Ir ao conteúdo
  • Comunicados

    • Gabriel Torres

      Seja um moderador do Clube do Hardware!   12-02-2016

      Prezados membros do Clube do Hardware, Está aberto o processo de seleção de novos moderadores para diversos setores ou áreas do Clube do Hardware. Os requisitos são:   Pelo menos 500 posts e um ano de cadastro; Boa frequência de participação; Ser respeitoso, cordial e educado com os demais membros; Ter bom nível de português; Ter razoável conhecimento da área em que pretende atuar; Saber trabalhar em equipe (com os moderadores, coordenadores e administradores).   Os interessados deverão enviar uma mensagem privada para o usuário @Equipe Clube do Hardware com o título "Candidato a moderador". A mensagem deverá conter respostas às perguntas abaixo:   Qual o seu nome completo? Qual sua data de nascimento? Qual sua formação/profissão? Já atuou como moderador em algo outro fórum, se sim, qual? De forma sucinta, explique o porquê de querer ser moderador do fórum e conte-nos um pouco sobre você.   OBS: Não se trata de função remunerada. Todos que fazem parte do staff são voluntários.
Entre para seguir isso  
Flavia Dutra

Boletim 1.650 – 20/10/2017

Recommended Posts

Boletim 1.650 – 20/10/2017
Boletim 1.650 – 20/10/2017
Editado por Flavia Dutra
Enviado para
Proibido Copiar ou Republicar


Chegou: curso de redes online do Gabriel Torres

Acabamos de colocar no ar o curso online "Arquitetura de redes", de Gabriel Torres, que é o primeiro de uma série. Usuários do Clube do Hardware têm um desconto exclusivo, pagando R$ 150 em vez de R$ 200. Para isso, basta usar o cupom "CLUBEDOHARDWARE". Confira e esperamos ter você como aluno!

O link abaixo já traz o cupom aplicado:
http://bit.ly/m1-boletim


[Informe publicitário, texto de responsabilidade do anunciante]

 

Artigos da semana

 

Mitos do Hardware #15: produtos gamer

Tabela de codinomes dos chipsets da Intel

Teste do processador Core i7-8700K

Teste do processador Core i5-8400

Teste do processador Pentium G4600

 

WD desenvolve tecnologia de gravação magnética por micro-ondas para discos rígidos  

 

A Western Digital anunciou a nova tecnologia MAMR (sigla em inglês para gravação magnética assistida por micro-ondas) para ser utilizada em data centers que suportam aplicações de Big Data a partir do ano de 2019.

 

Segundo o inventor Jimmy Zhu, professor da Universidade Carnegie Mellon, na Pensilvânia, Estados Unidos, a tecnologia funciona a partir de um oscilador de torque giratório (spin torque oscillator), que gera um campo de micro-ondas em frequências de 20 GHz a 40 GHz. As micro-ondas permitem que os dados sejam gravados em discos rígidos com campo magnético inferior ao dos tradicionais, armazenando mais bits de informação em um mesmo espaço.

 

Com isso, a WD pretende que a MAMR atinja nos próximos quatro anos densidades de até 4 TiB por polegada quadrada e forneça discos rígidos de 40 TB ou mais de capacidade até 2025.

 

John Rydning, vice-presidente da Western Digital, comentou que a comercialização da MAMR abrirá caminho para maiores densidades de gravação e com menor custo por terabytes em disco rígido. 

 

Intel planeja lançar nova a rede neural para IA Nervana até o final de 2017

 

A Intel desenvolveu o Nervana Neural Network Processor (NNP), seu primeiro processador de rede neural voltado para inteligência artificial (IA), que deverá ser lançado ainda neste ano.

 

De acordo com a Intel, o NNP é voltado para as áreas de saúde, mídias sociais, indústria automotiva e climática. No setor de saúde, o chip usará a IA para diagnosticar em estágio inicial e com maior precisão diversas doenças e no auxílio em pesquisas sobre câncer e Mal de Parkinson. Em mídias sociais, o chip poderá segmentar precisamente os anunciantes. O NNP também ajudará no desenvolvimento de carros autônomos e em diversos fatores das previsões do clima, como velocidade do vento, temperatura da água e até mesmo no trajeto de um furacão.   

