Ir ao conteúdo
  • Comunicados

    • Gabriel Torres

      Seja um moderador do Clube do Hardware!   12-02-2016

      Prezados membros do Clube do Hardware, Está aberto o processo de seleção de novos moderadores para diversos setores ou áreas do Clube do Hardware. Os requisitos são:   Pelo menos 500 posts e um ano de cadastro; Boa frequência de participação; Ser respeitoso, cordial e educado com os demais membros; Ter bom nível de português; Ter razoável conhecimento da área em que pretende atuar; Saber trabalhar em equipe (com os moderadores, coordenadores e administradores).   Os interessados deverão enviar uma mensagem privada para o usuário @Equipe Clube do Hardware com o título "Candidato a moderador". A mensagem deverá conter respostas às perguntas abaixo:   Qual o seu nome completo? Qual sua data de nascimento? Qual sua formação/profissão? Já atuou como moderador em algo outro fórum, se sim, qual? De forma sucinta, explique o porquê de querer ser moderador do fórum e conte-nos um pouco sobre você.   OBS: Não se trata de função remunerada. Todos que fazem parte do staff são voluntários.
Usuario Ocasional

Possível motivo da gratuidade do Windows10

Recommended Posts

Faz 1 ano meio que vivo perguntando ao mundo do porque a MS numa "doideira" ou num fato inédito deu (ou mandou baixar/instalar) o windows 10 a todo mundo que tem um win7 ou win8 sem cobrar nada por isso. Grátis mesmo e ainda ela insistindo pra todo mundo migrar pro win10 via update automático que "fornicava" o Pc de todo mundo sempre alertando e chamando a atenção e em muitos casos abrindo uma janela grande pro usuário clicar e começar a baixar. Isso numa absoluta pressa da MS, com prazo marcado, mesmo sem garantia que iria funcionar bem depois de instalado seja no Pc que for, sem testar o equipamento e principalmente sem informar ao pobre usuário se existia driver-win10 pra esse equipamento, tal qual meu exemplo onde detonou meu notebook em video e outros itens pois ate hoje não existem drivers do win10 pra ele e metade dele nada funcionava ou muito mal, numa absoluta irresponsabilidade da MS pois além disso estava repleto de bugs que travavam os Pc,muita coisa não funcionava, bastando ver aqui os "milhares" de relatos e problemas nos intermináveis tópicos deste forum. É claro, muitos bugs já resolvidos pela MS mas muita coisa ainda problemática pois não depende dela,tal qual drivers de diversas marcas pra equipamentos já com 3 ou mais anos e sem garantia (e convidados a migrar pro win10, pode?).

 

Mas não é isso a questão que aqui abordo, apesar que minha questão começou justamente nisso: que raio leva a MS se aventurar num "buraco" desses, numa encrenca, problemas e ate processos judiciais como os milhares que há hoje por muitos americanos e europeus face a tais bugs e problemas (é quela história: o pobre usuário estava tranquilo, quietinho no seu canto e sossegado com seu win7 ou win8 e vem a MS o cutucar e ate de certo modo o forçar a migrar como disse acima). Porque a MS deu essa "forçada: melhor, porque deu o win10 grátis, pelo menos naquele período ate julho/2015, isso baixado por milhões. Eu como tive sérios prejuízos pois nem mesmo meu Dell XPS, top da marca e com 3 anos de uso e ate hoje nem ultrapassado por 90% dos notebook do mercado (i7 top, 1080p, placa aceleradora, 16gb, usb3, hdmi, etc), quebrei a cara ao instalar o win10 pois sequer existem drivers-win10 pra ele e sequer consegui retornar pro win7 perdendo todas as atualizações e ate hoje windows update não funciona, isso pra todo mundo que tem o win7 e informação oficial da MS que deixou de funcionar isso desde o fim de 2015, daí a perda grave que tive, pois nem a função retornar ao win7 dentro do win10 funcionou tendo que formatar e perder tudo por culpa e irresponsabilidade da MS (porque não me avisou que não existia drivers pro meu note e porque não disse que meus drivers do win7 não funcionavam nele? Daí a minha raiva e pesquisa do porque essa gratuidade? O que ganha (ou perde) a MS nessa migração não recebendo um tostao por isso e ainda grande riscos de bugs e processos judiciais?

