Ir ao conteúdo
  • Comunicados

    • Gabriel Torres

      Seja um moderador do Clube do Hardware!   12-02-2016

      Prezados membros do Clube do Hardware, Está aberto o processo de seleção de novos moderadores para diversos setores ou áreas do Clube do Hardware. Os requisitos são:   Pelo menos 500 posts e um ano de cadastro; Boa frequência de participação; Ser respeitoso, cordial e educado com os demais membros; Ter bom nível de português; Ter razoável conhecimento da área em que pretende atuar; Saber trabalhar em equipe (com os moderadores, coordenadores e administradores).   Os interessados deverão enviar uma mensagem privada para o usuário @Equipe Clube do Hardware com o título "Candidato a moderador". A mensagem deverá conter respostas às perguntas abaixo:   Qual o seu nome completo? Qual sua data de nascimento? Qual sua formação/profissão? Já atuou como moderador em algo outro fórum, se sim, qual? De forma sucinta, explique o porquê de querer ser moderador do fórum e conte-nos um pouco sobre você.   OBS: Não se trata de função remunerada. Todos que fazem parte do staff são voluntários.
AmarildoJr

RESOLVIDO Fx6300 - degradação por temperatura

Recommended Posts

Quanto tempo é "raspado" da vida util de um processador com temperaturas muito altas? Digo, é sabido que quanto mais quente um processador trabalha, menor é a vida útil dele, então gostaria de saber o tempo mínimo que o meu deva durar, e se temperaturas muito altas podem danificar a placa-mãe também.

 

Eu faço trabalhos em 3D, e renderizar é o que usa mais CPU. Alguns renders são rápidos, coisa de 20 minutos. Outros podem facilmente demorar de 8 a 14 horas, e as vezes são vários renders pra fazer um vídeo. No momento, com 8ºC de temperatura ambiente (fora de casa), o processador chega até 65ºC com 100% de uso.

Tenho que compilar meu Kernel 2x por semana, 30 minutos por vez. A temperatura nesse caso pode chegar até a 79/80ºC com facilidade, com a mesma temperatura ambiente.

 

Então o uso dele é grande e ele esquenta bastante.

 

Outra coisa. Há sintomas visíveis na degradação, como perda de desempenho? Ou ele simplesmente "morre" mais cedo?
Qual dano pode ocorrer na placa-mãe (sendo realista)?

 

Citação

fam15h_power-pci-00c4
Adapter: PCI adapter
power1:       94.46 W  (crit =  94.99 W)

k10temp-pci-00c3
Adapter: PCI adapter
temp1:        +65.5°C  (high = +70.0°C)
                       (crit = +80.0°C, hyst = +77.0°C)

 

Editado por AmarildoJr

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Há tempos atrás quando usava mais intensamente o linux e compilava kernels também, havia a possibilidade de fixar o clock a fim de evitar o aumento de temperatura (eu fazia isso em um k8)

 

http://products.amd.com/en-us/search/CPU/AMD-FX-Series/AMD-FX-6-Core-Black-Edition/FX-6300/136

 

O máximo que esse processador suporta é 70 graus acima disso é diminuição do seu tempo de vida.

 

Me lembrei do nome do pacote :eek:

 

https://wiki.archlinux.org/index.php/CPU_frequency_scaling_(Português)

 

https://wiki.debian.org/HowTo/CpuFrequencyScaling

 

Nos casos que você sabe que vai passar de 60 graus você pode alterar o "governor" e colocar um clock menor.

 

Espero que ajude.

Editado por Hqxriven
  • Curtir 1

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
  • Autor do tópico
  • @Hqxriven Tinha até me esquecido disso pois meu processador antigo trabalhava sempre na frequência máxima hehehehe. Uma pena que vai demorar mais pra compilar. Ou baixo a frequência, ou baixo o número de núcleos usados pra compilar.

