• Comunicados

    • Gabriel Torres

      Seja um moderador do Clube do Hardware!   13-02-2016

      Prezados membros do Clube do Hardware,

      Está aberto o processo de seleção de novos moderadores para diversos setores ou áreas do Clube do Hardware. Os requisitos são:
        Pelo menos 500 posts e um ano de cadastro; Boa frequência de participação; Ser respeitoso, cordial e educado com os demais membros; Ter bom nível de português; Ter razoável conhecimento da área em que pretende atuar; Saber trabalhar em equipe (com os moderadores, coordenadores e administradores).   Os interessados deverão enviar uma mensagem privada para o usuário @Equipe Clube do Hardware com o título "Candidato a moderador". A mensagem deverá conter respostas ao formulário abaixo:    Qual o seu nome completo? Qual sua data de nascimento? Qual sua formação/profissão? Já atuou como moderador em algo outro fórum, se sim, qual? De forma sucinta, explique o porquê de querer ser moderador do fórum e conte-nos um pouco sobre você.   OBS: Não se trata de função remunerada. Todos que fazem parte do staff são voluntários.
Entre para seguir isso  
Seguidores 0
fuhermedal

Programacao de Jogos

6 posts neste tópico

To cursando cienc. computacao 1ano, so apaixonado em jogos, e internet o que vocês acham dessas carreiras? d programador, animador, design de jogos? vale a a pena?

ou o que vocês acham melhor pra se especializar? programador? rede? internet?

opinem, valeu!! :bandeira:

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

O que for melhor pra você...

Estou em duvida se vou ser piloto real ou fazer carreida em informática... :wacko::blink:

Vamos ver no que dá né ??? :unsure:

Fui !

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Jogos é um mercado quase inexistente no Brasil, mas tendo sua própria empresa você pode tentar achar algum modelo de negócios que funcione aqui(só para dar um exemplo, a empresa que começou a licenciar sandy e junior , big brother e etc para fazer jogos toscos para um mercado leigo e casual) ou tentar exportar seu produto ou trabalho para o exterior(nesse caso você vai ter que concorrer com coisas do nivel Doom 3)..Bom eu não recomendo entrar nessa de jogos, suas possibilidades são minimas, mas se é o que realmente gosta talvez devesse tentar e se não der certo ir para outra coisa.De resto, todas as áreas tem boas oportunidades, com tecnologias especificas de cada area em alta e outras em baixa dependendo do momento, tem que estar por dentro do mercado.Escolha a area que preferir, mas evite jogos.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

De fato, escolher o mercado de jogos pode parecer uma armadilha. Mas se todos pensarem assim o mercado brasileiro sempre vai se acovardar frente as grandes corporações internacionais, perpetuando assim a imagem de país incapaz, que os Brasileiros dão a si mesmos.

Só pra dar um outro exemplo, essa mesma empresa do jogo big brother(que de fato é uma grande mer&$&) foi responsável por um jogo chamado OutLive, que eu imagino dispensa comentários(a empresa é a Continuum). E outra empresa, tambem de Curitiba, como a Continuum, lançou o MMORPG Erinia.

Claro que esses dois jogos não podem ser considerados como obras de arte, não pode-se dizer que são melhores que starcraft e Ultima online, respectivamente, mas não podem ser chamados de "jogos toscos para um mercado leigo e casual", nas palavras de megamanx.

Afinal, o outlive obteve boas notas dos críticos, inclusive no exterior, e uma empresa alemã acaba de abrir um servidor de erinia na alemanha. Pode não significar que as empresas brasileiras de jogos são as melhores, mas isso pode significar um começo. Tímido, mas ainda assim promissor.

Pode ser meio assustador pensar nos problemas que você pode enfrentar, mas se você for esforçado com certeza o mercado vai reconhecer seu talento.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Não me refiria a estes dois jogos, me refiria aos que tiveram retorno financeiro adequado, como os dois que citei.Estes dois jogos de fato são bons.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Megamanx, foi mal. É que eu interpretei mal o que você escreveu.

É que eu já estou cansado de ouvir que o mercado brasileiro de jogos é uma mer$7. O problema é que o mercado brasileiro é pequeno, enquanto o jogador brasileiro é preconceituoso. Ou as empresas daqui lançam obras-primas ou não valem nada.

Todos comparam os jogos brasileiros com os melhores jogos existentes, e os nacionais sempre vão levar a pior.

Todo mundo se esquece que existem jogos péssimos feitos em outros países. Por exemplo, o mercado americano, que lança centenas de jogos por ano, mas os jogadores daqui só sabem dos jogos bons, imaginando assim que os americanos só fazem coisas boas(nos jogos, claro). Mas é claro que os americanos também fazem porcarias. Só que isso acaba escondido pelo volume imenso de jogos que eles tem disponíveis.

Não é só porque o mercado brasileiro é pequeno que todo mundo deve fugir das softhouses brasileiras como o diabo foge da cruz. Em ultimo caso, como programação é universal, nada impede de um profissional brasileiro acabe indo trabalhar em uma grande empresa do setor, no exterior.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Crie uma conta ou entre para comentar

Você precisar ser um membro para fazer um comentário

Criar uma conta

Crie uma nova conta em nossa comunidade. É fácil!


Crie uma nova conta

Entrar

Já tem uma conta? Faça o login.


Entrar agora
Entre para seguir isso  
Seguidores 0