• Comunicados

    • Gabriel Torres

      Seja um moderador do Clube do Hardware!   13-02-2016

      Prezados membros do Clube do Hardware,

      Está aberto o processo de seleção de novos moderadores para diversos setores ou áreas do Clube do Hardware. Os requisitos são:
        Pelo menos 500 posts e um ano de cadastro; Boa frequência de participação; Ser respeitoso, cordial e educado com os demais membros; Ter bom nível de português; Ter razoável conhecimento da área em que pretende atuar; Saber trabalhar em equipe (com os moderadores, coordenadores e administradores).   Os interessados deverão enviar uma mensagem privada para o usuário @Equipe Clube do Hardware com o título "Candidato a moderador". A mensagem deverá conter respostas ao formulário abaixo:    Qual o seu nome completo? Qual sua data de nascimento? Qual sua formação/profissão? Já atuou como moderador em algo outro fórum, se sim, qual? De forma sucinta, explique o porquê de querer ser moderador do fórum e conte-nos um pouco sobre você.   OBS: Não se trata de função remunerada. Todos que fazem parte do staff são voluntários.
hguizan

Fase e Neutro

19 posts neste tópico

Trabalho em uma empresa no setor de informatica, e recentemente aconteceu de 02 fontes de micro queimarem(mesmo micro) e um outro micro queimou uma placa de video Gforce4, testei as tomadas com um voltimetro e verifiquei que neutro e fase estavam invertidos(todas as tomadas tem aterramento). Pode ter sido este o motivo? Se foi isto, alguem pode me explicar tecnicamente o que acontece quando se inverte as polaridades?

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Imagine o que ocorre nessa situação.

Vamos considerar que a ligação até o PC, tenha o seguinte:

Tomada, Filtro de linha, nobreak(ou estabilizador), fonte do PC. Em cada um dos ítens citados, existe uma polaridade padrão. Os fabricantes fazem seus produtos atendendo a este padrão. Ao inverter essa ligação, acaba-se tornando um circuito com "caminhos" para os quais os equipamentos não foram projetados ou não estão perfeitamente adequados.

Lembre-se que um filtro de linha tem componentes encarregados de desviar para o "terra", sinais expúrios na alimentação que por ele passa. Nos demais equipamentos, também serão encontrados alguns tipos de filtros, atenuadores, etc. Quando se inverte as polaridades citadas por você, o caminho correto para os sinais citados é truncado ou "cruzado" e os distúrbios podem aparecer, causando mal funcionamento geral. Pode haver queima de algum componente mais sensível e até pequenos choques podem ser sentidos nas carcaças dos equipamentos, mesmo o aterramento estando presente.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

sei lá viw galera... porque eu uso meu pc ligado num estabilizador com o pino terra arrancado (isso quer dizer, você pode colocar como quiser, invertido ou não)

eu sempre fiz iossuh

e em 5 anos q uso esse pc nunca queimou nda

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Saudações a todos,

Nesses circuitos que trabalham com a tensão analógica da rede, o que importa realmente não é a tensão entre os dois pontos (fase e neutro, no caso do 110V)?

Uma inversão entre fase e neutro não alteraria a tensão entre eles, então eu gostaria de saber em que isso prejudica o funcionamento dos equipamentos mencionados.

Obrigado,

Tranzorb.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Agora que você mencionou isto parece que faz sentido que alguns aparelhos como uma filmadora e impressora daqui têm uma das pontas do pugle uma pouco maior (mais larga) e no estabilizados também tem um lado mais estreito que o outro. Será que tem a ver? Outros aparelhos já não têm isso.

Mas MEIRANETO explicou muito bem. Mas isso ocorre somente em aparelhos sensíveis?

Nenhum aparelho meu queimou e as tomadas daqui nem sei se estão certas. Duas até mesmo eu que fiz :unsure: . Até raspei o pugle da filmadora para entrar em todas as tomadas, pois tem algumas que ele não entrava. Será que tive sorte ou ela não é tão sensível?

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Uma explicação meia tosca, mas aí vai:

se não existisse problemas ou qqer outra coisa em inveter polos, então porque averia um padrão?

claro que deve haver um porque e conseguencias, por exemplo, eu nunca usei terra, em 5 anos, nada aconteceu, meu vizinho em 2 semanas queimou a fonte por falta deterra... Vai da sorte, etc...

Aí segue o padrão das tomadas pra micro

neutro faze

terra

É assim que se conecta essas tomadas de tres pinos, e os aparelhos são feitos pra trabalhar assim!

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Olá pessoal,

Inverter a polaridade da tensão de alimentação de qualquer equipamento pode, muitas vezes, trazer conseqüências desagradáveis e até irreversíveis.

