Ir ao conteúdo
  • Comunicados

    • Gabriel Torres

      Seja um moderador do Clube do Hardware!   12-02-2016

      Prezados membros do Clube do Hardware, Está aberto o processo de seleção de novos moderadores para diversos setores ou áreas do Clube do Hardware. Os requisitos são:   Pelo menos 500 posts e um ano de cadastro; Boa frequência de participação; Ser respeitoso, cordial e educado com os demais membros; Ter bom nível de português; Ter razoável conhecimento da área em que pretende atuar; Saber trabalhar em equipe (com os moderadores, coordenadores e administradores).   Os interessados deverão enviar uma mensagem privada para o usuário @Equipe Clube do Hardware com o título "Candidato a moderador". A mensagem deverá conter respostas às perguntas abaixo:   Qual o seu nome completo? Qual sua data de nascimento? Qual sua formação/profissão? Já atuou como moderador em algo outro fórum, se sim, qual? De forma sucinta, explique o porquê de querer ser moderador do fórum e conte-nos um pouco sobre você.   OBS: Não se trata de função remunerada. Todos que fazem parte do staff são voluntários.
Entre para seguir isso  
Robert Gabriel Da Silva

BA255 Pino de Trigger

Recommended Posts

Ola pessoas, Primeiramente Feliz ano Novo a todos do Forum.

 

Eu estava a procura de um CI com 2 saidas de pulso para controlar 2 enrolamentos de um Transformador Flyback de alta tensão que estou montando, ele possui 1500R no secundário e isso impede que o primario seja qualquer pedaço de fio kkk tenho que ter um oscilador descente para 2 enrolamentos primarios oscilarem em paralelo quando 1 liga o outro desliga e isso a pelo menos 100KHz e que não tenha perda como o NE555, que ao colocar 16V no VCC dele você tem apenas 14,5V ou menos depende da discipação do NE555, no OutPut. Más mesmo que este tenha perdas o que é inevitavel pois nada trabalha de graça, eu irei utilizar uma fonte externa para os mosfets. Então após pesquisas encontrei este BA255 mas no datasheet nos 2 pinos de Trigger eles requerem um sinal oriundo de algum outro CI gerador de onda quadrada, é isso mesmo? ta certo essa parada? se for nao tem necessidade dele.... bom então analisando ele e um NE555, ( que nao quero utilizar por ter somente 1 OutPut) o trigger do NE555 é colocado o capacitor que da a frequencia do mesmo. Isso significa que se eu quiser posso colocar um capacitor nesse Trigger do BA255? Eu sei que  a frequencia é dada pelo Capacitor e pelo resistor do pino 6 e do pino 2 mas o que fazer com os 2 pinos de Trigger? alguem pode ajudar? isso ta me dando dor de cabeça kkk  

 

E antes que perguntem qual o motivo de montar um flyback desse sendo que eu poderia utilizar os já prontos de  TV antiga, eu nao quero corrente continua quero alternada e até onde eu sei esses flybacks tem diodos e alguns até capacitores dentro que fazem uma etapa de multiplicador de tensão, e o foco aqui é alternada e claro que após concluido eu irei colocalo dentro de resina epoxy ou dentro de um tanquinho de oleo a vácuo para  nao ter ar dentro, estou indeciso da melhor forma ainda.

 

datasheet http://pe2bz.philpem.me.uk/pdf on typenumber/A-C/BA236.pdf

 

Bom aguardo a resposta de vocês

 

Happy new year to all!!!

 

Robert

Editado por Robert Gabriel Da Silva

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

@Robert Gabriel Da Silva ,

 

Opa bom ano novo para você também !!!!

 

Esse CI não tem a versatilidade do 555. Ele tem internamente dois monoestáveis, e como tal, eles são acionados por um pulso positivo na entrada de Trigger.

Melhor dizendo, eles são sensíveis à borda de subida do pulso.

 

Não vai conseguir montar um oscilador com ele....

 

Paulo

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
  • Autor do tópico
  • @aphawk pois é eu estava lendo sobre isso mesmo agorinha, desanimei kkk paguei 10 conto nesse lixo kkk mesmo com ele eu teria que colocar um pump up no trigger kkk q porcaria de CI kkkk

     

    bom obrigado ai Paulo abraços

     

    Robert

    • Curtir 1

    Compartilhar este post


    Link para o post
    Compartilhar em outros sites

    @Robert Gabriel Da Silva ,

     

    Hehehe isso faz parte do aprendizado !

