Ir ao conteúdo
  • Comunicados

    • Gabriel Torres

      Seja um moderador do Clube do Hardware!   12-02-2016

      Prezados membros do Clube do Hardware, Está aberto o processo de seleção de novos moderadores para diversos setores ou áreas do Clube do Hardware. Os requisitos são:   Pelo menos 500 posts e um ano de cadastro; Boa frequência de participação; Ser respeitoso, cordial e educado com os demais membros; Ter bom nível de português; Ter razoável conhecimento da área em que pretende atuar; Saber trabalhar em equipe (com os moderadores, coordenadores e administradores).   Os interessados deverão enviar uma mensagem privada para o usuário @Equipe Clube do Hardware com o título "Candidato a moderador". A mensagem deverá conter respostas às perguntas abaixo:   Qual o seu nome completo? Qual sua data de nascimento? Qual sua formação/profissão? Já atuou como moderador em algo outro fórum, se sim, qual? De forma sucinta, explique o porquê de querer ser moderador do fórum e conte-nos um pouco sobre você.   OBS: Não se trata de função remunerada. Todos que fazem parte do staff são voluntários.
Diego Hwoarang

Não consigo criar uma partição no Windows 7

Recommended Posts

Pessoal, eu tenho 2 HDs de 1.5 TB, fora um reserva de 500 GB, e já estou com esses dois de 1.5 TB quase no limite. Porém, ele ainda reserva 100 GB que não estão particionados, pois se tratava de uma partição antiga, onde estava instalado o Win XP e ela deu pau, devido a um bad block. Como estou com os HDs no talo de arquivos, queria criar uma partição com esses 100 GB restantes. Porém, eu não estou conseguindo fazer uma partição, pois aparece uma mensagem alegando que não tem espaço suficiente no disco pra fazer tal partição. Testei fazer a partição com menos dos 100 GB restante, e ainda assim não consigo criar a partição.

Se alguém puder me ajudar a resolver esse problema e criar uma partição, eu agradeço.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
  • Autor do tópico
  • Pessoal, já tem quase 2 meses e ainda não obtive respostas sobre o meu problema acima. Será que não será possivel eu aproveitar esses 100 GB que estão sobrando em um dos meus HDs? Eu até poderia usar meu HD reserva de 500 GB, mas preferiria não fazer isso.

    Compartilhar este post


    Link para o post
    Compartilhar em outros sites

    Olá amigo, se você tem um disco básico o limite é de 4 partições primarias, se você já tem 4 não vai mais poder criar novas partições.

    Tira um print ai de seu gerenciador de discos para que pessoas possam estar analisando seu problema melhor.

    Compartilhar este post


    Link para o post
    Compartilhar em outros sites
  • Autor do tópico
  • Olá amigo, se você tem um disco básico o limite é de 4 partições primarias, se você já tem 4 não vai mais poder criar novas partições.

    Tira um print ai de seu gerenciador de discos para que pessoas possam estar analisando seu problema melhor.

    Eis o print:

    33cohet.jpg

    Bem, eu notei o seguinte: 2 das partições criadas por mim são primárias e as outras duas são unidades lógicas. Eu confesso que já faz muito tempo que eu fiz as tais partições e eu não lembro como eu fiz, mas não sei a tal diferença entre unidade lógica e partição primária. Se tratam de 2 HDs de 1.5 TB cada, e um deles eu já tinha feito uma partição no Win XP (no espaço que está em verde no print e que deu pau), quando eu usava meu PC antigo; o outro eu comprei junto com a minha máquina atual. Se eu não me engano, no HD antigo eu havia feito só a partição C: e a D:, deixando o outro espaço sem particionar, e resolvi particionar ele totalmente no Win 7, criando a partição F:. Acho que eu escolhi alguma opção diferente de tipo de partição sem eu ter noção, e daí essa diferença entre partição primária e unidade lógica.

    Disso tudo, o que eu notei é que, com as unidades lógicas, dá pra estender o tamanho dessas partições, caso haja espaço disponível, e eu vejo que eu poderia estender a partição F:. Eu vou tentar fazer isso aqui e, depois, eu reportarei, dizendo se deu certo.