     

    Mas no caso do Blender, não tenho escolha. Eu já não estou usando a GPU pra renderizar pois ainda não há uma implementação do OpenCL (que funcione) pros drivers OpenSource, então já perco muito tempo renderizando (com a GPU leva metade do tempo do que o processador). Se eu baixar a frequência vou perder mais tempo ainda.

    Compartilhar este post


    Link para o post
    Compartilhar em outros sites

    Outra possibilidade é caso você use um cooler box, comprar um que abaixe bastante a temperatura pra não ter que se preocupar tanto com isso.

     

    Eu geralmente deixava o meu clock no ondemand e quando ia compilar baixava o clock para não ter que me preocupar com aquecimento (naquela máquina não dava nem pra trocar hd).

    Compartilhar este post


    Link para o post
    Compartilhar em outros sites

    Use o AMD Overdrive para ver as temperaturas, pois todos os programas de análise não recebem suporte da AMD e indicam temperaturas erradas por uma boa margem. Ou então você precisa aprender a fazer a conversão do "bug da AMD". 

     

    Recomendo levar isso a sério, pois se você usa a CPU em carga dessa forma, a temperatura se torna um fator de risco. No AMD Overdrive tem um limite que vai ficando vermelho. Se passar do limite, tome precauções.

     

    Como você faz operações pesadas, o recomendado é comprar um CPU cooler. Não tem por que capar a CPU. Se a grana estiver curta, vai juntando um pouco aqui, um pouco ali, e até dezembro você compra um cooler melhor para poder trabalhar direito, porque se está assim com 8ºC de temperatura ambiente, com bug da AMD e tudo, no verão a chapa vai esquentar.

     

    Os chips da AMD são mais sensíveis à temperatura, mas de forma geral a tensão (para os overclockers) é muito mais perigosa. Uma tensão exagerada pode comprometer o chip em questão de dias. Já vi site de review 'gastar' o chip em 48h e ter que baixar o clock.

     

    Temperatura já é menos perigoso. A CPU vai fazer o throttling, o micro desliga, etc. É só manter no limite do AMD Overdrive, de preferência com uma margem.

    Compartilhar este post


    Link para o post
    Compartilhar em outros sites

    Já tem AMD Overdrive pra linux :eek:

     

    Nem vi imagens na net, bem tudo é possível.

    Compartilhar este post


    Link para o post
    Compartilhar em outros sites
  • Autor do tópico
  • @Contiusa 1.26v, com 4.1 GHz estáveis.

    Não posso usar o AMDOverDrive pois ainda seguro firme na minha política de não usar software proprietário. Se fosse usar o OverDrive eu já pularia para o Catalyst/FGLRX, cortando a necessidade de cooler para o processador pois poderia renderizar pela GPU.

     

    Sem falar que esse programa marca a temperatura errada. Em Idle ele dizia estar a 65 graus, o que é ridículo hehehehe

    Editado por AmarildoJr

    Compartilhar este post


    Link para o post
    Compartilhar em outros sites
    10 minutos atrás, Hqxriven disse:

    Já tem AMD Overdrive pra linux :eek:

     

    Nem vi imagens na net, bem tudo é possível.

     

    Não sabia. Está usando Linux @AmarildoJr ? (muita gente usa o dual boot)

     

    5 minutos atrás, AmarildoJr disse:

    @Contiusa 1.26v, com 4.1 GHz estáveis.

    Não posso usar o AMDOverDrive pois ainda seguro firme na minha política de não usar software proprietário. Se fosse usar o OverDrive eu já pularia para o Catalyst/FGLRX, cortando a necessidade de cooler para o processador pois poderia renderizar pela GPU.

     

    Alguma coisa você precisa fazer, pois a diferença apontada pelos programas de análise costuma ser grande, na casa dos 10ºC. É a diferença entre cozinhar ou não a sua CPU em banho-maria.

     

    Tem AIDA64 para Linux? 

