Ir ao conteúdo
  • Comunicados

    • Gabriel Torres

      Seja um moderador do Clube do Hardware!   12-02-2016

      Prezados membros do Clube do Hardware, Está aberto o processo de seleção de novos moderadores para diversos setores ou áreas do Clube do Hardware. Os requisitos são:   Pelo menos 500 posts e um ano de cadastro; Boa frequência de participação; Ser respeitoso, cordial e educado com os demais membros; Ter bom nível de português; Ter razoável conhecimento da área em que pretende atuar; Saber trabalhar em equipe (com os moderadores, coordenadores e administradores).   Os interessados deverão enviar uma mensagem privada para o usuário @Equipe Clube do Hardware com o título "Candidato a moderador". A mensagem deverá conter respostas às perguntas abaixo:   Qual o seu nome completo? Qual sua data de nascimento? Qual sua formação/profissão? Já atuou como moderador em algo outro fórum, se sim, qual? De forma sucinta, explique o porquê de querer ser moderador do fórum e conte-nos um pouco sobre você.   OBS: Não se trata de função remunerada. Todos que fazem parte do staff são voluntários.
Chile

Escolhendo o Hardware para o Revit (Arquitetura)

Recommended Posts

"Atualizado 27 de Novembro de 2014"

"Atualizado 09 de Junho de 2015" - Atualização de conteúdo na seção de Placas de Vídeo e CPUs.

 

Vou começar este artigo com uma pergunta:

Você sabia que para renderizar no Revit o que mais se utiliza são o processador e a memória RAM e não a Placa de Vídeo?

 

Pois é, esse aí é um dos muitos mitos que rondam o Revit.

 

Ao longo desse artigo iremos descobrir outros mitos e verdades sobre o desempenho de determinados componentes para trabalhar com este software do tipo BIM.

 

Para isso vamos conferir varias pesquisas na web sobre o desempenho de processadores, memórias e placas de vídeo na hora de renderizar ou ao utilizar programas como o Revit.

 

Além destes componentes é imprescindível considerar a escolha da placa-mãe como peça fundamental do conjunto. Neste ponto veremos alguns detalhes sobre tipos de sockets e chipsets e as suas funções.

 

Também iremos conferir alguns detalhes sobre armazenamento e fontes de energia.

 

Então, vamos começar com recomendações para os três principais elementos do conjunto: processador, memoria RAM e placa de vídeo.

 

O texto a seguir foi extraído do site Revit Forum (http://www.revitforum.org/) e a tradução foi feita por mim, tentando interpretar a intenção do autor da melhor maneira possível.

 

Espero que estas recomendações ajudem a entender melhor alguns conceitos e fazer melhores escolhas na hora de montar um PC para trabalhar com o Revit e programas 3D para arquitetura. Vamos lá.

 

1. PRINCIPAIS COMPONENTES: PLACA DE VIDEO, PROCESSADOR E MEMORIA

 

1.1. PLACAS DE VIDEO

 

"A Autodesk, o vendedor da loja e experts anônimos em CAD dizem que devo usar apenas VGAs profissionais com o Revit. Mas li aqui no fórum que muitas pessoas recomendam VGAs para ‘jogos’. Quem está certo?”.

 

R: Apesar do que tenham dito a você, placas de vídeo para jogos podem funcionar tão bem quanto as placas de vídeo profissionais no Revit .

 

“Fala serio, não pode ser tão assim! Essas VGAs “Pro” custam muito mais. Devem ser melhores de alguma maneira. Ou não?”.

 

R: É verdade, não é tão assim. Sendo que o conceito de "melhor" está aberto a interpretações.

Oficialmente, a Autodesk apenas "suporta" placas de vídeo profissionais. Em termos muito simples, significa que a Nvidia e a AMD "validam" drivers específicos (para suas VGAs Pro) para trabalhar com versões específicas do Revit (e outras aplicações CAD). Se você estiver usando uma “VGA compatível” com um “driver validado” para uma versão do Revit especifica, você pode ter certeza de que não terá problemas de compatibilidade.