    EDIT: Usei o gerenciamento de disco do Win 7 pra estender a partição F: do print acima e deu certo. Agora, os 100 GB foram incorporados nesta partição e resolvi os meus problemas. Com isso, o disco em questão virou um disco dinâmico e não poderei instalar SO nele. Será que há alguma outra restrição, além dela? Eis outro print de como ficou o disco:

    b83248.jpg

    Só espero que eu não tenha problemas por conta do bad block que eu notei na partição de 100 GB que eu incorporei na partição F:, pois era o espaço onde o Win XP estava instalado no PC antigo e deu pau na instalação, sem mais, nem menos. Fico com medo de, pelo fato de eu ter tornado o disco dinâmico, que esse bad block corrompa todos os dados do disco, e tem muita coisa importante que eu não gostaria de perder. Será que eu corro esse risco? Pode ser que não, pois a partição do sistema está no outro disco, onde não há bad blocks. Mas, vai saber, né?

    Se alguém puder acrescentar mais alguma coisa, eu agradeço, antes de fechar o tópico, pois o principal eu já consegui resolver. Grato ao ricardo_br e a quem mais acrescentar algo neste tópico.

    Editado por Diego Hwoarang

    Compartilhar este post


    Link para o post
    Compartilhar em outros sites

    Olá amigo, você não precisava tornar o disco dinâmico era só criar uma unidade lógica dentro do espaço livre que aparecia verde.....

    Quanto aos bad blocks, você pode rodar o chkdsk no prompt de comando para ter certeza que nenhum arquivo será gravado em cima dos bad blocks:

    chkdsk F: /f /r /b + ENTER

    Isso vai fazer com que o Windows exclua os bad blocks do espaço a ser alocado e nunca vai gravar nada em cima dos bad blocks. Mais se frequentemente aparecerem novos bad blocks ai você ter que comprar um HD novo.

    Se você formatar a unidade F: (onde estão os bad blocks) ai o Windows vai "esquecer" onde estão os bad blocks e você vai ter que rodar o comando chkdsk novamente.

    Compartilhar este post


    Link para o post
    Compartilhar em outros sites
  • Autor do tópico
  • Olá amigo, você não precisava tornar o disco dinâmico era só criar uma unidade lógica dentro do espaço livre que aparecia verde.....

    Quanto aos bad blocks, você pode rodar o chkdsk no prompt de comando para ter certeza que nenhum arquivo será gravado em cima dos bad blocks:

    chkdsk F: /f /r /b + ENTER

    Isso vai fazer com que o Windows exclua os bad blocks do espaço a ser alocado e nunca vai gravar nada em cima dos bad blocks. Mais se frequentemente aparecerem novos bad blocks ai você ter que comprar um HD novo.

    Se você formatar a unidade F: (onde estão os bad blocks) ai o Windows vai "esquecer" onde estão os bad blocks e você vai ter que rodar o comando chkdsk novamente.

    Acontece que o gereneciador de disco não me dava a opção de criar uma unidade lógica, pois só aparecia a opção de unidade simples, e sempre dava erro. Eu até baixei um programa pra poder particionar o espaço restante, mas eu entendi que você havia dito que só poderiam ser criadas 4 partições, além da partição do sistema. Então, achei que seria melhor estender a partição F: Será que, com o programa pra particionar, eu conseguiria fazer uma unidade lógica? E é irreversível a transformação do disco em disco dinâmico? E qual é o problema de se ter um disco dinâmico?

    Quanto ao comando de prompt que você sugeriu, não deu certo, pois apareceu a mensagem: "Acesso negado, pois você não tem privilégios suficientes. Invoque este utilitário durante a execução em modo privilegiado". Como eu tinha copiado o texto que você postou e colado no prompt, ficou com espaços entre os caracteres. Digitei normalmente e acusou que não era possivel encontrar o caminho especificado.

