• Comunicados

    • Gabriel Torres

      Seja um moderador do Clube do Hardware!   13-02-2016

      Prezados membros do Clube do Hardware,

      Está aberto o processo de seleção de novos moderadores para diversos setores ou áreas do Clube do Hardware. Os requisitos são:
        Pelo menos 500 posts e um ano de cadastro; Boa frequência de participação; Ser respeitoso, cordial e educado com os demais membros; Ter bom nível de português; Ter razoável conhecimento da área em que pretende atuar; Saber trabalhar em equipe (com os moderadores, coordenadores e administradores).   Os interessados deverão enviar uma mensagem privada para o usuário @Equipe Clube do Hardware com o título "Candidato a moderador". A mensagem deverá conter respostas ao formulário abaixo:    Qual o seu nome completo? Qual sua data de nascimento? Qual sua formação/profissão? Já atuou como moderador em algo outro fórum, se sim, qual? De forma sucinta, explique o porquê de querer ser moderador do fórum e conte-nos um pouco sobre você.   OBS: Não se trata de função remunerada. Todos que fazem parte do staff são voluntários.
Entre para seguir isso  
Seguidores 0
jocgon

Computador popular deve chegar ao mercado em março

15 posts neste tópico

Repasso a seguir uma notícia dada no

Folha Online Informática de 21/01/2005 - 00h50

[http://www1.folha.uol.com.br/folha/informatica/ult124u17873.shtml]

Computador popular deve chegar ao mercado em março, estima governo

PATRICIA ZIMMERMANN

da Folha Online, em Brasília

O governo pretende lançar até março deste ano, junto com a volta às aulas, o "PC Conectado", programa de inclusão digital que deverá facilitar o acesso à internet para a população da classe C, que corresponde hoje a um universo de 7 milhões de domicílios em todo o país. O programa será apresentado ao presidente Luiz Inácio Lula da Silva na próxima terça-feira.

O Ministério das Comunicações fechou com as concessionárias de telefonia fixa local Telemar, Telefônica e Brasil Telecom acordo de preço para a conexão desses novos usuários. As empresas pretendiam cobrar R$ 9,90 por 20 horas mensais de conexão (dez em horário comercial e dez em outros horários), mas acabaram aceitando a proposta do governo de R$ 5 por 15 horas de conexão por mês, em qualquer horário, valor que irá vigorar pelo menos nos dois primeiros anos do programa.

Considerando os impostos incidentes sobre o serviço, o custo da conexão para o "PC Conectado" ficará em torno de R$ 7,50. A questão tributária não está sendo discutida na elaboração do programa.

Os usuários do "PC Conectado" poderão escolher livremente os provedores de acesso à internet. A proposta em discussão é que os provedores que aderirem ao programa tenham direito a um repasse de 15% da receita com o tráfego de internet obtida pelas operadores de telefonia --hoje, para o tráfego normal, os provedores têm acordo com as operadoras para receber 20%.

Caso os usuários do "PC Conectado" ultrapassem as 15 horas do programa, eles passam a pagar os minutos extras de acordo com a tarifa normal de conexão e os provedores, então, voltam a ter direito aos 20%.

A princípio, as tarifas "PC Conectado" serão válidas apenas para os novos usuários de internet que adquirirem os computadores dentro do programa. Mas as operadoras poderão, caso tenham interesse, estender o plano alternativo para outros usuários da classe C que já possuem computador, mas que não acessam a internet por causa dos valores praticados no mercado.

Hoje as empresas cobram por 15 horas mensais de conexão em horário comercial cerca de R$ 20. O internauta brasileiro fica, em média, 13h30 conectado por mês, uma das taxas mais altas do mundo.

Computador subsidiado

O custo dos computadores deverá ficar em torno de R$ 1.400, valor que deverá ser dividido em 24 ou 30 meses com juros inferiores a 2% ao mês, com parcelas próximas de R$ 50.

A compra desses equipamentos, que deverão ter configuração de alta performance a ser definida pelos ministérios de Ciência e Tecnologia e do Desenvolvimento, será subsidiada pelo governo, que irá utilizar recursos do Tesouro para reduzir o custo do acesso para 1 milhão de novos usuários ainda neste ano.

O crédito do governo deverá ficar entre R$ 250 e R$ 300, aplicados necessariamente em hardware e software. Mas a forma de utilização desses recursos ainda não está fechada.

A proposta do governo é atender 7 milhões de domicílios no prazo de três anos. A ideia é criar um mecanismo rápido de informações para enquadramento dos interessados no programa. Técnicos do governo garantem que não haverá burocracia para o cadastro dos usuários, talvez apenas uma consulta à Receita Federal sobre a situação financeira do candidato ao programa.