Porém, considerando-se que a tensão da rede é alternada, e que uma tensão ser alternada implica em ela não ter polaridade definida, é de se esperar que a explicação para eventuais problemas na inversão seja outra que não o problema de polaridades invertidas.

Vejo importância numa padronização para os casos em que se usa o neutro como terra. Isso não é aceito pela ABNT mas dizem que funciona. Um perigo em não se respeitar a padronização é o de alguém, desprovido de uma chave teste ou voltímetro para distingüir neutro e fase, acabe ligando o terra de um equipamento na fase, fazendo um equipamento "explodir", como relatado nesta página.

Nas tomadas americanas, o pino do neutro é mais grosso que o da fase justamente para impedir a inversão.

Entendo que é realmente importante respeitar a pradonização e que ela tem motivos para existir, mas estou buscando, além de conseqüências da inversão, explicações técnicas para os problemas dela decorrentes.

Estou tentando encontrar informações relacionadas. Encontrando-as, posto um link para os colegas e espero que, caso alguém encontre outras, postem também para nós.

neste link há informações sobre otimização de sistemas de áudio. Ele fala sobre conseqüências da inversão nesses equipamentos. Se alguém ler, observar o circuito e compreender bem o que a inversão está provocando de ruim, por favor me comunique, pois eu não achei satisfatória a explicação.

Obrigado a todos pela contribuição ao tópico!,

Tranzorb.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Porém, considerando-se que a tensão da rede é alternada, e que uma tensão ser alternada implica em ela não ter polaridade definida, é de se esperar que a explicação para eventuais problemas na inversão seja outra que não o problema de polaridades invertidas.

Está equivocado, existe aparelhos que só trabalham de acordo com regra da ABNT, falo isso por que sou formado em Elétrica e estou fazendo Eletrônica.

Pelo que aprendi, a regra é N F T.

Pino da esquerda = Neutro

Pino da direita = Fase

Terceiro pino = Terra

Alguns aparelhos só funcionam assim.Muito raro, raríssimo aqui no Brasil.Mas existem.

Apesar de ser uma corrente alternada, a uma diferença de potencial entre o fase e o neutro.Se não você poderia juntar os dois tranquilamente que não iria acontecer nada.Mas não se pode por isso.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Saudações,

Primeiramente, como mencionei no meu post, sei que essa inversão pode causar problemas. Que há equipamentos que não funcionam com a inversão eu não sabia, mas, de qualquer forma, não estou dizendo que a inversão não traz nenhuma conseqüência. Estou dizendo que falta aqui uma explicação mais plausível pois

uma tensão ser alternada implica em ela não ter polaridade definida

O que se está dizendo é que os problemas são decorrentes de uma inversão de polaridade. Não são. Vou procurar mais informações e as trarei ao fórum se as encontrar, e gostaria que os colegas contribuíssem dessa forma também.

Apesar de ser uma corrente alternada, a uma diferença de potencial entre o fase e o neutro.Se não você poderia juntar os dois tranquilamente que não iria acontecer nada.Mas não se pode por isso.

Se não houvesse diferença de potencial - tensão - entre fase e neutro, nossas tomadas não passariam de buraquinhos na parede. Sua menção é válida, mas não entendo em que ela me contraria.

Espero estar colaborando,

Tranzorb.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

O problema aqui é que muitos colegas acham que simplificando, tudo é resolvido e entendido!

Tensão alternada tem polaridade sim! Quando se analisa um circuito em CA, é feito um modelo com polaridade...instantaneamente.

Vejam um exemplo de um transformador. Pegando-se um esquema elétrico, pode-se notar que a polaridade está indicada. Os enrolamentos das bobinas têm início e fim e a ordem ou sentido como são enrolados influencia. Por isso, mesmo sendo CA, é preciso conhecer sobre a polaridade.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Saudações a todos,

Desculpem-me a insistência quanto à questão das polaridades em corrente alternada.

1. Permitam-me transcrever um pequeno trecho de um dos meus livros favoritos, "O ABC da Eletricidade":

%7Boption%7Dhttp://img184.exs.cx/img184/2893/senoide3ff.gif' border='0' alt='' />

"Observe que a polaridade não se inverte nos pontos B ou D. Esses são apenas os pontos de maior potencial, positivo e negativo, respectivamente. Os pontos de Inversão de Polaridade são A, C e E."

----------

2. Realmente, na análise de circuitos analógicos, estuda-se a corrente como se ela caminhasse num mesmo sentido, ou seja, como se ela tivesse uma única polaridade. No entanto, essa é uma técnica de análise. Poder-se-ia usar modelos matemáticos mais complexos, que demonstrassem a ação da corrente em seus dois sentidos no circuito. No entanto, a primeira forma é uma simplificação válida. Aprendi isso em meu curso técnico em eletrônica.