     

     

    Editado por Contiusa

    Compartilhar este post


    Link para o post
    Compartilhar em outros sites

    Pensei que quando você estava falando do Overdrive era do linux. Interpretação minha tá merecendo um facepalm.

    • Curtir 1

    Compartilhar este post


    Link para o post
    Compartilhar em outros sites
  • Autor do tópico
  • agora, Contiusa disse:

    Está usando Linux @AmarildoJr ? (muita gente usa o dual boot)

    Sim, só Linux.

     

    agora, Contiusa disse:

    Alguma coisa você precisa fazer, pois a diferença apontada pelos programas de análise costuma ser grande, na casa dos 10ºC. É a diferença entre cozinhar ou não a sua CPU em banho-maria.

     

    Tem AIDA64 para Linux? 

    Não sei. Mas também é proprietário :P Eu uso o lm-sensors mesmo, que sempre deu o mesmo resultado que o AIDA64 no Windows, que o HWINFO, etc. Todos concordam, menos o OVerDrive hehehehehehe

    Compartilhar este post


    Link para o post
    Compartilhar em outros sites
    agora, AmarildoJr disse:

    Não sei. Mas também é proprietário :P Eu uso o lm-sensors mesmo, que sempre deu o mesmo resultado que o AIDA64 no Windows, que o HWINFO, etc. Todos concordam, menos o OVerDrive hehehehehehe

     

    Então, você precisa usar o AMD Overdrive e o AIDA64 pelo menos uma vez para descobrir a diferença. Depois você faz a conversão sempre de cabeça e pode deletar esses programas.

     

    Baixe o AMD Overdrive e o AIDA64 (use o free trial).

    Vá no AIDA64 em placa-mãe / CPUID e anote o valor do tCTLMax.

    Esse tCTLMax é o limite mostrado no AMD Overdrive para a sua CPU. Esse valor não é fixo. Varia de placa-mãe, então você precisa do AIDA64 para encontrá-lo. 

    Sabendo esse valor, que é o limite do AMD Overdrive, é simples.

    Vamos dizer, hipoteticamente, que o seu tCTLMax é 80ºC. você vê lá e o AMD Overdrive indica (por exemplo) 15ºC até o limite, a CPU está a 65ºC, correto?

    Sabendo disso, abra o programa que você usa para ver a temperatura e veja a diferença de um para o outro. Se você sabe que a sua CPU está a 65ºC e o programa indica 75ºC ou 55ºC, você sabe que ela está 10ºC descalibrada para cima ou para baixo. Essa "descalibração" é constante. Então a partir daí você sabe que o programa indica uma temperatura X acima ou abaixo.

     

    Aí você pode deletar o AMD Overdrive e o AIDA64 e nunca mais usá-los. Pode até dar a sorte de a sua placa-mãe estar com a conversão correta, mas, em geral, todo mundo que tem FX da AMD está lendo errado a temperatura nos programas de análise.

    adicionado 11 minutos depois

     

    EDIT: o HWmonitor tem um dos valores TMPIN que indica a temperatura correta da CPU. Na minha placa-mãe é o TMPIN1, mas pode variar de fabricante. Eu sei que o meu tCTLMax é 80ºC e, comparando o AMD Overdrive com o HWmonitor e o TMPIN1, eu sei que o valor está correto. 

     

    Esse TMPIN do HWmonitor foi uma dica de um representante da AMD. Se você comparar os programas e encontrar o TMPIN certo, você pode comparar com os sensores de outros programas para descobrir qual está indicando a temperatura certa.

     

    Como nota, os programas de análise indicam a temperatura do meu FX-6300 10ºC abaixo do real.

    • Curtir 2

    Compartilhar este post


    Link para o post
    Compartilhar em outros sites
  • Autor do tópico
  • Bom, resolvi usar o driver proprietário já que estou desempregado e não posso comprar um cooler :( Pelo menos agora a CPU fica a 26 graus enquanto renderiza, e a GPU não passa dos 55. Se eu aumentar a velocidade de rotação dos fans ela abaixa para 40ºC.