Então você está pagando por essa segurança. Além disso, você poderá ter a certeza (mas não a garantia) de que as próximas versões do Revit também terão de ser compatíveis com a sua placa de vídeo profissional.

 

“Como assim? Você está me dizendo que uma placa de vídeo para jogos de 600 reais tem o mesmo desempenho que uma placa de vídeo “Pro” de 1.700 reais?”.

 

R: Sim.

 

“Eu faço um monte de renderização. Qual é a melhor placa de vídeo para renderizar no Revit?”

 

R: De longe, o equívoco mais comum é crer que a placa de vídeo processa os renderings no Revit.

 

Embora completamente compreensível, não é da forma como funciona... pelo menos no que diz respeito ao Revit.

 

O desempenho na renderização no Revit depende, exclusivamente, da CPU (e RAM disponível do sistema).

 

Placas de Vídeo

Há muitas placas de vídeo que vão rodar muito bem com o Revit, mas aqui estão as que devem ser apostas seguras, sem gastar mais do que você realmente precisa:

 

Desktop

AMD Radeon: HD 7750 ou superior, HD 8760 ou superior, R7 250Xou superior.
AMD FirePro: W5000 ou superior, W4100 ou superior.
 
Nvidia GeForce: GTX 645 ou superior, GTX 745 ou superior, GTX 9xx ou superior (essencialmente qualquer GTX).
Nvidia Quadro: 2000 ou superior, K2000 ou superior, K2200 ou superior.

 

 

Laptop

AMD Radeon: HD 7730M ou superior, HD 8830M ou superior, R9 M265X ou superior.
AMD FirePro M4000 ou superior, M5100 ou superior.
 
Nvidia GeForce: GT 650M ou superior, GT 740M ou superior, GTX 850M ou superior, GTX 9xxM ou superior.
Nvidia Quadro: K2000M ou superior, K1100M ou superior.
 
 

Nota: Para placas GeForce, o primeiro número, por exemplo, 7xx, denota a "série" (números mais altos são modelos mais recentes), mas não quer disser melhor desempenho. É o segundo número em diante o que indica o nível de desempenho. Por exemplo, o GT 620 é muito mais lenta do que a GTX 560. Se não tiver certeza, faça uma pequena pesquisa ou poste uma pergunta.

 

Nota: Para as placas de vídeo Radeon, antes da série "R", o primeiro número (exemplo: 8xxx) denota a "série" (números mais altos são mais recentes), mas não define desempenho. É o segundo número em diante que indica o nível de desempenho. Por exemplo, a HD 8350 é muito mais lenta do que a HD 7870. No entanto, no segundo semestre de 2013, a AMD alterou a sua convenção de nomenclatura. Agora, novas placas de vídeo são denominadas com um primeiro número de série que indica desempenho, R5, R7, R9, seguido por um número de três dígitos de desempenho. Se não tiver certeza, fazer uma pequena pesquisa ou poste uma pergunta.

 

Deve ser evitada definitivamente a:

Nvidia Quadro NVS.

Gráficos integrados da Intel.

 

 

LINK: http://www.revitforum.org/hardware-infrastructure/72-revit-hardware-video-graphic-cards.html

 

 

 

 

1.2. PROCESSADOR

 

Obtenha o processador mais rápido i7 ou Xeon que você possa pagar.

 

Desktop

Intel Core i7 "Haswell" (ou "Ivy Bridge") @3.4 GHz mínimo (ou Xeon equivalente). O Intel Core i7-4790K é a CPU que você precisa para obter o mais alto desempenho. Simplesmente não tem concorrente. O Intel Core i7-4770 (ou melhor, quando disponível) é altamente recomendado. Se você está pensando no Xeon, procure o Intel Xeon E3-1280 v3 ou melhor (a parte "v3" do número do modelo é fundamental).

 

Laptop

"Haswell" (ou "Ivy Bridge") Intel Core i7 (ou i5) @ 2.7 GHz mínimo (laptops têm muitas vezes velocidades de clock (GHz clock-speeds) muito mais baixas do que os seus irmãos PCs, mas eles geralmente têm índices de Turbo-boost bem elevados). O Intel Core i7-4800MQ, ou melhor é altamente recomendado. Se precisar de um laptop de menor tamanho o Core i7-4700MQ (ou similar) é uma CPU bastante boa.

