Ir ao conteúdo
  • Comunicados

    • Gabriel Torres

      Seja um moderador do Clube do Hardware!   12-02-2016

      Prezados membros do Clube do Hardware, Está aberto o processo de seleção de novos moderadores para diversos setores ou áreas do Clube do Hardware. Os requisitos são:   Pelo menos 500 posts e um ano de cadastro; Boa frequência de participação; Ser respeitoso, cordial e educado com os demais membros; Ter bom nível de português; Ter razoável conhecimento da área em que pretende atuar; Saber trabalhar em equipe (com os moderadores, coordenadores e administradores).   Os interessados deverão enviar uma mensagem privada para o usuário @Equipe Clube do Hardware com o título "Candidato a moderador". A mensagem deverá conter respostas às perguntas abaixo:   Qual o seu nome completo? Qual sua data de nascimento? Qual sua formação/profissão? Já atuou como moderador em algo outro fórum, se sim, qual? De forma sucinta, explique o porquê de querer ser moderador do fórum e conte-nos um pouco sobre você.   OBS: Não se trata de função remunerada. Todos que fazem parte do staff são voluntários.
    • DiF

      Poste seus códigos corretamente!   21-05-2016

      Prezados membros do Fórum do Clube do Hardware, O Fórum oferece um recurso chamado CODE, onde o ícone no painel do editor é  <>     O uso deste recurso é  imprescindível para uma melhor leitura, manter a organização, diferenciar de texto comum e principalmente evitar que os compiladores e IDEs acusem erro ao colar um código copiado daqui. Portanto convido-lhes para ler as instruções de como usar este recurso CODE neste tópico:  
maps75

Placa de Matrix de Áudio com Raspberry Pi (audio matrix switch).

Recommended Posts

Sou novo em eletrônica e estou trabalhando em um projeto pessoal com Raspberry Pi que preciso de ajuda de quem entenda de eletrônica.

 

Quero fazer uma placa que permita comutar (áudio matrix switch) 12 entradas de áudio (TV, MP3, DVD, FM web, etc) em 12 saídas de áudio (alto-falantes). Podendo ser "1 Entrada x 1 Saída" ou "1 Entrada x n Saídas", isso ao mesmo tempo, sem mixagem. Tudo gerenciado pelo Raspberry Pi.

 

Pelo que pesquisei, tenho que usar microcontroladores e fazer o DAC para os alto-falantes. É isso?

 

Pesquisando sobre microcontroladores e ICs achei o microcontrolador PIC18F4550 e o Multiplexador/Demultiplexador 74HC4067 . Parecem bons para resolver o meu problema.

 

Posso fazer o roteamento entre as entradas e saídas com um deles ou os dois juntos? É possível controlar isso com Raspberry PI? Alguém poderia me ajudar e me mostrar algum exemplo ou circuito, por favor? 

 

Desculpe, mas eu não sei quase nada sobre componentes eletrônicos.

 

Obrigado.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
  • Autor do tópico
  • Indicaram-me utilizar o AD75019 (16 X 16 Crosspoint Switch). Acho que é esse o caminho.

    Alguém sabe como controla-lo usando o Raspberry Pi???

     

    Obrigado. 

    Compartilhar este post


    Link para o post
    Compartilhar em outros sites

     

    Sou novo em eletrônica e estou trabalhando em um projeto pessoal com Raspberry Pi que preciso de ajuda de quem entenda de eletrônica.
     
    Quero fazer uma placa que permita comutar (áudio matrix switch) 12 entradas de áudio (TV, MP3, DVD, FM web, etc) em 12 saídas de áudio (alto-falantes). Podendo ser "1 Entrada x 1 Saída" ou "1 Entrada x n Saídas", isso ao mesmo tempo, sem mixagem. Tudo gerenciado pelo Raspberry Pi.
     
    Pelo que pesquisei, tenho que usar microcontroladores e fazer o DAC para os alto-falantes. É isso?
     
    Pesquisando sobre microcontroladores e ICs achei o microcontrolador PIC18F4550 e o Multiplexador/Demultiplexador 74HC4067 . Parecem bons para resolver o meu problema.
     
    Posso fazer o roteamento entre as entradas e saídas com um deles ou os dois juntos? É possível controlar isso com Raspberry PI? Alguém poderia me ajudar e me mostrar algum exemplo ou circuito, por favor? 
     
    Desculpe, mas eu não sei quase nada sobre componentes eletrônicos.
     
    Obrigado.

     

    Bom dia , maps75

    Apesar de dizer que é novo em eletrônica, devo presumir que é capaz de trabalhar com esta plataforma tão "maravilhosa" como a do o rasberry.

    Quanto ao AD75019...

    post-387879-0-74817300-1408700485.jpg

    ... é bem simples de controlar.

    Pena que o Sr citou PIC.