 

Na minha pesquisa por muitos sites,principalmente os estrangeiros,nada de resposta ví, ninguém nem abordou isso (mas deveriam abordar), onde apenas encontrei indícios, muitos, onde juntado cada um, todos levavam a mesma conclusão. Mas se alguém tiver a resposta exata,ótimo, que a relate aqui. Então, se levarmos em conta que a MS faturou muito mais de U$ 100bi desde sua criação vendendo o windows e outros integrantes, deixando seu dono como o maior bilionário do mundo, nunca antes na história tendo dado gratuitamente sua vedete, o windows, porque essa mudança radical? Ok,mudou de ideia com o IE pouco tempo depois do lançamento, o dando "de graça" dentro do windows para combater ouros browsers como o falido Netscape (foi essa gratuidade que o faliu) e competir com o firefox, chrome, etc. Mas agora com o windows? Quanto perdeu nessas centenas de milhões de instalações gratis? E porque? Não tenho a resposta mas há muitos indícios. Alias,um conjunto de indícios como colhi em muitos sites, de informática, a jornalísticos e ate sites de vendas. Poderão ver,juntar os pedaços e muitos terão a mesma conclusão que eu. Todos estes indícios levam a mesma ideia (não que seja a verdade, mas muito a pensar).

 

O maior e principal indício: a pirataria, ou seja, a queda de vendas como muitas versões lançadas e sem muito sucesso, tendo a pirataria se concentrado nas versões de maior sucesso, como o campeão de todos, o win7 e seguido pelo win XP na época (os mal vendidos foram o win vista e win8 entre outros anteriores). O primeiro indício foi ver a necessidade da MS combater a pirataria, pois nem o win8 foi tão pirateado e perdendo feio pra pirataria do win7 que continua te hoje. Incrível o que fez esta versão, fazendo muitos com win8 instalem o win7 e inclusive hoje muitos saindo do win10 e retornando ao win7, não por problemas como eu, mas por opção. Não tinha como combater essa pirataria cobrando alto pelo win10, como cobrava pelo win7, a versão mais cara já lançada (em valores de hoje, de R$ 380 amais700 ou 800 ou mais dependendo da versão do win7). Mesmo assim muito vendida e de raríssimas panes,um sucesso. Tinha suas fragilidades, principalmente por virus, mas nada que um bom antivirus não resolvesse (será que um dos indícios do win10 foi confrontar empresa de antivirus? Pois o win10 vem muito blindado contra virus). Portanto, o maior problema foi a pirataria que atrasava ou detonava suas vendas e lançamentos. Mas mesmo vendendo poucos win10,não era melhor do que dar de graça?

 

O outro problema foi as ativações de keys, muitas vezes produtos honestos/legais, mas muita gente formatando ou trocando de computadores e querendo reinstalar o win7 nele. Há muita gente honesta,milhares que não conseguiam. Muita gente a processando pois comprou o CD tendo direito de instalar onde quiser. E outro problemão é o próprio key,a chave/código de instalação, ou perdida, ou pirateada, ou frágil, etc, um sistema falho de instalação.

 