     

    Vou te dar uma dica : existe a versão Cmos do 555, não vai ter nenhuma perda de tensão !

     

    http://www.newtoncbraga.com.br/index.php/eletronica/52-artigos-diversos/9646-conheca-o-555-cmos-art2026

     

    TLC555 ou LMC555 ou ICM7555 .....

     

    Paulo

    Compartilhar este post


    Link para o post
    Compartilhar em outros sites
  • Autor do tópico
  • @aphawk pois é eu ja li sobre este componente TLC7555 e também vi o LM556 que tem 2 output, mas olhando para o diagrama esquemático dele percebi q o mesmo não possui independencia entre OutPuts. É isso mesmo ou eu to ficando louco?

     

    http://www.ti.com/lit/ds/symlink/lm556.pdf

     

    Pois o meu problema maior Paulo, nem é a perda e sim pois presciso de 2 osciladores que intercalam seus pulsos sacas, a perda eu compenso fazendo um estágio de amplificação com um transistor de potencia qualquer para o Gate dos Mosfets.

    Agora uma pergunta offtopic @aphawk  na hora de fazer um driver de Mosfet, como saber quando o mosfet está com o resistor limitador de corrente perfeito para ele trabalhar com maxima potencia? Eu geralmente calculo entre 1K5 e 270R vou alterando ate achar. Mas sei que tem um calculo seguindo o HFE, ate sei fazer mas como saber se o transistor esta saturando ( ate ond eu sei saturar significa q ele parou de oscilar é isso?)  d+ tornando-se apenas um interruptor liberando passagem de corrente e não esta oscilando... Tipo eu ja notei que depende da carga dele ele precisa de mais corrente para oscilar  e tal, como saber isso utilizando trafo como carga?  É ta mais complicado q parece kkk Pois até se tiver como intercalar a oscilação entre 2 NE555 o que eu acredito q seja possivel através do pino 5 dele,  acho que facilitaria muito.

     

    Compartilhar este post


    Link para o post
    Compartilhar em outros sites

    @Robert Gabriel Da Silva ,

     

    Bom, o LM556 nada mais é do que dois LM555 totalmente independentes, a saída de um deles não tem nada a ver com a saída de outro !

    Eu ainda não entendi o que você quer dizer com dois osciladores que intercalem seus pulsos.... com o LM556 você terá dois osciladores independentes, cada um com seus próprios resistores e capacitores que determinam a frequência de oscilação, e nunca haverá nenhum tipo de sincronismo entre eles.

     

    Agora, sobre o Mosfet ....

     

    MOSFET não trabalha igual a um transistor comum, não existe HFE neles.

     

    O Gate de um Mosfet possui impedância DC elevadíssima, mas possui uma certa capacitância entre o gate e o dreno, e é essa capacitância que cria problemas conforme a frequência de chaveamento aumenta !

     

    Em frequências altas, essa capacitância apresenta baixa impedância, e faz com que ocorram atrasos, tipos aqueles que existem em circuitos RC, fazendo o Mosfet demorar para conduzir e demorar para cortar ( o que é bem pior... ) .

     

    Então, usamos circuitos que entregam o sinal ao gate do Mosfet com uma impedância bem baixa, que equivale a usar um resistor bem pequeno e o efeito RC desaparece !

     

    Esses circuitos são chamados de DRIVERS.

     

    Saturar um transistor comum significa que o transistor está trabalhando fora do modo linear, e não respeita mais o HFE , isto é, mesmo se você aumentar a corrente de base, não vai aumentar a corrente de coletor. Indica que pelo coletor do transistor já está circulando o máximo de corrente possível.

     

    O problema de saturar um transistor é que quando você corta a corrente de base, ele demora bastante para cortar a corrente de coletor, e isso faz com que o circuito seja lento demais para cortar a corrente.

     

    Um driver de Mosfet que use transistores comuns trabalhando saturados é inútil, pois não vai permitir chavear em velocidades mais altas, e pode até danificar o Mosfet em casos onde se usam dois ou mais Mosfets chaveando em momentos diferentes !

     

    Eu quando precisei chavear um Mosfet de alta corrente e alta velocidade usei um CI IR2110 ou IR2104.

     

    Não sou bom em fazer circuitos de drivers.... estou meio velho para isso, prefiro usar um CI dedicado e pronto !