Além de pessoas físicas da classe C (com renda familiar entre 5 e 10 salários mínimos), o programa também poderá ser utilizado por micro e pequenas empresas. O governo estima que cerca de 1 milhão dessas empresas poderiam ser beneficiadas com o programa.

Hoje apenas 20% da população da classe C possui um computador, e desse universo, apenas 12% já se conectou à internet.

O governo também pretende aproveitar o programa "PC Conectado" para promover o desenvolvimento de tecnologia nacional, o que seria possível principalmente com a utilização de software livre. Mas essa questão ainda não está fechada.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

que beleza, acho que finalmente o Brasil pensou em alguma coisa que preste, a fonte de otimismos(Lula), parece falar a verdade quando se refrere a projetos, e agora o governo, só precisa desse aval do presidente, e algum planejamento, pra jogar muita gente nova na rede, eu acho que cabe também aos grandes portais patrocinarem, porque isso, é uma grande guia pra muitos possivelmente fazerem compras online, ou visitarem sites como UOL, Terra, cidade internet, google, yahoo.. entre outros, essa é minha opinião.

Brasil crescendo.

:bandeira:

Abraços,

OzzY

[]´s

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

R$1400,00? Não resolveu muita coisa.Ainda será mais vantajoso até pra classe baixa comprar um micro no paralelo.Qual vai ser a configuração desse micro do governo?

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Ridículo. O Brasil tem problemas que são prioritários e mais importantes do que esmolas para suposta inclusão digital. Isso está parecendo mais esquema para algumas pessoas ganharem dinheiro com peças super-faturadas como M810 por R$600,00...

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Ai satoru, procura um psicologo... pra ti tudo é ruim... todo o topico q eu entro tu ta falando mal de alguma coisa...

Eu acho uma iniciativa interasante, visto q logo tudo vai ser informatizado.... agora quanto ao preço, o governo não pode comprar as coisas no paraguai....

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
Postado Originalmente por miguelittus@23 jan 2005, 12:32

Ai satoru, procura um psicologo... pra ti tudo é ruim... todo o topico q eu entro tu ta falando mal de alguma coisa...

Olá!

ahhahahahahaha! Que pessimismo, hein? Mas tenho que concordar com o Satoru.

1º. Um computador com o custo de R$1400 com uma configuração avançada (Vídeo em 256/256, 1gbRam, Hd 120gb Sata, placa-mãe Abit nforce4, Athlon64 3200, Gabinete 4baias, Monitor 17" LCD, Gravador de DVD, Drive Cd, Gravador de Cd e Drive de DVD, Cooler Tt 12, Sound Blaster e Conjunto 5.1) ficaria barato, não? Mas para uma pessoa que ganha salário mínimo e vai ficar pagando esse equipamento durante 2 anos ou mais, não terá condição alguma de fazer um upgrade. E aí vai ficar com um equipamento relativamente velho e encalhado dentro de casa.

E quanto a o acesso à internet o usuário vai ter uma média de 30 min de acesso por dia à Web. Como diz aquele cara do Casseta e Planeta: "Que Maraviiiilha..."

Abraços e T+! :joia:

- Dan Schübart -

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Existia um projeto , acho que era da universidade de Minas, que consistia num processador 900Mhz ( acho que era um Cyrix melhorado) , todo onboard, Hd 20Gb , leitor de dvd, 256Mb e tinha como software o Kurumim.

Bem se formos pensar nos R$ 1400,00 reais , só na licença do Windows vai um bocado e no monitor mais um monte , ah grande possibilidade de ser algum projeto parecido.

A grande vantagem será o estilo casas Bahia, 90% dos brasileiros gostam desse tipo de compra eu prefiro comprar à vista, ou seja, uma parcela mínima ( nesse caso na faixa de R$ 50,00) durante uns 2 anos por exemplo.

Mas vamos aguardar mais informações.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
Bem se formos pensar nos R$ 1400,00 reais , só na licença do Windows vai um bocado e no monitor mais um monte , ah grande possibilidade de ser algum projeto parecido.
Me parece que o projeto do governo é instalar o linux nesses micros.Esse valor seria mesmo mais pro hardware,o que é muito estranho,se formos levar em conta um projeto subsidiado.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Fracamente satoru, se você se lamenta por ter nascido no Brasil, vá trabalhar e mude de país, eu gosto do Brasil, mesmo não devendo, por causa de preços e taqxas alfandegárias. mas e gosto, é um país de gente animada,país do carnaval, que apesar de eu não gostar muito, todos os gringos vem pra ká e além de tudo é uma país em crescimento que não teve ajuda de nenhuma país mesmo do mercosul, sempre acaba se ferrando com os países 'mercosulentos'.E você aí nesse pessimismo. Peças super faturadas? o governo ganharia o que se aliando à pc chips?: crítica de bilhões de técnicos no país? e outra mesmo que fosse intel, pc chips e vga, ém 300 vezes.. surgiria muito mais nivel na internet, muito mais acessivel.. imagina se você fosse pobre e n tivesse computador, e soubesse disso, aposto que seu 'mau humor' seria convertido pra esperança, de um futuro melhor.. de um futuro, na informática, isso é o que eu acho, e acho que você acha errado..