O maior indício da necessidade da gratuidade não é a venda ou distribuição do win10: o win10 está sendo cobaia como tudo demonstra, um teste sim, mas como tudo indica, a estrela e o pote de ouro da MS, será um futuro win11,12, etc. Esse é o maior indicio para tal gratuidade. Porque esse raciocínio? Explicarei não com o já citado acima, que já leva a isso, mas os eus relatos e experiência que tive com o win10. Tenho dois notebook antes do win10, um com win7 como disse e um win8 que detestava. Os dois migraram pro win10. O primeiro falhou totalmente como disse por causa da falta de driver. O segundo como era simplesinho, funcionou tudo bem (ou não?) pois tinha tela fraquinha (1380 e sem acelerador), som fraco sem placa especial,tudo onboard e nada de usb3, hdmi,  etc, tudo o que um win10 pode controlar sem drivers especiais, só os básicos dele,os próprios como ví no gerenciador. Ok, funcionava, mas de repente o HD travou, perdi ele com win10 e tudo mais. Comprei outro HD de outra marca e maior, não consegui instalar de volta o win8 pois nunca consegui seu ISO (era OEM e de marca fraquinha) e instalei um windows ultimate mas original, desses de site de leilões (taí um dos fortes indícios). Como também não atualizava e eu culpando o win10 por ter detonado o HD, me sobrou infelizmente reinstalar owin10,onde baixei o ISO dele no site MS. O engraçado é que pra se baixar um ISO do win7 ou win8 ele pede o key. Já pro win10 nada pede, mas avisa que não funciona pra quem nunca o instalou antes, só pra que já tinha,ou manda comprar um key. Taí mais um indício.

 

Ok, resolvi mesmo assim instalar o win10 sobre o win7-ultimate, mesmo sem ter o key do win8 anterior onde instalei o win10 sobre ele e muito menos o key do win10 e o pior: com HD trocado. Agora a surpresa: deu todo certo e meu win10 está certificado!!! Oras, se venceu a data de gratuidade em julho/2015, se nada do anterior tinha e se for sem comprar, nada feito, só há uma explicação: o win10 já não funciona mais com key. Vou repetir: não existe mais senha, código ou certificação/ativação pro win10. Algo ele fez ou gravou na primeira instalação neste notebook que era win8. placa-mãe? memórias? chip/processador? HD? o conjunto todo? Não sei. Repeti o processo com meu note-win7. Para fugir desse entrave de ficar sem windows update, comprei outros dois windows nesse site de leilões, tudo original e com ativação, um home premium e um profissional, os ativei mas nada do windows update funcionar. Os dois diferentes do win7 original que veio nele de fábrica e sobre ele instalei o win10, formatei em 2015 e instalei estes dois win7 faz 3 meses. Resolvi 1 ano e meio depois reinstalar o win10 com o ISO e sem chave/key nenhum na mão e não é que funcionou e registrou! Se isso não é indicio, que alguém explique do porque em dois notes que passei o diabo neles se instalou por duas vezes o win10 em cada um deles e sem key nenhum. Minha opinião: teste com centenas de milhões no "self-service" de instalação, perda do sistema, formatação, migração, etc, para ver se ou usuário não perde de forma nenhuma seu windows e nunca precisar pegar um windows pirata (aí entra a razão e o indício fortíssimo).

 

Alguém discorda que com um sistema desses, nunca perdendo seu windows, nunca precisando comprar outro igual ou um pirata, a MS simplesmente vai conseguir acabar com a pirataria? E mais: acabou a venda em lojas, daí pra diante, compras só com notebook de fabrica ou no site da MS, ou seja, aquela caixinha com CD ou venda de etiquetas como fiz compra no site de leilões, acabou. Alguém discorda disso já que não existe mais key do win10? E porque a gratuidade? Vários indícios: preparar todo mundo para o fim dos keys para as próximas gerações de windows, já começar a detonar vendas de keys mesmo originais (todas vem ou da Asia, versões OEM de fabricantes que despejaram, ou daqui de empresas que as repassaram e usam win10). Obtido isso no mundo todo e detonada a pirataria, refletimos que a próxima versão será vendida a peso de outro, é o que tudo indica, pode não ser, mas isso se vê no horizonte. E sem essa gratuidade forçada migração, nunca conseguiriam preparar a próxima versão e os trilhões de $$$ a se obter. Sacrifica-se uma versão pra preparar o tapete, se usa como experiência, se usa como ensinamento aos consumidores como foi na migração e instalações online e finalmente eles aprendem com o equipamento interno de cada computador, no reconhecimento/identificação e problemas de driver para não ocorrer tudo isso na próxima versão nada gratuita.ou estou enganado? Ou tudo isso é indício disso? Esse é o raciocínio que se levou diante tantos indícios. É claro,posso estar redondamente enganado,não sabe, mas.....