----------

3. Quanto à questão dos enrolamentos em transformadores:

%7Boption%7Dhttp://img191.exs.cx/img191/2852/trafo6rx.gif' border='0' alt='' />

As pintas servem para indicar o seguinte:

- Quando estiver entrando corrente por P1, o campo magnético no secundário induzirá uma corrente no sentido S1->S2.

- Quando estiver saindo corrente de P1, ou se a mesma cessar, a corrente induzida no secundário terá sentido S2->S1.

O sentido ou ordem como são enroladas as espiras não apenas influencia, mas determina as coisas, como mencionou acertadamente MEIRANETO. Mas isso não quer dizer que o sentido da corrente manter-se-á o mesmo durante todo o processo. Eu desenho circuitos profissionalmente e também por hobby, e enrolo transformadores.

Estive buscando informações acerca de tudo isso, porém não as encontrei e não tenho tido tempo.

Espero que as explicações e citações que fiz possam justificar o que eu disse até agora. Que, em corrente alternada, não há polaridade definida. Não vou mais insistir nisso.

Não estou aqui querendo convencer ninguém por meio de retórica, nem por insistência. Espero que a "polêmica" instaurada aqui instigue a curiosidade dos colegas para que busquem a verdade por si próprios.

Obrigado a todos,

Tranzorb.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

(Falem c eu estive errado). C a tensão é alternada consequentimente o q é faze agora vai ser neutro daqui a pouco, então tanto faz como você ligar o aterramento é só pro gabinete não t dar choque e evitar estatica.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
Se não houvesse diferença de potencial - tensão - entre fase e neutro, nossas tomadas não passariam de buraquinhos na parede. Sua menção é válida, mas não entendo em que ela me contraria.

Não quero te contrariar, eu quero dizer que fase e neutro não tem grandezas elétricas iguais.Pois se tivessem não aconteceria o "curto-circuito" quando ambos são juntados.Portanto a inversão em alguns aparelhos pode fazer diferença! :joia:

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Eu recomendaria você fazer o seguinte:

Depois de colocar os pólos nos lugares corretos

Negativo%7Boption%7Dhttp://www.proinfo.es.gov.br/adequacao/fig05.jpg' border='0' alt='' />Positivo

neutro

Teste de Aterramento:

Fase e neutro - fase e terra deve ser igual ou menor que 2

Ex:

Fase e Neutro = 220

Fase e Terra = 218

220 - 218 = 2

Depois disso você testa as tenções da fonte, cada cor é uma tensão diferente, você pode ter alterado as tenções da fonte consequentemente queimado partes sensiveis.

se não souber o qual a tensão de cada fio avisa que eu posto. beleza

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Em toda instalação residencial o neutro deve ser aterrado na caixa de entrada da residência.

Isto implica que o neutro É um terra também.

Costuma-se, inclusive, ligar o terra de chuveiros ao neutro.

O objetivo do terra é neutralizar excedentes elétricos.

Tem-se então, numa tomada, uma referência, chamada de neutro, um sinal oscilante a 60Hz chamado fase e um aterrador chamado terra.

Lembro que notebooks até hoje vem com 2 pinos e nem por isto queimam.

Em qualquer fonte CA/CC utiliza-se a retificação para polarizar o sinal. E só após a retificação pode-se mensurar o conceito de polarização. Para o circuito retificador tanto faz receber o sinal oscilando num pino ou em outro.

Desta forma, entendo que os micros mencionados tenham queimado por um espúrio na rede, 2 ou 3 máquinas não queimam juntas por um motivo destes (até pergunto: havia uma impressora ou um hub no mesmo disjuntor que não tenha queimado?).

Já aconteceu de cair um raio no edifício em que moro e as TVs de 4 aptos terem queimado, mais meu VHS.

O que pode ter acontecido é o circuito de segurança não ter atuado numa sobretensão indevida de entrada.

Era isto,

suetam

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

A energia residencial são do tipo alternada ou seja não tem polaridade porém o circuito eletrônico é polarizado positivo e negativo o que pode acontecer é o neutro se transformar em uma segunda fase assim a tomada de 110 v passa a 220 v isto acontece quando o neutro se desconecta com a fonte por mal contato provocado por diversas razões quanto ao fio terra ele não é ligado ao circuito eletrico ele vai direto a astes de aterramento. OK.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

A inversão dos pólos não afeta os aparelhos atuais.

