Ir ao conteúdo

Teste da placa de vídeo Zotac GeForce GTX 1050 Mini

       
 33.071 Visualizações    Testes  
 15 comentários

A GeForce GTX 1050 é o novo modelo de placa de vídeo de entrada da NVIDIA. Vamos testar o modelo Mini, da Zotac.

Teste da placa de vídeo Zotac GeForce GTX 1050 Mini
Rafael Coelho Editor-chefe do Clube do Hardware

Introdução

A GeForce GTX 1050 é a nova placa de vídeo de entrada da NVIDIA, baseada na arquitetura Pascal, chegando para concorrer no mercado de placas de vídeo de baixo custo. Vamos ver como ela se sai em nossos testes.

Esta nova placa de vídeo é baseada no chip GP107, fabricado em processo de 14 nm, que é o mesmo chip utilizado na GeForce GTX 1050 Ti. A principal diferença é que, enquanto a GTX 1050 Ti vem com todos os 768 núcleos habilitados, distribuídos em seis SM (streaming multiprocessors), na GTX 1050 um desses SM é desabilitados, de forma que a placa traz ao todo 640 núcleos de processamento.

Na GeForce GTX 1050, esses núcleos trabalham a um clock base de 1.354 MHz, alcançando um clock máximo de 1.455 MHz. Estes são os clocks padrão recomendados pela NVIDIA, mas é provável que a maioria dos modelos disponíveis no mercado utilize clocks mais altos, até mesmo porque, segundo a NVIDIA, este chip pode alcançar clocks de até 1.900 MHz.

A interface de memória é de 128 bits e o clock recomendado para a memória (padrão GDDR5) é de 7 GHz, o que dá uma largura de banda de 112 GiB/s. Em princípio, os modelos desta placa de vídeo devem vir com 2 GiB de memória de vídeo e os modelos GTX 1050 Ti com 4 GiB, mas nada impede que os fabricantes lancem modelos da GeForce GTX 1050 com 4 GiB.

Uma das características chave da GeForce GTX 1050 é o seu baixo consumo de energia: seu TDP é de apenas 75 W, de forma que não é necessária a presença de um conector adicional de energia na placa de vídeo. Porém, é possível que algum fabricante venha a lançar modelos com overclock que necessitem deste tipo de conector. A fonte de alimentação mínima recomendada é de 300 W e, com isto, esta placa de vídeo é indicada pelo fabricante justamente para quem tem um computador básico e quer deixá-lo pronto para jogos simplesmente “espetando” a placa de vídeo, sem precisar mexer em mais nada.

A outra característica chave da GTX 1050 é o seu baixo custo: o preço recomendado nos EUA é de US$ 109, enquanto no Brasil o preço recomendado anunciado no lançamento é de R$ 599. Com isto, ela posiciona-se como concorrente direta da Radeon RX 460 da AMD, sendo também uma forte substituta no mercado para a GeForce GTX 750 Ti.

Um detalhe interessante é que, ao contrário da GeForce GTX 1060 e dos modelos topo de linha desta família, não existe um modelo da GeForce GTX 1050 de referência (ou “Founders Edition”) distribuído pela própria NVIDIA.

Assim como a GTX 1060, a GeForce GTX 1050 não suporta SLI.

A GeForce GTX 1050 que testamos é fabricada pela Zotac, modelo GeForce GTX 1050 Mini, referência ZT-P10500A-10L. Trata-se de um modelo bem pequeno e que utiliza os clocks padrão (base de 1.354 MHz e boost de 1.455 MHz, com 2 GiB de memória rodando a 7 GHz).

Na Figura 1 você confere a placa analisada.

gtx1050-01.jpg

Figura 1: a Zotac GeForce GTX 1050 Mini

Decidimos testar a GeForce GTX 1050 contra a Radeon RX 460 e contra a GeForce GTX 950 da Gigabyte (modelo N950WF2OC-2GD), que também está atualmente em um patamar de preço semelhante, além de incluirmos no comparativo uma GeForce GTX 750 Ti para termos uma ideia de diferença de desempenho entre as gerações.

Na tabela abaixo, comparamos as principais especificações das placas de vídeo incluídas neste teste. Os preços foram pesquisados na Newegg.com no dia da publicação do teste.