     

    Paulo

     

     

    Compartilhar este post


    Link para o post
    Compartilhar em outros sites
  • Autor do tópico
  • @aphawk Muito bem explicado nossa to besta kkkk e eu procurando HFe nos mosfets ve se pode kkkk mas é esse problema de efeito RC q eu devo tirar então. Entendi perfeitamente agora tudo se encaixa, mas assim, se a carga do mosfet for grande como é o caso do meu transformador tipo flyback, Como eu faria para oscilar ele ja que pelo q entendi nao é nescessario que eu utilize 2 osciladores  ( meu trafo nao tem tap central, ele tem 2 enrolamentos independentes mas se for o caso eu desmonto e refaço o primario =P ) .

     

    essa "capacitancia" entre gate e dreno como saber o valor dela e saber o resistor adequado para por em seu Gate? isso esta no datasheet?.

     

     

    Compartilhar este post


    Link para o post
    Compartilhar em outros sites

    @Robert Gabriel Da Silva ,

     

    Heheh lembra que logo nos seus primeiros posts eu te falei que tem muita coisa prá ir aprendendo e só com o tempo ia conseguir ????  Pois é kkkkk

     

    Quanto ao Flyback, olhe aqui antes :

     

    https://www.google.com/search?q=oscilador+fly-back&client=firefox-b-ab&source=lnms&também=isch&sa=X&ved=0ahUKEwib18-OrqzRAhUGFJAKHcuTBx0Q_AUICCgB&biw=1307&bih=895

     

    Repare que é raridade alguém usar um Mosfet para ele .... eu usaria algo mais fácil, com um oscilador tipo Hartley, olha que moleza :

     

    maxresdefault.jpg

     

    Sem LM555, LM556, driver de Mosfet kkkkkk

     

    Aqui no Fórum tem um post onde você pode aprender bastante coisa sobre esse assunto, tem esquemas também :

     

    Quanto à sua pergunta sobre a capacitância do Mosfet, sim, ela está detalhada no datasheet dele. Sobre o resistor, caso ele baste, você tem de fazer a conta pelo atraso de um circuito RC na frequência que você vai operar, e esse atraso tem de ser o menor possível para que essa demora não prejudique outras partes do seu circuito. Mas também tem de respeitar a carga máxima em nanoColoumbs que o Mosfet suporta ( também está no datasheet ) .  Complicadinho né ?

     

    Paulo

     

    Editado por aphawk

    Compartilhar este post


    Link para o post
    Compartilhar em outros sites
  • Autor do tópico
  • @aphawk caraca kkkk 

    4 minutos atrás, aphawk disse:

     

     

    Quanto à sua pergunta sobre a capacitância do Mosfet, sim, ela está detalhada no datasheet dele. Sobre o resistor, caso ele baste, você tem de fazer a conta pelo atraso de um circuito RC na frequência que você vai operar, e esse atraso tem de ser o menor possível para que essa demora não prejudique outras partes do seu circuito. Complicadinho né ?

     

    Paulo

     

     essa parte é moleza o problema é so achar no datasheet o valor pois nao ta especificado em portugues e geralmente é um jargão em inglês e eu so comheço o basico de inglês formar algumas frases e tal kkkk

     

    com relação ao hartley eu ja utilizei quando eu utilizava flybacks prontos. No meu caso eu montei o meu, Comprei núcleo de ferrite tipo U/I  com aperto por grampo parecido com flyback memo. ( eu so chamo de flyback pois vi em um forum q os choppers de alta tensão são chamados de flybacks.)  e  eu mesmo enrolei o trafo e ja testei basicamente e ele está funcionando, o problema mesmo é montar o oscilador dele. Pensei em utilizar um circuito simples tipo o de um joule thief, q é apenas um mosfet ou transistor e um resistor em um enrolamento com center tap, fiz e funcionou mas nao com a potencia esperada de um trafo pré calculado para 50Kv ~100Kv ou mais =P  

     

    bom vou voltar ao planejamento kkk um dia sai esse projeto e eu posto pra vocês verem o bichu kkk 

    abraços Paulo obrigado pela ajuda 

     

    Robert

    • Curtir 1

    Compartilhar este post


    Link para o post
    Compartilhar em outros sites

    Crie uma conta ou entre para comentar

    Você precisar ser um membro para fazer um comentário

    Entre para seguir isso  





    Sobre o Clube do Hardware

    No ar desde 1996, o Clube do Hardware é uma das maiores, mais antigas e mais respeitadas publicações sobre tecnologia do Brasil. Leia mais

    Direitos autorais

    Não permitimos a cópia ou reprodução do conteúdo do nosso site, fórum, newsletters e redes sociais, mesmo citando-se a fonte. Leia mais

    ×