Ir ao conteúdo
  • Comunicados

    • Gabriel Torres

      Seja um moderador do Clube do Hardware!   12-02-2016

      Prezados membros do Clube do Hardware, Está aberto o processo de seleção de novos moderadores para diversos setores ou áreas do Clube do Hardware. Os requisitos são:   Pelo menos 500 posts e um ano de cadastro; Boa frequência de participação; Ser respeitoso, cordial e educado com os demais membros; Ter bom nível de português; Ter razoável conhecimento da área em que pretende atuar; Saber trabalhar em equipe (com os moderadores, coordenadores e administradores).   Os interessados deverão enviar uma mensagem privada para o usuário @Equipe Clube do Hardware com o título "Candidato a moderador". A mensagem deverá conter respostas às perguntas abaixo:   Qual o seu nome completo? Qual sua data de nascimento? Qual sua formação/profissão? Já atuou como moderador em algo outro fórum, se sim, qual? De forma sucinta, explique o porquê de querer ser moderador do fórum e conte-nos um pouco sobre você.   OBS: Não se trata de função remunerada. Todos que fazem parte do staff são voluntários.
    • DiF

      Poste seus códigos corretamente!   21-05-2016

      Prezados membros do Fórum do Clube do Hardware, O Fórum oferece um recurso chamado CODE, onde o ícone no painel do editor é  <>     O uso deste recurso é  imprescindível para uma melhor leitura, manter a organização, diferenciar de texto comum e principalmente evitar que os compiladores e IDEs acusem erro ao colar um código copiado daqui. Portanto convido-lhes para ler as instruções de como usar este recurso CODE neste tópico:  
kalarruda

Ciência da Programação

Recommended Posts

kalarruda    2

Olá pessoal,

estou com uma dúvida que espero que vocês possam muito me ajudar. Gostaria de saber de quem já atua na área de TI qual a frequência que eles pedem um diploma de curso superior nessa área pois eu já tenho diploma em Desenho Industrial mas essa área sempre foi muito complicada pra mim e eles nunca pediram diploma.

Gostaria de me voltar para a área de TI pois sempre gostei de exatas e sempre me interessei por informática.

Cheguei a fazer o primeiro período de Ciência da computação mas verifiquei (por alto) que os empregadores raramente pedem o diploma do curso e acabei trancando a faculdade e já sou velho (33 anos) e estou com um filho de 3 anos não tenho tempo a perder em um curso de duração de 4 a 5 anos.

Vale a pena MESMO fazer uma faculdade nessa área ou seria melhor um curso no Senac (ou outro curso) que é bem mais rápido e bem mais específico já que eu já possuo um diploma de curso superior?

 

Muito obrigado desde já pessoal.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
RafaelCLP    88

Não vale a pena, nem se você estivesse saindo agora do ensino médio. E não exigem diploma (ao menos não as empresas com uma equipe de TI minimamente decente). Se você tem interesse pela área, pode até começar o curso, mas mais para conhecer pessoas e ter uma visão do que o curso vai te ensinar e do que a área vai exigir de você. Já no começo procure saber toda a grade curricular, pergunte a alunos que disciplinas são mais úteis e quais são perda de tempo, fale com os professores, pesquise na internet... enfim, seja proativo, e planeje-se para estudar apenas o que te interessa, e então largar o curso! Para isso eu recomendo escolher uma universidade pública que te permita assistir aulas sem estar matriculado nas disciplinas (na minha isso vai de professor pra professor, mas também há muita liberdade para se matricular no que quiser - embora exista uma grade recomendada a ser seguida, você pode sair bastante do fluxo planejado), e então participe do que lhe interessar.

 

Esta é uma área que você tem que estar sempre se atualizando (sério, muitas tecnologias entram em desuso em menos de um ano, e muitas mais surgem no mesmo período!). A maioria das universidades estão totalmente desatualizadas, ensinando tecnologias e conceitos fora de uso há anos e não ensinando o que você acaba realmente utilizando quando vai trabalhar. É o caso da minha, embora (felizmente) existam professores nela trabalhando para mudar isso, com algum sucesso.

 

Agora, quanto a emprego, depende apenas de você. Se você pretende ser apenas mais um programador, nem entre nessa área, pois vai odiar o seu trabalho: vai acabar em uma empresa cujos "líderes" ainda têm uma mentalidade do século passado, péssimo ambiente de trabalho, baixíssimo salário, e aquele medo constante de perder o emprego.

 

Na minha opinião, computação é uma área que só compensa você entrar se gosta de estar sempre aprendendo e se atualizando; e, claro, se tem capacidade de aprender muito em pouco tempo (isso só é possível se ou você estiver muito motivado, ou já tiver bastante experiência na área). Nesse caso dificilmente vai se arrepender (só não perca 4 a 5 anos fazendo uma faculdade inútil).

