Ir ao conteúdo
  • Comunicados

    • Gabriel Torres

      Seja um moderador do Clube do Hardware!   12-02-2016

      Prezados membros do Clube do Hardware, Está aberto o processo de seleção de novos moderadores para diversos setores ou áreas do Clube do Hardware. Os requisitos são:   Pelo menos 500 posts e um ano de cadastro; Boa frequência de participação; Ser respeitoso, cordial e educado com os demais membros; Ter bom nível de português; Ter razoável conhecimento da área em que pretende atuar; Saber trabalhar em equipe (com os moderadores, coordenadores e administradores).   Os interessados deverão enviar uma mensagem privada para o usuário @Equipe Clube do Hardware com o título "Candidato a moderador". A mensagem deverá conter respostas às perguntas abaixo:   Qual o seu nome completo? Qual sua data de nascimento? Qual sua formação/profissão? Já atuou como moderador em algo outro fórum, se sim, qual? De forma sucinta, explique o porquê de querer ser moderador do fórum e conte-nos um pouco sobre você.   OBS: Não se trata de função remunerada. Todos que fazem parte do staff são voluntários.
Flavia Dutra

Boletim 1.624 – 04/07/2017

Recommended Posts

Boletim do Clube do Hardware | www.clubedohardware.com.br

Boletim 1.624 – 04/07/2017

Editado por Flavia Dutra

boletim@clubedohardware.com.br

Proibido Copiar ou Republicar - www.clubedohardware.com.br/pagina/legal

 

Índice

1. Chegou: curso de redes online do Gabriel Torres

2. Curso "Fundamentos de Ethical Hacking"

3. Toshiba desenvolve a primeira memória flash 3D com a tecnologia QLC

4. Samsung registra patente de controle magnético de mão para dispositivos VR

5. ZTE investirá mais de US$ 295 milhões por ano no desenvolvimento da rede 5G

6. Cientistas criam protótipo de telefone celular que funciona sem bateria comum

7. Samsung deve produzir baterias de estado sólido para evitar a explosão de dispositivos

 

------------------------------------------------------------

 

1. Chegou: curso de redes online do Gabriel Torres

 

Acabamos de colocar no ar o curso online "Arquitetura de redes", de Gabriel Torres, que é o primeiro de uma série. Usuários do Clube do Hardware têm um desconto exclusivo, pagando R$ 150 em vez de R$ 200. Para isso, basta usar o cupom "CLUBEDOHARDWARE". Confira e esperamos ter você como aluno!

 

O link abaixo já traz o cupom aplicado:

http://bit.ly/m1-boletim

 

[Informe publicitário, texto de responsabilidade do anunciante]

 

------------------------------------------------------------

 

2. Curso "Fundamentos de Ethical Hacking"

 

Aprenda a ser um "hacker ético", profissional responsável por executar testes de invasão para verificar a segurança de sites e redes, um mercado em franca expansão no Brasil. Um curso completo com diversos exemplos práticos. Confira!

 

http://bit.ly/curso-ethical-hacking

 

[Informe publicitário, texto de responsabilidade do anunciante]

 

------------------------------------------------------------

 

3. Toshiba desenvolve a primeira memória flash 3D com a tecnologia QLC

 

A Toshiba Memory Corporation desenvolveu a primeira memória com a tecnologia QLC (quadruple level cell), que armazena quatro bits por célula.

 

A nova memória atinge 768 GiB, possui estrutura de células empilhadas de 64 camadas e permite também um dispositivo de 1,5 TiB com arquitetura empilhada de 16 bits em um único pacote.

 

O protótipo já foi enviado a fornecedores de SSDs para avaliação desde o início de junho. Ele será exibido entre os dias 7 e 10 de agosto, no evento 2017 Flash Memory Summit, em Santa Clara, Califórnia, nos Estados Unidos.

 

Atualmente, a Toshiba Memory Corporation produz memória com 64 camadas de 256 GiB.

 

Mais informações:

http://bit.ly/2slMGgh

------------------------------------------------------------

 

4. Samsung registra patente de controle magnético de mão para dispositivos VR

 

A Samsung registrou no USPTO (United States Patent and Trademark Office) a patente de um controle magnético de mão para dispositivos de realidade virtual.