    Se fosse AVR eu poderia ajudá-lo, mas temos muitos colegas que poderão ajudá-lo caso queira trabalhar com o PIC18F4550.

    Para um novato como se diz, é um projeto bem audacioso, mas cada um sabe de sua própria capacidade.

    A linguagem acho que pode ser pode ser python

    Parabéns!

    Editado por xykote
    • Curtir 1

    Compartilhar este post


    Link para o post
    Compartilhar em outros sites
  • Autor do tópico
  • Bom dia , maps75

    Apesar de dizer que é novo em eletrônica, devo presumir que é capaz de trabalhar com esta plataforma tão "maravilhosa" como a do o rasberry.

    Quanto ao AD75019...

    attachicon.gifcross.jpg

    ... é bem simples de controlar.

    Pena que o Sr citou PIC.

    Se fosse AVR eu poderia ajudá-lo, mas temos muitos colegas que poderão ajudá-lo caso queira trabalhar com o PIC18F4550.

    Para um novato como se diz, é um projeto bem audacioso, mas cada um sabe de sua própria capacidade.

    A linguagem acho que pode ser pode ser python

    Parabéns!

     

    Oi Francisco, tudo bem?

     

    Primeiramente, muito obrigado pela ajuda.

    Com relação ao uso do PIC, foi uma sugestão de um colega e pareceu-me legal. Com AVR seria melhor?

    Estou amplamente aberto a sugestões e idéias. Aliás, adoro novas idéias, por isso assumi esse desafio (grande para alguém como eu... rss...).

    Python seria mais nativo mesmo, mas como no RPi roda linux, irei desenvolver o software em Java ou Mono (C#).

     

    Abraços.

    MAPS

    Compartilhar este post


    Link para o post
    Compartilhar em outros sites

    Meu amigo, terá todo apoio necessário.

    Estou pensando em comprar um RPi... vale a pena?

    Editado por xykote

    Compartilhar este post


    Link para o post
    Compartilhar em outros sites
  • Autor do tópico
  • Muito obrigado. É bom saber que ainda existem pessoas que gostam de compartilhar conhecimento.

    Quanto ao RPi, vale a pena sim! Ele é muito legal.

    Inclusive, acabo de comprar também a versão B+ e estou esperando chegar.

    Isso porque, além desse desafio de montar a placa para comutar o áudio e sonorizar meu apto a um baixo custo (sonho antigo), irei montar uma versão do Ambilight com ele. Minha noiva não vê a hora, e eu tb... rsss...

    Dê uma olhada nesse exemplo: http://abertoatedemadrugada.com/2014/06/cria-o-teu-ambilight-com-um-raspberry.html

     

    Abraços.

    MAPS

    Compartilhar este post


    Link para o post
    Compartilhar em outros sites

    @maps75

    Só para eu entender direito: você terá 12 entradas de áudio e gostaria de selecionar qual deseja ouvir. Certo? Sempre será apenas uma saída? Ou pode ter o caso de você querer ter duas ou mais saídas tocando ao mesmo tempo?

    Falou

    Compartilhar este post


    Link para o post
    Compartilhar em outros sites
  • Autor do tópico
  • @maps75

    Só para eu entender direito: você terá 12 entradas de áudio e gostaria de selecionar qual deseja ouvir. Certo? Sempre será apenas uma saída? Ou pode ter o caso de você querer ter duas ou mais saídas tocando ao mesmo tempo?

    Falou

     

    Oi Matheus.

     

    Sim. São 12 entradas e 12 Saídas. 

    Poderei direcionar "1 entrada X 1 saída" ou "1 entrada X (até) 12 saídas". Isso simultaneamente, mas sem mixagem do áudio. Ou seja, poderei ouvir o som da entrada "A" na saída "D" e, ao mesmo tempo, estar ouvindo o som da entrada "F" nas saídas "A", "B", "C" e "H".

     

    valeu. Abraços.

    MAPS75

    Compartilhar este post


    Link para o post
    Compartilhar em outros sites

    @maps75

    Desculpe a demora. Também estou enrolado num projeto...

    Para quê precisa do DAC?

    Não vai apenas selecionar entradas e saídas e "jogar" num amplificador?

    Como o AD75019 tem uma baixa resistência, de apenas 200R, e já que entra e sai analógico não daria pra controlar direto do RPi ,sem uC?

    Editado por xykote

    Compartilhar este post


    Link para o post
    Compartilhar em outros sites
  • Autor do tópico
  • @maps75

    Desculpe a demora. Também estou enrolado num projeto...

    Para quê precisa do DAC?

    Não vai apenas selecionar entradas e saídas e "jogar" num amplificador?

    Como o AD75019 tem uma baixa resistência, de apenas 200R, e já que entra e sai analógico não daria pra controlar direto do RPi ,sem uC?

     

    Imagina... Não existe demora. você está me ajudando.

    Sinceramente, falei do DAC porque não entendo de eletrônica e nas minhas pesquisas falavam da necessidade disso.