 

 

 

adicionado 0 minutos depois

OBS: se alguém tiver outra resolução sobre a gratuidade e a "forçada" da MS pra todo mundo migrar pro win10, por favor, que a explique aqui.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Desculpa, mas o texto é enorme e com muito choro.

Simples, pegue uma mídia com Windows 7 e volte para ele.

Mas fica a dica, crie uma máquina virtual com Linux, pois como o suporte ao Windows 7 foi finalizado tenha certeza que existem milhares de lammers a espera de você logar em algum internet banking com esse sistema antigo e ultrapassado.

Microsoft domina o mercado de Sistemas Operacionais e faz a regra de negócio que quiser.

Se o Windows 10 fosse essa mer da que muitos pintam seria um Windows Vista, algo que não é, o sistema é bom, o sistema é extremamente fluído e estável com um numero de drivers gigantesco. Enfim, volta pro W7.

  • Curtir 1

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Como o suporte do Win 7 se encerrou, use o Win 8.1, ao menos teria suporte.

 

Quanto a "doação" do Win10 para os usuários por parte de MS é uma combinação de fatores e estratégia. Como existem agora alguns dispositivos que podem compartilhar aplicativos, como a suite Office por exemplo, o compartilhamento se dá por meio do login da loja, semelhante ao que ocorre com o iOS. No iOS a pirataria existe, mas fica mais limitada porque o sistema adotado é bem amarrado. A MS ao meu ver tenta trazer um sistema semelhante, assim pode comercializar mais licenças baratas e por fim lucrar mais, simples assim. É uma estratégia, se vai dar certo apenas o tempo para dizer.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

O windows 10 é muito bom, concordo que o 7 era ótimo também, mas o 10 é uma junção do que veio de bom para o 8, somado as características do seven. Não tem como reclamar, ao menos nesses casos onde a fabricante não fornece drivers pra win10 para produtos mais "antigos" etc. Fora a questão de poder usa-lo como touch sem problemas. 

A Microsoft sempre "permitiu" que o windows fosse "pirateado", e é graças a isso que ela dominou o mercado de S.O.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
  • Autor do tópico
  • @Hugh Laurie Dr House:

    O texto é longo por um único motivo e muito necessário: estou enumerando os indícios, um por um e justificando todos eles para chegar a essa conclusão, ainda explicando de como eu particularmente nos meus problemas cheguei a essa conclusão (muitos aqui também podem ter passado por isso). Ou queria que num linha só fala-se: fim dos keys no win10 sem justificar? Alguns acima falam que o win10 ainda tem keys, onde se confundem com o número do registro MS e não key de ativação que é muito maior. Eu falo de key de venda onde alias, não existe em loja nenhuma win10 a venda, esse é o ponto que estou abordando, sem venda física de selo e sem key para digitar dando fim à pirataria. Nada mais que isso o que eu falo, ainda com os indícios disso, um por um acima.

     

    (eu aqui abordando longamente a gratuidade (motivos) e fim dos keys de venda pra digitação e ativação e outros me dizendo: "volta pro win7"....)

    Editado por Usuario Ocasional

    Compartilhar este post


    Link para o post
    Compartilhar em outros sites

    A Microsoft estava tentando baixar o custo para países de terceiro mundo(não teve jeito), então deve ter chegado nessa conclusão do usuário poder baixar o windows e pagar só o serial assim que der.

     

    Outra coisa foi a expectativa do windows10 estar realmente melhor agora podendo todos contribuir de certa forma em sua conclusão.

    Compartilhar este post


    Link para o post
    Compartilhar em outros sites

    Crie uma conta ou entre para comentar

    Você precisar ser um membro para fazer um comentário






    Sobre o Clube do Hardware

    No ar desde 1996, o Clube do Hardware é uma das maiores, mais antigas e mais respeitadas publicações sobre tecnologia do Brasil. Leia mais

    Direitos autorais

    Não permitimos a cópia ou reprodução do conteúdo do nosso site, fórum, newsletters e redes sociais, mesmo citando-se a fonte. Leia mais

    ×