 

De acordo com o documento da patente, o controle cria um campo magnético para obter um rastreamento manual mais preciso do usuário e, com base nessa informação, repassa as diretrizes para o ambiente de realidade virtual.

 

O projeto é semelhante aos controladores do Gear VR, porém com uma alça fixada na parte de trás da mão, permitindo movimentos mais livres.

 

A empresa não revelou quando pretende colocar em prática a ideia da patente.

 

Mais informações:

http://bit.ly/2tu48Py

 

------------------------------------------------------------

 

5. ZTE investirá mais de US$ 295 milhões por ano no desenvolvimento da rede 5G

 

A companhia chinesa ZTE divulgou que duplicará investimentos de pesquisa em rede móvel 5G a partir deste ano.

 

Segundo a ZTE, serão investidos anualmente US$ 295,5 milhões em pesquisa e desenvolvimento da rede móvel de quinta geração, porém esse valor pode aumentar, visto que a China planeja lançar a 5G até 2020.

 

A China Mobile, maior operadora estatal de telecomunicações do país, já iniciou os testes na primeira estação rádio-base 5G na semana passada, na cidade de Guangzhou.

 

No momento, a ZTE possui três mil pessoas envolvidas em pesquisa e desenvolvimento da rede 5G.

 

Estados Unidos e China estão trabalhando para liderar o desenvolvimento da tecnologia 5G, que ainda não tem padrão internacional finalizado.

 

Mais informações:

http://reut.rs/2scjXXp

 

------------------------------------------------------------

 

6. Cientistas criam protótipo de telefone celular que funciona sem bateria comum

 

Os pesquisadores Vamsi Talla e Joshua Smith, da Universidade de Washington (UW), em Seattle, nos Estados Unidos, criaram o protótipo de um telefone celular que não usa baterias convencionais e transforma ondas de rádio em energia.

 

O protótipo tem tela LED que brilha quando uma tecla é pressionada, um sistema de comunicação que oferece chamadas de baixa qualidade e funciona como um walkie-talkie.

 

O dispositivo usa a técnica de retrodispersão Wi-Fi Passivo, desenvolvida por Smith, que possibilita a comunicação do dispositivo ao refletir ondas de rádio. Como essa tecnologia ainda é incapaz de gerar energia suficiente para um dispositivo móvel funcionar plenamente, os cientistas construíram um sistema analógico.  

 

Segundo os cientistas, converter fala analógica humana em sinais digitais consome muita energia.

 

Portanto, o processamento dos dados digitais vem de uma base localizada próxima ao telefone, que consome pouca energia e, por enquanto, tem alcance de apenas 15 metros.

 

No futuro, os pesquisadores pretendem melhorar o protótipo com tela E-Ink e ligações com mais qualidade e embuti-lo em antenas de transmissão de telefonia móvel, que possuem mais energia para ampliar o alcance para um raio de quilômetros de distância.

 

Mais informações:

http://bit.ly/2tZNaGp

 

------------------------------------------------------------

 

7. Samsung deve produzir baterias de estado sólido para evitar a explosão de dispositivos

 

Informações divulgadas pela imprensa sul-coreana revelaram que a fabricante Samsung SDI produzirá baterias de estado sólido com tecnologia para evitar a combustão de dispositivos, como aconteceu com diversos aparelhos Galaxy Note 7.

 

Conforme um executivo da SDI, a tecnologia só estará pronta para uso dentro de um ou dois anos e dependerá da Samsung Electronics para ser utilizada em smartphones.

 

As baterias em estado sólido substituirão aquelas feitas de íon-lítio usadas na maior parte dos smartphones e dos carros elétricos. Essas baterias são compostas por eletrólitos sólidos no lugar dos líquidos, o que diminui o risco de explosões.

 

Mais informações:

http://bit.ly/2sXGTMI

 

  • Curtir 1

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
Visitante
Este tópico está impedido de receber novos posts.





Sobre o Clube do Hardware

No ar desde 1996, o Clube do Hardware é uma das maiores, mais antigas e mais respeitadas publicações sobre tecnologia do Brasil. Leia mais

Direitos autorais

Não permitimos a cópia ou reprodução do conteúdo do nosso site, fórum, newsletters e redes sociais, mesmo citando-se a fonte. Leia mais

×