 

Essas especificações acima são destinadas para uso profissional. Estudantes ou free-lancers com um orçamento mais limitado geralmente podem ir longe com um pouco menos.

 

NOTA:

AMD

 

Por enquanto a AMD praticamente entregou o mercado high-end para a Intel, e em vez dele tem apostado em computadores de baixo custo.
Apesar de processadores AMD como o "Phenom" rodar o Revit muito bem, atualmente não há muito do que recomendar para quem vai montar um novo desktop ou um laptop para Revit.

 

 

LINK: http://www.revitforum.org/hardware-infrastructure/74-revit-hardware-cpu.html

 

 

1.3. MEMORIA RAM

 

A coisa mais importante que você precisa saber sobre a memória RAM é a quantidade certa para ter em seu sistema.

 

"Apenas me diga quanto a comprar!"

8 GB para pequenos e médios projetos com arquivos de até 150 MB, pequenos edifícios de escritórios residenciais, um par de edifícios conjugados, etc. Nem sequer considere a compra de um novo PC com menos de 8 GB (e precisará mais se você estiver executando o Revit em uma máquina virtual).

 

16 GB está se tornando padrão como a melhor opção. Embora nem sempre seja necessário para projetos menores, é um bom ponto de partida para médios e grandes projetos - grandes edifícios, arranha-céus, vários prédios do campus, etc.

 

32 GB é ainda mais do que o necessário para a maioria dos usuários de Revit - não há razão para considerar essa quantidade de RAM, a menos que você realmente saiba que precisa dessa quantidade.

 

Como estimar os requisitos de RAM

O regra mais comum para calcular a quantidade necessária de RAM para Revit é:

 

Multiplique o tamanho do arquivo do projeto Revit por 20 e adicione 4 GB.

 

Por exemplo, se você tem um arquivo de projeto de 200 MB, você vai para necessitar 8 GB de memória RAM para o Revit (200 MB x 20 + 4 GB).

 

No entanto, esta é apenas uma regra básica, e meio que está fora de moda, na minha experiência. Você pode realmente observar o uso de RAM usando o Gerenciador de Tarefas do Windows.

 

 

LINK: http://www.revitforum.org/hardware-infrastructure/16532-revit-hardware-ram-system-memory.html

 

 

E então, já temos uma melhor ideia sobre o assunto?

Vamos apontar agora para detalhes mais específicos desses 3 componentes com a ajuda de sites e artigos específicos para cada um deles.

 

 

 

 

2. PRINCIPAIS COMPONENTES: OS DETALHES

 

2.1. COMO SABER QUAL É O DESEMPENHO DE CADA PLACA DE VIDEO

 

Existem vários sites que oferecem resultados de benchmarks e comparativos que são muito uteis na hora da escolha da placa de video. Mesmo assim é necessário ter atenção no tipo de teste realizado: tipo de software testado, conjunto do hardware, etc.

 

Confira aqui alguns desses sites:

 

PassMark Software

http://www.videocardbenchmark.net/

 

GPUBoss

http://gpuboss.com/

 

AnandTech

http://www.anandtech.com/bench/GPU14/815

 

 

2.2. COMO SABER QUAL É O DESEMPENHO DE CADA PROCESSADOR

 

Assim como para placas de video, também existem vários sites que oferecem resultados de benchmarks e comparativos de processadores.

As recomendações acima citadas também se aplicam aqui.

Confira os links abaixo:

 

PassMark Software

http://www.cpubenchmark.net/

 

CPUBoss

http://cpuboss.com/

 

CPU-World

http://www.cpu-world.com/benchmarks/

 

AnandTech

http://www.anandtech.com/bench/CPU/1033

 

2.3. QUAL É DIFERENÇA ENTRE PROCESSADORES COM E SEM O “K”

 

Você sabia que a diferença dos processadores com o "K" é o multiplicador destravado?

Isto permite melhores ajustes para fazer overclock.

