
  US$ 529,99 GeForce GTX 980
  US$ 416,77 GeForce GTX 770
  US$ 399,99 GeForce GTX 780 Ti
Radeon R9 290X US$ 339,99  
  US$ 313,59 GeForce GTX 760
  US$ 309,99 GeForce GTX 970
Radeon R9 290
Radeon HD 7850
US$ 259,99  
Radeon R9 280X US$ 219,99  
Radeon R9 285
Radeon R9 280
US$ 189,99 GeForce GTX 960
Radeon R9 270X US$ 159,99  
Radeon R9 270
Radeon R7 265
US$ 149,99  
  US$ 139,99 GeForce GTX 750 Ti
Radeon HD 6970 US$ 119,99  
  US$ 114,99 GeForce GTX 750
  US$ 109,99 GeForce GTX 650
Radeon R7 250E US$ 97,99  
Radeon R7 260X
Radeon R7 250X (GDDR5)
US$ 94,99  
  US$ 93,99 GeForce GT 630 (128 bits)
Radeon HD 7750 US$ 89,99  
Radeon R7 250 (GDDR5) US$ 84,99 GeForce GT 740
Radeon R7 250 (DDR3) US$ 79,99 GeForce GT 640
Radeon R7 240 (DDR3) US$ 69,99 GeForce GT 730 (GDDR5, 128 bits)
Radeon R7 240 (GDDR5) US$ 68,99  
Radeon R5 230 US$ 68,77  
  US$ 64,99 GeForce GT 730 (GDDR5, 64 bits)
  US$ 62,99 GeForce GT 730 (DDR3, 128 bits)
Radeon HD 6570 US$ 59,99 GeForce GT 520
  US$ 56,99 GeForce GT 730 (DDR3, 64 bits)
Radeon HD 6350 US$ 52,99  
  US$ 49,99 GeForce GT 720 (DDR3)
  US$ 42,99 GeForce 6200
Radeon HD 6450 US$ 39,99 GeForce GT 610
  US$ 31,99 GeForce 8400 GS (64 bits)
GeForce 8400 GS (32 bits)
  US$ 28,99 GeForce 210
Radeon HD 5450 US$ 28,99  

Confira agora a análise detalhada das mudanças no mercado de placas de vídeo ocorridas no último mês.

Editado por

Compartilhar



  Denunciar Artigo
Entre para seguir isso  

Comentários de usuários


Lendo as tabelas, apenas 1 exemplo pra ilustrar:

R7 260X = US$ 94,99 (-13,64%).

 

Usando a cotação do dólar de hoje, arredondanda para cima:

US$ 94,99 x R$ 3,05 = R$ 289,72.

 

Acabei de fazer uma rápida pesquisa em cerca de 10 lojas online conhecidas e o menor preço à vista para uma 260X é nada mais, nada menos, que R$ 470,40 - ou 62,36% a mais!

 

Que tal? Nenhuma novidade, eu sei... mas desanima.

 

Edição: obrigado pela atualização das tabelas, Gabriel! thumbsup.gif

Editado por Duda Sgluber

Compartilhar este comentário


Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

@Duda Sgluber até que não está caro, pois o custo de importação no Brasil gira em torno de 100%. Para saber o preço no Brasil, você deve duplicar o câmbio, por exemplo, se o dólar estiver a R$ 3, você deve calcular como se o dólar fosse de R$ 6 para incluir os impostos. A culpa é do governo brasileiro e a sua filosofia de criação de barreiras artificiais para não prejudicar os fabricantes nacionais. Eu já falei trocentas vezes aqui que eu sou totalmente contra. Em vez de colocar impostos de importação para tornarem produtos nacionais competitivos, o governo deveria acabar com os impostos de importação e fazer uma reforma geral para que as empresas nacionais se tornem mais competitivas (acabar com o famigerado "Custo Brasil"). Mas infelizmente isso não vai mudar. A única solução para quem quer poder comprar eletrônicos baratos é se mudar para fora do país.

Compartilhar este comentário


Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

É verdade, @Gabriel Torres.

 

Décadas atrás, lembra-se da "Reserva de Mercado" para informática? O tempo passou, muita coisa mudou, já faz tempo que a reserva "caiu" mas, na prática, continuamos no mesmo barco.

 

Gostei da sua sugestão de dobrar o cálculo pra calcular o "preço Brasil" de produtos importados.

Compartilhar este comentário


Link para o comentário
Compartilhar em outros sites


Crie uma conta ou entre para comentar

Você precisar ser um membro para fazer um comentário






Sobre o Clube do Hardware

No ar desde 1996, o Clube do Hardware é uma das maiores, mais antigas e mais respeitadas publicações sobre tecnologia do Brasil. Leia mais

Direitos autorais

Não permitimos a cópia ou reprodução do conteúdo do nosso site, fórum, newsletters e redes sociais, mesmo citando-se a fonte. Leia mais

×