 

A Intel informou ainda que planeja ampliar gradativamente a capacidade do chip, alcançando um desempenho em IA 100 vezes maior até 2020.

 

A empresa também está trabalhando no chip neuromórfico Loihi, que imita o cérebro humano, e no Myriad X, focado em aprendizagem de máquina, bem como em um processador quântico de 17 qubits, criado em parceria com o centro de pesquisa QuTech, na Holanda.  

 

Facebook compra o aplicativo de mensagens anônimas TBH

 

O Facebook comunicou a aquisição do aplicativo de mensagens anônimas TBH (sigla para to be honest, em inglês), que funciona de forma semelhante ao Sarahah e ao Secret.

 

Conforme os fundadores do TBH, Nikita Bier, Erik Hazzard, Kyle Zaragoza e Nicolas Ducdodon, os funcionários continuarão a trabalhar de forma independente, porém mudarão para a sede do Facebook, onde terão maior suporte financeiro e auxílio de outros profissionais.

 

No TBH, os usuários respondem anonimamente perguntas de múltipla escolha (com quatro opções de respostas) sobre os amigos, recebendo os resultados das enquetes como elogios. Ele funciona através de uma sincronização com a lista de contatos, permitindo apontar os amigos que se encaixam em determinadas perguntas. 

 

Atualmente, o aplicativo, disponível apenas para o sistema operacional iOS, possui mais de cinco milhões de downloads e 2,5 milhões de usuários ativos.

 

A rede social não revelou o valor da negociação, porém rumores indicam que a compra foi por menos de US$ 100 milhões.

 

Em 2012, o Facebook comprou o Instagram por US$ 1 bilhão e em 2014 adquiriu o WhatsApp por US$ 19 bilhões.

 

Pesquisadores criam antena suspensa de ondas milimétricas para a rede 5G 

 

Pesquisadores da Universidade Estadual de Ohio, nos Estados Unidos, estão desenvolvendo uma antena suspensa para melhorar a qualidade do sinal eletromagnético em comunicações por ondas milimétricas, funcionando entre as frequências de 30 GHz a 300 GHz.

 

Os cientistas não divulgaram detalhes sobre o funcionamento da antena, mas informaram que ela ficaria presa por meio de diafragma em um pedestal, sem sofrer interferência de sua base, e seria útil para a rede 5G, que opera na faixa das ondas milimétricas.

 

Atualmente, os pesquisadores estão fabricando matrizes de antenas usando sistemas micro-eletro-mecânicos (MEMS) e o recurso de impressão 3D, com o intuito de encontrar o material que auxilie na propagação de ondas sem oferecer resistência.

 

A tecnologia com antenas suspensas poderá ser utilizada também para comunicação de curto alcance, em satélites, radares, sensores, na segurança e nas imagens médicas.

 

Não há previsão para a antena ser adotada nas redes de comunicação atuais.

 

Adobe estima atingir receita de US$ 8,7 bilhões no ano fiscal de 2018

 

A Adobe, criadora do Photoshop, entre outros programas, comunicou que estima alcançar receita de US$ 8,7 bilhões e lucro em torno de US$ 5,5 por ação no ano fiscal de 2018.

 

Segundo a empresa, a receita e o lucro maiores são esperados devido ao crescimento do negócio de computação em nuvem.

 

Além disso, a Adobe disse que está quase atingindo suas expectativas de receita e lucro para o trimestre atual, de US$ 1,95 bilhão e US$ 1,15 por ação, respectivamente.

 

Os analistas da Thomson Reuters I/B/E/S previam para a Adobe em 2018 receita de US$ 8,68 bilhões e lucro de US$ 5,21 por ação.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
Entre para seguir isso  





Sobre o Clube do Hardware

No ar desde 1996, o Clube do Hardware é uma das maiores, mais antigas e mais respeitadas publicações sobre tecnologia do Brasil. Leia mais

Direitos autorais

Não permitimos a cópia ou reprodução do conteúdo do nosso site, fórum, newsletters e redes sociais, mesmo citando-se a fonte. Leia mais

×