 

Então, se você não for fazer overclock, é melhor optar por processadores sem o “K” (por exemplo, i7-3770 ou i7-4770) e poupar alguns trocados para investir nas outras peças.

 

Para ter uma ideia melhor do que é overclock sugiro a leitura dos artigos a seguir:

 

Overclocking

http://pt.wikipedia.org/wiki/Overclocking

 

O que é overclock?

http://www.techtudo.com.br/artigos/noticia/2011/12/o-que-e-overclock.html

 

O que é Overclock?

http://www.tecmundo.com.br/aumentar-desempenho/1337-o-que-e-overclock-.htm

 

 

 

2.4. COMO SABER O TIPO DE MEMORIA QUE PRECISO

 

Existem varias analises do tipo de memoria a escolher dependendo do processador, seja Haswell (1150) ou Ivy Bridge (1155).

 

Por exemplo, esse artigo aqui:

Dimensionamento de Memorias para Processadores Haswell, Vídeo Onboard e Placas de Vídeo Dedicadas: DDR3-1333 até DDR3-3000 Testadas com G.Skill

 

Nesse artigo basicamente o autor faz uma analise para definir a melhor escolha de memoria para os processadores do tipo Haswell.

O artigo é um pouco extenso. São 10 páginas com bastantes testes com gráficos e tabelas.

 

Na ultima página o autor faz uma recomendação geral sobre os tipos de memoria para o Haswell e seus custos. Aqui a tradução dessa parte:

 

Recomendações para Haswell

 

"Para usuários de placas de vídeo dedicadas, recomendar um kit por sobre outro é uma decisão difícil. Considerando cargas de trabalho normais do dia a dia, um bom kit de DDR3-1866MHz C9 vai acertar a curva no ponto certo para obter um bom custo beneficio. Usuários com algum dinheiro a mais no bolso podem considerar um kit de 2133 C9/2400 C10, que tem um desempenho um pouco acima da curva e podem ser bem aproveitadas no caso de futuros jogos que sejam altamente dependentes de memória.

 

Resumindo, o mesmo conselho se aplica também aos usuários de múltiplas placas de vídeo, bem como para os usuários de placas de vídeo onboard: evitar as memorias de 1600 MHz e/ou de menor frequência.”.

 

Se tiverem paciência recomendo a leitura.

 

Memory Scaling on Haswell CPU, IGP and dGPU: DDR3-1333 to DDR3-3000 Tested with G.Skill

http://www.anandtech.com/show/7364/memory-scaling-on-haswell/10

 

 

 

3. PLACA-MÃE: COMO ESCOLHER

 

A placa-mãe é peça fundamental na sua configuração. Da escolha dela depende o quanto você vai tirar proveito dos outros componentes do conjunto.

Se você já sabe qual é o processador que pretende comprar agora resta saber qual placa-mãe (e chipset) irá tirar o maior proveito dele.

 

 

3.1. Tipos de chipsets

 

No caso das placas-mãe para processadores 1150 existem vários chipsets.

Do "melhor" para o "menos melhor" temos:

 

Z87, H87, H81, Q87, Q85, B85

 

Como está o seu inglês?

Espero que ótimo.

De uma olhada nesse link aqui. É bem instrutivo:

 

Z87, H87, H81, Q87, Q85, B85 - What is the difference?

http://www.pugetsystems.com/labs/articles/Z87-H87-H81-Q87-Q85-B85-What-is-the-difference-473/

 

E o seu espanhol?

 

Chipset para Haswell. Diferencias entre Z87, H87, H81, Q87, Q85, B85

http://computadoras.about.com/od/placa-base/a/Chipset-Para-Haswell-Diferencias-Entre-Z87-H87-H81-Q87-Q85-B85.htm

 

 

É do chipset que depende o melhor aproveitamento das qualidades do processador e das qualidades da memoria.

 

Por exemplo, uma placa-mãe com o chipset B85 é muito básica para alguém que pretende tirar o maior proveito que o processador e as memorias possam dar.

 

Por exemplo, o chipset B85 não oferece suporte para o Intel vPro (uma coleção de tecnologias para hardware) que inclui o  Hyperthreading, Turbo Boost 2.0, VT-x, Trusted Execution Technology, e o Intel Active Management Technology (ATM), algumas delas muito uteis na utilização do Revit.

