Ir ao conteúdo
  • Comunicados

    • Gabriel Torres

      Seja um moderador do Clube do Hardware!   12-02-2016

      Prezados membros do Clube do Hardware, Está aberto o processo de seleção de novos moderadores para diversos setores ou áreas do Clube do Hardware. Os requisitos são:   Pelo menos 500 posts e um ano de cadastro; Boa frequência de participação; Ser respeitoso, cordial e educado com os demais membros; Ter bom nível de português; Ter razoável conhecimento da área em que pretende atuar; Saber trabalhar em equipe (com os moderadores, coordenadores e administradores).   Os interessados deverão enviar uma mensagem privada para o usuário @Equipe Clube do Hardware com o título "Candidato a moderador". A mensagem deverá conter respostas às perguntas abaixo:   Qual o seu nome completo? Qual sua data de nascimento? Qual sua formação/profissão? Já atuou como moderador em algo outro fórum, se sim, qual? De forma sucinta, explique o porquê de querer ser moderador do fórum e conte-nos um pouco sobre você.   OBS: Não se trata de função remunerada. Todos que fazem parte do staff são voluntários.
Ludenberg

Baterias Automotivas Prejudicam Servidores?

Recommended Posts

Senhores, Boa tarde.

 

Olá, uma dúvida simples, eu tenho em uma sala de tamanho 3x3m2. 4 servidores e 2 nobreaks, a gerência adquiriu 2 baterias automotiva externas, sendo assim coloquei todos na sala, mas minha gerente diz que as baterias automotivas soltam um tipo de vapor que pode/vai danificar as placas dos servidores, gostaria de saber se isso é realmente verdade. Porque eu nunca ouvi falar nisso. Tem em algum lugar dizendo que ou não estraga? Poque ela ta querendo fazer umas gambiarras puxando fio pra outra sala e tudo mais.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Boa tarde Ludenberg!

Acredito ser história pra boi dormir isso aí! A principal diferença entre as baterias estacionárias e as baterias automotivas está na construção interna das placas, onde uma bateria automotiva, que tem como objetivo fornecer uma grande corrente por um curto período de tempo, possui muitas placas em paralelo, porém, de espessura muito fina. Já a bateria estacionária possui maior espessura de placa, o que garante sua utilização em aplicações com longos períodos de descarga e descargas mais profundas do que uma bateria automotiva.

 

Um problema que pode ser sim agravante, é uma crosta que surge caso não tome as devidas, o famoso ZINABRE.

 

Essa crosta surge quando o cobre e as ligas que contém cobre, ficam expostos ao ar úmido e contendo gás carbônico. O metal lentamente se oxida e fica coberta por uma pátina de cor azul-esverdeada. Na bateria o zinabre é resultado da reação química de três elementos: o ácido sulfúrico, o oxigênio do ar e o metal do pólo ou do conector. Essa situação costuma piorar no inverno devido ao aumento da umidade do ar. A bateria forma o zinabre quando há uma reação química. Essa reação que ocorre quando o ácido sulfúrico do eletrólito, líquido presente no interior das baterias derrama sobre os polos e conectores. Há algumas razões para isso ocorrer como o excesso de eletrólito, porosidade do metal ou existência de espaços vazios entre a bucha e o polo da bateria. O grande problema que ocorre quando aparece o zinabre é que ele impede a condutividade da corrente elétrica, comprometendo o desempenho da bateria, causando falhas no carregamento, aquecimento dos cabos, falhas no funcionamento dos sistemas eletrônicos e falhas na partida do carro. Se não tiver cuidado, o zinabre pode se espalhar pelos componentes próximos e até existir corrosão no que estiver perto. O ideal é sempre verificar se há a existência e limpá-la o quanto antes.

 

Grande abraço!

  • Curtir 2

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Realmente não existem gases que prejudicariam o servidor, mas como foi citado as baterias são diferentes para cada uso, e por isto existem modelos diferentes (Assim como os preços)

 

Um item válido de ser citado é que as baterias estacionárias geralmente possuem maior durabilidade, sendo um dos principais motivos já citados. Lembro que vi um comparativo de baterias automotivas x estacionárias e no final o custo era similar.