Placa de vídeo

Clock dos núcleos

Clock turbo

Clock da memória (efetivo)

Interface de memória

Taxa de transferência da memória

Memória

Núcleos de processamento

TDP

DirectX

Preço

Zotac GeForce GTX 1050 Mini(ZT-P10500A-10L)

1.354 MHz

1.455 MHz

7,0 GHz

128 bits

112,0 GB/s

2 GiB GDDR5

640

75 W

12.1

US$ 140

Gigabyte GeForce GTX 950 (N950WF2OC-2GD)

1.102 MHz

1.279 MHz

6,6 GHz

128 bits

105,6 GB/s

2 GiB GDDR5

768

90 W

12.1

US$ 135

XFX RX-460P4P (RX-460P4P)

1.090 MHz

1.220 MHz

7,0 GHz

128 bits

112,0 GB/s

4 GiB GDDR5

896

75 W

12

US$ 135

GeForce GTX 750 Ti

1.020 MHz

1.085 MHz

5,4 GHz

128 bits

86,4 GB/s

2 GiB GDDR5

640

60 W

11.2

US$ 110

Você pode comparar as especificações destas placas de vídeo com outras através dos nossos tutoriais “Tabela comparativa dos chips Radeon da AMD (desktop)” e “Tabela comparativa dos chips GeForce da NVIDIA (desktop)”.

Agora vamos dar uma olhada mais de perto na placa de vídeo testada.

Compartilhar

  • Curtir 7


  Denunciar Artigo

Artigos similares


Comentários de usuários


achei bacana o review desta placa de vídeo parabéns à equipe que realizou os testes e a quem escreveu o artigo meus parabéns :) 

Eu só achava que ela sairia perto dos 450-500 reais ela em alguns sites (ML entre outros) está perto dos 700

Compartilhar este comentário


Link para o comentário
Compartilhar em outros sites
1 hora atrás, xmauro disse:

creio q driver esta errado deve ser 375.91 alguma outra versao driver 358 nao suportava a 1050

Tem razão, já corrigimos, obrigado!

Compartilhar este comentário


Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

Ótimo artigo, como sempre Rafael!

 

Seria bem interessante essas plaquinhas para pessoas que jogam casualmente, pois consome pouco e consequentemente não esquenta muito, além de ocupar pouco espaço no gabinete.

 

Dando uma pesquisada rápida, nas grandes lojas virtuais, os preços beiram R$1.000,00 :eek:, provavelmente por ser "lançamento".

Compartilhar este comentário


Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

99,99% de certeza de que o "SM" desabilitado é defeituoso, afinal eu duvido que iriam descartar um chip gráfico por conta disso.

Compartilhar este comentário


Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

Boa plaquinha. Quando testarão a versão 1050TI? Nos outros sites vi que ela superou a GTX960 por uma por margem de 10-20 FPS, porém confio mais nos testes daqui do site.

 

Como tenho um processador antigo (A8-3870) estou querendo adquirir uma 1050Ti para não criar tanto gargalo.

adicionado 1 minuto depois
6 horas atrás, Excelsior disse:

99,99% de certeza de que o "SM" desabilitado é defeituoso, afinal eu duvido que iriam descartar um chip gráfico por conta disso.

 

Sim, porém é do GP-107 o que equipa a 1050Ti.

Compartilhar este comentário


Link para o comentário
Compartilhar em outros sites
1 hora atrás, RBMA disse:

Boa plaquinha. Quando testarão a versão 1050TI? Nos outros sites vi que ela superou a GTX960 por uma por margem de 10-20 FPS, porém confio mais nos testes daqui do site.

 

Como tenho um processador antigo (A8-3870) estou querendo adquirir uma 1050Ti para não criar tanto gargalo.

adicionado 1 minuto depois

 

Sim, porém é do GP-107 o que equipa a 1050Ti.

O teste da GTX 1050 Ti será publicado semana que vem.

Compartilhar este comentário


Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

Excelente matéria!

O complicado é que essa placa ainda se encontra em torno de 900 há 1000 reais... Preço que se paga numa RX 470( 4g ) ou até mesmo 960( 4gb ). Mas acredito que no ano que vem essa placa fique no entorno de 600 até 800!