 

No artigo acima (em inglês) é feita uma breve resenha sobre o chipset B85, aqui traduzida:

 

"B85: é a opção de chipset do tipo “bem barato” e, sendo assim, é muito limitado em comparação com os outros chipsets. Como tal, ele não suporta iSIPP ou vPro. Assim como o chipset Q85, o B85 tem quatro portas SATA 6 Gb/s em comparação as seis encontradas nos Q87. O chipset B85 é uma boa opção para sistemas que precisam apenas a funcionalidade básica, sem todos os recursos encontrados nos outros chipsets."

 

Deu para entender?

 

Também não adianta comprar memorias de 2400Mhz para utilizar com uma placa-mãe com, por exemplo, o chipset B85 ou H87, pois ambas só permitem velocidades até 1600Mhz.

 

 

3.2. Nomes e Nomenclaturas das Placas-mãe

 

Sobre a nomenclatura das placas-mãe, podemos dizer que os modelos são uma mistura "prática" com "frescura/marketing".

 

Assim, entre a H87-PLUS e a H87M-PLUS teremos o seguinte:

O código inicial (H87) informa o chipset (obvio). O "M" no final indica o "form factor" da placa-mãe. Neste caso especifico o "M" indica que a placa-mãe é "micro ATX".

 

Já o "Plus" é "frescura/marketing" do fabricante para indicar algum "extra" do modelo.

É como no caso dos extras em carros do mesmo modelo... air-bag para o passageiro, rodas de liga leve, teto solar, etc.

 

Se você comparar elas lado a lado verá que não há maiores diferenças, além do preço e esses "extras".

 

Tais como: extra conectores para fans, maior numero de portas USB ou SATAs, dissipadores para chipset, botão memOK, etc.

 

Assim existem placas-mãe com os termos “Plus”, “Pro”, “Xtreme”, “Maximus”, etc.

 

 

 

4. ARMAZENAMENTO: HDD OU SSD

 

Dependendo do seu orçamento e das suas necessidades você poderá optar por um HD “normal”, de pelo menos 7200Rpm ou por um SSD, de pelo menos 160GB de capacidade.

 

Se você tiver dinheiro sobrando é altamente recomendada à utilização de um SSD, pelo menos para o sistema operacional e principais programas.  

 

De uma lida nesses artigos bem interessantes sobre eles:

 

Tudo o que você precisa saber sobre SSDs

http://tecnoblog.net/108784/ssd-tudo-sobre/

 

Quebrando mitos: vida útil de um SSD e outras curiosidades

http://www.guiadopc.com.br/artigos/22316/vida-util-ssd-mitos.html

 

 

 

5. FONTES DE ENERGIA

 

5.1. TIPO DE FONTES

 

Considere a compra da fonte pensando naquele ditado: “O homem é aquilo que come”.

 

Com o seu PC é algo parecido. Pois o desempenho e a vida útil dele dependem muito da qualidade da energia que os componentes do conjunto recebem.

 

Dito isto, prefira sempre fontes com o selo 80 Plus.

O que é o selo 80 Plus?

Veja a seguir:

 

Entendendo a certificação 80 Plus

http://www.clubedohardware.com.br/artigos/1694

 

Fontes de alimentação e dispositivos de proteção - O 80 Plus

http://www.hardware.com.br/guias/fontes-protecao/80plus.html

 

80 Plus

http://es.wikipedia.org/wiki/80_PLUS

 

Dê preferência a fontes com o selo 80 Plus Bronze para cima.

E evite a compra de fontes genéricas que podem trazer sérios riscos à vida útil do seu PC.

 

5.2. ESCOLHA DA FONTE

 

Para ter uma ideia da melhor fonte para sua configuração recomendo a leitura do seguinte artigo:

 

Como escolher a melhor e mais indicada fonte para seu PC por Faller

http://forum.clubedohardware.com.br/topic/475885-como-escolher-a-melhor-e-mais-indicada-fonte-para-seu-pc/

 

 

 

Espero que este “mexidão” de informações e links seja de utilidade para todos aqueles a procura de uma configuração para trabalhar com o Revit, ou programas 3D para arquitetura.