[]´s OzzY

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Caramba como tem gente pessimista por aqui.

Vamos ao fatos:

1- Vivemos num país pobre, que precisa conhecer a tecnologia, muito deferente de milhões de pessoas do forum que só querem um computador para atingir 5 milhões de FPS no DOOM3. Essas pessoas que comprar esses computadores só vão entrar na internet, o que não requer um bom PC.

2- Diferente de muitos de nós daqui do fórum, que devemos dar graças à deus por termos condições de comprar um bom PC. Essas pessoas as vezes ganham 300 ou 400 reais por mes, e merecem conhecer a tecnologia, então só podem pagar 50 reais no mes, e ainda tem gente que abre a boca pra falar a besteira que isso é uma esmola.

Satoru, se você não gosta do país vá para os EUA que são os ricos os inteligentes, deixe nós idiotas brasileiros aqui acreditando nesse sonho que é o nosso país.

É um sonho sim, um sonho de ser um país rico e muito avançado, porém é um sonho possível, e se depender de pessoas como eu e como a maioria dos amigos daqui do fórum que são diferentes de você, que só fala mal e nada faz para melhorar a situação do nosso país.

Se depender de pessoas como nos que acreditamos num grande país,o Brasil será um grande país.

Isso foi um dessabafo, não só ao Satoru, mas a todos que só sabem reclamar e nada fazem paramelhorar a situação do nosso país.

Se o moderador achar justo apague o post, mas se concordar comigo, deixe-o paraque outros colegas do forum comentem.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
Postado Originalmente por miguelittus@23 jan 2005, 12:32

Ai satoru, procura um psicologo... pra ti tudo é ruim... todo o topico q eu entro tu ta falando mal de alguma coisa...

Eu acho uma iniciativa interasante, visto q logo tudo vai ser informatizado.... agora quanto ao preço, o governo não pode comprar as coisas no paraguai....

Reclamo do que está errado no meu ponto de vista, se isso está ótimo para você, é questão de opinião. Mas em questão de procurar psicólogo, aí este é o seu caso, pois eu não digo para as pessoas procurarem um quando eu discordo da opinião delas. Se você não respeita o pensamento alheio, acho que vai aprender da forma mais difícil.

Agora me diz como as pessoas que são visadas por este programa irão comprar um computador desses, se a maioria mal tem dinheiro para comer ?? Ou outro tanto está desempregado.

E você mesmo dizendo que o governo não irá comprar as peças do Paraguai, então me diga ONDE ele irá montar um computador por este valor. Mesmo que comprasse lotes aos milhões, não pode sair por esste preço.

Fracamente satoru, se você se lamenta por ter nascido no Brasil, vá trabalhar e mude de país, eu gosto do Brasil, mesmo não devendo, por causa de preços e taqxas alfandegárias. mas e gosto, é um país de gente animada,país do carnaval, que apesar de eu não gostar muito, todos os gringos vem pra ká e além de tudo é uma país em crescimento que não teve ajuda de nenhuma país mesmo do mercosul, sempre acaba se ferrando com os países 'mercosulentos'.E você aí nesse pessimismo. Peças super faturadas? o governo ganharia o que se aliando à pc chips?: crítica de bilhões de técnicos no país? e outra mesmo que fosse intel, pc chips e vga, ém 300 vezes.. surgiria muito mais nivel na internet, muito mais acessivel.. imagina se você fosse pobre e n tivesse computador, e soubesse disso, aposto que seu 'mau humor' seria convertido pra esperança, de um futuro melhor.. de um futuro, na informática, isso é o que eu acho, e acho que você acha errado..

Acho que respeito é bom. Eu nunca coloquei palavras no post de ninguém. Me mostre onde eu disse que lamento ter nascido no Brasil. Trabalhar em outro país eu vou mesmo. Dia 29 estou indo trabalhar no Japão, mas não pretendo mudar para lá. Aqui é o meu país e pretendo fixar raízes aqui, mas eu sou obrigado a aceitar e achar maravilhoso coisas que eu não acho. Se não me engano, aqui eu ainda tenho o direito de expressar a minha opinião. Se você não a respeita, então é você quem deve lamentar isso.