Compartilhar este comentário


Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

Esses resultados da RX460 estão bem estranhos pra falar a verdade, no último review do TPU por exemplo, ela está empatando com a 1050 na média geral (https://www.techpowerup.com/reviews/ASUS/GTX_1050_Ti_Strix_OC/29.html). Não sei se essa diferença é causada pela seleção dos jogos, já que TPU faz o teste com 20 jogos, ou talvez a máquina usada, lá eles usam um i7 6700k, e aqui foi usado um 880k. Seja qual for a causa, é uma diferença muito grande.

 

Outra detalhe, na página 5 consta "Driver de vídeo AMD: 16.5.2.1", é esse driver mesmo que foi usado no teste @Rafael Coelho? Porque esse driver é de maio, foi lançado antes da própria RX460.

Compartilhar este comentário


Link para o comentário
Compartilhar em outros sites
8 horas atrás, RobsonS disse:

Esses resultados da RX460 estão bem estranhos pra falar a verdade, no último review do TPU por exemplo, ela está empatando com a 1050 na média geral (https://www.techpowerup.com/reviews/ASUS/GTX_1050_Ti_Strix_OC/29.html). Não sei se essa diferença é causada pela seleção dos jogos, já que TPU faz o teste com 20 jogos, ou talvez a máquina usada, lá eles usam um i7 6700k, e aqui foi usado um 880k. Seja qual for a causa, é uma diferença muito grande.

 

Outra detalhe, na página 5 consta "Driver de vídeo AMD: 16.5.2.1", é esse driver mesmo que foi usado no teste @Rafael Coelho? Porque esse driver é de maio, foi lançado antes da própria RX460.

Quando nós testamos a RX 460, já tínhamos usado esta versão para o teste da R7 360. Por isso mantivemos a mesma versão listada no artigo. Este é o problema enfrentado quando os fabricantes nos enviam placas por empréstimo. Por isso sempre tentamos ter placas nossas, e em muitos casos temos de comprá-las especificamente para os testes, pois aí quando chega uma placa nova, podemos retestar todas as placas utilizando os últimos drivers.

Compartilhar este comentário


Link para o comentário
Compartilhar em outros sites
9 horas atrás, Rafael Coelho disse:

Quando nós testamos a RX 460, já tínhamos usado esta versão para o teste da R7 360. Por isso mantivemos a mesma versão listada no artigo. Este é o problema enfrentado quando os fabricantes nos enviam placas por empréstimo. Por isso sempre tentamos ter placas nossas, e em muitos casos temos de comprá-las especificamente para os testes, pois aí quando chega uma placa nova, podemos retestar todas as placas utilizando os últimos drivers.

 

Entendi, realmente "emprestar" placa não faz muito sentido, principalmente no caso das placas AMD que costumam melhorar significativamente com drivers. Aí daqui alguns dias lançam o driver novo (Relive) e vocês não tem a RX460 em mãos pra testar a diferença de desempenho. A AMD (ou a XFX, não sei quem enviou a placa) deveria repensar essa prática.

Compartilhar este comentário


Link para o comentário
Compartilhar em outros sites
31 minutos atrás, RobsonS disse:

 

Entendi, realmente "emprestar" placa não faz muito sentido, principalmente no caso das placas AMD que costumam melhorar significativamente com drivers. Aí daqui alguns dias lançam o driver novo (Relive) e vocês não tem a RX460 em mãos pra testar a diferença de desempenho. A AMD (ou a XFX, não sei quem enviou a placa) deveria repensar essa prática.

Exatamente. Já explicamos isso para a assessoria da AMD mas eles insistem que esta é a política deles.

Compartilhar este comentário


Link para o comentário
Compartilhar em outros sites
7 horas atrás, Leonardo Brizante disse:

Olá qual fonte é indicada para essa placa  Obrigado 

Está listado na página 3 do artigo, não abriu para você?

Compartilhar este comentário


Link para o comentário
Compartilhar em outros sites


Crie uma conta ou entre para comentar

Você precisar ser um membro para fazer um comentário






Sobre o Clube do Hardware

No ar desde 1996, o Clube do Hardware é uma das maiores, mais antigas e mais respeitadas publicações sobre tecnologia do Brasil. Leia mais

Direitos autorais

Não permitimos a cópia ou reprodução do conteúdo do nosso site, fórum, newsletters e redes sociais, mesmo citando-se a fonte. Leia mais

×