  • Curtir 2

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
  • Autor do tópico
  • Pessoal, obrigado pelo desencargo de consciência, também creio que é história pra boi dormir, pois já vi tantas vezes baterias dentro das salas e tudo mais e nunca vi dizer que isso causou algum dano aos computadores.

     

    @Murilo S. Biondo @dwatashi  obrigado pela ajuda.

     

    até mais.

    • Curtir 1

    Compartilhar este post


    Link para o post
    Compartilhar em outros sites

    Sua gerente tem razão, por outros motivos: o problema é que as baterias liberam hidrogênio no processo de recarga, que é um gás inflamável, além disso em caso de um incidente com  quebra da caixa vai ocorrer vazamento da solução ácida no ambiente e isso seria extremamente danoso para o hardware e perigoso para os seres humanos. Por isso devem ficar em local próprio bem ventilado e não na sala dos equipamentos.

     

    Existe uma norma para baterias estacionárias: NBR 16404 Bateria estacionária chumbo-ácida ventilada - Requisitos de Instalação e montagem.

     

    A norma de instalações elétricas NBR 5410 trata do assunto:

    6.5.2 Bateria de acumuladores
    6.5.2.1 Acumuladores portáteis ou móveis
    A carga de acumuladores portáteis ou móveis deve ser efetuada em locais onde respingos do eletrólito e ocontato com seus vapores não sejam prejudiciais. Devem ser asseguradas uma ventilação suficiente e ainexistência de chama nas proximidades.


    6.5.2.2 Acumuladores fixos (grifo meu)
    6.5.2.2.1 Os acumuladores fixos devem ser instalados em locais de serviço elétrico ou em cubículos fechados, cujo acesso seja autorizado apenas ao pessoal de operação e manutenção.


    6.5.2.2.2 Quando a tensão nominal das baterias de acumuladores for superior a 150 V, deve ser previsto um piso de serviço não-derrapante, isolado do solo e concebido de forma que não seja possível tocar simultaneamente o solo, ou um elemento condutivo ligado ao solo, e um dos elementos da bateria.


    6.5.2.2.3 Os isolantes utilizados nas proximidades imediatas das baterias devem ser não-hidrófilos por natureza ou por tratamento.

     

     

    A norma NR 10 - Instalações e Serviços em Eletricidade também trata do assunto:

    10.2.3.9. As baterias fixas de acumuladores devem ser instaladas em locais ou compartimentos providos de piso de material resistente a ácidos e dotados de meios que permitam a exaustão dos gases. (110.021-1 / I2)

    10.2.3.9.1. Os locais ou compartimentos referidos no subitem 10.2.3.9 devem estar situados à parte do restante das instalações. (110.022-0 / I2)

    10.2.3.9.2. A instalação elétrica dos locais ou compartimentos referidos no subitem 10.2.3.9.1 devem obedecer às prescrições previstas no subitem 10.1.2. (110.023-8 / I2)

     

     

    Mas nada de gambiarras para resolver isso, é preciso fazer uma instalação adequada OU usar baterias do tipo VRLA, estas sim podem ser usadas em ambientes com seres vivos ou equipamento eletrônico.

     

    Editado por Ricardov
    correção
    • Curtir 1

    Compartilhar este post


    Link para o post
    Compartilhar em outros sites

    Crie uma conta ou entre para comentar

    Você precisar ser um membro para fazer um comentário






    Sobre o Clube do Hardware

    No ar desde 1996, o Clube do Hardware é uma das maiores, mais antigas e mais respeitadas publicações sobre tecnologia do Brasil. Leia mais

    Direitos autorais

    Não permitimos a cópia ou reprodução do conteúdo do nosso site, fórum, newsletters e redes sociais, mesmo citando-se a fonte. Leia mais

    ×