     

     

    Screenshot_20160810_021804.png

    Compartilhar este post


    Link para o post
    Compartilhar em outros sites

    @Contiusa e @AmarildoJr amigos, o Speedfan marca a mesma temperatura que o TMPIN do HWmonitor. Eu uso ele em um fx6300.

    @Contiusa então a "Margem Térmica" amostrada no Amd Overdrive seria o qto falta para atingir a temperatura maxima do tCTLMax da cpu??

     

    @AmarildoJr amigo, espero que as coisas melhorem, pois o ideal para voce que tem um uso pesado é trocar o cooler mesmo. O colega Contiusa fez um otimo trabalho, recente, sobre cpu cooler. E eu cheguei a comentar com ele que alguns cooler da marca DeepCool tem um otimo desempenho (por um preco bom).

    Editado por drcyberjr

    Compartilhar este post


    Link para o post
    Compartilhar em outros sites
    1 hora atrás, drcyberjr disse:

    amigos, o Speedfan marca a mesma temperatura que o TMPIN do HWmonitor. Eu uso ele em um fx6300.

     

    Eu instalei o Speedfan e ele apresenta as temperaturas dos meus três TMPINs, só que você precisa descobrir qual valor é o da CPU, porque no meu FX eles são próximos, e um deles é igual ao valor errado do HWmonitor. Então só mesmo descobrindo o tCTLMax da sua placa-mãe e fazendo a conversão com o AMD Overdrive para descobrir qual é o valor correto. O meu TMPIN da CPU é o #1, o segundo valor do Speedfan de cima para baixo. Entende a bagunça? Eu imaginaria que seria o primeiro.

     

    1 hora atrás, drcyberjr disse:

    então a "Margem Térmica" amostrada no Amd Overdrive seria o qto falta para atingir a temperatura maxima do tCTLMax da cpu??

     

    Teoricamente sim, mas esse tCTLMax é a margem do sensor da placa-mãe, que varia de fabricante. Todo usuário precisa fazer a conversão para descobrir o valor correto. Por isso, quando a pessoa fala "não passa de 55ºC", ela não quer dizer nada. Ela podia dizer "não passa de 85ºC" que seria a mesma coisa, pois pode ser 45, 55, 65, 75... Se for para cima, ela estará cozinhando a CPU dela sem saber.

     

    Como nota, a minha CPU em repouso não muda muito dela em carga no OCCT. Variação de 5ºC... Ontem eu troquei dois fans que estavam no molex da fonte e coloquei nos conectores da placa-mãe. Por algum motivo o valor package, que antes indicava sempre abaixo da temperatura ambiente (uma impossibilidade), agora fica na casa dos 33ºC. Se eu começar o teste de estresse do OCCT ela vai para 39-40ºC.

     

    Ou seja, a AMD e o setor de suporte dela é muito comédia.

     

    Compartilhar este post


    Link para o post
    Compartilhar em outros sites
  • Autor do tópico
  • 28 minutos atrás, drcyberjr disse:

    amigo, espero que as coisas melhorem, pois o ideal para voce que tem um uso pesado é trocar o cooler mesmo

    Agora não importa mais ;) Já instalei o driver proprietário e consigo renderizar com a GPU. Mas obrigado mesmo assim!

    Editado por AmarildoJr

    Compartilhar este post


    Link para o post
    Compartilhar em outros sites

    Crie uma conta ou entre para comentar

    Você precisar ser um membro para fazer um comentário






    Sobre o Clube do Hardware

    No ar desde 1996, o Clube do Hardware é uma das maiores, mais antigas e mais respeitadas publicações sobre tecnologia do Brasil. Leia mais

    Direitos autorais

    Não permitimos a cópia ou reprodução do conteúdo do nosso site, fórum, newsletters e redes sociais, mesmo citando-se a fonte. Leia mais

    ×