    EDIT: Dando uma fuçada no Youtube, achei um video seu. rsrs:

    Nele, você explica como tornar um disco dinâmico em básico, usando o programa que eu baixei, o EaseUS. Só que eu não entendi o que você quis dizer sobre não dar certo fazer a conversão se, antes, você não converter os volumes do disco em simples, caso eles sejam estendidos ou espelhados. Pois bem: antes de eu torná-los dinâmicos, era uma unidade lógica e uma partição primária. Agora, se eu quiser fazer alguma coisa no disco dinâmico, não me surge opções pra tornar tais partições simples ou lógicas, pois só aparecem as opções de diminuir ou estender volume ou de excluir a partição. Por acaso, ao eu ter tornado o disco dinâmico, todos os volume se tornaram estendidos, automaticamente? E eles não são espelhados.

    Se eu puder fazer a conversão, sem perder meus dados (é arquivo pra dedéu!!), ótimo! Mas, se não for possivel, só fico me perguntando qual é o mal de se ter um disco dinâmico...

    Editado por Diego Hwoarang

    Compartilhar este post


    Link para o post
    Compartilhar em outros sites

    Você só pode criar 4 partições primarias, mais você pode por exemplo criar 3 partições primarias e 1 partição Extendida, dentro da partição extendida você pode criar quantas unidades lógicas quiser. Esse espaço livre que aparecia na primeira foto era espaço livre dentro de uma partição extendida, ai poderia ter sido criado outra unidade lógica mais como você diz que deu erro não vou mais argumentar isso....

    Quanto ao comando chkdsk ele deve ser executado dentro de um prompt de comando elevado. Para abrir um prompt de comando elevado digite cmd no campo de busca do menu iniciar, clique com botão direito sobre cmd.exe e escolha a opção, executar como administrador.

    Não tem problema em ter um disco dinâmico, na verdade os discos dinâmicos são mais avançados que os discos básicos. O único problema e quando você quer instalar mais de um sistema operacional em um disco dinâmico.

    Mais como você tem 2 discos, um básico e outro dinâmico isso não é problema se um dia você quer instalar mais sistemas operacionais basta instalar eles no HD que está como básico.

    Seguindo o meu vídeo você não perde os seus dados ao transformar um disco dinâmico em básico, mais por via das dúvidas é sempre melhor fazer backup dos dados que tão no disco dinâmico ou pelamenos dos dados importantes.

    Pelo que eu to vendo seus volumes dinâmicos já estão todos como simples veja a coluna "Layout" em sua foto, então se quiser converter para básico novamente basta seguir os passos do vídeo.

    Compartilhar este post


    Link para o post
    Compartilhar em outros sites
  • Autor do tópico
  • Consegui fazer o prompt de comando. Só que, na etapa 4 de 5 (o CHKDSK está verificando os dados de arquivo), o prompt ficou parado nos 11%, e não saiu mais de lá. Como ele consome mais de 2 GB da memória do meu PC, resolvi fechar o prompt. Assim sendo, não sei se vai ter como averiguar algum problema na partição, pois tentei novamente e travou nos 11% ao chegar no processo 4 de 5. Será que dá pra fazer alguma coisa a respeito?

    Compartilhar este post


    Link para o post
    Compartilhar em outros sites

    Não sei, por quanto tempo você deixou ele rodando antes de fechar. Quem sabe deixar ele rodando durante a madrugada para ver se no outro dia tá completo....

    Também evite usar programas que estão salvos em F: ou usam arquivos que estão em F: enquanto tiver rodando o chkdsk.

    Compartilhar este post


    Link para o post
    Compartilhar em outros sites
  • Autor do tópico
  • Desculpe a demora na resposta. Eu deixei rodando em torno de 30 minutos. Já não seria o bastante? Seria necessário deixar a madrugada inteira rodando?

    Se for esse o caso, farei isso pra ver o que acontece.

    Compartilhar este post


    Link para o post
    Compartilhar em outros sites

    Crie uma conta ou entre para comentar

    Você precisar ser um membro para fazer um comentário






    Sobre o Clube do Hardware

    No ar desde 1996, o Clube do Hardware é uma das maiores, mais antigas e mais respeitadas publicações sobre tecnologia do Brasil. Leia mais

    Direitos autorais

    Não permitimos a cópia ou reprodução do conteúdo do nosso site, fórum, newsletters e redes sociais, mesmo citando-se a fonte. Leia mais

    ×