    Não sei se da pra controlar direto com o RPi. Nunca fiz isso e a documentação do AD75019 não foi clara quanto a como enviar esse controle.

    Ainda estou pesquisando para tentar montar algo enxuto, mas se meus poucos conhecimentos não permitirem eu montarei uma placa gigante mesmo... Desde que funcione. Faço a "Relelândia" se for o jeito que conseguir. Rsss...

     

    Desculpe-me a ignorância.

     

    Obrigado!

    MAPS75

    Compartilhar este post


    Link para o post
    Compartilhar em outros sites

    @maps75

    Vamos lá...

    Já sabe se encontrará este componente no mercado?

    Pelo pouco que já li no datasheet não tem muito segredo controlar por um uC AVR, como numa plataforma arduino qualquer. Mas pra quem tem domínio sobre o hardware do RPi, não deve ser difícil também.

    Veja aqui:

    post-387879-0-78382500-1409661464_thumb.

     

    É uma sequência de 256 dados (sin) sincronizados pelo serial clock (sclk).

    Finalmente Aplica-se um pulso baixo no parallel clock (pclk). Pronto!

    Onde o dado foi 1, a E/S X estará ligada (close) na E/S Y de acordo com a sequência indicada no timing acima.

    Clareou?

     

    Compartilhar este post


    Link para o post
    Compartilhar em outros sites

    Só pra complementar, essa interface física, se parece muito com o controle I2S, dependendo da distribuição de linux que você esteja a rodar na RPi, pode procurar por um device driver para operação de dispositivo I2S, assim basta abrir o DD como se fosse um arquivo e escrever (ou ler) os dados que desejas. Para uma outra interface série (como um algum derivado da SPI) o processo é o mesmo, só não acho que seja possível fazer de forma deterministica utilizando bit-banging (ou seja acionando os GPIOS do chip manualmente por sw) como seria possivel num microcontrolador de 8bits da vida dado o não determinismo do linux tanto para escrita no dispositivo quanto para execução de threads.

    Abs.

    Editado por xykote

    Compartilhar este post


    Link para o post
    Compartilhar em outros sites
  • Autor do tópico
  • @maps75

    Vamos lá...

    Já sabe se encontrará este componente no mercado?

    Pelo pouco que já li no datasheet não tem muito segredo controlar por um uC AVR, como numa plataforma arduino qualquer. Mas pra quem tem domínio sobre o hardware do RPi, não deve ser difícil também.

    Veja aqui:

    attachicon.gifcros_timing.jpg

     

    É uma sequência de 256 dados (sin) sincronizados pelo serial clock (sclk).

    Finalmente Aplica-se um pulso baixo no parallel clock (pclk). Pronto!

    Onde o dado foi 1, a E/S X estará ligada (close) na E/S Y de acordo com a sequência indicada no timing acima.

    Clareou?

     

    Acho que clareou, sim, Francisco (@xykote).

    Encontrei ele no eBay e no ML.

    Vou comprar um para fazer uns testes.

    valeu.

     

    Abraços.

    MAPS75

    Só pra complementar, essa interface física, se parece muito com o controle I2S, dependendo da distribuição de linux que você esteja a rodar na RPi, pode procurar por um device driver para operação de dispositivo I2S, assim basta abrir o DD como se fosse um arquivo e escrever (ou ler) os dados que desejas. Para uma outra interface série (como um algum derivado da SPI) o processo é o mesmo, só nao acho que seja possivel fazer de forma deterministica utilizando bit-banging (ou seja acionando os GPIOS do chip manualmente por sw) como seria possivel num microcontrolador de 8bits da vida dado o não determinismo do linux tanto para escrita no dispositivo quanto para execução de threads.

    Abs.

     

    Estou usando o Debian.

    Vou dar uma olhada nisso também, @Felipe_Eletronic.

    valeu.

     

     

    Abraços.

    MAPS75

    Compartilhar este post


    Link para o post
    Compartilhar em outros sites

    .... é por isso que adoro assembly... de qualquer máquina.

    Não se limita ao poder de qualquer linguagem.


    Absolutamente se concentre em "1" e "0"..

    Depois que descobrimos que estes 2 níveis lógicos seriam capazes de modificar o mundo através da informática e consequentemente TI...

    Até temos internet...

    Compartilhar este post


    Link para o post
    Compartilhar em outros sites

    Crie uma conta ou entre para comentar

    Você precisar ser um membro para fazer um comentário






    Sobre o Clube do Hardware

    No ar desde 1996, o Clube do Hardware é uma das maiores, mais antigas e mais respeitadas publicações sobre tecnologia do Brasil. Leia mais

    Direitos autorais

    Não permitimos a cópia ou reprodução do conteúdo do nosso site, fórum, newsletters e redes sociais, mesmo citando-se a fonte. Leia mais

    ×