A fonte de alimantação dos aparelhos atuais vão retificar esta tensão alternada,não importando a entrada.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
Trabalho em uma empresa no setor de informatica, e recentemente aconteceu de 02 fontes de micro queimarem(mesmo micro) e um outro micro queimou uma placa de video Gforce4, testei as tomadas com um voltimetro e verifiquei que neutro e fase estavam invertidos(todas as tomadas tem aterramento). Pode ter sido este o motivo? Se foi isto, alguem pode me explicar tecnicamente o que acontece quando se inverte as polaridades?

nos circuitos eletronicos existem sitemas para polarizar correntes exedentes a um ponto gnd o mesmo deve ser polarizado a um sitema de aterramento se você inverter a polarização da tomada a energia reativa exdente da malha da alimentação vai esta polarizando em cima do ponto gnf do seu circuito e com isso inpondo uma ddp entre os pontos ou posiveis diodos de polarização , o que acontece que com a isolação dos componentes do circuito que com uma posivel baixa isolação possa almentat ainda mais esta ddp , faça um teste inverta as tomadas e teste a dddp do neutro da saida da fonte em relaçaõ ao terra , você vera que com a polaridade invertida na tomada a ddp vai ser maior porque as polarizaçoes de correntes reativas ecedentes não estão sendo polarizadas pelos diodos e sequencias correspondentes assim quendo um micro ou equipamento ligado em paralelo ao seu circuito descarregar qualquer corrente de curto poderá aumentar a tensão ainda mais do seu gnd em relação a a sua polarização inversa ai a rigidez dieletrica de isolação dos componentes podem não aguentar e se romper proporcionando curtos e e rompimentos!!!quendo falra neutro e sua fase tiver aterrada vai ser pior ainda pois toda malja da rede poderá polarizar o neutro ao terra por dentro da sua maquina por isso se você tiver o terceiro pino o terra se certifique que o neutro esta na polarização correta em relação a carcaça gnd

A energia residencial são do tipo alternada ou seja não tem polaridade porém o circuito eletrônico é polarizado positivo e negativo o que pode acontecer é o neutro se transformar em uma segunda fase assim a tomada de 110 v passa a 220 v isto acontece quando o neutro se desconecta com a fonte por mal contato provocado por diversas razões quanto ao fio terra ele não é ligado ao circuito eletrico ele vai direto a astes de aterramento. OK.

o que acontece tambem que no determinado instante de uma falta de energia naturalmente a energia reativa que e defasada se descarrega pelo neutro no entanto se sua fase não estuver polarizada ela pode se alimentar desa energia e dependendo de como for a frequencia;( segundo a lei de lens) muitos componentes não suportarão as grandezas fizicas as quais foram submetidas tipo frequencias ddps e correntes instantaneas ja que as frequencias assincronas promoverão picos de tensão nos secundarios dos trafos muito elevados em certos casos exempro de quando existem curto de duas fases e neutro onde as frequencias pode entrar num estado de desincronismo de 45 graus e chegar a dobrar a frequencia e assim diminuindo o tempo instantaneo de pico de corrente induzida!!

A inversão dos pólos não afeta os aparelhos atuais.

A fonte de alimantação dos aparelhos atuais vão retificar esta tensão alternada,não importando a entrada.

o que acontece nesses casos e qe a frequencia vai aumentar nos primario e assim a tensão tera picos instantaneso alticimos no secundario onde a isolação dieletrica de certos componentes não guentara por isso se os circuitos de polarização de energia reativas não tiverem polarizados corretamente no gnd e consequente mente no fio terra babau queimouse tudo as vezes o curto e em outro periferico que esta polarizado em sua maquina !!!e a mesma despolarizada como uma impressora ou um monitor!!!

A inversão dos pólos não afeta os aparelhos atuais.

A fonte de alimantação dos aparelhos atuais vão retificar esta tensão alternada,não importando a entrada.

capacitores eletroliticos são estremamente exigentes quanto a sua polarização

A energia residencial são do tipo alternada ou seja não tem polaridade porém o circuito eletrônico é polarizado positivo e negativo o que pode acontecer é o neutro se transformar em uma segunda fase assim a tomada de 110 v passa a 220 v isto acontece quando o neutro se desconecta com a fonte por mal contato provocado por diversas razões quanto ao fio terra ele não é ligado ao circuito eletrico ele vai direto a astes de aterramento. OK.

capacitores eletroliticos são estremamente exigentes quanto a sua polarização

Editado por Bcpetronzio
Unir Post seguidos em menos de 24 horas, use a opção Editar

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Capacitores eletrolíticos ,neste caso,não trabalham com tensão alternada,a inversão dos pinos só altera algo até antes da ponte retificadora,isto é,bem antes dos capacitores...

As fontes chaveadas,como as dos Pcs,tem sua frequencia de chaveamento do secundario controlador por circuitos especias independentemente da entrada AC.

O secundário das fontes chaveadas são isolados do primario.

Editado por vtrx

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Crie uma conta ou entre para comentar

Você precisar ser um membro para fazer um comentário

Criar uma conta

Crie uma nova conta em nossa comunidade. É fácil!


Crie uma nova conta

Entrar

Já tem uma conta? Faça o login.


Entrar agora