Você acha que o governo ganha alguma coisa ou leva alguma vantagem quando compra um afinete sequer ??? Você não deve se lembrar do esquema dos remédios não é ??? E olha que saiu a pouco tempo. Alguém foi punido ou exonerado ??

Você não faz a mínima ideia também do que é ser pobre não é ?? Quando dá uma enchente e ela leva tudo pro ralo, você acha que algum deles vai se preocupar se amanhã vai ter internet ou não ?? Você acha que quem ganha 260 reais por mês ou até 800, tendo que comprar comida, transporte, outras prestações, tarifas públicas e etc., mesmo 50 reais pesam e isso sem contar que computador iria onerar ainda mais, pois tem outras despesas que surgem com ele.

Não confunda também "mau humor" com "sensatez". Procure entender melhor como funciona os conchavos que movem este país e acompanhe de perto as necessidades dos pobres para saber que eles tem objetivos muito mais prioritários do que computadores e internet.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Pra mim é abslutamente crucial a internet para eles meu caro.

Esse eu ponto de vista, de que eu sou 'riquinho' é completamente errado, eu sou super simples e meu computador é bem antigão. Mas nunca tive minha casa alagada mesmo assim, garanto que tem um pessoal que tem talvez um renda menor que a minha, e não tem problemas de alagamento como você citou e também n tenha computador.

Uma amiga minha da internet, é de Jacobina na Bahia, por lá as amigas dela, os amigos, ninguém tem computador, e vivem sem enchente, é uma das coisas que os amigos deka mais quer um computdor, mais agora o governando realmente decide lançar a 'falta de internet zero' e você acha que eles deveriam se preucupar com outra coisa.

E pense bem... você estará indo pra um país onde todos tem computador, não tem espaço pra ninguém, nada mesmo, em toquio chega a 4000 mil habitantes por km quadrado, mais se você for pensar bem, o salario minimo no japao é 3 mil reais aproxidamente, pense bem nisso, o Brasil precisa crescer da mesma forma, a começar pela sanidade básica, logicamente, mas alguem que sofra, e esteja em favela não vai precisar de computador, realmente. E quem é de classe media baixa e não tem como comprar um karo? ...

Cordialmente, OzzY

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Isso foi um dessabafo, não só ao Satoru, mas a todos que só sabem reclamar e nada fazem paramelhorar a situação do nosso país.

Acho que todos podem começar com um pouco de educação e respeito. Você não tem ideia do que eu já fiz na época de faculdade, mas pode começar dizendo o que você faz então.

Você sabe a diferença entre o Brasil e os outros países ?? Aqui no Brasil quando acontece algo de ruim, todo mundo faz questão de espalhar aos quatro ventos. Nos outros países, a corrupção é a mesma, mas ninguém fica sabendo porque corre tudo debaixo dos panos.

Mas parece que vocês não se recordam de muitos projetos governamentais para ajudar os menos necessitados. Vou citar uma, que era excelente e eu participei de um parecido aqui na minha região. Em Goiás, a CELG tinha um projeto na época do racionamento de energia, de distribuir milhares de lâmpadas fluorescentes compactas para as pessoas de baixa renda que não tinham condições nem para comprar uma lâmpada dessas ( que diria um computador... ). Aqui nós acompanhamos de perto para adotar um projeto semelhante.

Sabem o que aconteceu ?!?!? O responsável pela distribuição estava vendendo as lâmpadas para os comerciantes ao invés de distribuí-las. Sabe o que aconteceu com o engenheiro que denunciou isso ?? Está comendo grama pela raíz... sabem o que aconteceu com o responsável pela distribuição ??? Ficou muito rico vendendo as lâmpdas.

Essa não é um fato isolado. Acho que alguns aqui viram o que aconteceu com o projeto Bolsa Família, Bolsa Alimentação, Bolsa Escola, etc.. Ou já se esqueceram ?? E o Fome Zero ?? São todas iniciativas reais, que já existem, que a população necessitada não precisa nem colocar a mão no bolso para receber um incentivo do governo, e o que acontece ??? E não são uma ou outra denúncias, são centenas !! Aqui na minha região já me relataram e já vi no jornal dezenas de denúncias. Eu ajudo doando cestas básicas em instituições de idosos daqui da minha cidade, que tem muitos abandonados pelas famílias. Por falar em idosos, e o estatuto do idoso ??? Alguém aqui me diga se já viram algum idoso ser bem atendido em guichê de rodoviárias pedindo passagem de graça sem ter que apresentar milhares de documentou ou ouvir milhares de desculpas ??