  • Curtir 2

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
kalarruda    2
  • Autor do tópico
  • Postado (editado)
    12 horas atrás, RafaelCLP disse:

    Não vale a pena, nem se você estivesse saindo agora do ensino médio. E não exigem diploma (ao menos não as empresas com uma equipe de TI minimamente decente). Se você tem interesse pela área, pode até começar o curso, mas mais para conhecer pessoas e ter uma visão do que o curso vai te ensinar e do que a área vai exigir de você. Já no começo procure saber toda a grade curricular, pergunte a alunos que disciplinas são mais úteis e quais são perda de tempo, fale com os professores, pesquise na internet... enfim, seja proativo, e planeje-se para estudar apenas o que te interessa, e então largar o curso! Para isso eu recomendo escolher uma universidade pública que te permita assistir aulas sem estar matriculado nas disciplinas (na minha isso vai de professor pra professor, mas também há muita liberdade para se matricular no que quiser - embora exista uma grade recomendada a ser seguida, você pode sair bastante do fluxo planejado), e então participe do que lhe interessar.

     

    Esta é uma área que você tem que estar sempre se atualizando (sério, muitas tecnologias entram em desuso em menos de um ano, e muitas mais surgem no mesmo período!). A maioria das universidades estão totalmente desatualizadas, ensinando tecnologias e conceitos fora de uso há anos e não ensinando o que você acaba realmente utilizando quando vai trabalhar. É o caso da minha, embora (felizmente) existam professores nela trabalhando para mudar isso, com algum sucesso.

     

    Agora, quanto a emprego, depende apenas de você. Se você pretende ser apenas mais um programador, nem entre nessa área, pois vai odiar o seu trabalho: vai acabar em uma empresa cujos "líderes" ainda têm uma mentalidade do século passado, péssimo ambiente de trabalho, baixíssimo salário, e aquele medo constante de perder o emprego.

     

    Na minha opinião, computação é uma área que só compensa você entrar se gosta de estar sempre aprendendo e se atualizando; e, claro, se tem capacidade de aprender muito em pouco tempo (isso só é possível se ou você estiver muito motivado, ou já tiver bastante experiência na área). Nesse caso dificilmente vai se arrepender (só não perca 4 a 5 anos fazendo uma faculdade inútil).

    Muito Obrigado mesmo!

    estava bem ansioso com o caminho a seguir e a sua resposta me ajudou muito. Também já pesquisei em outros lugares e a maioria diz a mesma coisa.

    Editado por kalarruda
    não escrevi nada antes.

    Compartilhar este post


    Link para o post
    Compartilhar em outros sites
    RafaelCLP    88

    Só complementando, porque reli meu post e ficou ambíguo, a área de computação não é formada apenas por empresas com pensamentos retrógrados. Se você for realmente bom no que faz (e isso exige gostar da área!), vai acabar em uma empresa excelente e vai amar seu trabalho (fora os salários, acima inclusive do que um médico brasileiro ganha). Pesquise como é o ambiente de trabalho no facebook/google e startups norte americanas. Se não tiver interesse em sair do Brasil, também há algumas poucas empresas aqui seguindo pelo mesmo caminho! Inclusive trabalhei em uma assim nos últimos 3 meses (saí semana passada).

    • Curtir 1

    Compartilhar este post


    Link para o post
    Compartilhar em outros sites
    rjort_nine    15

    @kalarruda cara... eu entrei agora na faculdade e graças a algumas materias que tenho (e muitas desnecessarias) meu tempo para focar numa linguagem de programação reduziu muito... eu tambem estou "correndo contra o tempo" pois tenho 25 e como vivo debaixo do teto dos meus pais sou visto como um fracassado... nao só por eles... enfim... existem cursos otimos na Udemy que sempre tão em desconto... foca na area que voce quer atuar e mete a cara no conteudo disponibilizado na internet... aprender inglês tambem é importante caso voce não tenha muito dominio... enfim... boa sorte e tudo de melhor sempre =D

    • Curtir 2

    Compartilhar este post


    Link para o post
    Compartilhar em outros sites
    kalarruda    2
  • Autor do tópico
  • Postado (editado)

    verdade cara, tempo é a única coisa que não se dá para comprar rs.

    Já tenho inglês fluente inclusive já morei nos estados unidos por 4 meses. Mas realmente meu problema acho que foi insistir em Designer de produtos pois não tem classe para defender nem piso salarial , apesar de na área de TI também ter esse problema eu vejo um mercado muito melhor pra mim e como eu disse antes, eu tenho um filho pra sustentar, e vou tentar unir o útil ao agradável : estudar em uma área que gosto, que tem um mercado grande e como já tenho superior completo prefiro focar em um curso mas específico, mais rápido e mais barato que a faculdade. 

    obrigadão pelo comentário

    Editado por DiF
    Correção ortográfica
    • Curtir 1

    Compartilhar este post


    Link para o post
    Compartilhar em outros sites

    Crie uma conta ou entre para comentar

    Você precisar ser um membro para fazer um comentário






    Sobre o Clube do Hardware

    No ar desde 1996, o Clube do Hardware é uma das maiores, mais antigas e mais respeitadas publicações sobre tecnologia do Brasil. Leia mais

    Direitos autorais

    Não permitimos a cópia ou reprodução do conteúdo do nosso site, fórum, newsletters e redes sociais, mesmo citando-se a fonte. Leia mais

    ×