 

Lembrando que no fim das contas o principal sempre será obter o melhor desempenho ate onde o bolso puder aguentar.

 

Aquele abraço.

 

 

Alvaro

Editado por Chile
  • Curtir 5

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Falou muito de Intel de nVidia e esqueceu de mencionar placas de vídeo e processadores AMD.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
  • Autor do tópico
  • Falou muito de Intel de nVidia e esqueceu de mencionar placas de vídeo e processadores AMD.

     

    Olá Math.Pi 

     

    Lembrando que eu não "falo", apenas fiz a tradução de uma parte do texto e compilei outras.

    O texto original em inglês (no Revit Forum) foi atualizado e eu acabei de fazer o mesmo.

    O autor adicionou modelos de placas de vídeo AMD e uma nota sobre os processadores AMD.

     

    Qualquer outra atualização farei uma nova edição do texto.

     

    Até

     

    Alvaro

    • Curtir 1

    Compartilhar este post


    Link para o post
    Compartilhar em outros sites

    Chile, antes de mais nada gostaria de gradecer ao seu post que tantas dúvidas pode esclarecer. 

    E gostaria de perguntar para ti uma dúvida que vi em outro post seu sobre a possibilidade de se utilizar uma configuração mais "econômica" por assim dizer.

    Nela você cita o uso de um processador i5 3570 (1155) com 8GB de Ram 1600MHZ e uma placa de video GTX 650Ti Boost + HD 500 GB 7200rpm.

    Neste cenário acima gostaria de saber quais limitações de fato eu teria com o uso desta configuração.

    Justifico essa dúvida pelo fato de não poder arcar com uma configuração ideal como sugerida, e ainda estou iniciando uma migração de projetos feitos em CAD para uso no REVIT, e de quebra estou pretendendo seguir para o Structure e ROBOT.

    Nesta fase que me encontro "Pouca grana mesmo" preciso saber se consigo aprender digamos todas as funcionalidades do software até poder comprar uma máquina ideal. 

    OU

    Devido as minhas intenções de me estender no Structure e ROBOT terei limitações quanto ao aprendizado da ferramenta.

    Para exemplificar o tipo de projeto que estou tentando utilizar como base, estou trabalhando em um projeto de um prédio de pequeno porte de 4 Pav.

    Eu consigo trabalhar todas as ferramentas do software?

    Eu consigo renderizar mesmo que de maneira mais lenta? ou não?

    Quais outros problemas eu poderia ter?

    Mais uma vez agradeço pela atenção.

    Compartilhar este post


    Link para o post
    Compartilhar em outros sites
  • Autor do tópico
  • Chile, antes de mais nada gostaria de gradecer ao seu post que tantas dúvidas pode esclarecer. 

    E gostaria de perguntar para ti uma dúvida que vi em outro post seu sobre a possibilidade de se utilizar uma configuração mais "econômica" por assim dizer.

    Nela você cita o uso de um processador i5 3570 (1155) com 8GB de Ram 1600MHZ e uma placa de video GTX 650Ti Boost + HD 500 GB 7200rpm.

    Neste cenário acima gostaria de saber quais limitações de fato eu teria com o uso desta configuração.

     

     
    Só vi seu post agora. Como você não clicou em "mention" não recebi notificação.
    Enfim... sobre a sua pergunta.
     
    Vou considerar o valor total do que você quer e sugerir o seguinte:
     
     
    (preços à vista na Kabum)
     
    O 3570 é um processador muito velho. Não vale a pena.
    Pelo preço da 650Ti você compra uma 750.
    Eu até sugeriria uma 750Ti, mas se a grana é curta a 750 já resolve.
     
    Ok, agora o analise.
    Temos no escritorio uma configuração similar.
    Roda até na boa, mas... em projetos grandes, sobretudo com terreno modelado em 3D, ele dá umas travadas.
    Mas como você pretende trabalhar apenas com predios pequenos, então deverá roda sem problemas.
     
    Se tiver duvidas me fale.
     