Ajuda vocês podem dar até doando sangue, mas quantas pessoas eu conheço que fazem isso ?? NENHUMA !! Isso tudo que citei acima são iniciativas do governo muito mais fáceis e que já estão em prática. Funcionam ?? Para quem precisa dificilmente funciona. Eu li no jornal de circulação municipal do mês de Dezembro do ano passado, que aqui na minha cidade 53% das pessoas que tentam algum tipo desses benefícios do governo, não conseguem. Mas um acessor de um vereador conseguiu em uma semana.

Vai fazer o que ?? Denunciar para acabar como o engenheiro da CELG ??

Outra diferença entre o Brasil e outros países, é que lá fora a lei funciona.

Agora imaginem vocês o governo dizendo que irá vender computadores a preços populares, onde existirão vários atravessadores, comerciantes e outros afins envolvidos e tirem as suas próprias conclusões. Eu NUNCA disse que não gosto do Brasil, agora gosta do governo ou das atitudes dele é uma coisa completamente diferente. Esse negócio de "Brasil ame-o ou deixe-o" é coisa do governo militar, e que estranhamente várias pessoas continuam a repetir isso hoje em dia, para alegria do governo, porque com essas pessoas longe, pouca coisa vai mudar por aqui. Mas tentem fazer algo isolado nesse sentido para ver se no outro dia o seu telefone não vai tocar com alguém dizendo que a sua família corre perigo e vá pedir proteção policial. A melhor forma de ajudar os outros é dando o que eles realmente necessitam e não o que eles acham que eles precisam. E a maioria das pessoas que não tem computador, não sabem nem mexer nele. Ou seja, seria gasto mais dinheiro para ensiná-las.

E por que ensinar a pescar se é melhor dar o peixe ?? Porque eles não anunciam um projeto para melhorar a distribuição de renda ao invés disso ?? Distribuindo melhor a renda, não haveria necessidade de projetos como esse, mas distribuir melhor a renda significa pessoas com mais tempo na escola e dificilmente manipuláveis.

Eu não critiquei NIGUÉM que acha este projeto uma boa inciativa, mas pessoas me criticando apareceram aos montes... Isso daqui é um fórum e como tal vocês irão encontrar milhares de idéias diferentes das suas. Não sabem nem ao menos respeitá-las ?? Se todo mundo fosse reclamar das outras pessoas que tem idéias diferentes, isso daqui não iria funcionar.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Postado Originalmente por U.a.G_OzzY@23 jan 2005, 20:23

Pra mim é abslutamente crucial a internet para eles meu caro.

Esse eu ponto de vista, de que eu sou 'riquinho' é completamente errado, eu sou super simples e meu computador é bem antigão. Mas nunca tive minha casa alagada mesmo assim, garanto que tem um pessoal que tem talvez um renda menor que a minha, e não tem problemas de alagamento como você citou e também n tenha computador.

Uma amiga minha da internet, é de Jacobina na Bahia, por lá as amigas dela, os amigos, ninguém tem computador, e vivem sem enchente, é uma das coisas que os amigos deka mais quer um computdor, mais agora o governando realmente decide lançar a 'falta de internet zero' e você acha que eles deveriam se preucupar com outra coisa.

E pense bem... você estará indo pra um país onde todos tem computador, não tem espaço pra ninguém, nada mesmo, em toquio chega a 4000 mil habitantes por km quadrado, mais se você for pensar bem, o salario minimo no japao é 3 mil reais aproxidamente, pense bem nisso, o Brasil precisa crescer da mesma forma, a começar pela sanidade básica, logicamente, mas alguem que sofra, e esteja em favela não vai precisar de computador, realmente. E quem é de classe media baixa e não tem como comprar um karo? ...

Cordialmente, OzzY

Claro, a distribuição de renda é melhor. Mas se você prefere imediatismo, é natural que concorde que o governo lance projetos como este ao invés de fazer uma distribuição melhor de renda.

o Brasil precisa crescer da mesma forma, a começar pela sanidade básica

Sim, tem várias pessoas insanas por aqui e sanidade básica é muito importante, assim como saneamento básico também é importante e vários e vários lugares não tem.

Acho que educação e respeito aos outros usuários é o mais básico por aqui. Não é negativismo, basta ver como funciona a justiça brasileira e quem denuncia as podridões do governo e seus comparasas. Olhe como estão indo as outras iniciativas do governo para ajudar os menos favorecidos...

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
Visitante
Este tópico está impedido de receber novos posts.
Entre para seguir isso  
Seguidores 0