    Abraço
     
     
    Alvaro

    Compartilhar este post


    Link para o post
    Compartilhar em outros sites

     

     
    Só vi seu post agora. Como você não clicou em "mention" não recebi notificação.
    Enfim... sobre a sua pergunta.
     
    Vou considerar o valor total do que você quer e sugerir o seguinte:
     
     
    (preços à vista na Kabum)
     
    O 3570 é um processador muito velho. Não vale a pena.
    Pelo preço da 650Ti você compra uma 750.
    Eu até sugeriria uma 750Ti, mas se a grana é curta a 750 já resolve.
     
    Ok, agora o analise.
    Temos no escritorio uma configuração similar.
    Roda até na boa, mas... em projetos grandes, sobretudo com terreno modelado em 3D, ele dá umas travadas.
    Mas como você pretende trabalhar apenas com predios pequenos, então deverá roda sem problemas.
     
    Se tiver duvidas me fale.
     
    Abraço
     
     
    Alvaro

     

    Muito obrigado chile, realmente ajudou muito, optarei pelas suas recomendações. Bem sensatas e justificadas. obrigado pelo retorno. Abraços.

    Compartilhar este post


    Link para o post
    Compartilhar em outros sites

    Olá @Chile tudo bem?

     

    O q eu li sobre a questão de renderização, é q alguns programas hj em dia estão dando suporte para aceleração em renderização pela GPU. Por isso questiono sobre realmente o processador e a memória RAM ter papel principal nas renderizações do Revit, mesmo o programa tendo suporte para renderizar em GPU?

     

    Aproveitando, estou em dúvidas sobre qual hardware comprar para minha namorada q é arquiteta e abri 1 tópico sobre isso. Se tiveres tempo para me dar uma ajuda segue o meu tópico aberto:

     

    http://forum.clubedohardware.com.br/topic/1137415-pc-para-arquitetura-renderiza%C3%A7%C3%A3o-3d-r-3500/

     

    Abraço e desde já agradeço atenção.

    Compartilhar este post


    Link para o post
    Compartilhar em outros sites

    Ótima explicação Chile.

     

    Acho que para uso no Autodesk Civil 3d (meu caso) posso reduzir o processador, talvez um i5 ou forçando a barra até um i3 né?

    Vejo que os produtos Autodesk "gostam" muito do disco, então um SSD está se tornando indispensável.

     

    Abraço

    Compartilhar este post


    Link para o post
    Compartilhar em outros sites
  • Autor do tópico
  • Olá @cltctba

     

    Não saberia lhe disser se um i5 permitiria um bom desempenho no Civil 3D.

    Nunca utilizei esse programa.

     

    Mas achei um post de um cara que faz varias sugestões interessantes no fórum do Tom's Hardware:

     

    Need Best Computer for Autocad Civil 3D

    http://www.tomshardware.com/answers/id-1973569/computer-autocad-civil.html

     

    Boas leituras

     

    Abraço

     

    Alvaro

    Compartilhar este post


    Link para o post
    Compartilhar em outros sites

    Olá Chile como vai?? 

     

    Gostaria de agradecer a postagem, está me ajudando muito, mas como eu vi que está desatualizada e preciso montar um PC novo pra ontem gostaria de saber se pode atualizar essa postagem por favor??? lol

    adicionado 2 minutos depois

    @Chile  

    Olá Chile como vai?? 

     

    Gostaria de agradecer a postagem, está me ajudando muito, mas como eu vi que está desatualizada e preciso montar um PC novo pra ontem gostaria de saber se pode atualizar essa postagem por favor??? lol

    Compartilhar este post


    Link para o post
    Compartilhar em outros sites

    Crie uma conta ou entre para comentar

    Você precisar ser um membro para fazer um comentário






    Sobre o Clube do Hardware

    No ar desde 1996, o Clube do Hardware é uma das maiores, mais antigas e mais respeitadas publicações sobre tecnologia do Brasil. Leia mais

    Direitos autorais

    Não permitimos a cópia ou reprodução do conteúdo do nosso site, fórum, newsletters e redes sociais, mesmo citando-se a fonte. Leia mais

    ×